Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Cimento Apodi

Cimento Apodi recebe diretora global de Sustentabilidade e Responsabilidade Social da Titan

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

25 de junho de 2019

A Titan forma, juntamente com a família Dias Branco, a joint venture da Cimento Apodi

A Cimento Apodi recebeu a visita da diretora global de Sustentabilidade e Responsabilidade Social do grupo grego Titan, Maria Alexiou. O objetivo foi a troca de experiências e o alinhamento da empresa cearense com as diretrizes da Titan, que forma a joint venture da Apodi com a família Dias Branco. Os encontros, realizados até a última sexta-feira, resultarão no primeiro relatório de sustentabilidade da Cimento Apodi, que será lançado no ano que vem.

Em uma série de atividades nas unidades da empresa no Estado, Maria Alexiou, que viaja o mundo para conhecer diferentes experiências na área da sustentabilidade – a Titan está presente em 14 países nos cinco continentes -, destacou os projetos realizados pela Cimento Apodi no município de Quixeré.

“Fiquei muito feliz com a experiência de Quixeré. O envolvimento com a comunidade, com as famílias, o estímulo à educação e à geração de negócios, tudo isso cria oportunidades para uma vida melhor”, afirma Maria Alexiou. Ela destaca o projeto Mulheres Empreendedoras, que oferece formação e fomenta o empreendedorismo na comunidade, por meio da produção qualificada de doces. “Não estamos falando de filantropia, estamos falando de negócios sustentáveis”, acrescenta.

O assessor de Sustentabilidade e Relações Institucionais da Cimento Apodi, Mauricio Ferreira, ressaltou a importância da visita da executiva da Titan e da troca de experiências. “A diretora conheceu nossas unidades e nossos projetos. Foi uma oportunidade ímpar porque pudemos alinhar o nosso trabalho com as boas práticas da Titan. Tudo isso vai culminar com o nosso relatório de sustentabilidade em 2020”, explica.

Desenvolvimento sustentável

De acordo com Maria Alexiou, a agenda da sustentabilidade e da responsabilidade social é uma tendência mundial irreversível. “Os investidores, os bancos, todos estão preocupados com essas questões. Todos estão atentos à forma como as empresas produzem, o impacto no meio ambiente, a relação com as comunidades, com os colaboradores, com todos os parceiros”, completa.

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pela participação societária da família Dias Branco e do Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial, com sede na Grécia.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

leia tudo sobre

Publicidade

Programa Mulheres Empreendedoras realiza curso de doces caseiros e sobremesas elaboradas

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

05 de Janeiro de 2019

Iniciativa é uma parceria da Cimento Apodi e Serlares, que visa contribuir com a geração de renda na comunidade Bomsucesso, em Quixeré

O ano de 2019 começa com uma ótima oportunidade para 25 mulheres da comunidade de Bomsucesso, em Quixeré. Elas participam, de 15 a 17 de janeiro, do curso “Doces caseiros e sobremesas elaboradas”. A iniciativa faz parte do programa Mulheres Empreendedoras executado pela Cimento Apodi e que visa contribuir com o empreendedorismo feminino, gerando desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida para suas famílias. No curso, a companhia conta com a parceria da Serlares, empresa especializada na produção e comercialização de refeições empresariais, que será responsável por todo o suporte técnico e pedagógico.

O curso ocorre na Fábrica da Cimento Apodi, em Quixeré. Durante os três dias de atividades, as participantes vão aprender as técnicas para preparação de doces e sobremesas elaboradas. A ideia de ofertar o curso como parte das ações do programa Mulheres Empreendedoras surgiu a partir do diálogo com a Associação Comunitária de Bomsucesso e Baixa do Félix.

“Nosso propósito e contribuir com o desenvolvimento da região. Através de conversas com a associação, identificamos que a culinária pode ser uma fonte importante de geração de renda para as mulheres da comunidade. Assim, articulamos junto a Serlares o curso e esperamos que renda bons frutos”, destaca Maurício Ferreira, consultor de responsabilidade social da Cimento Apodi.

A iniciativa atende aos eixos “desenvolvimento do território e ‘valor compartilhado”, que fazem parte da estratégia de investimento social adotada pela empresa e que têm como essência promover ações que tragam benefícios para todos os parceiros, ou seja, ações nas quais todos ganham: Apodi, fornecedores e comunidade.

O curso observa aspectos como a cultura local de fabricação de doces e as frutas típicas da região. “Além da capacitação em si, o curso pode servir como oportunidade de negócio. Há uma expectativa que a produção das mulheres possa ser adquirida pela própria Serlares, para ser servida como sobremesa em alguns de seus restaurantes”, complementa Rosineide Matoso, supervisora de meio ambiente da fábrica da Cimento Apodi.

Além disso, a Cimento Apodi projeta também criar um espaço próprio para as mulheres produzirem seus doces e sobremesas. A perspectiva é que os doces produzidos pelas mulheres de Bomsucesso estejam dentro de um padrão de qualidade elevado que facilite negócios com outros futuros clientes.

 

Publicidade

Comitê de Sustentabilidade cria grupo de trabalho para buscar melhorias na geração de emprego no Vale do Jaguaribe

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

10 de dezembro de 2018

A conquista principal do comitê vem sendo a integração institucional

O Comitê de Sustentabilidade do Vale do Jaguaribe, liderado pela Cimento Apodi, realizou sua última reunião de 2018, nesta quinta (06). O evento teve como principais deliberações a formação de um grupo de trabalho para discutir melhorias na geração de emprego na região. A reunião aconteceu no Auditório do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) de Morada Nova. Iniciado em abril de 2017, o comitê realizou sua 7ª reunião, novamente de forma itinerante. Também discutiram-se os desafios para 2019, como engajar mais municípios, empresas, instituições governamentais e não governamentais.

“A conquista principal do comitê está sendo a integração institucional , pois muitas vezes as instituições têm pontos de convergência mas não integram . Todos os participantes estão motivados a resolver problemas e buscar alternativas. Isso vem gerando vários indicadores chave de desempenho. No ano que vem, pretendemos dar continuidade às diretrizes do subcomitês Ceará 2050, Educação  e Resíduos sólidos para realmente transformar a região em referência”, destacou Fábio Martins, gerente da fábrica da Cimento Apodi em Quixeré.

A formação do grupo de trabalho para melhorar a geração de emprego na região surgiu por se constatar que a cadeia produtiva do Vale do Jaguaribe pode ser melhor interligada. O objetivo é estreitar laços do trabalho de organização como o Instituto de Desenvolvimento do Trabalhador (IDT) com instituições de ensino superior, como UFC e IFCE, empresas e indústrias da região.

Sobre o Comitê de Sustentabilidade do Vale do Jaguaribe

O Comitê de Sustentabilidade do Vale do Jaguaribe foi criado em abril de 2017 e é liderado pela Companhia Industrial de Cimento Apodi. Tem como intuito formular projetos voltados ao desenvolvimento sustentável da região ao mobilizar diversos agentes regionais. O comitê reúne instituições governamentais e não-governamentais, entre elas: prefeituras, câmaras municipais, instituições de ensino, pesquisa, ciência e tecnologia e indústrias da Região do Vale do Jaguaribe. A Cimento Apodi, enquanto líder do Comitê, tem o papel de gerir, governar e acompanhar as deliberações e projetos consignados nas reuniões trimestrais.

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pela participação societária da família Dias Branco e do Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial, com sede na Grécia.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

Publicidade

Cimento Apodi e Serlares lançam projeto de geração de renda para grupo de mulheres da comunidade de Bomsucesso no Vale do Jaguaribe

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

08 de dezembro de 2018

Capacitar, gerar renda e adoçar a vida. Um projeto com foco na produção e comercialização de doces caseiros e sobremesas, que foi lançado hoje (07) pela Cimento Apodi em parceria com a Serlares, promete contribuir para a transformação da comunidade Bomsucesso, em Quixeré, município onde está localizada a fábrica de cimento. A iniciativa faz parte do programa mulheres empreendedoras executado pela Cimento Apodi e que visa contribuir com o empreendedorismo feminino, gerando desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida para suas famílias.

