Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Correios

Correios realiza licitação para venda de bens móveis no CE

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

18 de junho de 2019

Certame reúne 4.477 itens, incluindo 46 veículos

Os Correios irão realizar licitação para venda de bens móveis localizados no Ceará. A sessão pública ocorrerá em 26 de junho, a partir das 9h, no Meridional Convenções Center (Av. Santos Dumont, 779, Aldeota – Fortaleza).

O certame reúne 4.477 itens, distribuídos em 75 lotes. Entre os bens a serem licitados estão 46 veículos, sendo 24 motos, um caminhão e 21 carros usados no transporte de carga.

Qualquer pessoa física ou jurídica pode participar, desde que satisfaça as condições fixadas no edital. O documento está disponível para consultas no site dos Correios:http://www2.correios.com.br/institucional/licitacoes/download_arquivos.cfm?origem=LL190003/2019&dr=11&id_processo=219379

 

Os lotes de bens da licitação podem ser previamente visitados no pátio dos Correios localizado na Av. Almirante Tamandaré, 75, Praia de Iracema – Fortaleza/CE, no período de 17 a 25/06/2019, somente em dias úteis, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30.

leia tudo sobre

Publicidade

Correios recebe certificação de agente seguro de carga aérea internacional

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

04 de junho de 2019

Os Correios receberam a outorga de Agente de Carga Aérea Acreditado da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). A certificação reconhece que toda a carga internacional exportada pelos Correios via transporte aéreo é inspecionada e está livre de ameaças à segurança da aviação, sendo, portanto, segura para operadores, aeronaves, passageiros e população mundial. Atualmente a carga postal internacional é transportada tanto em aeronaves de carga como também de passageiros.

Esse reconhecimento é um dos pré-requisitos que atende o processo de certificação de segurança da União Postal Universal – UPU, que tem como objetivo a formação de uma rede mundial de transporte postal seguro.

Os Correios passam a fazer parte do grupo de operadores reconhecidos pela ANAC como cumpridor das exigências internacionais de segurança conforme parâmetros estabelecidos mundialmente pela Organização da Aviação Civil Internacional – OACI. A Portaria de outorga foi publicada no Diário Oficial da União no final de maio.

Publicidade

Caixa Postal é solução para quem fica muito tempo fora de casa

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

22 de Abril de 2019

Para aqueles que mudam de endereço constantemente, que passam o dia fora ou que moram em prédios sem porteiro e não têm como receber suas encomendas, os Correios têm uma solução: a Caixa Postal.

O serviço é oferecido nas agências e possibilita ao cliente alugar um espaço para receber encomendas e correspondência. Em 2018, mais de 200 mil brasileiros contrataram uma caixa postal.

O representante comercial Jorge Luiz Freitas, de Teresina, no Piauí, que viaja a trabalho constantemente, é um dos usuários do serviço. “Trabalho viajando para o interior e o prédio do meu escritório não tem porteiro. A Caixa Postal foi a solução mais prática que encontrei, inclusive, para receber amostras dos produtos que represento”, conta.

A atendente comercial dos Correios Elza Coutinho, que trabalha com caixa postal há mais de 40 anos, viu, ao longo das décadas, o perfil do cliente mudar conforme o avanço da internet. “Tínhamos antes uma clientela maior de pessoas jurídicas, mas hoje as empresas fazem mais comunicação por e-mail. Nosso perfil de cliente, agora, é predominantemente de pessoas físicas procurando uma forma segura de receber suas encomendas e compras online. É muito comum as pessoas morarem em condomínio sem porteiro, onde o carteiro não é autorizado a entrar. Nesse caso, a Caixa Postal é a solução perfeita para evitar problemas com devolução”, comenta.

Para contratar o serviço, basta se dirigir a uma agência dos Correios que possua as caixas para locação. Para verificar qual a unidade mais próxima, basta acessar www.correios.com.br. No site também estão disponíveis informações como período de locação, que pode ser semestral, anual ou bienal; além dos valores cobrados, documentos necessários para abrir uma Caixa Postal e restrições de uso.

leia tudo sobre

Publicidade

Renato Russo recebe homenagem em selo

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

26 de Março de 2019

No dia 27 de março, os Correios lançarão uma emissão especial em homenagem ao cantor e compositor Renato Russo, que completaria 59 anos de idade nessa mesma data. O lançamento ocorrerá simultaneamente em Brasília e Recife. No dia 29, o bloco também será lançado em São Paulo, no Museu da Imagem e do Som.

