Malga Di Paula Archives - News Maranguape 
Publicidade

Malga Di Paula

Chico Anysio (In Memoriam) foi tema de pesquisas de comunicadoras durante o final de semana em Maranguape

Por Dadynha Saturnino em Pessoas

03 de setembro de 2013

Maranguape – Ceará. A vida do maranguapense Chico Anysio (In Memoriam), maior comediante que este país já teve, foi tema de pesquisas da jornalista, cineasta, escritora e coordenadora de conteúdo do site oficial e das mídias sociais da carreira do artista Ellen Ferreira, mato-grossense radicada no Rio de Janeiro – RJ,  em parceria com a jornalista, blogueira e Embaixatriz do Instituto Chico Anysio em Maranguape Dadynha Saturnino.

 

Durante todo o final de semana, de 30 de agosto a primeiro de setembro, as duas comunicadoras se dedicaram incessantemente ao trabalho de pesquisas para este importante registro histórico da longa vida do artista desde o seu nascimento, saída e diversos retornos à terra natal e post mortem, através de entrevistas depoimentos em vídeo e áudio e centenas de fotografias das pessoas e locais visitados.

 

O Humorista, Amigo pessoal e Diretor do Teatro Chico Anysio Jader Soares – Zebrinha, o Chefe de Gabinete Dr. Alysson Câmara, a Gerente de Turismo da Fundação Viva Maranguape de Turismo, Esporte Turismo e Lazer – FITEC Renata Garcia, os Ex-Prefeitos Marcelo Silva e Humberto Correia Mota, o Diretor da Rádio Maranguape FM Ubirajara Júnior e o vizinho Gerardo Amador foram alguns dos que contaram, nos dois primeiro dias de trabalho, sobre as experiências e contatos que tiveram com o saudoso conterrâneo e seus familiares.

 

 

Alysson Câmara, Renata Garcia e Ellen Ferreira. Foto de Dadynha Saturnino

Chefe de Gabinete Municipa Dr. Alysson Câmara, Gerente de Turismo da FITEC Renata Garcia e Escritora Ellen Ferreira. Foto de Dadynha Saturnino

 

 

Eliane do Grupo Folclórico Luar do Sertão. Foto de Dadynha Saturnino

Eliane do Grupo Folclórico Luar do Sertão exibe trajes utilizados durante apresentações juninas em homenagens a Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

 

 

Ex-Prefeito Marcelo Silva, Dadynha Saturnino e Ellen Ferreira. Foto Madeline Cordeiro

Ex-Prefeito Marcelo Silva, Dadynha Saturnino e Ellen Ferreira nos estúdios da Rádio Maranguape FM. Foto de Madeline Cordeiro

 

No domingo (01), atendendo ao pedido e convite das pesquisadoras, Elano de Paula (acompanhado da esposa Lú Oliveira, do amigo Jader Soares e parentes) veio à Casa onde ele e Chico nasceram e moraram com os pais e outros irmãos. Elano falou, com tranquilidade, do nascimento do irmão, da morada e dos canaviais presentes no Sítio Ipú, da vida em família no Rio de Janeiro e do sucesso obtido ao longo da carreira artística dos dois. Destacou vários fatos importantes e até nunca antes contados pra imprensa.

 

Conhecida por todos como a Casa do Chico Anysio, localizada na Rua Chico Amador, Nº 68, Bairro do Parque das Rosas, é administrada atualmente pela FITEC, presidida por Isla Márcia e já recebeu centenas de visitantes desde a sua reabertura em maio último. Agradecemos a disponibilidade e atenção da Renata Garcia, Amanda Jucá, Natália Travassos e demais membros da equipe de recepcionistas da Casa do Chico.

