Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

em 2018

Setor logístico cresce 2,2%, em 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

23 de Abril de 2019

Startups desenvolvem soluções para driblar os gargalos do transporte de carga, no Brasil

O PIB (Produto Interno Bruto) do setor de transporte e armazenagem cresceu 2,2% em 2018, chegando a R$ 256,08 bilhões. O índice é o dobro do crescimento do PIB total da economia, que avançou 1,1% no ano passado, atingindo R$ 6,83 trilhões, segundo dados do Boletim Economia em Foco, divulgado pela CNT (Confederação Nacional do Transporte). As deficiências do setor começam a ser supridas por modelos com base tecnológica, startups que oferecem soluções para lidar com problemas que envolvem desde altos custos, armazenagem, até falta de transparência no processo de entregas.

Apesar do movimento de inovação ser grande, os gargalos da logística ainda geram perdas no setor, devido à problemas como a infraestrutura rodoviária, segurança, alta taxa de tributação, falta de cuidados durante o transporte, dificuldade de transportar produtos com medidas maiores que as padrões e até, a sazonalidade das próprias empresas, que gera complicações corriqueiras como o atraso das entregas. Nesse cenário, esferas com falhas usuais na logística recebem novas iniciativas, que modernizam os modelos antigos, geram mais qualidade à todas às etapas do processo de entrega e impulsionam o setor à necessária adaptação à era tecnológica.

A Movetogo – plataforma de serviços de coleta e entrega – é uma das empresas que está contribuindo para essa mudança no setor. A empresa atua em 88 cidades brasileiras e também de São Paulo e Grande São Paulo para São Paulo e Grande São Paulo que vem para ser uma opção para quem precisa contratar um transporte com segurança substituindo o tradicional “carreto”. Conta com uma proposta diferenciada de entrega de produtos com medidas e pesos não convencionais, além de contar com um modelo de contratação totalmente online, com processo de acompanhamento da entrega em tempo real, além de pesagem e aferição das medidas do produto no local da retirada. “Investimos em tecnologia e outras soluções, com o objetivo de tornar a entrega mais transparente e reduzir as despesas dos contratantes”, conta Cláudio Alvadjian, CEO e founder da empresa.

O presidente Movetogo esclarece que para uma boa gestão de logística na era tecnológica, é necessário que as empresas realizem um planejamento direcionado à otimização do processo de entrega e cumpram os prazos do consumidor milleniun. “Em nosso modelo de negócio, todas as informações são abertas ao cliente, e na própria plataforma é possível acompanhar o valor e o prazo de entrega em tempo real e escolher o período de coleta manhã ou à tarde em São Paulo e Grande São Paulo, com o intuito de não gerar uma experiência negativa para ao consumidor”, diz Alvadjian.

As expectativas para o setor logístico em 2019 são positivas, pois as projeções para a expansão do PIB são de 2,5%, segundo os dados da CNT. De acordo com o presidente da Movetogo, entender a relevância da tecnologia na gestão dos procedimentos é vital para a sobrevivência de empresas que mantêm o modelo logístico comum. “Ficar atento às movimentações no segmento, como o crescimento dos marketplaces, e desenvolver soluções específicas para as necessidades dele é essencial”, comenta Alvadjian. Para se ter ideia da dimensão desse mercado, somente neste ano, o Mercado Livre anunciou um investimento de R$ 3 bilhões dedicados às suas operações no Brasil, a fim de incrementar a área logística e acelerar a velocidade de entregas das mercadorias.

A Movetogo presta serviços tanto para o consumidor final, quanto para empresas. Segundo Alvadjian, com o crescimento do mercado de marketplaces como OLX e Mercado Livre, a expectativa é que nos próximos 12 meses, o volume de entregas para pessoas físicas represente 22% das contratações da startup. Já os serviços para pessoas jurídicas devem alcançar 38% das solicitações na plataforma. A empresa também investe na segurança dos produtos transportados, a fim de assegurar as mercadorias em até R$ 35 mil por nota fiscal, pela Porto Seguro.

Publicidade

Mais de 2 milhões de brasileiros descobriram os segredos do McDonald’s em 2018!

