Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

balanço

Mais de 2 milhões de brasileiros descobriram os segredos do McDonald’s em 2018!

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

19 de Fevereiro de 2019


Através do Portas Abertas, clientes podem visitar as cozinhas da rede e tirar dúvidas sobre seu sanduíche preferido

Líder de mercado, o McDonald’s também segue à frente no quesito transparência e, em 2018, mais de 2 milhões de consumidores participaram do programa “Portas Abertas”, que mostra os segredos da cozinha mais famosa do mundo. Os clientes aprenderam um pouco mais sobre a empresa e seus mais altos padrões de segurança alimentar, qualidade e higiene.

Desde 2014, o programa já recebeu mais de 10 milhões de pessoas no Brasil e, através do compromisso com qualidade e transparência, o McDonald’s permite que os consumidores conheçam de onde vêm os ingredientes, como são acondicionados e preparados para o consumo e, também, como é a rotina dos funcionários, desde a higienização das mãos, passando pela sala de break (onde fazem o descanso), até o cardápio de refeições, composto por… arroz e feijão!

“O McDonald’s é a única rede de restaurantes que convida as pessoas a conhecerem seus bastidores. Fazemos isso porque nos orgulhamos dos procedimentos e padrões de qualidade que seguimos em toda a nossa operação. Nós sabemos o quão importante é para os clientes conhecer e viver essa experiência”, afirma David Grinberg, Vice-Presidente de Comunicação Corporativa e de Relações com Investidores da Arcos Dorados na América Latina.

Em 2018 também passou a ser possível saber um pouco mais sobre o assunto sem sair de casa. Basta navegar no site www.mcdonalds.com.br e assistir à webserie de cinco episódios que aborda a origem dos ingredientes utilizados no preparo dos icônicos produtos McDonald’s. Os vídeos são apresentados pelo ex-funcionário Phellyx e pelo digital influencer e ex-participante do reality show Masterchef, Raul Lemos.

Transparência em primeiro lugar

No ano passado, um estudo sobre a perceção de processos em restaurantes realizado pela Trendsity na América Latina – e encomendado pela empresa – reuniu uma amostra de 1.400 opiniões (400 somente no Brasil) e revelou que 85% das pessoas compreendem que o programa Portas Abertas é uma maneira de entender melhor o processamento dos alimentos elaborados no McDonald’s. Além disso, 98% dos brasileiros entrevistados consideram que transparência é um dever para as marcas.

A iniciativa do Portas Abertas foi reconhecida em diversas ocasiões com renomados prêmios internacionais na área de Comunicação e Relações Públicas, como o Latin American Excellence Awards, concedido pela renomada Revista Communication Director; Prêmios SABRE Latino Americanos, entregues pelo The Holmes Report; e EIKON, concedido pela revista Imagen de Argentina, na categoria regional.

Sobre a Arcos Dorados

A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo, tanto em vendas totais do sistema como em número de restaurantes. A Companhia é a maior rede de serviço rápido de alimentação da América Latina e Caribe, com direitos exclusivos de possuir, operar e conceder franquias de restaurantes McDonald’s em 20 países e territórios, incluindo Argentina, Aruba, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Curaçao, Equador, Guiana Francesa, Guadalupe, Martinica, México, Panamá, Peru, Porto Rico, St. Croix, St. Thomas, Trinidad & Tobago, Uruguai e Venezuela. A Companhia opera ou franqueia mais de 2.100 restaurantes McDonald’s com mais de 90.000 funcionários e é reconhecida como uma das melhores empresas para se trabalhar no América Latina. A Arcos Dorados está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO). Para saber mais sobre a Companhia visite a seção de Investidores de nosso site: www.arcosdorados.com/ir

Publicidade

Porto Seguro divulga balanço do 3º trimestre de 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

06 de novembro de 2018

Companhia apresenta resultados consistentes e intensifica ganhos de eficiência operacional

No terceiro trimestre de 2018, a Porto Seguro ampliou a rentabilidade em relação ao ano anterior e manteve a consistência apresentada nos últimos trimestres, fruto principalmente da disciplina de precificação, que permitiu uma redução significativa na sinistralidade e do foco no aumento da eficiência operacional, que proporcionou o menor índice histórico de despesas administrativas e operacionais. Consequentemente, no acumulado dos nove primeiros meses do ano, o resultado operacional foi 3 vezes maior, superando o impacto da redução da taxa de juros nas aplicações financeiras.

A receita total evoluiu impulsionada pelo crescimento do seguro Auto, Saúde e das Operações de Crédito. Por outro lado, os seguros Patrimoniais e de Vida obtiveram menor desempenho de vendas, principalmente devido a uma maior competividade no período.