Ellen Ferreira e Elano de Paula. Foto de Dadynha Saturnino

Ellen Ferreira e Elano de Paula. Foto de Dadynha Saturnino

 

 

Elano de Paula e recepcionistas da Casa do Chico Anysio. Foto Dadynha Saturnino

Elano de Paula com Natália Travassos e Amanda Jucá, simpáticas recepcionistas da Casa do Chico Anysio. Foto Dadynha Saturnino

 

 

Zebrinha, Elano e Dadynha na Casa do Chico Anysio. Foto Jader Soares (filho)

Embaixadores do Insituto Chico Anysio Zebrinha e Dadynha com Elano na Casa do Chico. Foto Jader Soares (filho)

 

Elano de Paula e Madeline Cordeiro na Casa do Chico Anysio. Foto Dadynha Saturnino

Elano de Paula e Madeline Cordeiro na Casa do Chico Anysio. Foto Dadynha Saturnino

 

Após a entrevista, Elano e demais almoçaram com as pesquisadoras, com Helena e Madeline Cordeiro (a quem agradecemos por todo apoio) no Restaurante Paulinho Grill Maranguape, finalizando temporariamente os trabalhos no berço de Chico Anysio. 

 

Lu Oliveira, Dadynha Saturnino, Elano Paula, Jader Soares-Zebrinha, Socorro Távora no Restaurante Paulinho Grill. Foto Madeline Cordeiro

Lu Oliveira, Dadynha Saturnino, Elano Paula, Jader Soares-Zebrinha, Socorro Távora no Restaurante Paulinho Grill. Foto Madeline Cordeiro

 

 

Ellen Ferreira

 

Nascida em Cuiabá, Mato Grosso, reside há nove anos no Rio de Janeiro – RJ, onde formou-se em Jornalismo e está em fase de conclusão do Curso de Cinema (último semestre), ambos pela Pontifícia Universidade Católica – PUC Rio. Seu primeiro trabalho na televisão foi realizado no Programa “Dedé e o Comando Maluco”, no Sistema Brasileiro de Televisão – SBT. Atuou na área de conteúdo e produção de vídeo web em diversos programas da Rede Globo. Produziu e dirigiu quatro filmes: “Já ouvi essa voz”, primeiro longa-metragem sobre a dublagem brasileira, “Chico é Mais”, curta-metragem sobre a carreira artística de Chico Anysio, “Bárbara em Cena”, um mergulho cinematográfico na vida da professora, tradutora e crítica teatral Bárbara Heliodora que circulou por mais de 17 festivais de cinema no Brasil e no exterior e foi vencedor de dois Festivais na categoria “Melhor Documentário”“Lugar de Glória”, curta-metragem de ficção que conta a história da jovem Glória, uma filha de pescador que sonha em trabalhar com costura em uma Escola de Samba carioca. Atualmente, trabalha como coordenadora de conteúdo do site oficial e das mídias sociais da carreira do artista Chico Anysio.

 

Site oficial Chico Anysio

Facebook  Chico Anysio Oficial

Twitter Oficial Chico

Publicidade

Blog News Maranguape entrevista com exclusividade o Humorista André Lucas, filho do Chico Anysio. Por Dadynha Saturnino

Por Dadynha Saturnino em Entrevistas

20 de agosto de 2013

Na próxima quinta (22), o Humorista carioca André Lucas (filho do Chico Anysio) sobe ao palco do V Festival Nacional de Humor de Maranguape – Ceará para apresentar-se na abertura oficial da Mostra de Humor. Na edição anterior, interpretou o Professor Raimundo (foto) na remontagem da Escolinha do Professor Raimundo ao lado de artistas que fizeram parte do elenco do famoso Programa de TV e vieram à Maranguape especialmente para participar do evento que desde 2009 homenageia o Mestre do Humor brasileiro. 

 

André Lucas caracterizado de Professor Raimundo e Dadynha Saturnino durante o IV Festival Nacional de Humor de Maranguape - Ceará, em 2012. Arquivo pessoal.

André Lucas caracterizado de Professor Raimundo e Dadynha Saturnino durante o IV Festival Nacional de Humor de Maranguape – Ceará, em 2012. Arquivo pessoal.