Das 700 sugestões enviadas pela população no ano passado, a homenagem a Renato Russo foi uma das 34 votadas pela Comissão Filatélica Nacional e homologada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Desde 2003, mais de mil sugestões foram enviadas pela população para que o artista se tornasse motivo de selo postal especial.

A imagem que ilustra a homenagem mostra o artista no palco em uma de suas apresentações. O bloco ainda apresenta um trecho da canção Vinte e Nove, composta por Renato Russo e lançada no álbum O Descobrimento do Brasil, em 1993.

Giuliano Manfredini, filho de Renato Russo, reconhece a emissão deste selo como mais um importante item que passará a compor o amplo material que reconstrói a trajetória do artista. “Eu fiquei muito contente ao receber esta proposta dos Correios porque o meu trabalho é, sobretudo, preservar a memória do meu pai, e este selo, além de ser uma bela homenagem a ele, no dia em que faria aniversário, será mais uma forma de os admiradores do seu vasto legado poderem sempre lembrar de sua força e manterem a centelha acesa”, comenta.

A emissão terá tiragem de 70.000 mil blocos com valor de 2º Porte Carta Comercial cada. As peças estarão disponíveis para serem adquiridas pelos fãs nas principais agências do país e também na loja virtual a partir de 27 de março.

leia tudo sobre

Publicidade

Correios comemora 50 anos de empresa

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

20 de Março de 2019

Neste dia 20 de março, são comemorados os 50 anos da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Para celebrar a data, a estatal realizou evento em seu edifício-sede, em Brasília, com a presença de empregados e convidados.

Em seu discurso, o general Juarez Cunha, presidente dos Correios falou da importância dos Correios para o país. “Nesses 50 anos de história, realizamos um trabalho reconhecido por todos os brasileiros. Agora, temos que olhar para o futuro. Temos grandes desafios pela frente e precisamos continuar trabalhando para merecer o reconhecimento da nação”, pontuou.

Na ocasião, houve o lançamento do selo personalizado alusivo à data, que apresenta o número 50 estilizado, utilizando o grafismo das fitas como símbolo das atividades dinâmicas dos Correios. O desenho sugere avanço além das margens, indicando tanto movimento, onde não há começo nem término, quanto expansão, mostrando a grandeza da empresa em todos os sentidos. A matiz amarelo ouro das fitas, uma das cores da marca “Correios”, remete à cor dourada do jubileu. Ao fundo, linhas paralelas ascendentes e no sentido para direita representam cada empregado da empresa caminhando juntos, apoiando os Correios rumo ao seu futuro. O conjunto do grafismo traz o conceito de solidez, simplicidade, mais direção em todos os sentidos, e um novo pulso. Na base do selo, na cor azul, os 50 anos são utilizados para reforçar a mensagem sobre o motivo dessa emissão.

Nasce uma empresa –  Por meio do Decreto-Lei nº 509/1969, os Correios deixam de ser um departamento para se tornar uma empresa com o desafio de desenvolver uma política pública de democratização da comunicação. Ao longo de sua história, a estatal sempre buscou aprender e acompanhar as revoluções do mundo moderno. No decorrer de cinco décadas, a empresa demonstrou capacidade de se superar e se reinventar. Criou produtos, lançou serviços, atuou em parceria com entidades públicas e privadas, sempre apostando na melhoria do atendimento ao cidadão. Hoje, a empresa é a única presente nos 5.570 municípios do país. Sua capilaridade, sua presença nacional e principalmente, seus empregados, fazem dos Correios uma marca forte e digna do respeito de todos os brasileiros.

Publicidade

Correios lança selo e carimbo alusivos aos 100 anos do Fortaleza Esporte Clube

Por Oswaldo Scaliotti em Novos Produtos

30 de Janeiro de 2019

Peças filatélicas irão divulgar e eternizar as comemorações do centenário tricolor

Os Correios lançam nessa quinta-feira (31) o carimbo comemorativo e o selo personalizado alusivos ao centenário do Fortaleza Esporte Clube. A solenidade, para convidados, será às 19 horas, na sede da Academia Cearense de Letras, no Centro da cidade.

O carimbo será usado por 30 dias nas correspondências postadas na agência Central dos Correios, divulgando a data histórica; em seguida, a peça irá compor o acervo do Museu Nacional dos Correios, em Brasília. Os selos foram impressos numa tiragem de 1.212 exemplares e podem ser adquiridos nas lojas oficiais do time tricolor.

Saiba mais

O carimbo comemorativo possui tempo determinado de utilização e destina-se a difundir o trabalho de relevantes instituições e personalidades, bem como assinalar um acontecimento, destacando motivo, legenda, marca, data e local de emissão.

Já o selo personalizado é uma modalidade de emissão de selos postais, solicitada e paga pelo cliente, a partir de imagens de seu interesse.

Publicidade

Cânions Brasileiros é o tema da última emissão filatélica do ano

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

18 de dezembro de 2018

Já está em circulação a última emissão postal especial de 2018: “Cânions Brasileiros” é composta por dois blocos, cada um com um selo, que trazem imagens de dois cânions do sul do Brasil, localizados entre os Estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. Na arte, foram utilizadas fotografias de Luciano Rocha e Silvana Oliveira.

O selo do bloco que retrata o Cânion Itaimbezinho sintetiza a imagem principal apresentando o desfiladeiro íngreme, onde cresce a vegetação típica. Ao fundo, a visão da serra dá a dimensão da altura e da verticalidade do precipício. Da base do selo ao centro pode-se ver o Rio do Boi, que corre na fenda do Cânion. O selo do bloco Cânion Fortaleza destaca as características evidenciadas na imagem maior: o topo plano, contrastando com a exuberância das formações florestais que brotam dos flancos da ravina. A cerração que preenche o espaço vazio entre as margens do despenhadeiro é comum nos finais de tarde do Parque.

O Cânion Itaimbezinho faz parte do Parque Nacional dos Aparados da Serra, tem uma extensão de quase seis quilômetros, largura de dois quilômetros e altura de mais de 700 metros, de onde caem as águas do rio Perdizes, formando duas imensas e belíssimas cachoeiras, a das Andorinhas e a do Véu da Noiva. Já o Cânion Fortaleza é tão grandioso que ganhou esse nome devido ao seu terreno e seus paredões, que lembram as muralhas de um forte medieval. São mais de sete quilômetros de extensão, quase seis quilômetros de comprimento, trinta quilômetros de bordas e a altura máxima de suas escarpas pode chegar até 900 metros.

Cada bloco tem tiragem de 25 mil selos, com valor facial de R$2,55. As peças estarão disponíveis nas agências de todo o país e também na loja virtual.

Publicidade

Correios lança selo especial do centenário do nascimento de Nelson Mandela

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

10 de dezembro de 2018

Os Correios lançam nesta segunda-feira (10) a emissão comemorativa “Centenário do Nascimento de Nelson Mandela”. O selo é uma homenagem a Mandela por sua luta contra a discriminação racial e contribuição aos direitos civis. O lançamento ocorre em cerimônia no Palácio do Buriti, em Brasilia, e contará com as presenças de representantes do corpo diplomático e autoridades do governo federal.

A arte da peça é uma ilustração de Eduardo Kobra, que utilizou camadas texturizadas, linhas fortes e seções fragmentadas. O artista empregou imagens em preto e branco colocando-as contra fundos xadrez coloridos. O mural de Nelson Mandela foi originalmente apresentado em uma exposição do ilustrador brasileiro intitulada Peace, no ano de 2014, na Dorothy Circus Gallery, em Roma.