O Índice Combinado melhorou 4,6 p.p., decorrente da redução da sinistralidade e de despesas administrativas e operacionais. Os ajustes tarifários iniciados no final de 2016, aliados ao aprimoramento dos modelos de subscrição e a redução nas frequências de riscos levaram a uma queda de 5,3 p.p. na sinistralidade do seguro auto. Além disso, os esforços para ajustar processos e intensificar o uso da tecnologia aumentaram a produtividade, resultando em uma diminuição de 2,1 p.p. no índice D.A + D.O do trimestre (vs. 3T17) e de 1,3 p.p. no acumulado do ano (vs. 9M17).

Nos negócios financeiros, as operações de crédito apresentaram forte crescimento (+25%), com a inadimplência permanecendo abaixo da média de mercado e intensificando a lucratividade do produto. Já no segmento de serviços, a operação da Conecta está sendo encerrada, através do acordo de transferência da carteira de clientes para a operadora TIM, dando continuidade a estratégia de focar em negócios que alcancem diferenciais competitivos.

O resultado das aplicações financeiras (ex-previdência) reduziu no trimestre em função da queda do CDI médio (-30% vs. 3T17). Contudo, a companhia alcançou um bom resultado relativo, superando o benchmark (128% do CDI), em virtude do desempenho dos títulos com juros indexados a inflação e prefixados.

Excluindo-se os efeitos não recorrentes da venda da participação do IRB (Brasil Resseguros S.A.) no 3º trimestre de 2017, o lucro líquido aumentou 23% no trimestre e 31% no ano, atingindo R$ 318 milhões e R$ 931 milhões respectivamente. O ROAE alcançou 18,9% no 3T18 e 18,0% no 9M18. A rentabilidade dos negócios da Empresa com capital ajustado (sem excesso) e considerando o retorno de investimentos de 100% do CDI seria de 27,7% no 3T18 e de 24,6% no acumulado do ano.

A companhia tem demonstrado resiliência em períodos econômicos mais difíceis e segue otimista diante das oportunidades da indústria de seguros e dos diferentes setores em que atua.

Principais destaques

  • Receita Total: R$ 4,5 bilhões (+3%)
  • Prêmios Auferidos: R$ 3,8 bilhões (+3%)
  • Receita Demais Negócios: R$ 595 milhões (+10%)
  • Resultado Financeiro: R$ 225 milhões (-18%) *
  • Índice Combinado: 91,7% (-4,6 p.p.)
  • Lucro Líquido: R$ 318 milhões (+23%) *

*Excluindo efeitos não recorrentes da venda da participação do IRB (Brasil Resseguros S.A.) no 3º trimestre de 2017.

 

Sobre a Porto Seguro

A Porto Seguro é uma empresa brasileira com mais de 70 anos de mercado e está entre as maiores seguradoras do País, ocupando a primeira posição nos ramos de Seguro Auto e Residência. Atualmente, são quase 20 milhões de clientes, 13 mil funcionários, 16 mil prestadores e 35 mil corretores parceiros. A companhia tem ainda 103 sucursais e escritórios regionais em todo o Brasil. O Grupo Porto Seguro é formado por 27 empresas – entre elas Azul Seguros e Itaú Seguros de Auto e Residência – que atuam nos mais diversos ramos como seguros, produtos financeiros, serviços de emergência e conveniência, proteção e monitoramento, plano de saúde para Pets, entre outros. Em 2017, o lucro líquido da companhia foi de R$ 1,1 bilhão.

Publicidade

Vereador Evaldo Costa faz balanço do seu mandato

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

04 de agosto de 2017

O vereador de primeiro mandato Evaldo Costa (PRB) fez um balanço dos seus primeiros seis meses de atuação na Câmara Municipal de Fortaleza. Locutor, radialista e apresentador de TV, Evaldo vem lutando para garantir melhorias na segurança pública e oportunidades para os jovens da capital.

Com o gabinete aberto, onde mesmo de recesso parlamentar está atendendo à população, Evaldo conta que prefere ouvir às pessoas para, assim, definir os projetos que devem ser apresentados na câmara. “Estes primeiros meses foram muito produtivos. É meu primeiro mandato, mas mesmo assim tivemos uma boa participação. Tenho procurado não ter volume legislativo, mas sim projetos que realmente vão ao encontro com o anseio das comunidades. Conheço bem a cidade, suas necessidades e são sobre essas demandas do povo que nós trabalhamos e lutamos para encontrar uma solução”, destaca o republicano.

Dentre os cerca de 60 projetos e requerimentos, o vereador do PRB é autor do projeto de indicação, já aprovado em plenário, que sugere à criação do Programa Municipal de Incentivo à Reabilitação de Dependentes Químicos (Proreab) de Fortaleza. Outra proposta do parlamentar, voltada para a geração de oportunidade, é o projeto que cria o banco de emprego para a juventude, denominado “Emprego Jovem”. “O ‘Emprego Jovem’ sugere que as empresas deem oportunidade de trabalho aos jovens que buscam seu primeiro emprego, sem ter que exigir experiência. Em contrapartida elas recebem incentivo fiscal da prefeitura”, explica Evaldo.