 

André tem 44 anos, é carioca do Rio de Janeiro, irmão de Tânia Lucas, Lúcia Lucas, Lug de Paula, Nizo Neto, Rico Rondelli, Bruno Mazzeo, Cícero Chaves, Rodrigo Paula e Victoria Paula. Possui curso superior incompleto em Direito, mas, a influência e convivência com o pai o estimulou para a vida artística desde cedo. Na adolescência, apresentou o quadro a “Galera do Chico”, na Rádio Globo, no RJ, onde interpretava todos os personagens criados pelo pai. Em 1984 iniciou na TV Globo com pequenas participações no Programa Chico Anysio Show. Somente em 1994 tornou-se nacionalmente conhecido como o “Seu Aranha”, personagem da Escolinha do Professor Raimundo que utilizava o bordão “Para com Ilsso!! Deixa Dilsso! Depois participou do Programa Show do Tom, na Record, Zorra Total, na Globo, A Praça é nossa, no SBT e no Programa esportivo “Vale Tudo” na BAND e em outubro próximo lançará o espetáculo André Lucas “REVIVE” Chico Anysio.

 

Nesta entrevista exclusiva concedida ao Blog News Maranguape por Dadynha Saturninopor e-mail, André falou sobre os planos para o futuro, a memória de Chico, a relação de amizade com a Empresária Malga Di Paula (viúva do pai), que ficará apenas um dia na cidade, mas, aproveitará para rever os amigos cearenses. Finalizou afirmando:  “Maranguape é um cartão postal.” Confiram:

 

BNM – Como aconteceu a sua iniciação à vida artística?

AL – Desde pequeno frequentava as gravações do Programa Chico Anysio Show e fazia pequenas participações. Em 1984 participei do quadro do personagem “Xerife Bronco Billy” e tornei-me “Simpson”, o assistente dele. Depois, o filho “Ted” do Pastor “Tim Tones”, inesquecíveis personagens do meu pai na televisão, sendo influenciado e estimulado por ele. Com as convivências diárias não tinha como ser diferente.

 

BNM – O que representa ser “filho do saudoso Mestre do Humor Brasileiro?”

AL – O maior orgulho. Ele foi um divisor de águas no humor, que é divido em antes e após Chico Anysio.

 

BNM – Você faz parte do Instituto Chico Anysio? O que ele representa para você? 

AL – Faço parte, sim. Sou Vice Presidente e defendo e condeno o tabagismo. Mas, na verdade, quem está por dentro 100% é a Malga (viúva do Chico).

 

BNM – Como está a sua vida profissional e quais os planos para o futuro?

AL – Está bem. Em outubro estreio um novo espetáculo pelo país, um show em homenagem a Chico Anysio. Se chama André Lucas “REVIVE” Chico Anysio (confira release após a Entrevista). E, até dezembro lanço o CD das melhores estórias contadas por Chico e o Show da Escolinha do Professor Raimundo, sendo eu o Professor, com alunos que fizeram parte da Escolinha.

 

BNM – E existe alguma possibilidade da Escolinha do Professor Raimundo voltar a ser exibida na TV?

AL – No teatro sim. Na TV acho que não, mas, quem sabe….

 

BNM – Como está a sua relação com a Malga Di Paula, viúva do seu pai e de que forma vocês pensam em atuar na manutenção da memória do Chico?

AL – A mesma que sempre tive com ela, uma relação de amigo, uma relação melhor possível. Iremos atuar na memória do Chico sempre, fazer o possível para perpetuar a sua memória, apesar de saber que a memória Dele já é IMORTAL.

 

BNM – Qual a importância de Maranguape para você? Que tipo de convite você aceitaria para estar mais perto da nossa gente?

AL – É uma cidade muito importante na minha vida, desde pequeno vou a Maranguape. Qualquer convite, tendo disponibilidade, eu vou. É só chamar.