Nobel da Paz – Nelson Mandela nasceu em 1918, na África do Sul, e morreu aos 95 anos, em 2013, na cidade de Johanesburgo, na África do Sul. Foi uma personalidade reconhecida mundialmente por sua luta contra o Apartheid, o regime de segregação racial que imperou na África do Sul da década de 40 até os anos 90. Mandela foi ganhador do prêmio Nobel da Paz em 1993 e ex-presidente sul-africano de 1994 a 1999.

A tiragem da emissão é de 360 mil selos, com valor facial de R$ 2,35. As peças estarão disponíveis nas agências de todo o país e também na loja virtual.

leia tudo sobre

Publicidade

Correios espera captar R$ 380 milhões com venda de imóveis

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

28 de novembro de 2018

Até a primeira semana de dezembro, estarão abertos os editais de três imóveis dos Correios. O principal deles é o edifício localizado na Avenida Paulo VI, em Pituba, Salvador/BA, com estrutura de 17 andares, 44 mil metros quadrados de área construída num terreno de 35 mil metros quadrados, em um bairro de classe média alta, a apenas duas quadras da praia.

Além do imóvel de Salvador, já foram publicados editais de um terreno e de um apartamento em Brasília/DF. Ao todo, a empresa pretende licitar 16 imóveis em nove Estados e espera captar cerca de R$ 380 milhões com a ação.

Recomendada por especialistas, a gestão mais eficaz do patrimônio, por meio da licitação de imóveis ociosos, é apenas mais uma das medidas que já vêm sendo adotadas pela diretoria dos Correios para garantir a sustentabilidade da empresa.

O edital de todos os imóveis define o preço mínimo estipulado para cada um. Para participar, os interessados devem recolher caução e apresentar propostas para cada imóvel pretendido, em envelopes fechados, que serão abertos apenas na data marcada.

Mais informações sobre a venda desses imóveis podem ser obtidas no link http://www.correios.com.br/sobre-os-correios/a-empresa/venda-de-imoveis/

Publicidade

Correios é destaque no Top of Mind 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

31 de outubro de 2018

Os Correios receberam, pela quinta vez consecutiva, o troféu Top of Mind na categoria “Serviço de Entrega de Encomendas”. A empresa atingiu seu melhor índice nos últimos anos, com cinco pontos percentuais a mais em relação a 2017. Ao responder, de maneira espontânea, à pergunta “Qual a primeira marca que lhe vem à cabeça quando você pensa em serviço de entrega de encomendas?”, 37% das pessoas entrevistadas lembraram o nome “Correios” e 20% lembraram a marca Sedex.

Top of Mind é a maior premiação sobre lembrança de marcas do Brasil, promovida, desde 1991, pela Folha de São Paulo e Data Folha. Na edição 2018 do prêmio, foram ouvidas 6.670 pessoas em 119 municípios. A cerimônia de premiação ocorreu terça-feira (30), em São Paulo, e reuniu diretores de empresas premiadas e profissionais da área de marketing e propaganda.

Na pesquisa, os Correios conseguiram os melhores resultados entre as classes A e B (43%) e entre os mais escolarizados (45%).

leia tudo sobre

Publicidade

Correios é destaque no Top of Mind 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

31 de outubro de 2018

Os Correios receberam, pela quinta vez consecutiva, o troféu Top of Mind na categoria “Serviço de Entrega de Encomendas”. A empresa atingiu seu melhor índice nos últimos anos, com cinco pontos percentuais a mais em relação a 2017. Ao responder, de maneira espontânea, à pergunta “Qual a primeira marca que lhe vem à cabeça quando você pensa em serviço de entrega de encomendas?”, 37% das pessoas entrevistadas lembraram o nome “Correios” e 20% lembraram a marca Sedex.

Top of Mind é a maior premiação sobre lembrança de marcas do Brasil, promovida, desde 1991, pela Folha de São Paulo e Data Folha. Na edição 2018 do prêmio, foram ouvidas 6.670 pessoas em 119 municípios. A cerimônia de premiação ocorreu terça-feira (30), em São Paulo, e reuniu diretores de empresas premiadas e profissionais da área de marketing e propaganda.

Na pesquisa, os Correios conseguiram os melhores resultados entre as classes A e B (43%) e entre os mais escolarizados (45%).