Preocupado com a seca que assola a cidade, o republicano apresentou projeto que sugere a implantação de dessalinização da água do mar em água doce por meio de tecnologia a preço compatível com a realidade da capital. “Temos uma costa marítima muito ampla, então porque não criar uma maneira de amenizar a situação da crise hídrica? A proposta foi aprovada, agora vou discutir com o Executivo para colocarmos em prática”, disse Evaldo, que também é autor da proposta que sugere a perfuração de poços tubulares nos bairros mais afastados do centro da cidade.

Visando maior segurança aos alunos da capital, Evaldo Costa apresentou proposta que autoriza os veículos de serviços de transportes escolares a trafegar as faixas exclusivas para ônibus, de segunda a sexta-feira, entre os horários das 6h às 10h, das 11h às 14h e das 17h às 19h. “Sabemos que a implantação de faixas exclusivas e preferenciais contribuiu muito para a melhoria da mobilidade urbana, mas a utilização destas faixas também pelos veículos que estão transportando estudantes garante melhor segurança aos estudantes transportados, já que os condutores poderão se locomover com mais agilidade e tempo, garantindo maior fluidez ao trânsito na nossa capital”, defende o parlamentar.

Ainda como parte do seu trabalho no Legislativo, Evaldo Costa está promovendo, por meio de indicações, diversas campanhas de conscientização, dentre elas a que combate permanentemente o assédio sexual. “Avalio que estamos fazendo um bom trabalho. Não nos trancamos no gabinete, meu mandato está sendo feito pela população. Não podemos deixar de atender o povo. Já estamos nos organizando novos projetos para o segundo semestre onde iremos lutar a cada dia pelo nosso povo”, finalizou o vereador do PRB.

 

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Vereador Célio Studart faz balanço dos seus primeiros seis meses de mandato

Por Oswaldo Scaliotti em Política

04 de julho de 2017

 

Eleito como o vereador mais bem votado de Fortaleza, Célio Studart (SD) faz um balanço dos seus primeiros seis meses de mandato com um número expressivo de proposições, além de projetos aprovados.

Nesse primeiro semestre, foram cerca de 184 proposições. São projetos como a inclusão de pessoas com deficiência, idosos, crianças e mulheres; redução de tributos, incentivo ao empreendedor e desburocratização; redução de custos no gabinete, projetos para a causa animal, saúde, segurança, educação, transporte e tecnologia.

O grande destaque fica por conta de seus projetos aprovados e que já viraram lei, como o Dia Municipal de Língua Brasileira de Sinais, além da emenda que criou a Coordenadoria de Bem- Estar e Proteção Animal de Fortaleza.

“Ao final de 6 meses de mandato, posso dizer: fiz mais de uma proposição por dia, contando finais de semana e feriados. Conseguimos fazer proposições onde abordamos temas de extrema importância para a nossa cidade. E assim seguirei: diariamente estarei disposto a ouvir e conversar com as demandas coletivas”, ressalta o parlamentar.

Célio Studart também teve aprovado nesses primeiros meses, projetos como Microchip de identificação animal; Veterinário nos Bairros; IPTU Verde; Botão do Pânico; PoupaTempo Municipal, além de iniciativas de redução de gastos como a renúncia de 25% da VDP, a não utilização de carros oficiais e a doação de 20% de seu salário a causa animal.

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Vereador Célio Studart faz balanço dos seus primeiros seis meses de mandato

Por Oswaldo Scaliotti em Política

04 de julho de 2017

 

Eleito como o vereador mais bem votado de Fortaleza, Célio Studart (SD) faz um balanço dos seus primeiros seis meses de mandato com um número expressivo de proposições, além de projetos aprovados.

Nesse primeiro semestre, foram cerca de 184 proposições. São projetos como a inclusão de pessoas com deficiência, idosos, crianças e mulheres; redução de tributos, incentivo ao empreendedor e desburocratização; redução de custos no gabinete, projetos para a causa animal, saúde, segurança, educação, transporte e tecnologia.

O grande destaque fica por conta de seus projetos aprovados e que já viraram lei, como o Dia Municipal de Língua Brasileira de Sinais, além da emenda que criou a Coordenadoria de Bem- Estar e Proteção Animal de Fortaleza.

“Ao final de 6 meses de mandato, posso dizer: fiz mais de uma proposição por dia, contando finais de semana e feriados. Conseguimos fazer proposições onde abordamos temas de extrema importância para a nossa cidade. E assim seguirei: diariamente estarei disposto a ouvir e conversar com as demandas coletivas”, ressalta o parlamentar.

Célio Studart também teve aprovado nesses primeiros meses, projetos como Microchip de identificação animal; Veterinário nos Bairros; IPTU Verde; Botão do Pânico; PoupaTempo Municipal, além de iniciativas de redução de gastos como a renúncia de 25% da VDP, a não utilização de carros oficiais e a doação de 20% de seu salário a causa animal.

  • postado por Oswaldo Scaliotti