 

BNM – Agradecemos por sua simpatia e disponibilidade sempre que o procuramos. Que você volte sempre à Maranguape. Fique a vontade para as suas considerações finais.  

AL – Ora, ora! O que eu gostaria de falar é: que a Casa onde meu pai nasceu virasse um Museu com as suas obras para Maranguape virar realmente uma cidade de turismo, para que os turistas venham conhecer a história do gênio Chico Anysio. Isso iria movimentar um turismo muito bom para esta bela cidade, que não é qualquer cidade. Maranguape é um cartão postal. 

 

André Lucas “REVIVE” Chico Anysio – o Show 

 

“REVIVE”, o novo Show de André Lucas é um espetáculo com as coletâneas das melhores estórias, piadas e números interpretados durante 50 anos por Chico Anysio, no Teatro. Portanto um espetáculo versátil e inteligente.

Chico Anysio não se mede em quilos, centímetros, hertz ou segundos, mas, na unidade de vida que a consagração criou e configurou, individualizando-o e batizando-o na energia do sucesso e força da popularidade.  Assim foi o mundo de Chico, mentor intelectual de 209 personagens vivos e admirados por todos. E este mundo de escritor, poeta, ator, compositor, diretor e artista plástico, principalmente na marcante simultaneidade – como é o caso – não se prende às dimensões concretas que nos são familiares. Vai muito mais além!

“REVIVE” é uma terapia total de riso, onde a energia carioca é jorrada em todas as direções e, neste caso, com uma responsabilidade tamanha, já que o que está se apresentando saiu da mente brilhante de um cearense, o Chico de Maranguape.

André é alto astral em cena. Mostra o cotidiano da vida em forma de humor inteligente e lapidado. No palco, o público tem a oportunidade de sentir pulsar a comédia em suas veias, num espetáculo de 1 hora e 15 minutos.

Outra boa surpresa é que a produção do show inclui imagens e a participação de um time de artistas de peso: Antônio Fagundes, Carlos Alberto de Nóbrega, Flávia Alessandra, Marília Pêra e, é claro: Chico Anysio. 

 

Informações  sobre o artista

Acesse o site Bozó Empreendimentos Artísticos

(21) 2446-7222 / 2446-7022 / 9961-7000

bozoshow@uol.com.br / bozoshow@chicoanysio.com

 

Serviço

 

Confira matéria no link V Festival Nacional de Humor de Maranguape recebe o Humorista André Lucas em sua abertura nesta quinta (22/08)

V Festival Nacional de Humor de Maranguape – Ceará 

Pré-Festival: de 19 à 21 de agosto – Sede e Distritos

Festival: de 22 à 25 de agosto – Sede

Shows musicais: Paulo Façanha, Reginaldo Rossi e Cajú & Castanha

Mais informações: (85)3369-9188.

Realização: Prefeitura Municipal de Maranguape e Fundação Viva Maranguape de Turismo, Esporte e Cultura – FITEC

Promoção: TV Diário

Apoio: Banco do Nordeste, Governo do Estado do Ceará (Secretaria da Cultura – SECULT) e Governo Federal (Ministério do Turismo).

Publicidade

Malga Di Paula recebe Medalha da Abolição concedida ao marido, o maranguapense Chico Anysio (in memoriam)

Por Dadynha Saturnino em homenagem

26 de Março de 2013

Na noite da última segunda-feira (25) Malga Di Paula recebeu das mãos do Governador Cid Gomes a Medalha da Abolição concedida pelo Governo do Estado do Ceará ao esposo, o maranguapense Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho, o Chico Anysio (in memoriam). A homenagem também foi concedida aos Empresários Ivens Dias Branco, Yolanda Queiroz e para a Jornalista Adísia Sá, numa solenidade ocorrida no Palácio da Abolição. 