“Nosso objetivo é empoderar a comunidade que vive nas proximidades da fábrica. Este projeto de doces será a primeira iniciativa da companhia em parceria com um de seus fornecedores, no caso a Serlares que administra os restaurantes da Apodi”, destaca Fábio Martins, gerente da fábrica de cimento. Ele explica que esta iniciativa encontra aderência nos eixos “desenvolvimento do território e ‘valor compartilhado”, que fazem parte da estratégia de investimento social adotada pela empresa e que têm como essência promover ações que tragam benefícios para todos os parceiros, ou seja, ações nas quais todos ganham: Apodi, fornecedores e comunidade.

Nesta parceria, além do fortalecimento da Associação Comunitária de Bomsucesso e Baixa do Félix serão beneficiadas cerca de 25 mulheres. A Serlares, que é especialista em refeições corporativas e uma das pioneiras em alimentação industrial no tipo self-service no Nordeste, iniciará a capacitação com estudos para conhecer o perfil destas mulheres, a cultura local de fabricação de doces e as frutas típicas da região. As oficinas começarão em seguida e devem continuar em 2019. “Esperamos, a curto e médio prazo, que a produção seja comprada pela Serlares que vai utilizar os doces produzidos pelas mulheres como sobremesas em seus restaurantes. Esta estratégia vai atuar diretamente no principal gargalo dos projetos sociais desta natureza que é a comercialização da produção”, comenta Maurício Ferreira, consultor de responsabilidade social da Cimento Apodi.

Todo o suporte técnico e pedagógico do curso será da Serlares, enquanto a Cimento Apodi é a responsável pela mobilização da comunidade e pela infraestrutura das oficinas. “Temos a expectativa de que através desse projeto consigamos, além da geração de renda, resgatar a autoestima dessas mulheres valorizando a importância do seu trabalho na comunidade. Será um aprendizado mútuo”, afirma Narla Ximenes de Viveiros, diretora comercial da Serlares.

No futuro, a Cimento Apodi projeta criar um espaço próprio para as mulheres produzirem seus doces e sobremesas. “Atendendo às exigências da Serlares, a perspectiva é que os doces produzidos pelas mulheres de Bomsucesso estejam dentro de um padrão de qualidade elevado que facilite negócios com outros futuros clientes”, aposta Fábio Martins.

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pela participação societária da família Dias Branco e pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, com mais de 110 anos de experiência na área industrial.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

Publicidade

CIMENTO APODI PATROCINA PRÊMIO DA CONSTRUÇÃO 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

29 de novembro de 2018

A Cimento Apodi patrocina a categoria “Tecnologia e Qualidade” do Prêmio da Construção 2018, um dos eventos mais aguardados por quem faz o setor. Este é o quarto ano consecutivo que a empresa apoia a iniciativa.  A solenidade de entrega da premiação se realiza no La Maison Dunas (Salão Cidade), a partir das 21h.

“Mais do que ter como clientes e parceiros, nós, da Cimento Apodi, acreditamos na construção civil como um dos motores para o desenvolvimento do Ceará. Por isso, consideramos importante estar presentes de forma mais contundente nesse prêmio tão importante para o setor”, Adauto Farias, presidente da Cimento Apodi.

Realizado desde 2002 pelo Sinduscon Ceará, o Prêmio da Construção reúne, a cada edição, empresários do setor da construção civil, autoridades, jornalistas e formadores de opinião, instituições financeiras e acadêmicos, com o objetivo de celebrar as conquistas do ano. Os expoentes do ano são premiados em seis categorias: Operário do Ano, Responsabilidade Social, Resgate Histórico, Desenvolvimento Setorial, Tecnologia e Construtora do Ano.

 

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial. Com sede na Grécia, o grupo tem participação societária da família Dias Branco.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

 

Publicidade

CIMENTO APODI PATROCINA PRÊMIO DA CONSTRUÇÃO 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

29 de novembro de 2018

A Cimento Apodi patrocina a categoria “Tecnologia e Qualidade” do Prêmio da Construção 2018, um dos eventos mais aguardados por quem faz o setor. Este é o quarto ano consecutivo que a empresa apoia a iniciativa.  A solenidade de entrega da premiação se realiza no La Maison Dunas (Salão Cidade), a partir das 21h.

