Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

A Agroindústria de Frutas Tropicais Diógenes Ltda

Associação Peter Pan, Lar Torres de Melo, Projeto Resgate e Lar Tin tin são beneficiadas com parte das vendas do “Natchup”

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

11 de Fevereiro de 2019

Esta será uma semana para celebrar mais uma ação de solidariedade da Frutã! Desde o processo de sua criação e, em seguida, anunciado durante o pré-lançamento do produto em 2018, a empresa afirmou que parte das vendas do Natchup seria doada para instituições beneficentes, nas área: crianças com câncer, idosos, pessoas em situação de vulnerabilidade social e protetora de animais. As assinaturas para confirmarem esse compromisso aconteceram neste início de fevereiro.

“Nossa ideia é que ao consumir o ‘Natchup’, além de desfrutar do seu sabor apaixonante, o consumidor, também, terá a oportunidade de fazer o bem em outros aspectos”, disse a sócia-diretora da Frutã, Ana Patrícia Diógenes.

HISTÓRIA – No ano de 2017, deu-se início na Universidade Federal do Ceará o desenvolvimento de um molho natural, com alta concentração de compostos antioxidantes, como vitamina C, carotenoides, antocianinas e flavonoides. As matérias-primas escolhidas para compor a elaboração são abundantes na região Nordeste do Brasil e essa seleção foi feita considerando as propriedades intrínsecas de cada uma delas (acerola, abóbora, beterraba e especiarias).

Esta pesquisa não teria alcançado a dimensão atual sem a parceria firmada entre Academia e o mercado produtivo (indústria), por meio da professora do curso de Engenharia de Alimentos da UFC, Lucicléia Barros, e a diretora comercial da Frutã, Ana Patrícia Diógenes. Em um momento que se constitui como único, nasce um novo produto, o “Natchup”, que traz em sua essência o desejo de mudança e inovação na forma de um molho totalmente voltado para saudabilidade, sustentabilidade e solidariedade.

FRUTÃ – A Agroindústria de Frutas Tropicais Diógenes Ltda (Frutã) é uma empresa genuinamente Cearense, localizada em Jaguaribe. Em 2002, iniciou sua história cultivando frutas tropicais, passando por uma mudança em 2007 ao implantar a primeira Indústria de Polpas Pasteurizadas no Ceará. Atendendo apenas o mercado Cearense até meados de 2010, quando realizou uma grande ampliação em sua estrutura física e um maciço investimento em inovação. Desenvolvendo novos produtos, buscando novos mercados, adquirindo certificações internacionais – (ISO 9001 e 22000), certificação Korsher (do mercado judeu), as orgânicas nacional, europeia e americana e, ainda a WQS para atender a rede WalMart – firmando parcerias com instituições de ensino, implantando metodologias inovadoras, sustentáveis e educacionais dentro da organização, para com isso ser viabilizado o objetivo principal.

A Frutã na busca incansável por inovação, já possui algumas parcerias com Instituições de ensino – onde se tem como principal objetivo desenvolver novos produtos- que tenham na sua essência sustentabilidade, saudabilidade e inovação. Após o lançamento, o novo produto fará parte da cartela de produtos oferecidos pela organização em todo o mercado que a empresa já faz parte (parte do Brasil, Austrália, Alemanha, Bélgica, Caribe, Portugal, Espanha, França e EUA) assim como, também, em novos.

Publicidade

Associação Peter Pan, Lar Torres de Melo, Projeto Resgate e Lar Tin tin são beneficiadas com parte das vendas do “Natchup”

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

11 de Fevereiro de 2019

Esta será uma semana para celebrar mais uma ação de solidariedade da Frutã! Desde o processo de sua criação e, em seguida, anunciado durante o pré-lançamento do produto em 2018, a empresa afirmou que parte das vendas do Natchup seria doada para instituições beneficentes, nas área: crianças com câncer, idosos, pessoas em situação de vulnerabilidade social e protetora de animais. As assinaturas para confirmarem esse compromisso aconteceram neste início de fevereiro.

“Nossa ideia é que ao consumir o ‘Natchup’, além de desfrutar do seu sabor apaixonante, o consumidor, também, terá a oportunidade de fazer o bem em outros aspectos”, disse a sócia-diretora da Frutã, Ana Patrícia Diógenes.

HISTÓRIA – No ano de 2017, deu-se início na Universidade Federal do Ceará o desenvolvimento de um molho natural, com alta concentração de compostos antioxidantes, como vitamina C, carotenoides, antocianinas e flavonoides. As matérias-primas escolhidas para compor a elaboração são abundantes na região Nordeste do Brasil e essa seleção foi feita considerando as propriedades intrínsecas de cada uma delas (acerola, abóbora, beterraba e especiarias).

Esta pesquisa não teria alcançado a dimensão atual sem a parceria firmada entre Academia e o mercado produtivo (indústria), por meio da professora do curso de Engenharia de Alimentos da UFC, Lucicléia Barros, e a diretora comercial da Frutã, Ana Patrícia Diógenes. Em um momento que se constitui como único, nasce um novo produto, o “Natchup”, que traz em sua essência o desejo de mudança e inovação na forma de um molho totalmente voltado para saudabilidade, sustentabilidade e solidariedade.

FRUTÃ – A Agroindústria de Frutas Tropicais Diógenes Ltda (Frutã) é uma empresa genuinamente Cearense, localizada em Jaguaribe. Em 2002, iniciou sua história cultivando frutas tropicais, passando por uma mudança em 2007 ao implantar a primeira Indústria de Polpas Pasteurizadas no Ceará. Atendendo apenas o mercado Cearense até meados de 2010, quando realizou uma grande ampliação em sua estrutura física e um maciço investimento em inovação. Desenvolvendo novos produtos, buscando novos mercados, adquirindo certificações internacionais – (ISO 9001 e 22000), certificação Korsher (do mercado judeu), as orgânicas nacional, europeia e americana e, ainda a WQS para atender a rede WalMart – firmando parcerias com instituições de ensino, implantando metodologias inovadoras, sustentáveis e educacionais dentro da organização, para com isso ser viabilizado o objetivo principal.

A Frutã na busca incansável por inovação, já possui algumas parcerias com Instituições de ensino – onde se tem como principal objetivo desenvolver novos produtos- que tenham na sua essência sustentabilidade, saudabilidade e inovação. Após o lançamento, o novo produto fará parte da cartela de produtos oferecidos pela organização em todo o mercado que a empresa já faz parte (parte do Brasil, Austrália, Alemanha, Bélgica, Caribe, Portugal, Espanha, França e EUA) assim como, também, em novos.