Malga Di Paula com a Medalha da Abolição concedida pelo Governo do Estado do Ceará ao saudoso Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula com a Medalha da Abolição concedida pelo Governo do Estado do Ceará ao maranguapense Chico Anysio (in memoriam). Foto de Dadynha Saturnino

André Lucas (filho do homenageado), d. Udila Agnol (sogra de Chico), Prefeito de Maranguape Átila Câmara, a noiva Suzana Nóbrega, a Secretaria de Turismo e Cultura de Maranguape Isla Márcia Vidal, o Deputado Federal Raimundo Gomes de Matos, o Humorista Jader Soares (Zebrinha) e Sra. Socorro, a Jornalista maranguapense Ingrid Freitas, o cerimonialista Waldgleison e o Empresário Everardo Ferreira Telles marcaram presença a esta importante homenagem que ocorre há 50 anos no Estado do Ceará. 

DSC02588
DSC02629
DSC02614
DSC02604
DSC02599
DSC02596

Confira a cobertura fotográfica completa no facebook Dadynha Saturnino

Publicidade

Chico Anysio (in memoriam) foi homenageado pela esposa Malga Di Paula e maranguapenses no último domingo (24)

Por Dadynha Saturnino em homenagem

26 de Março de 2013

No final da tarde do último domingo (24), Malga Di Paula (viúva do maranguapense Chico Anysio, falecido em 23 de março de 2012), jogou pétalas de rosas sobre a cidade de Maranguape durante um sobrevoo de helicóptero que decolou do Marina Park Hotel, em Fortaleza. Malga estava acompanhada de Dadynha Saturnino (esta Jornalista em formação e Embaixatriz do Instituto Chico Anysio – ICA), da mãe Sra Udila, do Deputado Federal Raimundo Gomes de Matos e do piloto da aeronave.

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Fotos de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Fotos de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula joga pétalas de rosas em Maranguape. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Fotos de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula joga pétalas de rosas em Maranguape. Fotos de Dadynha Saturnino

 

Antes da decolagem, Malga jogou gotas do perfume dela e do Chico nas pétalas de rosas e na camisa que traz a foto de Chico com a frase Um ano depois “O Chico não morreu, ele foi trabalhar no céu” Malga Di Paula, homenagem feita pelo também Embaixador do ICA Humorista Zebrinha. Momento de muita emoção!

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Fotos de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Foto de Dadynha Saturnino

 

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Fotos de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula homenageia Chico Anysio em Maranguape. Foto de Dadynha Saturnino

Em 12 de abril de 2012, parte das cinzas do humorista também foram jogadas sobre a mata atlântica de Maranguape e justamente por isso a esposa fez questão de retornar um ano após a morte do marido. “Maranguape foi o local onde Chico foi mais feliz e ele pediu: quando morrer, quero que minhas cinzas sejam jogadas sobre Maranguape e sobre o Projac no Rio de Janeiro-RJ, local onde também foi muito feliz” pontuou Malga que atendeu ao pedido do marido e fez a sua homenagem, jogando pétalas sobre a Casa onde Chico Anysio nasceu (no bairro do Parque das Rosas) e morou durante os oito primeiros anos de sua vida, sobre a cidade que tanto deve ao marido pois este sempre promoveu-a gratuitamente.

O pouso aconteceu no Estádio Moraizão e todos foram recepcionados pelo Prefeito Átila Câmara, Vice Prefeito Luciano Girão, Presidente da FITEC Márcia Vidal, Vice Presidente da FITEC Danya Santiago, Chefe da Guarda Municipal Cap Francisco Nunes, Secretária de Ação Social Tânia Gurgel e pelo povo de Maranguape. Do alto, Malga avistou um homem vestindo a camisa do Grêmio, time do coração dela e do marido e já em solo, fez questão de cumprimentá-lo e registrar a coincidência. Ou não. “Isso é coisa do Chico”, disse Malga, ao lado do Sr Roberto, o gremista maranguapense.

