Coletivos Jovens Archives - Blog Verde 
Publicidade

Blog Verde

por Nájila Cabral

Coletivos Jovens

Seleção de jovens para facilitadores na IV Conferência Nacional Infanto Juvenil pelo Meio Ambiente

     O Ministério da Educação (MEC) está com seleção aberta, até 23 de outubro de 2013, para jovens com idade entre 18 e 29 anos para serem facilitadores na Etapa Nacional da IV Conferência Nacional Infanto Juvenil pelo Meio Ambiente (IV CNIJMA).

Fonte:MEC

Fonte:MEC

     Os jovens candidatos às vagas devem, necessariamente, serem membros/representantes dos Coletivos Jovens do Brasil e deverão passar por um processo formativo no período de 17 a 28 de novembro de 2013, no município de Luziânia-GO.

     A finalidade do processo seletivo é a escolha de dois jovens representantes e um suplente de cada Estado do país, para atuarem como facilitadores na etapa nacional da IV CNIJMA, cujo perfil contemple experiências e habilidades de comunicação, liderança, mediação de grupos, além de conhecimentos das temáticas ambientais

     Aos jovens do Brasil interessados em participar do processo seletivo, cliquem aqui  para mais informações.

Fonte: MEC

Publicidade

Avanços em Educação Ambiental no Ceará

Por Nájila Cabral em Desenvolvimento Sustentável, Educação Ambiental, Meio Ambiente

26 de setembro de 2012

      Um dos resultados positivos da I Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, em 2003, foi a criação dos Coletivos Jovens de Meio Ambiente (CJ). Conforme Lindalva Cruz e Priscila Carvalho, os CJs, são grupos informais que reunem jovens de 15 a 19 anos, representantes ou não de organizações e movimentos de juventude e têm como objetivo envolver-se com questões ambientais e desenvolver atividades relacionadas à melhoria do meio ambiente e da qualidade de vida.

     Mencionadas professoras advertem que três princípios devem orientar a criação dos CJs e a sua atuação, são eles: Jovem Educa Jovem; Jovem Escolhe Jovem e Uma Geração Aprende com a Outra.

Foto: Lindalva Cruz

        Os Coletivos Jovens criados em 2003 permanecem em atividades até hoje, atuando em projetos relacionados com a temática socioambiental e estão articulados na Rede da Juventude pelo Meio Ambiente e Sustentabilidade, da qual em muitos locais são os principais interlocutores, possuindo ação em todo o território nacional.

       Na II Mostra Cultural da Educação Ambiental, que ocorreu em setembro/2012, 08 (oito) Coletivos Jovens hoje existentes no Ceará participaram e o mais interessante é que, nesta oportunidade, houve a formação de mais 07 (sete) Coletivos Jovens no estado do Ceará.

      Importante ver essa juventude cada vez mais atenta, alerta e participante da necessária transformação de atitudes, com vistas ao desenvolvimento sustentável.

Publicidade

Avanços em Educação Ambiental no Ceará

Por Nájila Cabral em Desenvolvimento Sustentável, Educação Ambiental, Meio Ambiente

26 de setembro de 2012

      Um dos resultados positivos da I Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, em 2003, foi a criação dos Coletivos Jovens de Meio Ambiente (CJ). Conforme Lindalva Cruz e Priscila Carvalho, os CJs, são grupos informais que reunem jovens de 15 a 19 anos, representantes ou não de organizações e movimentos de juventude e têm como objetivo envolver-se com questões ambientais e desenvolver atividades relacionadas à melhoria do meio ambiente e da qualidade de vida.

     Mencionadas professoras advertem que três princípios devem orientar a criação dos CJs e a sua atuação, são eles: Jovem Educa Jovem; Jovem Escolhe Jovem e Uma Geração Aprende com a Outra.

Foto: Lindalva Cruz

        Os Coletivos Jovens criados em 2003 permanecem em atividades até hoje, atuando em projetos relacionados com a temática socioambiental e estão articulados na Rede da Juventude pelo Meio Ambiente e Sustentabilidade, da qual em muitos locais são os principais interlocutores, possuindo ação em todo o território nacional.

       Na II Mostra Cultural da Educação Ambiental, que ocorreu em setembro/2012, 08 (oito) Coletivos Jovens hoje existentes no Ceará participaram e o mais interessante é que, nesta oportunidade, houve a formação de mais 07 (sete) Coletivos Jovens no estado do Ceará.

      Importante ver essa juventude cada vez mais atenta, alerta e participante da necessária transformação de atitudes, com vistas ao desenvolvimento sustentável.