“Mais do que ter como clientes e parceiros, nós, da Cimento Apodi, acreditamos na construção civil como um dos motores para o desenvolvimento do Ceará. Por isso, consideramos importante estar presentes de forma mais contundente nesse prêmio tão importante para o setor”, Adauto Farias, presidente da Cimento Apodi.

Realizado desde 2002 pelo Sinduscon Ceará, o Prêmio da Construção reúne, a cada edição, empresários do setor da construção civil, autoridades, jornalistas e formadores de opinião, instituições financeiras e acadêmicos, com o objetivo de celebrar as conquistas do ano. Os expoentes do ano são premiados em seis categorias: Operário do Ano, Responsabilidade Social, Resgate Histórico, Desenvolvimento Setorial, Tecnologia e Construtora do Ano.

 

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial. Com sede na Grécia, o grupo tem participação societária da família Dias Branco.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

Publicidade

Cimento Apodi celebra Clássico-Rei na Série A

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

27 de novembro de 2018

Patrocinadora do Ceará e Fortaleza desde 2014, a Cimento Apodi comemorou a presença dos dois maiores times do Estado na Série A, em 2019. A confirmação do Clássico-Rei na primeira divisão ocorreu na segunda (26), após o Ceará se livrar matematicamente da possibilidade de rebaixamento. Em anúncio assinado pela Heads Propaganda, a Cimento Apodi ressalta a presença dos dois times na principal divisão do futebol brasileiro.

A Cimento Apodi patrocina o Ceará e Fortaleza continuamente desde 2014. A empresa foi patrocinadora Master dos dois clubes de 2014 a 2017. Em 2018, o apoio se manteve, agora nos ombros das camisas. Para 2019, o diálogo para renovação de contrato está acontecendo.

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial e pela participação societária da família Dias Branco.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

Publicidade

Idealizado pela Cimento Apodi, Projeto “Construindo o Saber” forma 80 alunos, em Quixeré (CE)

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

16 de novembro de 2018

Contribuir para o desenvolvimento da Região do Vale do Jaguaribe na área de Educação é a principal motivação da Cimento APODI. Por meio do Projeto “Construindo o Saber”, a companhia forma hoje (16), oitenta pessoas do município de Quixeré (CE). Elas receberão os diplomas de Ensino Fundamental e Médio e estarão agora aptas para inserir-se em um mercado de trabalho cada vez mais competitivo.

O curso é uma iniciativa da Cimento Apodi, em parceria com o Sesi. Os alunos são trabalhadores da Cimento Apodi e moradores das comunidades Serra do Vieira e Bom Sucesso, vizinhas à fábrica. O curso durou quatro meses. No período, os estudantes passaram pelo processo de Reconhecimento de Saberes, no qual os conhecimentos foram aproveitados através de registros dos instrumentais e na construção do portfolio. Isso permitiu que todo conhecimento adquirido pelos estudantes no decorrer da vida fosse aproveitado – tanto o adquirido nas instituições de ensino, quanto em paralelo aos sistemas de ensino comono ambiente de trabalho e através de atividades de organizações ou grupos da sociedade civil.

 

“Estudar é uma forma de emancipação humana. Ao dar oportunidade para que as pessoas adquiram conhecimento, a Cimento Apodi acredita que todas as pessoas devem ter a chance para crescerem pessoalmente e profissionalmente. Por isso, investiu nesse projeto, que traz benefício para seus trabalhadores e comunidade do entorno”, ressalta o gerente da fábrica, Fábio Martins.

 

O SESI Ceará foi o responsável pelas aulas e utiliza sua metodologia para Ensino de Jovens e Adultos (EJA), que reconhece os conhecimentos adquiridos ao longo da vida de cada aluno, intitulada “Reconhecimento de Saberes”.

 

Dessa forma, o processo de educação supera a lógica tradicional que situa o processo educativo a partir de conhecimentos que o aluno não possui. Assim, a formação permite, além da elevação da escolaridade, a possibilidade de inserção no mercado de trabalho, desenvolvimento da autonomia, crescimento pessoal e profissional, elevação de autoestima e o estímulo ao pleno exercício da cidadania.