Malga Di Paula homenageia é recepcionada pelo Prefeito Átila Câmara no Estádio Moraizão. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula homenageia é recepcionada pelo Prefeito Átila Câmara no Estádio Moraizão. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula com o Prefeito Átila Câmara e o gremista maranguapense Roberto. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula com o Prefeito Átila Câmara e o gremista maranguapense Roberto. Foto de Dadynha Saturnino

Na ida para o Museu da Cidade, uma pausa na Casa do Chico, que a a sogra, d. Udila fez questão de conhecer. Fomos surpreendidos pelas pétalas de rosas que mesmo jogadas do alto, estavam ali, no chão, na casa “D’Ele”! O vento não levou as rosas jogadas sobre o Parque das Rosas! Apresentamos à Malga o Sr Gerardo Amador, amigo de infância do Chico, que falou com saudades e muita graça (risos) dos pais (d. Haydeé e Sr. Oliveira), de todos os irmãos do humorista e de muitas lembranças daquela época: as brincadeiras com bola de meia, de pega-pega e da mangueira que tanto referencia a infância de Chico. Descontraiu a todos que lotaram a calçada da sua casa.  

D.Udila, Malga Di Paula, Dadynha Saturnino e Átila Câmara na Casa do Chico. Arquivo de Dadynha Saturnino

D.Udila, Malga Di Paula, Dadynha Saturnino e Átila Câmara na Casa do Chico. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula, a mãe d. Udila, Dadynha Saturnino, Átila Câmara e demais autoridades na Casa do Chico. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula, a mãe d. Udila, Dadynha Saturnino, Átila Câmara e demais autoridades na Casa do Chico. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula e a mãe d. Udila na Casa do Chico. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula e a mãe d. Udila na Casa do Chico. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula e Sr Gerardo Amador, amigo de infância do Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula e Sr Gerardo Amador, amigo de infância do Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

D. Udila com o Sr Gerardo Amador, amigo de infância do genro Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

D. Udila com o Sr Gerardo Amador, amigo de infância do genro Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

 

 

O povo do Parque das Rosas recebeu Malga Di Paula com alegria. Arquivo de Dadynha Saturnino

O povo do Parque das Rosas recebeu Malga Di Paula com alegria. Arquivo de Dadynha Saturnino

No Museu, a recepção ficou por conta da Banda de Música Municipal Maestro João Inácio Fonseca que homenageou o artista tocando o conhecido Hino ao Músico (aquele da abertura da Escolinha do Professor Raimundo). O Prefeito Átila Câmara, o Deputado Raimundo Matos e o Humorista Zebrinha também prestaram as suas homenagens além do povo de Maranguape que foi carinhosamente abraçar a esposa do Chico, que levou muitos às lágrimas quando fez uso da palavra: foi emocionante!

Banda de Música de Maranguape homenageia Chico Anysio. Arquivo de Dadynha Saturnino

Banda de Música de Maranguape homenageia Chico Anysio. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga visitou a sala que trás a exposição de 20 caricaturas de personagens do Chico feitas por cartunistas brasileiros e presentes no livro “É mentira, Chico” do Ziraldo. Também conferiu e brincou com marionetes (14) de personagens do Humorista (entre eles Pantaleão, Véio Zuza, Salomé e Professor Raimundo), de um metro de altura, feitas de madeira pelo artista Gandhy Piorski Aires que assim define Chico: “onipresente por detrás de tantas caras do Brasil”. Todas as peças fazem parte do acervo permanente do Museu da Cidade.

Malga é abraçada por Dadynha após o disrcurso emocionante. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga é abraçada por Dadynha após o disrcurso emocionante. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga conhece as obras que homenageiam o marido no Museu da Cidade. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga conhece as obras que homenageiam o marido no Museu da Cidade. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga e a mãe d. Udila manuseiam a marionete réplica do Professor Raimundo, famoso personagem do marido, o humorista Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Malga e a mãe d. Udila manuseiam a marionete réplica do Professor Raimundo, famoso personagem do saudoso marido, o humorista Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Turismólogo Alexandre Freire Cabral conta à Malga Di Paula um pouco da história de Maranguape através do acervo presente no Museu da Cidade. Foto de Dadynha Saturnino

Turismólogo Alexandre Freire Cabral conta à Malga Di Paula um pouco da história de Maranguape através do acervo presente no Museu da Cidade. Foto de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula exibe camisa de Maranguape, presente dado pela Embaixatriz do Instituto Chico Anysio em Maranguape Dadynha Saturnino. Arquivo pessoal.

Malga Di Paula exibe camisa de Maranguape, presente dado pela Embaixatriz do Instituto Chico Anysio em Maranguape Dadynha Saturnino. Arquivo pessoal.

Secretária da FITEC Márcia Vidal, Prefeito Átila Câmara, Empresária e viúva do Chico Anysio Malga Di Paula, Embaixador do ICA no Ceará Humorista Zebrinha e Jornalista e Embaixatriz do ICA em Maranguape Dadynha Saturnino encerrando a visita ao Museu da Cidade. Arquivo de Dadynha Saturnino

Secretária da FITEC Márcia Vidal, Prefeito Átila Câmara, Empresária e viúva do Chico Anysio Malga Di Paula, Embaixador do ICA no Ceará Humorista Zebrinha e Jornalista e Embaixatriz do ICA em Maranguape Dadynha Saturnino encerrando a visita ao Museu da Cidade. Arquivo de Dadynha Saturnino

Às 19hs Malga participou da Missa comunitária na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha (local onde Chico Anysio foi batizado), celebrada pelo carismático Padre Arildo de Castro e rezou pelo esposo e pelos maranguapenses. 

Malga Di Paula participa da Missa no Domingo de Ramos em Maranguape. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula participa da Missa no Domingo de Ramos em Maranguape. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga di Paula oferece rosas durante a Missa em Maranguape. Foto de Dadynha Saturnino

Malga di Paula oferece rosas durante a Missa em Maranguape. Foto de Dadynha Saturnino

Elano de Paula oferta rosa durante a Missa de um ano de falecimento do irmão Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Elano de Paula oferta rosa durante a Missa de um ano de falecimento do irmão Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Cap Nunes, Zebrinha, Padre Arildo, Malga Di Paula, Átila Câmara e Dadynha Saturnino na Secretaria da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha após a Missa do Domingo de Ramos. Arquivo de Dadynha Saturnino

Cap Nunes, Zebrinha, Padre Arildo, Malga Di Paula, Átila Câmara e Dadynha Saturnino na Secretaria da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha após a Missa do Domingo de Ramos. Arquivo de Dadynha Saturnino

Antes de partir para Fortaleza, onde está hospedada e permanece até a próxima quarta-feira, Malga participou do aniversário de Cleire Saturnino, na casa do Sr. Pedro de Paula Filho, parente do Chico Anysio. O Humorista Zebrinha e a esposa Socorro também participaram da confraternização familiar.

Malga Di Paula com a família de Pedro Paula Filho, parente de Chico Anysio. Aniversário de Cleire Saturnino. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula com a família de Pedro Paula Filho, parente de Chico Anysio. Aniversário de Cleire Saturnino. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula presenteia Dadynha Saturnino com o olho turco e chaveiro contra mal olhado, ambos trazidos por ela da Turquia. Arquivo de Dadynha Saturnino

Malga Di Paula presenteia Dadynha Saturnino com o olho turco e chaveiro contra mal olhado, ambos trazidos por ela da Turquia. Arquivo de Dadynha Saturnino

Cleire, Zebrinha e Pedro de Paula Neto.

Cleire, Zebrinha e Pedro de Paula Neto.

Dadynha Saturnino, Cap. Lorena, Socorro, Pedro de Paula Neto, Cleire e Vanda. Arquivo de Dadynha Saturnino

Dadynha Saturnino, Cap. Lorena, Socorro, Pedro de Paula Neto, Cleire e Vanda. Arquivo de Dadynha Saturnino

 

Veja cobertura fotográfica completa no facebook Dadynha Saturnino

Publicidade

Chico Anysio será homenageado neste domingo (24), em Maranguape.

