Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Grupo Marquise

Colaboradores do Grupo Marquise realizam ação social

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

15 de Fevereiro de 2019

Os colaboradores da Marquise Incorporadora abraçarão no melhor estilo “Doutores da Alegria” as crianças do Lar Menino Jesus. Eles levarão brincadeiras, sorrisos e carinho para esses pequenos que aguardam a cura do câncer. A ação acontecerá neste sábado, dia 16/02, das 8 às 10h.

Esse trabalho faz parte de um calendário que o Grupo Marquise adotou para beneficiar instituições das mais diferentes matizes. Esse mês foi escolhido Lar Amigos de Jesus por 15 de fevereiro ser lembrado como Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantil. Para isso, os “doutores da alegria” receberam até oficina de palhaçaria para estarem treinados para fazer a meninada realmente se descontrair.

Quem não puder participar desse momento, poderá contribuir por meio do programa “Sua nota vale dinheiro”, instituído pela Lei estadual 13.568/2004. O colaborador que quiser adotar a instituição receberá as instruções para pode cadastrar o seu CPF no site da SEFAZ-CE.

O formato da ação envolve o voluntariado na sua forma mais plena, uma vez que a empresa faz o suporte financeiro para que a mesma seja possível, mas o colaborador precisa dedicar algo que não preço: tempo e distribuir carinho. Além disso, o Grupo Marquise abre espaço para que outras empresas parceiras possam se engajar, como o Grupo Alegrando, que irá participar com apresentações. Também a empresa “Marcas” vai colaborar com a repaginação da logomarca da instituição. Dessa forma, torna-se uma oportunidade de todos darem as mãos em prol de uma causa nobre.

O trabalho no Lar Amigos de Jesus ainda será contemplado com uma grafitagem no muro, que receberá uma aplicação especial de flores em crochê, com os artistas Gabriel Silva (grafiteiro) e Onélia Fernandes (designer de moda e artesã). Essa é a contribuição do Projeto Urbano Arte que é patrocinado pelo Grupo Marquise, Ecofor Ambiental e Governo Federal (Ministério da Cultura), por meio da Lei Rouanet, com apoio da Prefeitura de Fortaleza, através da Seuma.

Nos próximos meses, mais instituições serão beneficiadas como: Abrigo São Lázaro, Orfanato Cristo Rei, Lar Santa Mônica, Grupo Gia, Associação Beija Flor, Lar de Idosos Sagrado Coração, Integrasol, e uma ação com os moradores de rua, entre outras. Essas ações são parte das comemorações que marcam os 45 anos do Grupo Marquise.

leia tudo sobre

Publicidade

Grupo Marquise segue a tendências de grandes empresas e implanta o conceito Marquise Gestão Corporativa

Por Oswaldo Scaliotti em Análise

24 de setembro de 2018

 
FOTO: Marcelo Arantes, CFO Grupo Marquise
Com o objetivo de garantir a longevidade e eficiência nos negócios, cada vez mais as empresas têm investido em governança corporativa. Seguindo essa tendência, a sede do grupo Marquise, que era dividida em Centro de Serviços Compartilhados (CSC) e Holding, agora se funde e assim nasce a Marquise Gestão Corporativa (MGC)
 A mudança não é apenas na nomenclatura, trata-se na verdade de um novo conceito, que visa fortalecer ainda mais a corporação, dando a ideia de homogeneidade, mas sempre atentos às características e dinâmicas de cada negócio. Assim, a MGC já nasce com a missão de integrar, inovar e dar maior segurança aos processos e diretrizes, além de apoiar as áreas de negócio na conquista de seus resultados.
A Marquise segue a uma tendência dessa prática já estabelecida em grandes empresas como 3M, AMBEV, Votorantin, dentre outras que, por atuarem em diferentes seguimentos e setores da economia, mantém uma gestão unificada por meio de diretrizes e cultura corporativa.
Assim também agora é o Grupo Marquise – um conglomerado empresarial, com grande capilaridade de negócios, com atuação nos mais diversos segmentos, presente em 14 Estados – mas com uma única identidade em todos os negócios que levam o selo Marquise.
“Acreditamos que, por meio de um projeto bem elaborado para toda a corporação, o grupo se tornará mais eficiente e sólido para atuar na nova onda de crescimento que vislumbramos para um futuro próximo. Essa padronização está sendo feita de forma gradativa, com diálogo e muita responsabilidade, respeitando as características de cada uma das empresas do grupo e suas distintas estratégias e aspectos societários, além dos interesses dos seus acionistas”, explica Marcelo Arantes, CFO Grupo Marquise.

Publicidade

Grupo Marquise e Ecofor levam ações de educação ambiental a shoppings e escolas públicas

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

01 de junho de 2017

 

 

Em cinco de junho, comemora-se o Dia Mundial do Meio Ambiente. A data foi instituída em 1972, durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente, na Suécia. Na década de 1980, o governo brasileiro estabeleceu, por meio do Decreto Federal 86.028, a Semana do Meio Ambiente, que ocorre em todo o território nacional e visa estimular a participação da comunidade na preservação do patrimônio natural do País.

 

No Ceará, o Grupo Marquise e a Ecofor levarão ações de educação ambiental a dois shoppings de Fortaleza e a escolas públicas de Aquiraz e Iguape. A programação tem início já na segunda-feira (5), com a apresentação da peça “O presente de Cecília”, elaborada pelo Grupo Bagaceira de Teatro para o programa “Ecocidadão”, do Grupo Marquise, na Praça de Alimentação do Shopping Benfica e a presença dos educadores ambientais da Ecofor, que, por meio de um grande jogo de tabuleiro e distribuição de revistinhas interativas, incentivarão as crianças a descartarem corretamente os resíduos sólidos e a transmitirem a mensagem aos seus amigos e familiares.

 

Na quarta-feira (7), como parte da programação do Fórum Fortaleza Sustentável do Shopping Parangaba, o diretor-presidente da Marquise Ambiental, Hugo Nery, fará palestra no piso L1, com o tema “Cidadania sustentável”. Nery está à frente da Marquise Ambiental desde 2002 e é responsável pela gestão de atividades na área da limpeza urbana em todas as filiais do Grupo Marquise pelo Brasil. Também na quarta-feira, às 15h, educadores ambientais farão uma palestra sobre coleta seletiva aos alunos da EMEF LAIS SIDRIN e população de Aquiraz.

 

A programação no Shopping Parangaba continua na quinta-feira (8), com mais uma apresentação da peça “O Presente de Cecília” e a presença dos educadores ambientais da Ecofor.

 

Na sexta-feira (9), haverá duas apresentações da peça: às 9h, na Escola Profissionalizante professora Alda Façanha, no Centro de Aquiraz, e às 13h, na EMEIF Tia Alzira, no Iguape. Cada escola conta com aproximadamente 500 alunos. Além disso, às 9h30, haverá uma palestra com educadores ambientais sobre separação adequada do lixo, na EMEF João Pires Cardoso, distrito de Camará.

 

Para o diretor-presidente da Marquise Ambiental, Hugo Nery, as atividades são uma oportunidade de mostrar o trabalho de educação ambiental do Grupo Marquise e da Ecofor em locais com grande concentração de público, como shoppings e escolas. “Focamos nas crianças como principal público-alvo porque acreditamos no potencial que elas têm de transmitir a mensagem que passamos a seus familiares. Uma criança assiste à peça, aprende as formas de descarte correto dos resíduos sólidos e, ao chegar em casa, vai cobrar iniciativas semelhantes de seus responsáveis˜, explica Nery.

 

Sobre a peça “O presente de Cecília”

 

Com texto de Rafael Martins, direção e figurinos de Yuri Yamamoto, produção de Rogério Mesquita e atuação de Débora Ingrid e Getúlio Cavalcante, a história narra um diálogo improvável, por meio do teatro de bonecos, entre dois personagens: Marquinhos, um menino que vive no futuro, doente e rodeado por lixo, devido a vários anos de descaso com o descarte correto dos resíduos sólidos, e Cecília, uma menina que vive no presente, sem se importar com a destinação do lixo produzido por ela.

 

No desenvolvimento da narrativa, Cecília vai tomando consciência de suas ações e se torna uma agente de transformação não apenas em sua casa, mas incentivando vizinhos, amigos e familiares a mudarem seus hábitos e construírem um futuro melhor.

 

Programação

 

5 de junho, às 12h30 – apresentação da peça “O presente de Cecília” e presença dos educadores ambientais da Ecofor, com  jogo gigante e distribuição de revistinhas interativas e UNO ecológico na Praça de Alimentação do Shopping Benfica

7 de junho, às 15h – palestra sobre coleta seletiva do lixo, com educadores ambientais, na EMEF Laís Sidrin

7 de junho, às 19h, palestra “Cidadania sustentável”, com o diretor-presidente da Marquise Ambiental, Hugo Nery, no piso L1 do Shopping Parangaba

8 de junho, às 18h – presença dos educadores ambientais da Ecofor no Shopping Parangaba, com jogo gigante e distribuição de revistinhas interativas e UNO ecológico e, às 20h, apresentação da peça “O presente de Cecília”.

9 de junho, às 9h – apresentação da peça na Escola Profissionalizante professora Alda Façanha, no Centro de Aquiraz, e às 13h, na EMEIF Tia Alzira, no Iguape.

9 de junho, às 9h30 – palestra sobre separação adequada do lixo, com educadores ambientais, na EMEF João Pires Cardoso, distrito de Camará.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Centro Fashion inaugura dia 26 com perspectiva de movimentar R$2,5bi por ano na economia do Estado

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

24 de Abril de 2017

Centro de Compras deve gerar inicialmente 10 mil novos empregos diretos e 20 mil empregos indiretos

 

 

O Centro Fashion Fortaleza, empreendimento voltado para o comércio de moda popular, abrirá as portas ao público dia 26 de abril de 2017. Com investimento de R$ 120 milhões, o equipamento está localizado na avenida Filomeno Gomes, nº 430, e resulta na parceria entre o Grupo Marquise e a Construtora Preferencial. Apenas na primeira fase, contará com 4.500 boxes, 90 lojas, 36 Megalojas, área construída de 70 mil metros quadrados (m²), com possibilidade de ampliação; e funcionará das 5h da manhã das quartas-feiras ao meio-dia das quintas-feiras e de 5h da manhã dos sábados ao meio-dia dos domingos.

Conhecendo o potencial de pequenos empreendedores do setor da moda, o Centro Fashion é também uma ferramenta que visa impulsionar os negócios de feirantes, especialmente os que trabalham na Feira da José Avelino, e constantemente sofrem com os problemas inerentes à rua – como insegurança, chuva, desconforto, dentre outras situações. De acordo com Francisco Philomeno Neto, diretor do Centro Fashion, a expectativa é de que o empreendimento deve movimentar R$ 2,5 bilhões por ano, receber uma média de 70 ônibus por feira e gerar em torno de 10 mil empregos diretos iniciais e 20 mil empregos indiretos, com perspectiva de crescimento. “Nós temos muitas possibilidades de ascensão dentro desse empreendimento. Vamos fomentar o mercado popular de moda no Ceará e nos destacar no Nordeste e no Brasil”, acrescenta.

 

Estrutura e Logística

O Centro Fashion também tem a proposta de contribuir para o pujante turismo de compra, do qual o Ceará é rota constante.  “Nós esperamos receber em torno de 7 mil pessoas por semana e movimentar um montante de R$60 milhões semanais”, afirma André Pontes, diretor do Centro Fashion. O empreendimento contará com hospedagem própria com 340 leitos com o intuito de atender aos clientes do interior e de outros estados, que vêm a Fortaleza comprar mercadorias para a revenda.

O equipamento conta ainda com pavimento completo de praça de alimentação, salão de beleza, lotéricas, caixas eletrônicos, lojas de aviamentos, lojas de tecidos, escritório virtual, espaço para desfiles, dentre outros serviços. Outro diferencial é a disponibilidade de 130 vagas exclusivas para ônibus, além de vagas para carros, motos e bicicletas.

Dentro das ações sustentáveis, foi implantado um projeto de captação de água da chuva, utilização de ventilação natural e lâmpadas eficientes. Também está sendo desenvolvido um projeto de armazenamento e geração de energia solar, em que serão instaladas placas na cobertura do edifício para a captação dos raios solares. A medida, além de contribuir com o meio ambiente, tornará o empreendimento autossuficiente para produção de energia elétrica, podendo inclusive vender energia nos dias em que não funcionar.

Pensando na comunidade do entorno e nos traseuntes da localidade, houve ainda um trabalho de melhoria nas ruas que circulam o empreendimento com drenagem, pavimentação e construção de calçadas.

 

Publicidade

Grupo Marquise e Ecofor transformam pontos de lixo em jardins verticais

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

20 de outubro de 2016

IMG-20161018-WA0006

Com o mote “transforme agora”, o Grupo Marquise  e a Ecofor Ambiental vêm transformando pontos de lixo da cidade em jardins verticais. Até o momento, cinco jardins foram implantados: três na Barra do Ceará e, essa semana, outros dois, no Jangurussu. A ação faz parte de um amplo programa de educação ambiental, o Ecocidadão. Como iniciativa do programa, nos dias 21, 22 e 23 de outubro, a equipe de educadores ambientais da Ecofor estará no bairro Jangurussu, na Praça Sítio São João, com jogo educativo  e distribuição de revistinha interativa, voltada a crianças, com atividades que informam sobre a correta disposição dos resíduos sólidos. No sábado (22), haverá apresentação da esquete musical “Sou um Ecocidadão”, com o Grupo Bagaceira, às 19h.

Para o diretor geral de operações de serviços ambientais do Grupo Marquise, Hugo Nery, se cada cidadão cuidasse de sua rua de forma correta, hoje não teríamos um problema ambiental macro.“Infelizmente, ainda é comum observarmos pessoas depositando resíduos em dias e horários que não correspondem aos da coleta domiciliar”, afirma Nery.
A transformação dos pontos de lixo em jardins verticais ocorre junto a ações de conscientização ambiental com a comunidade, para evitar que o problema volte a acontecer. A equipe de educadores ambientais da Ecofor conversa com os moradores, com o objetivo de que adotem os jardins, cuidando das plantas e atuando como fiscais voluntários.

Os cinco jardins foram instalados nos seguintes endereços:

Barra do Ceará:
Rua Flor do Lírio, esquina com Rua Tulipa
Rua Adolfo Sales, esquina com  Av. Cel. de Carvalgo
Rua Araken

Jangurussu
Rua Verde 39 x Rua Doze.
Rua 40 x Rua 37.

Sobre o Ecocidadão

O programa Ecocidadão, trabalho de conscientização ambiental realizado pela Ecofor desde 2010, leva ações de sensibilização sobre a correta disposição de resíduos sólidos e sobre formas de redução da incidência de lixo solto às maiores zonas geradoras de lixo e aos bairros com maior incidência de pontos de lixo. A iniciativa abrange ações como fixação de placas proibitivas nas comunidades atendidas, educação ambiental porta a porta, reuniões com líderes comunitários, implantação de gari comunitário e projeto de grafitagem.

Em 2015, o Ecocidadão nas Escolas, um dos braços do programa, impactou 38 mil crianças e 520 professores em quatro meses de atividade. A edição consistia em esquete musical, elaborada pelo Grupo Bagaceira, e revistinha interativa.

Publicidade

Marquise Ambiental estará representada na Recicla Nordeste 2016

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

14 de junho de 2016

unnamed
A Marquise Ambiental, empresa integrante do Grupo Marquise, estará representada  com um estande na Recicla Nordeste 2016, que ocorre entre os dias 15 a 17 de junho, no Centro de Eventos do Ceará. A feira, que este ano tem como tema “Um ciclo de oportunidades para gerar negócios”, reúne empresários, executivos, compradores, gestores ambientais, profissionais autônomos e representantes do poder público e de ONGs de todas as regiões do Brasil.
No estande da Marquise Ambiental serão apresentados os cases de gestão de aterros sanitários e da Gás Natural Renovável Fortaleza (GNR Fortaleza), unidade inaugurada em abril que vai possibilitar a retirada do gás metano da superfície do Aterro e será a segunda maior do País, com capacidade para a produção de 100.000 m³ de biometano por dia, gerados do Aterro Sanitário Municipal Oeste de Caucaia (Asmoc).
O evento é realizado pelo Sindicato das Empresas de Reciclagem de Resíduos Sólidos Domésticos e Industriais do Estado do Ceará (SINDIVERDE–CE), e promovido pela Dinâmica Eventos. 
Sobre a Marquise Ambiental
A Marquise Ambiental está presente em diversas cidades do Brasil e atende a cerca de 13 milhões de habitantes/ano. Em Fortaleza, a empresa atua, junto à Prefeitura, por meio da Ecofor Ambiental, na operação dos Ecopontos, equipamentos para descarte gratuito de pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de pneus, óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros, metais, celulares e aparelhos eletroeletrônicos.
Publicidade

Diretor da Marquise Ambiental fala sobre investimento público e privado em resíduos sólidos em seminário promovido pela CDL

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

20 de Abril de 2016

Os investimentos públicos e privados em resíduos sólidos serão tema de debate durante o 3º Seminário Política Nacional de Resíduos Sólidos, que será realizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza no dia 25 de abril. O diretor geral de Serviços Ambientais do Grupo Marquise, Hugo Nery, é um dos palestrantes do evento. À frente da Marquise Ambiental desde 2002, Nery é responsável pela gestão de atividades na área da limpeza urbana em todas as filiais do Grupo Marquise pelo Brasil, envolvendo gerenciamento de resíduos sólidos urbanos, varrição e conservação de logradouros públicos, construção e gerenciamento de aterros sanitários e de sistemas de água e esgoto. Atualmente, a Marquise Ambiental está presente em 11 cidades brasileiras, atendendo a uma população estimada de 18 milhões de pessoas. Na mesa também estarão presentes representantes do BID, do Banco Mundial, do Ministério do Meio Ambiente, do Banco de Desenvolvimento da América Latina e do Grupo Solvi. A programação completa do 3º Seminário Política Nacional de Resíduos Sólidos está disponível na página do evento: http://praticaeventos.com/programacao-seminario-residuos-solidos/

 

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Grupo Marquise é homenageado em sessão solene na Assembleia Legislativa

Por Oswaldo Scaliotti em Sem categoria

23 de Fevereiro de 2016

1_GrupoMarquise
Reconhecimento ] Sessão solene realizada às 19h, na quarta-feira (24), no Plenário 13 de Maio, celebrará as quatro décadas de atuação do Grupo.
Presente em oito estados brasileiros, com mais de seis mil colaboradores, o Grupo Marquise receberá, no dia 24 de fevereiro, mais uma homenagem em alusão aos seus quarenta anos.

A celebração soma-se a outras conquistas recentes da Marquise, que, em 2015, foi eleita a maior construtora do Norte e Nordeste pelo Ranking 500 Grandes da Construção, publicado pela Revista O Empreiteiro. Também em 2015, a Marquise Incorporações, uma das empresas do Grupo, foi contemplada com o Prêmio Destaque da Construção 2015, da Coopercon-Ceará.

Para o presidente do Grupo Marquise, José Carlos Pontes, o reconhecimento contempla vários anos de investimentos em qualificação profissional dos colaboradores, além de constante busca por aprimoramento e diversificação das áreas de atuação da empresa, cuja trajetória teve início na década de 1970, como Construtora Marquise. “A homenagem da Assembleia Legislativa representa, para mim, o reconhecimento de quatro décadas de dedicação e de comprometimento com a qualidade de todos os negócios que empreendemos. Estamos orgulhosos dos caminhos que trilhamos até aqui”, afirma o empresário.

 

Sobre o Grupo Marquise

Com quatro décadas  de atuação,o Grupo Marquise expandiu e diversificou suas áreas de atuação e hoje se insere nos seguintes segmentos: incorporações, infraestrutura, serviços ambientais, hotelaria, comunicação, shopping center, centrais de atendimento ao cidadão e, em breve, centro de moda popular.

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Grupo Marquise é homenageado em sessão solene na Assembleia Legislativa

Por Oswaldo Scaliotti em Sem categoria

23 de Fevereiro de 2016

1_GrupoMarquise
Reconhecimento ] Sessão solene realizada às 19h, na quarta-feira (24), no Plenário 13 de Maio, celebrará as quatro décadas de atuação do Grupo.
Presente em oito estados brasileiros, com mais de seis mil colaboradores, o Grupo Marquise receberá, no dia 24 de fevereiro, mais uma homenagem em alusão aos seus quarenta anos.

A celebração soma-se a outras conquistas recentes da Marquise, que, em 2015, foi eleita a maior construtora do Norte e Nordeste pelo Ranking 500 Grandes da Construção, publicado pela Revista O Empreiteiro. Também em 2015, a Marquise Incorporações, uma das empresas do Grupo, foi contemplada com o Prêmio Destaque da Construção 2015, da Coopercon-Ceará.

Para o presidente do Grupo Marquise, José Carlos Pontes, o reconhecimento contempla vários anos de investimentos em qualificação profissional dos colaboradores, além de constante busca por aprimoramento e diversificação das áreas de atuação da empresa, cuja trajetória teve início na década de 1970, como Construtora Marquise. “A homenagem da Assembleia Legislativa representa, para mim, o reconhecimento de quatro décadas de dedicação e de comprometimento com a qualidade de todos os negócios que empreendemos. Estamos orgulhosos dos caminhos que trilhamos até aqui”, afirma o empresário.

 

Sobre o Grupo Marquise

Com quatro décadas  de atuação,o Grupo Marquise expandiu e diversificou suas áreas de atuação e hoje se insere nos seguintes segmentos: incorporações, infraestrutura, serviços ambientais, hotelaria, comunicação, shopping center, centrais de atendimento ao cidadão e, em breve, centro de moda popular.

  • postado por Oswaldo Scaliotti