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

19 de Fevereiro de 2019


Através do Portas Abertas, clientes podem visitar as cozinhas da rede e tirar dúvidas sobre seu sanduíche preferido

Líder de mercado, o McDonald’s também segue à frente no quesito transparência e, em 2018, mais de 2 milhões de consumidores participaram do programa “Portas Abertas”, que mostra os segredos da cozinha mais famosa do mundo. Os clientes aprenderam um pouco mais sobre a empresa e seus mais altos padrões de segurança alimentar, qualidade e higiene.

Desde 2014, o programa já recebeu mais de 10 milhões de pessoas no Brasil e, através do compromisso com qualidade e transparência, o McDonald’s permite que os consumidores conheçam de onde vêm os ingredientes, como são acondicionados e preparados para o consumo e, também, como é a rotina dos funcionários, desde a higienização das mãos, passando pela sala de break (onde fazem o descanso), até o cardápio de refeições, composto por… arroz e feijão!

“O McDonald’s é a única rede de restaurantes que convida as pessoas a conhecerem seus bastidores. Fazemos isso porque nos orgulhamos dos procedimentos e padrões de qualidade que seguimos em toda a nossa operação. Nós sabemos o quão importante é para os clientes conhecer e viver essa experiência”, afirma David Grinberg, Vice-Presidente de Comunicação Corporativa e de Relações com Investidores da Arcos Dorados na América Latina.

Em 2018 também passou a ser possível saber um pouco mais sobre o assunto sem sair de casa. Basta navegar no site www.mcdonalds.com.br e assistir à webserie de cinco episódios que aborda a origem dos ingredientes utilizados no preparo dos icônicos produtos McDonald’s. Os vídeos são apresentados pelo ex-funcionário Phellyx e pelo digital influencer e ex-participante do reality show Masterchef, Raul Lemos.

Transparência em primeiro lugar

No ano passado, um estudo sobre a perceção de processos em restaurantes realizado pela Trendsity na América Latina – e encomendado pela empresa – reuniu uma amostra de 1.400 opiniões (400 somente no Brasil) e revelou que 85% das pessoas compreendem que o programa Portas Abertas é uma maneira de entender melhor o processamento dos alimentos elaborados no McDonald’s. Além disso, 98% dos brasileiros entrevistados consideram que transparência é um dever para as marcas.

A iniciativa do Portas Abertas foi reconhecida em diversas ocasiões com renomados prêmios internacionais na área de Comunicação e Relações Públicas, como o Latin American Excellence Awards, concedido pela renomada Revista Communication Director; Prêmios SABRE Latino Americanos, entregues pelo The Holmes Report; e EIKON, concedido pela revista Imagen de Argentina, na categoria regional.

Sobre a Arcos Dorados

A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo, tanto em vendas totais do sistema como em número de restaurantes. A Companhia é a maior rede de serviço rápido de alimentação da América Latina e Caribe, com direitos exclusivos de possuir, operar e conceder franquias de restaurantes McDonald’s em 20 países e territórios, incluindo Argentina, Aruba, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Curaçao, Equador, Guiana Francesa, Guadalupe, Martinica, México, Panamá, Peru, Porto Rico, St. Croix, St. Thomas, Trinidad & Tobago, Uruguai e Venezuela. A Companhia opera ou franqueia mais de 2.100 restaurantes McDonald’s com mais de 90.000 funcionários e é reconhecida como uma das melhores empresas para se trabalhar no América Latina. A Arcos Dorados está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO). Para saber mais sobre a Companhia visite a seção de Investidores de nosso site: www.arcosdorados.com/ir

Publicidade

Cervejaria Ambev firma parcerias com cerca de 800 novos fornecedores em 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

08 de Janeiro de 2019


Nove estados brasileiros receberam eventos para captação de pequenos e médios empreendedores, só no Ceará 9 empresas foram contempladas   

A Cervejaria Ambev contratou cerca de 800 novos fornecedores em 2018, só no Ceará foram 9 empresas. A ação faz parte da Plataforma de Empreendedorismo, iniciativa criada em 2016 com o objetivo de desenvolver e incentivar fornecedores de pequeno e médio porte, localizados em regiões próximas às cervejarias e centros de distribuições da companhia, como forma de estimular a economia no entorno das operações. Desde sua criação, a Cervejaria Ambev já adicionou 1.500 novas empresas à sua carteira de fornecedores regionais, no estado foram 19 durante este período.

O recrutamento varia de acordo com as necessidades da cervejaria em cada região. Entre as atividades mais procuradas estão áreas técnicas, como manutenção industrial, materiais de construção e equipamentos de segurança.

Ao longo do ano, a cervejaria promoveu 12 feiras em nove estados brasileiros, Amazonas, Bahia, Ceará, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Piauí, Santa Catariana e Sergipe, além da Argentina e Paraguai. 42 empresas do Ceará participaram desses eventos, onde a Ambev apresentou os princípios empresa aos potenciais parceiros e compartilhou suas principais diretrizes. Os selecionados conheceram os termos da Política de Responsabilidade Global de Suprimentos que define os padrões a serem seguidos pela empresa e pela cadeia de fornecedores em temas como direitos trabalhistas, humanos, ambientais e compliance.

Sobre a Cervejaria Ambev

Unir as pessoas por um mundo melhor. Esse é o sonho da Ambev, empresa brasileira, com sede em São Paulo, e presente em 18 países. No Brasil, somos mais de 32 mil pessoas que dividem a mesma paixão por produzir cerveja e trabalhamos juntos para garantir momentos de celebração e diversão. A Ambev é uma cervejaria inovadora e temos o consumidor no centro de nossas decisões e iniciativas. Nosso portfólio conta com cervejas, refrigerantes, chás, isotônicos, energéticos e sucos, de marcas reconhecidas como Skol, Brahma, Antarctica, Budweiser, Stella Artois, Wäls, Colorado, Guaraná Antarctica, Fusion, do bem e AMA, a água mineral que destina 100% de seu lucro para projetos que levam acesso à água potável para famílias do semiárido brasileiro. Somente nos últimos cinco anos, investimos R$ 17,5 bilhões no país e deixamos um legado além dos investimentos com nossa ampla plataforma de sustentabilidade. Esse compromisso inclui metas claras, divulgadas publicamente, e se traduz em quatro pilares: consumo inteligente, água, resíduo zero e desenvolvimento. Esse trabalho é feito com uma rede de parceiros, pois acreditamos que a construção de um mundo melhor se torna mais rica quando feita em conjunto.

Publicidade

IEL Ceará capacita mais de 2.300 profissionais em 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

10 de dezembro de 2018

O Instituto Euvaldo Lodi – IEL Ceará, que faz parte da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), fez a capacitação de mais de 2.300 profissionais e alocou mais de 3.600 estagiários, até o mês de novembro deste ano. Além disso, o IEL Ceará somou um total de 94 consultorias realizadas, totalizando 370 empresas atendidas em 2018.

O IEL Ceará já pensa nas próximas ações para 2019. “Estamos fortalecendo a parceria junto à Universidade Federal do Ceará para realização da segunda turma de Mestrado Profissional”, afirma a coordenadora de Educação e Carreiras, Aurinele Freire. Outro dos projetos do IEL Ceará é a revisão do seu portfólio, visando a oferta de produtos cada vez mais customizados e adequados às necessidades dos clientes, com temáticas atualizadas e novos parceiros estratégicos. Além disso, a área de Inovação é outro grande foco, com a possibilidade de atuação do IEL Ceará como Instituição de Ciência e Tecnologia – ICT, e reposicionamento como provedor de pesquisas setoriais de mercado.

Relembre ações de destaques realizadas em 2018:

Parceria com ESPM

Sempre em busca do desenvolvimento de cursos de Educação Empresarial, sintonizados com a necessidade dos profissionais, executivos e gestores das empresas e instituições, o IEL Ceará firmou, no início do ano, uma parceria com a Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM). Foram realizados cursos e palestras nas áreas de Gestão, Comunicação e Marketing.

Fundada em 1951 como a primeira escola de propaganda do país, a ESPM é uma instituição sem fins lucrativos, que ao longo dos anos expandiu suas áreas de conhecimento para administração, comunicação e marketing.

Cornell University e Liderança Estratégica

O IEL Ceará, em parceria com a SC Johnson College of Business (Cornell University), realizou nos dias 26 e 27/10, no Hotel Gran Marquise, o curso “Liderança Estratégica e Inovadora na era digital”, com os especialistas Dean Soumitra Dutta, fundador e ex-reitor da faculdade de Negócios SC Johnson, e o professor em Gestão de Organização da Cornell, Michael J. Hostetler.

Originalmente fundada em 1946, renomeada em 1984, a Cornell University é uma renomada instituição de ensino focada, entre outras coisas, no desenvolvimento administrativo de negócios, com disciplinas curriculares que vão desde de Investimentos bancários, a tecnologia digital e marketing estratégico empresarial.

Mestrado Profissional em Administração e Controladoria

Em parceria com a Universidade Federal do Ceará (UFC), o IEL iniciou, no dia 7/05, na FIEC, a 1° turma de Mestrado Profissional em Administração e Controladoria. O mestrado faz parte do programa Pós-Graduação em Administração e Controladoria – PPAC PROFISSIONAL e conta com a participação de profissionais já inseridos no mercado de trabalho, que ocupem cargos de gestão ou elevada complexidade em organizações vinculadas à cadeia do segmento industrial.

Publicidade

Cerbras cresce 12% em 2018, desempenho acima da média nacional, e se destaca mais uma vez no mercado de pisos e revestimentos cerâmicos

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

10 de dezembro de 2018

Na última década, a Cerbras registrou evolução acima da média nacional nas vendas por metro quadrado, segundo levantamento da Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica (Anfacer). Em 2010, a empresa já apresentava 9% de crescimento, quase o dobro da média do país. Em 2018, até o mês de setembro, enquanto o mercado nacional cai 1%, a Cerbras registra 12% de crescimento nas vendas em relação ao mesmo período do ano anterior.

Nos últimos anos, a empresa vem se destacando no mercado nacional e internacional de pisos e revestimentos cerâmicos, e em 2018 deve apresentar um faturamento quase 3 vezes maior que o registrado em 2010. Atualmente, exporta para mais de 30 países e está entre as 10 maiores empresas do Brasil no segmento, tendo obtido os selos de certificação ISO 9001 e Inmetro, referentes à gestão de qualidade.

Segundo a diretora industrial da empresa, Mariana Mota, o crescimento se deve, especialmente, ao crescimento da marca, ao alto padrão de qualidade da empresa e a ampliação do mix de produtos da fábrica, que em novembro lançará sua primeira linha de porcelanato. “Investimos muito em tecnologia, equipamentos de última geração, insumos de altíssima qualidade oferecendo uma grande variedade de tipologias de revestimentos, que se adequam a todos os ambientes, e estamos sempre participando de feiras e eventos fora do país para checar as tendências do mercado internacional”, destaca.

Crescimento do parque industrial gera emprego e renda

O investimento em tecnologia para aumento das linhas de produção e o cuidado com a gestão da qualidade, também se destacam no mercado local e regional, demandando a ampliação da equipe, que em breve receberá mais de 100 novos funcionários, e impactando de maneira positiva a economia do Ceará.

Atualmente, a fábrica conta com mais de 700 funcionários, sendo uma das grandes responsáveis pela geração de renda e na região de Maracanaú, cidade aonde está sediada. “Para nós, é extremamente valioso poder movimentar a região e contribuir com um distrito industrial de grande porte, e esperamos, nos próximos anos, com a nova linha de porcelanato, colaborar ainda mais para esse cenário”, completa Mariana Mota.

Conheça a estrutura da Cerbras

O parque industrial da Cerbras, ampliado nos últimos anos para atender a capacidade de produção e as novas linhas de revestimentos cerâmicos, possui 157.104,12m² de área construída e opera com capacidade instalada de 38.400.000m²/ano de pisos e revestimentos cerâmicos, sendo a maior produtora da Região Nordeste.

A empresa se sobressai no mercado também pelo investimento em seu quadro de profissionais com incentivo educacional, elevação de escolaridade e atividades culturais, a exemplo da Biblioteca Itinerante em parceria com o SESI, incentivando o hábito da leitura, também integram o portfólio de ações.

Com conceitos fortes de responsabilidade ambiental, a Cerbras adota práticas sustentáveis, como coleta seletiva e reciclagem, controle de consumo de energia e reuso de água tratada, monitoramento da qualidade do ar, sistema de tratamento de efluente sanitário e industrial, reaproveitamento de ar quente e 100% dos resíduos (caco cerâmico, pó cerâmico e a borra do esmalte), educação ambiental em escolas da comunidade e compensação vegetal das áreas degradadas na extração mineral.

 

Serviços Cerbras

Endereço: Rua José Tarcísio Mota Sá, 1333 (Próximo à Avenida Quarto Anel Viário) – Distrito Industrial III, Maracanaú – CE

Site: http://www.cerbras.com.br/

Facebook: https://www.facebook.com/cerbras/

Instagram: https://www.instagram.com/cerbras/

Contato: (85) 3499-1100

Publicidade

Atitude Serviços cresce mais de 20% em 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

06 de dezembro de 2018

Empresa cearense de terceirização de mão de obras, a Atitude Serviços finaliza o ano de 2018 com um saldo pra lá de positivo. A empresa alcançou um crescimento de cerca de 22%, média mensal de crescimento.

De acordo com Paulo Aragão Filho, diretor da Atitude, esse crescimento veio impulsionado, principalmente, devido a novos negócios na região do Eusébio. “Várias empresas têm se instalado nesta região e em busca de qualidade tem contratado a empresa Atitude para a prestação de serviços de terceirização de mão de obra. O faturamento neste município triplicou no último ano”, ressaltou.

Além disso, neste ano, a empresa expandiu para outros Estados, e inaugurou nova sede em João Pessoa.

Setor de Condomínios

A Atitude Serviços- que inclusive conquistou o selo de certificação Great Place to Work 2018- também teve forte penetração no setor de condomínios. O grupo passou a ter o serviço de administração condominial no final de 2017, serviço este que já nasceu com bastante experiência, pois a empresa focou em trazer os melhores profissionais, bastante tecnologia e inovação. Com esta receita a empresa foi um sucesso no setor onde já possui 2000 unidades residenciais administradas e tem fila de espera para novos clientes. A expectativa para 2019 é de dobrar este número, assim conseguindo atender com extrema qualidade todos os clientes. A maioria dos quais vem por indicações.

Impacto da reforma trabalhista

A reforma trabalhista ampliou as formas de contratações, assim legalizando a contratação de funcionários para atividades fins. “Com isso, a Atitude teve alguns contratos ampliados pois alguns clientes passaram a terceirizar sua atividade-fim, como forma de não se preocupar com a mão de obra e sim apenas com os resultados do negócio”, afirma Paulo Aragão.

 

E-social

 

“Outro grande impulso veio por parte do governo, com o E-social. Esta ferramenta passou a monitorar e fiscalizar mais as relações trabalhistas, fazendo com que várias empresas e condomínios residenciais terceirizassem funcionários como meio de evitar futuras dores de cabeça”, reitera.

Publicidade

10 mandamentos para empreender com sucesso em 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

17 de Janeiro de 2018

Muitas pessoas reservam as últimas semanas do ano para definir o planejamento da temporada seguinte. 2018 se aproxima e, com ele, a expectativa de traçar e atingir metas pessoais, sobretudo no campo financeiro. Para quem deseja abrir um negócio próprio, planejamento e disciplina são fundamentais.

Ainda que não exista uma “receita de bolo” para atingir o sucesso, o desafio pode se tornar mais fácil se pessoas que já galgaram esse caminho compartilharem suas experiências. Com o objetivo de motivar os futuros empreendedores a entrarem 2018 com o pé direito, Alexandre Diniz, empresário e sócio do Grupo Acerte – rede de franquias com mais de 20 anos no mercado e que possui 11 prêmios da Associação Brasileira de Franchising (ABF) – dá dicas de como alcançar o sucesso e se tornar dono do seu próprio negócio. Mas não se engane, o TRABALHO vem em primeiro lugar!

  1. Organize-se financeiramente. O capital financeiro, pouco ou muito, é indispensável para abrir um negócio. O retorno desse investimento também é variável de acordo com o ramo selecionado e, principalmente, com a dinâmica do mercado. Por isso, calcule e valorize cada centavo.

  1. Pesquise. Antes de ir com sede ao pote, é necessário ter cautela e fazer uma avaliação criteriosa do tipo de negócio em que vai investir. Procure redes/parceiros que ofereçam as condições necessárias para que o negócio evolua, desde suporte na negociação de pontos comerciais até a utilização de softwares de gestão e iniciativas de marketing. O ramo do franchising é uma boa opção para quem busca segurança e crescimento sólido.

  1. Fique ligado nas mudanças de hábito da sociedade. O futuro empreendedor deve levar em consideração o que existe de tendência no mercado onde irá atuar. Isto é, apostar em negócios ligados aos novos hábitos da sociedade é uma excelente estratégia. Vamos tomar como exemplo a rotina do brasileiro médio: trabalhar, estudar, morar sozinho – muitas vezes em apartamentos compactos, etc… A alta de serviços que buscam oferecer praticidade e conforto a esses clientes pode gerar grandes oportunidades de negócio. Leve isso em consideração!

  1. Abra a sua mente a áreas que jamais pensou em atuar. As franquias de limpeza e conservação, onde se enquadram as lavanderias profissionais, por exemplo, são as que mais crescem no Brasil, de acordo com dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF). Somente no terceiro trimestre de 2017, o segmento cresceu cerca de 10,7% em número de unidades. Isso dá a dimensão de como o brasileiro tem se interessado por esse tipo de serviço. Se alguém ganha dinheiro com isso, você também pode!

  1. Invista em negócios sustentáveis e com propósito. Diversas pesquisas revelam que os brasileiros têm se preocupado cada vez mais com o consumo consciente e sustentável. Também é importante levar isso em consideração na hora de decidir onde irá alocar seu dinheiro.

  1. Aproxime-se de quem entende do assunto. É fundamental procurar parceiros que apresentem tempo de experiência no mercado, com operações próprias, inovação no lançamento de produtos, equipes treinadas, software de inteligência, entre outros subsídios.

  1. Todo negócio possui risco. Aliás, todas as decisões que você toma na vida têm 50% de chance de dar errado. No entanto, você pode optar por investir em negócios que minimizem este risco, como as franquias. E fique sempre atento às sazonalidades do seu negócio também, cultive um excelente relacionamento com seus clientes e parceiros, e reveja seu planejamento regularmente.

  1. Em momentos de crise, não se desespere. Principalmente no Brasil, você precisa se preparar para as crises econômicas, pois elas são cíclicas. E como se preparar? Trabalhando corretamente. Pessoas que trabalham de maneira justa, sem falsas grandiosidades, tendem a colher bons frutos sempre.

  1. O olho do dono engorda o gado. Lembre-se: o maior interessado no SEU negócio é VOCÊ mesmo. Conforme a sua operação e os seus resultados crescem, o seu trabalho se multiplica proporcionalmente. Acompanhe de perto cada passo e tenha objetivos claros, para buscar um desempenho sustentável sempre.

  1. Mãos à obra! É clichê dizer que o trabalho sempre vem antes do sucesso (exceto no dicionário). Mas esse é o mandamento capital a quem deseja empreender. O combustível para atravessar as adversidades é olhar o longo prazo. Lá na frente, você verá que tudo valeu a pena!
Publicidade

10 mandamentos para empreender com sucesso em 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

17 de Janeiro de 2018

Muitas pessoas reservam as últimas semanas do ano para definir o planejamento da temporada seguinte. 2018 se aproxima e, com ele, a expectativa de traçar e atingir metas pessoais, sobretudo no campo financeiro. Para quem deseja abrir um negócio próprio, planejamento e disciplina são fundamentais.

Ainda que não exista uma “receita de bolo” para atingir o sucesso, o desafio pode se tornar mais fácil se pessoas que já galgaram esse caminho compartilharem suas experiências. Com o objetivo de motivar os futuros empreendedores a entrarem 2018 com o pé direito, Alexandre Diniz, empresário e sócio do Grupo Acerte – rede de franquias com mais de 20 anos no mercado e que possui 11 prêmios da Associação Brasileira de Franchising (ABF) – dá dicas de como alcançar o sucesso e se tornar dono do seu próprio negócio. Mas não se engane, o TRABALHO vem em primeiro lugar!

  1. Organize-se financeiramente. O capital financeiro, pouco ou muito, é indispensável para abrir um negócio. O retorno desse investimento também é variável de acordo com o ramo selecionado e, principalmente, com a dinâmica do mercado. Por isso, calcule e valorize cada centavo.

  1. Pesquise. Antes de ir com sede ao pote, é necessário ter cautela e fazer uma avaliação criteriosa do tipo de negócio em que vai investir. Procure redes/parceiros que ofereçam as condições necessárias para que o negócio evolua, desde suporte na negociação de pontos comerciais até a utilização de softwares de gestão e iniciativas de marketing. O ramo do franchising é uma boa opção para quem busca segurança e crescimento sólido.

  1. Fique ligado nas mudanças de hábito da sociedade. O futuro empreendedor deve levar em consideração o que existe de tendência no mercado onde irá atuar. Isto é, apostar em negócios ligados aos novos hábitos da sociedade é uma excelente estratégia. Vamos tomar como exemplo a rotina do brasileiro médio: trabalhar, estudar, morar sozinho – muitas vezes em apartamentos compactos, etc… A alta de serviços que buscam oferecer praticidade e conforto a esses clientes pode gerar grandes oportunidades de negócio. Leve isso em consideração!

  1. Abra a sua mente a áreas que jamais pensou em atuar. As franquias de limpeza e conservação, onde se enquadram as lavanderias profissionais, por exemplo, são as que mais crescem no Brasil, de acordo com dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF). Somente no terceiro trimestre de 2017, o segmento cresceu cerca de 10,7% em número de unidades. Isso dá a dimensão de como o brasileiro tem se interessado por esse tipo de serviço. Se alguém ganha dinheiro com isso, você também pode!

  1. Invista em negócios sustentáveis e com propósito. Diversas pesquisas revelam que os brasileiros têm se preocupado cada vez mais com o consumo consciente e sustentável. Também é importante levar isso em consideração na hora de decidir onde irá alocar seu dinheiro.

  1. Aproxime-se de quem entende do assunto. É fundamental procurar parceiros que apresentem tempo de experiência no mercado, com operações próprias, inovação no lançamento de produtos, equipes treinadas, software de inteligência, entre outros subsídios.

  1. Todo negócio possui risco. Aliás, todas as decisões que você toma na vida têm 50% de chance de dar errado. No entanto, você pode optar por investir em negócios que minimizem este risco, como as franquias. E fique sempre atento às sazonalidades do seu negócio também, cultive um excelente relacionamento com seus clientes e parceiros, e reveja seu planejamento regularmente.

  1. Em momentos de crise, não se desespere. Principalmente no Brasil, você precisa se preparar para as crises econômicas, pois elas são cíclicas. E como se preparar? Trabalhando corretamente. Pessoas que trabalham de maneira justa, sem falsas grandiosidades, tendem a colher bons frutos sempre.

  1. O olho do dono engorda o gado. Lembre-se: o maior interessado no SEU negócio é VOCÊ mesmo. Conforme a sua operação e os seus resultados crescem, o seu trabalho se multiplica proporcionalmente. Acompanhe de perto cada passo e tenha objetivos claros, para buscar um desempenho sustentável sempre.

  1. Mãos à obra! É clichê dizer que o trabalho sempre vem antes do sucesso (exceto no dicionário). Mas esse é o mandamento capital a quem deseja empreender. O combustível para atravessar as adversidades é olhar o longo prazo. Lá na frente, você verá que tudo valeu a pena!