Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

criação

Curso ensina a criar o seu próprio aplicativo Android

Por Oswaldo Scaliotti em Qualificação

08 de Abril de 2018

Já pensou em criar o seu próprio aplicativo Android? Conhece alguém que se interessa pelo assunto? A Iwtraining está com inscrições abertas para o Curso de Desenvolvimento Android. Os interessados vão aprender a desenvolver aplicações para SmartPhones e Tablets que utilizam a plataforma do Google de uma maneira simples e prática. O curso abordará ainda assuntos essenciais para que você esteja capacitado para atender boa parte das demandas de aplicativos do Google Play. As inscrições podem ser feitas online AQUI.

O curso é umas das novidades do maior Centro de Treinamento da Adobe no Ceará. A Iwtraining Treinamentos agora faz parte do Grupo Pixels, a maior escola de Design e Tecnologia do Brasil. Faça a sua reserva:https://www.facebook.com/iwtraining/videos/2110140639001096/

Saiba mais

A iwtraining é uma empresa exclusivamente dedicada a treinamentos nas áreas de Web, Design e Tecnologia da Informação, além de vender as soluções de softwares de seus parceiros. Diferenciando-se dos demais cursos de informática, a iwtraining apresenta uma proposta completa para o ensino, aliando-se aos principais fabricantes de produtos para Web & Design do mercado, como Adobe, Corel e Microsoft.

A iwtraining é uma AATC (Adobe Authorized Training Center), estando habilitada a emitir o Certificado Oficial Adobe para a maioria dos produtos Adobe com exclusividade no Ceará. Parte do quadro gestor da iwtraining trabalha no ramo de tecnologia da informação a mais de 11 anos.

Serviço: Iwtraining Treinamentos

Endereço: Rua Carolino de Aquino, 445 – Sala 2309

Bairro de Fátima – Fortaleza/CE – Brasil

Contatos: (85) 3104-1414 – Whatsapp e Telegram: 85 9.8155-2230

Publicidade

Correios e Azul assinam memorando de entendimentos para criação de empresa de solução de logística integrada

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

20 de dezembro de 2017

 Nova empresa permitirá a expansão de serviços e produtos de logística para lugares ainda não servidos, além de trazer mais eficiência, redução de custos e ganho de receita para ambas companhias;

 

Início das atividades está previsto para o primeiro semestre de 2018, após aprovação pelos órgãos e instâncias competentes

 

Os Correios e a Azul assinam hoje memorando de entendimentos para criação de uma empresa privada de solução de logística integrada, a partir de um novo modelo de negócio, que contribuirá significativamente para o crescimento do Brasil.

A nova empresa terá participação de 50,01% da Azul e 49,99% dos Correios e oferecerá ao mercado o serviço de gestão de logística integrada para transporte de cargas, com potencial para se tornar a melhor plataforma de logística para o comércio eletrônico do País.

A operação começa a partir das demandas dos Correios e da Azul, movimentando aproximadamente 100 mil toneladas de cargas por ano. Com isso, ambas companhias terão economia de custo, eficiência operacional e ganho de receita, melhorando a oferta deste serviço para o consumidor.

“A Azul é a única companhia com uma malha que liga o País, com mais de 100 destinos servidos. Os Correios estão presentes em 5.570 municípios da União, com a maior capilaridade para coleta e distribuição a partir de sua rede. Ao ter uma empresa que explore essa sinergia, mais brasileiros poderão contar com estes serviços, permitindo a eles serem ainda mais ativos no desenvolvimento de nosso País”, diz Gilberto Kassab, Ministro da Ciência, Tecnologia e Comunicação.

“Vimos uma oportunidade ímpar para fazer o Brasil ganhar um serviço de logística ainda mais eficiente, com claros benefícios ofertados para os consumidores. O início dessa empresa beneficiará os brasileiros, uma vez que com ela, além de conseguirmos reduzir substancialmente os atuais custos com transporte logístico dos Correios, receberemos os dividendos desse negócio, aumentando ainda mais a eficiência de nossa operação”, afirma Guilherme Campos, presidente dos Correios.

“É uma ótima oportunidade para ampliarmos nosso transporte de cargas e ganhar eficiência operacional. Somos a única empresa capaz de prestar este nível de serviço, pois somos a companhia que mais cidades serve no País. Além disso, temos forte presença em Viracopos, que já é o hub de cargas do Brasil. Sem contar com altos índices de pontualidade, fundamental para esse serviço”, diz John Rodgerson, presidente da Azul.