 

O sucesso da primeira turma já motiva a Cimento Apodi a pensar nos próximos passos. “Estamos estudando a possibilidade de criar novas turmas em 2019. É algo que nos interessa muito pelos benefícios que o conhecimento traz em todos os níveis. Acredito que possamos ter boas novidades”, explica Fábio Martins.

 

Sobre a Cimento Apodi

 

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial. Com sede na Grécia, o grupo tem participação societária da família Dias Branco.

 

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

Publicidade

Cimento Apodi encerra 1ª edição do Programa de Desenvolvimento Empresarial para clientes viabilizando 102 novos produtos

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

14 de novembro de 2018

 

A Cimento Apodi, em parceria com o SEBRAE e a Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP), encerrou a 1ª edição do Programa de Desenvolvimento Empresarial (PDE) – APODI, voltado para as empresas que se encaixam na categoria de Micro e Pequeno Empreendedor – Microempreendedores individuais, Microempresa e Empresa de Pequeno Porte. O PDE atuou junto a oito empresas, resultando no desenvolvimento de 102 novos produtos. Outro importante avanço registrado foi a otimização de processos, que impactou na redução de perdas de matéria-prima e produto acabado, além da elevação da qualidade.

 

Participaram do curso a Telhas Fortaleza, Beton Tecnologia, Propostes Pré-Moldados, AP2 Concreto, Techblocos, MG Andrade Pré-Moldados, M3 Pré-moldados e Artec Pré-moldados. Por meio do PDE, as empresas receberam consultoria, que auxiliou na busca pela inovação em tecnologias e processos, atendimento de normas, aumento da produtividade e melhoria continua de seus resultados.

 

“Mais do que simplesmente atender as empresas, entendemos que o papel do fornecedor é servir de canal para que os negócios possam seguir prosperando. Enxergamos no PDE uma grande etapa do nosso propósito de desenvolvimento da comunidade da indústria do Ceará. Estamos dando um passo adiante: cooperando com os parceiros comerciais a fim de que todo o segmento ganhe”, explica Mario Guilge, gerente da Área de Produtos e Assessoria Técnica da Cimento Apodi.

 

Ao longo de oito meses, o Programa de Desenvolvimento Empresarial realizou visita técnica à fábrica da Cimento Apodi, em São Gonçalo do Amarante, além de cinco oficinas técnicas e consultorias individualizadas com cada uma das empresas participantes. As consultorias tiveram duas abordagens: voltadas ao negócio e focadas na tecnologia da produção.

 

“Notamos que as empresas possuíam muito a avançar especialmente no que diz respeito à administração dos processos. Por meio de mudanças pontuais, pudemos perceber melhoria na produção impactando na redução de perdas e melhorando os resultados do negócio a partir de um completo gerenciamento da produção”, destaca Glécia Vieira, coordenadora de Projetos Regional Nordeste da ABCP.

 

Sobre a Cimento Apodi

 

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial, e pela participação societária da família Dias Branco.

 

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes.

 

Publicidade

Cimento Apodi e UFC lançam competição InovAção 2018, voltadas para estudantes de Engenharia, nesta quarta (24)  

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

24 de outubro de 2018

 

Nesta quarta (24), ocorre o lançamento da competição InovAção 2018, voltada aos estudantes dos cursos de Engenharia da UFC. O evento acontece no Auditório Engenheiro Cândido Pamplona, no Centro de Tecnologia – Campus do Pici. O InovAção 2018 é uma iniciativa da Cimento Apodi em parceria com o Centro de Empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará (CEMP UFC), com apoio de Alternative Output e Tecsys. As melhores ideias serão premiadas com uma certificação concedida pela Cimento Apodi.

A competição visa encontrar soluções técnicas, aumentar a sustentabilidade e otimizar custos. No lançamento, serão apresentados detalhadamente os problemas a serem sanados pelos projetos.Dividido em duas áreas, o InovAção 2018 busca ideias voltadas para: a elaboração de uma usina solar para abastecimento da estação de tratamento de esgoto (ETE) da fábrica e para a criação de um sistema minetracking para melhorar a eficiência operacional e otimização da utilização dos veículos.

A disputa ocorrerá em equipes. Cada uma delas poderá conter até 5 (cinco) integrantes. Os participantes puderam se inscrever individualmente ou em equipes previamente formadas. O CEMP ficará responsável por alocar em equipes os participantes que se inscreverem de forma individual. No dia 27, todos os inscritos farão uma visita técnica à fábrica da Cimento Apodi, no município de Quixeré (CE), para conhecer e avaliar os cenários in loco.

 

Já nos dias 31/10, 07 e 14 de novembro, de 12h às 14h, haverá encontro com mentores da Cimento Apodi para tirar dúvidas e auxiliar no desenvolvimento dos projetos. O encerramento e a divulgação do resultado do edital acontecerão no dia 19 de novembro.

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial. Com sede na Grécia, o grupo tem participação societária da família Dias Branco.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes. 

Serviço

Lançamento do InovAção 2018

Data: 24 de outubro

Horário: 18 horas

Local: Auditório Engenheiro Cândido Pamplona, no Centro de Tecnologia – Campus do Pici

Publicidade

Cimento Apodi e UFC lançam competição InovAção 2018, voltadas para estudantes de Engenharia, nesta quarta (24)  

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

24 de outubro de 2018

 

Nesta quarta (24), ocorre o lançamento da competição InovAção 2018, voltada aos estudantes dos cursos de Engenharia da UFC. O evento acontece no Auditório Engenheiro Cândido Pamplona, no Centro de Tecnologia – Campus do Pici. O InovAção 2018 é uma iniciativa da Cimento Apodi em parceria com o Centro de Empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará (CEMP UFC), com apoio de Alternative Output e Tecsys. As melhores ideias serão premiadas com uma certificação concedida pela Cimento Apodi.

A competição visa encontrar soluções técnicas, aumentar a sustentabilidade e otimizar custos. No lançamento, serão apresentados detalhadamente os problemas a serem sanados pelos projetos.Dividido em duas áreas, o InovAção 2018 busca ideias voltadas para: a elaboração de uma usina solar para abastecimento da estação de tratamento de esgoto (ETE) da fábrica e para a criação de um sistema minetracking para melhorar a eficiência operacional e otimização da utilização dos veículos.

A disputa ocorrerá em equipes. Cada uma delas poderá conter até 5 (cinco) integrantes. Os participantes puderam se inscrever individualmente ou em equipes previamente formadas. O CEMP ficará responsável por alocar em equipes os participantes que se inscreverem de forma individual. No dia 27, todos os inscritos farão uma visita técnica à fábrica da Cimento Apodi, no município de Quixeré (CE), para conhecer e avaliar os cenários in loco.

 

Já nos dias 31/10, 07 e 14 de novembro, de 12h às 14h, haverá encontro com mentores da Cimento Apodi para tirar dúvidas e auxiliar no desenvolvimento dos projetos. O encerramento e a divulgação do resultado do edital acontecerão no dia 19 de novembro.

Sobre a Cimento Apodi

Idealizada no ano de 2008, a Cimento Apodi é uma joint venture multinacional formada pelo Grupo Titan, produtor de cimento e materiais de construção, que tem mais de 110 anos de experiência na área industrial. Com sede na Grécia, o grupo tem participação societária da família Dias Branco.

Presente de forma estratégica no Norte e Nordeste do país, a Cimento Apodi possui um parque industrial de 3.000ha de área em Quixeré, mesorregião do Vale do Jaguaribe, e uma moagem de processamento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Juntas, as duas unidades têm capacidade para produzir mais de dois milhões de toneladas de cimento ao ano. A Companhia conta ainda com três centrais de concreto, um laboratório de tecnologia de concreto e onze Centros de Distribuição posicionados de forma estratégica nas diferentes regiões do país para melhor atender seus clientes. 

Serviço

Lançamento do InovAção 2018

Data: 24 de outubro

Horário: 18 horas

Local: Auditório Engenheiro Cândido Pamplona, no Centro de Tecnologia – Campus do Pici