Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Sociedade Brasileira de Cardiologia reúne cerca de 200 pessoas em caminhada contra o tabagismo

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

04 de junho de 2019

A Sociedade Brasileira de Cardiologia do Ceará (SBC) promoveu, no último sábado (01), caminhada na Avenida Beira Mar, em Fortaleza para chamar a atenção da sociedade contra os problemas de saúde causados pelo tabagismo. A iniciativa ocorreu em razão do Dia Mundial Sem Tabaco, celebrado em 31 de maio. A caminhada percorreu ao todo 6km.

“O nosso intuito com essa ação foi chamar a atenção da sociedade para a relevância da prevenção das doenças que o tabagismo causa, uma vez que ele é um dos principais fatores de risco das doenças cardiovasculares e diversos tipos de cânceres. É importante que as pessoas atentem para uma real mudança no estilo de vida para evitar adquirir essas patologias, não esquecendo também de fazer um check-up de forma periódica”, disse a presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia do Ceará (SBC), Maria Tereza Sá Leitão.

A ação contou com o apoio da Secretaria de Saúde do Estado do Ceará, que distribuiu folders e orientou os participantes no stand, além de uma assessoria esportiva, que deu todo o suporte durante a caminhada.

CURIOSIDADE

No último dia 21 de maio, a Advocacia Geral da União (AGU) protocolou ação civil pública para que a Justiça Federal condene as empresas fabricantes de cigarros a ressarcirem os gastos públicos em razão do tabagismo. O valor total a ser ressarcido ainda será calculado, caso a sentença seja favorável à União. A iniciativa do Brasil foi elogiada pela Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco e pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

DADOS
No Brasil, 428 pessoas morrem por dia em razão da dependência à nicotina. O país gasta um total de R$ 56,9 bilhões por ano com despesas médicas e perda de produtividade. Ao todo, 156.216 mortes anuais poderiam ser evitadas sem o tabagismo. Os dados são do Instituto Nacional do Câncer (Inca) e foram divulgados em outubro de 2018.

DOENÇA
O tabagismo é reconhecido como uma doença crônica causada pela dependência à nicotina presente nos produtos à base de tabaco.

Segundo o Inca, o tabaco fumado em qualquer uma de suas formas causa até 90% de câncer de pulmão. Além disso, é um fator de risco significativo para acidentes cérebro-vasculares e ataques cardíacos mortais.

TIPOS DE CÂNCER

O tabagismo não causa somente câncer de pulmão. É responsável também pelos seguintes cânceres: leucemia mielóide aguda; câncer de bexiga; câncer de pâncreas; câncer de fígado; câncer do colo do útero; câncer de esôfago; câncer nos rins; câncer de laringe (cordas vocais); câncer de pulmão; câncer na cavidade oral (boca); câncer de faringe (pescoço); câncer de estômago.

Publicidade aqui

Sociedade Brasileira de Cardiologia reúne cerca de 200 pessoas em caminhada contra o tabagismo

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

04 de junho de 2019

A Sociedade Brasileira de Cardiologia do Ceará (SBC) promoveu, no último sábado (01), caminhada na Avenida Beira Mar, em Fortaleza para chamar a atenção da sociedade contra os problemas de saúde causados pelo tabagismo. A iniciativa ocorreu em razão do Dia Mundial Sem Tabaco, celebrado em 31 de maio. A caminhada percorreu ao todo 6km.

“O nosso intuito com essa ação foi chamar a atenção da sociedade para a relevância da prevenção das doenças que o tabagismo causa, uma vez que ele é um dos principais fatores de risco das doenças cardiovasculares e diversos tipos de cânceres. É importante que as pessoas atentem para uma real mudança no estilo de vida para evitar adquirir essas patologias, não esquecendo também de fazer um check-up de forma periódica”, disse a presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia do Ceará (SBC), Maria Tereza Sá Leitão.

A ação contou com o apoio da Secretaria de Saúde do Estado do Ceará, que distribuiu folders e orientou os participantes no stand, além de uma assessoria esportiva, que deu todo o suporte durante a caminhada.

CURIOSIDADE

No último dia 21 de maio, a Advocacia Geral da União (AGU) protocolou ação civil pública para que a Justiça Federal condene as empresas fabricantes de cigarros a ressarcirem os gastos públicos em razão do tabagismo. O valor total a ser ressarcido ainda será calculado, caso a sentença seja favorável à União. A iniciativa do Brasil foi elogiada pela Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco e pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

DADOS
No Brasil, 428 pessoas morrem por dia em razão da dependência à nicotina. O país gasta um total de R$ 56,9 bilhões por ano com despesas médicas e perda de produtividade. Ao todo, 156.216 mortes anuais poderiam ser evitadas sem o tabagismo. Os dados são do Instituto Nacional do Câncer (Inca) e foram divulgados em outubro de 2018.

DOENÇA
O tabagismo é reconhecido como uma doença crônica causada pela dependência à nicotina presente nos produtos à base de tabaco.

Segundo o Inca, o tabaco fumado em qualquer uma de suas formas causa até 90% de câncer de pulmão. Além disso, é um fator de risco significativo para acidentes cérebro-vasculares e ataques cardíacos mortais.

TIPOS DE CÂNCER

O tabagismo não causa somente câncer de pulmão. É responsável também pelos seguintes cânceres: leucemia mielóide aguda; câncer de bexiga; câncer de pâncreas; câncer de fígado; câncer do colo do útero; câncer de esôfago; câncer nos rins; câncer de laringe (cordas vocais); câncer de pulmão; câncer na cavidade oral (boca); câncer de faringe (pescoço); câncer de estômago.