O memorando de entendimentos será submetido à aprovação de todos os órgãos e instâncias competentes. Somente após sua validação a nova empresa será criada. Caso seja aprovada, a expectativa é que suas atividades sejam iniciadas ainda no primeiro semestre de 2018.

 

Sobre a Azul

A Azul S.A. (B3: AZUL4, NYSE: AZUL) é a maior companhia aérea do Brasil em números de cidades atendidas, com 755 voos diários e 104 destinos. Com uma frota de 118 aeronaves e mais de 10.000 funcionários, a Companhia possui uma rede de 197 voos sem escalas em 30 de Setembro de 2017. Dentre os prêmios recebidos, a Azul foi nomeada a Terceira melhor companhia aérea do mundo pela TripAdvisor Travelers’ Choice in 2017, melhor companhia aérea low-cost da América do Sul pelo sétimo ano consecutivo pela Skytrax em 2017 e também foi considerada a melhor liderança regional em 2016 pela Flight Airline Business. Para mais informações, visite www.voeazul.com.br/ri.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti

 

Publicidade

Correios e Azul assinam memorando de entendimentos para criação de empresa de solução de logística integrada

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

20 de dezembro de 2017

 Nova empresa permitirá a expansão de serviços e produtos de logística para lugares ainda não servidos, além de trazer mais eficiência, redução de custos e ganho de receita para ambas companhias;

 

Início das atividades está previsto para o primeiro semestre de 2018, após aprovação pelos órgãos e instâncias competentes

 

Os Correios e a Azul assinam hoje memorando de entendimentos para criação de uma empresa privada de solução de logística integrada, a partir de um novo modelo de negócio, que contribuirá significativamente para o crescimento do Brasil.

A nova empresa terá participação de 50,01% da Azul e 49,99% dos Correios e oferecerá ao mercado o serviço de gestão de logística integrada para transporte de cargas, com potencial para se tornar a melhor plataforma de logística para o comércio eletrônico do País.

A operação começa a partir das demandas dos Correios e da Azul, movimentando aproximadamente 100 mil toneladas de cargas por ano. Com isso, ambas companhias terão economia de custo, eficiência operacional e ganho de receita, melhorando a oferta deste serviço para o consumidor.

“A Azul é a única companhia com uma malha que liga o País, com mais de 100 destinos servidos. Os Correios estão presentes em 5.570 municípios da União, com a maior capilaridade para coleta e distribuição a partir de sua rede. Ao ter uma empresa que explore essa sinergia, mais brasileiros poderão contar com estes serviços, permitindo a eles serem ainda mais ativos no desenvolvimento de nosso País”, diz Gilberto Kassab, Ministro da Ciência, Tecnologia e Comunicação.

“Vimos uma oportunidade ímpar para fazer o Brasil ganhar um serviço de logística ainda mais eficiente, com claros benefícios ofertados para os consumidores. O início dessa empresa beneficiará os brasileiros, uma vez que com ela, além de conseguirmos reduzir substancialmente os atuais custos com transporte logístico dos Correios, receberemos os dividendos desse negócio, aumentando ainda mais a eficiência de nossa operação”, afirma Guilherme Campos, presidente dos Correios.

“É uma ótima oportunidade para ampliarmos nosso transporte de cargas e ganhar eficiência operacional. Somos a única empresa capaz de prestar este nível de serviço, pois somos a companhia que mais cidades serve no País. Além disso, temos forte presença em Viracopos, que já é o hub de cargas do Brasil. Sem contar com altos índices de pontualidade, fundamental para esse serviço”, diz John Rodgerson, presidente da Azul.

O memorando de entendimentos será submetido à aprovação de todos os órgãos e instâncias competentes. Somente após sua validação a nova empresa será criada. Caso seja aprovada, a expectativa é que suas atividades sejam iniciadas ainda no primeiro semestre de 2018.

 

Sobre a Azul

A Azul S.A. (B3: AZUL4, NYSE: AZUL) é a maior companhia aérea do Brasil em números de cidades atendidas, com 755 voos diários e 104 destinos. Com uma frota de 118 aeronaves e mais de 10.000 funcionários, a Companhia possui uma rede de 197 voos sem escalas em 30 de Setembro de 2017. Dentre os prêmios recebidos, a Azul foi nomeada a Terceira melhor companhia aérea do mundo pela TripAdvisor Travelers’ Choice in 2017, melhor companhia aérea low-cost da América do Sul pelo sétimo ano consecutivo pela Skytrax em 2017 e também foi considerada a melhor liderança regional em 2016 pela Flight Airline Business. Para mais informações, visite www.voeazul.com.br/ri.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti