Balanço positivo, em 2012, para o Patrimônio Cultural do Brasil - Blog Verde 
Publicidade

Blog Verde

por Nájila Cabral

Balanço positivo, em 2012, para o Patrimônio Cultural do Brasil

Por Nájila Cabral em Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente

30 de dezembro de 2012

  Conforme a Assessoria de Relações Internacionais do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (ARIN-IPHAN), esta avalia como positivos os trabalhos de cooperação internacional realizados ao longo de 2012. O assessor de Relações Internacionais, Marcelo Brito, destaca a participação do IPHAN na 36ª Sessão do Comitê do Patrimônio Mundial, realizada em junho, na cidade de São Petersburgo, na Rússia, quando o Rio de Janeiro foi declarado Patrimônio Mundial, na tipologia de Paisagem Cultural Urbana, a primeira do Mundo. Ele também comemora o reconhecimento do Frevo Pernambucano como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, ocorrido em dezembro, na 7ª Sessão do Comitê Intergovernamental para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, da UNESCO, em Paris, ocasião em que participou da delegação brasileira como membro desse Comitê. O Brasil deverá assumir a vice-presidência do Comitê em 2013, na 8ª Sessão que ocorrerá na cidade de Baku, capital do Azerbaijão.

     Conforme ARIN-IPHAN, outro aspecto relevante em 2012 foi a assinatura do Protocolo de Intenções firmado entre o Centro Lucio Costa/ IPHAN e o Centro Regional para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial da América Latina (Crespial), que possibilitou, a partir da iniciativa da Direção do Departamento de Patrimônio Imaterial do IPHAN, no exercício da Presidência do Comitê Executivo do Crespial (COE), promover, em parceria com o Centro Lucio Costa, três encontros regionais relacionados ao tema do Patrimônio Cultural Imaterial (PCI) na região, que propiciaram o avanço no desenvolvimento de projetos regionais. Entre eles, o Universo Cultural Guarani e o Mundo Afrodescendente, e além do estabelecimento do Projeto de Observatório de Políticas de Salvaguarda de PCI para a região.

    No campo multilateral regional, cabe destacar, segundo ARIN-IPHAN, os avanços obtidos no MERCOSUL Cultural, com a aprovação pelo Grupo do Mercado Comum (GMC ) do Projeto de Itinerário Cultural das Missões Jesuíticas Guaranis, Moxos e Chiquitos no MERCOSUL. Projeto de Fortalecimento Institucional para a sua definição e desenvolvimento, o que possibilitará a sua implementação a partir do ano que vem, com o apoio do Escritório da UNESCO no Brasil. Igualmente importante foi a aprovação no Conselho do Mercado Comum (CMC) – instância máxima do MERCOSUL – do Projeto de Decisão que cria a categoria de “Patrimônio Cultural do MERCOSUL.  Caberá agora à Reunião de Ministros da Cultura do MERCOSUL (RMC) homologar a decisão adotada pela Comissão de Patrimônio Cultural do MERCOSUL (CPC) este ano em Brasília, de aprovar o reconhecimento da Ponte Internacional Barão de Mauá, na fronteira do Brasil com o Uruguai, como o primeiro bem cultural a merecer essa chancela.  Isto deverá ocorrerá na próxima presidência protempore, no Uruguai em 2013.

Fonte: ARIN – IPHAN

Publicidade aqui

Balanço positivo, em 2012, para o Patrimônio Cultural do Brasil

Por Nájila Cabral em Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente

30 de dezembro de 2012

  Conforme a Assessoria de Relações Internacionais do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (ARIN-IPHAN), esta avalia como positivos os trabalhos de cooperação internacional realizados ao longo de 2012. O assessor de Relações Internacionais, Marcelo Brito, destaca a participação do IPHAN na 36ª Sessão do Comitê do Patrimônio Mundial, realizada em junho, na cidade de São Petersburgo, na Rússia, quando o Rio de Janeiro foi declarado Patrimônio Mundial, na tipologia de Paisagem Cultural Urbana, a primeira do Mundo. Ele também comemora o reconhecimento do Frevo Pernambucano como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, ocorrido em dezembro, na 7ª Sessão do Comitê Intergovernamental para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, da UNESCO, em Paris, ocasião em que participou da delegação brasileira como membro desse Comitê. O Brasil deverá assumir a vice-presidência do Comitê em 2013, na 8ª Sessão que ocorrerá na cidade de Baku, capital do Azerbaijão.

     Conforme ARIN-IPHAN, outro aspecto relevante em 2012 foi a assinatura do Protocolo de Intenções firmado entre o Centro Lucio Costa/ IPHAN e o Centro Regional para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial da América Latina (Crespial), que possibilitou, a partir da iniciativa da Direção do Departamento de Patrimônio Imaterial do IPHAN, no exercício da Presidência do Comitê Executivo do Crespial (COE), promover, em parceria com o Centro Lucio Costa, três encontros regionais relacionados ao tema do Patrimônio Cultural Imaterial (PCI) na região, que propiciaram o avanço no desenvolvimento de projetos regionais. Entre eles, o Universo Cultural Guarani e o Mundo Afrodescendente, e além do estabelecimento do Projeto de Observatório de Políticas de Salvaguarda de PCI para a região.

    No campo multilateral regional, cabe destacar, segundo ARIN-IPHAN, os avanços obtidos no MERCOSUL Cultural, com a aprovação pelo Grupo do Mercado Comum (GMC ) do Projeto de Itinerário Cultural das Missões Jesuíticas Guaranis, Moxos e Chiquitos no MERCOSUL. Projeto de Fortalecimento Institucional para a sua definição e desenvolvimento, o que possibilitará a sua implementação a partir do ano que vem, com o apoio do Escritório da UNESCO no Brasil. Igualmente importante foi a aprovação no Conselho do Mercado Comum (CMC) – instância máxima do MERCOSUL – do Projeto de Decisão que cria a categoria de “Patrimônio Cultural do MERCOSUL.  Caberá agora à Reunião de Ministros da Cultura do MERCOSUL (RMC) homologar a decisão adotada pela Comissão de Patrimônio Cultural do MERCOSUL (CPC) este ano em Brasília, de aprovar o reconhecimento da Ponte Internacional Barão de Mauá, na fronteira do Brasil com o Uruguai, como o primeiro bem cultural a merecer essa chancela.  Isto deverá ocorrerá na próxima presidência protempore, no Uruguai em 2013.

Fonte: ARIN – IPHAN