Por Dadynha Saturnino em Notícias

23 de Março de 2013

Há exatamente um ano faleceu Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho, o Chico Anysio, Mestre do Humor brasileiro e maior comediante que este país já teve. A esposa, Malga Di Paula, virá à Maranguape no domingo (24) acompanhada da mãe, Sra Udila, prestar a sua homenagem ao saudoso esposo.

Às 16hs, partindo do Marina Park Hotel, em Fortaleza, Malga sobrevoará a Serra de Maranguape de helicóptero e jogará pétalas de rosas sobre a mata atlântica. O pouso será no Estádio Moraisão, em Outra Banda, onde será recebida por autoridades e sociedade civil e de lá seguirão juntos para uma visita ao Museu da Cidade, no Bairro do Centro. A Banda de Música Municipal Maestro João Inácio Fonseca fará uma homenagem, além do Prefeito Átila Câmara e dos Embaixadores do Instituto Chico Anysio no Ceará, Dadynha Saturnino e Jader Soares, o humorista Zebrinha. Ali mesmo no Museu, Malga receberá a imprensa antes de seguir para a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha onde participará da Missa Comunitária das 19hs e na sequência retornará para Fortaleza.

Mais homenagem

Na segunda (25), Malga também participará da Solenidade de entrega da Medalha da Abolição. Chico Anysio (in memoriam) será um dos homenageados com a mais alta comenda concedida pelo Governo do Estado do Ceará. O filho André Lucas também estará presente.

Medalha da Abolição. Foto Divulgação

Medalha da Abolição. Foto Divulgação

Publicidade

Maranguapense Chico Anysio (In Memoriam) receberá homenagem dupla no Ceará

Por Dadynha Saturnino em homenagem

20 de Março de 2013

Um ano após o seu falecimento, o maranguapense Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho (In Memoriam) ou simplesmente Chico Anysio, representado por sua esposa Sra. Malga Di Paula, será homenageado com a Medalha da Abolição, mais alta comenda concedida pelo Governo do Estado do Ceará.  A Professora e Jornalista Maria Adísia Barros de Sá e os Empresários Francisco Ivens de Sá Dias Branco e Yolanda Vidal Queiroz também serão agraciados. A solenidade está marcada para as 19hs do próximo dia 25 de março do ano em curso, no Palácio da Abolição em Fortaleza. Somente para convidados.

Na ocasião também será realizada a abertura da Exposição “Luz”, de Sérvulo Esmeraldo.

 

Medalha da Abolição. Foto Divulgação

Medalha da Abolição. Foto Divulgação

 

O dia 25 de março é símbolo da Abolição da Escravatura, quando em 1884 o Ceará entrou para a História do Brasil como o primeiro Estado a abolir o trabalho escravo e desde 2012 tornou-se feriado através de Emenda Constitucional de autoria do Deputado Lula Morais (PcdoB), aprovada pela Assembléia Legislativa em 2011.

 

 

Maranguape

 

Um dia antes (domingo, 24), Malga Di Paula irá especialmente à Maranguape (terra onde nasceu o maior comediante que este país já teve) e fará um sobrevoo de helicóptero sobre a Serra (local onde foram jogadas partes das cinzas do humorista falecido em 23 de março de 2012) e jogará pétalas de rosas sobre a mata atlântica. Em seguida, participará da Missa comunitária na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha, às 19hs e da homenagem póstuma que a Banda de Música Municipal Maestro João Inácio Fonseca fará ao humorista após a Missa, na Praça Francisco Colares Filho, ou Praça da Matriz, como é popularmente conhecida. Será recepcionada pelo Prefeito de Maranguape Átila Câmara.

O Diretor do Teatro Chico Anysio e amigo da família Jader Soares, já confirmou presença.

Esta JornalistaEmbaixatriz do Instituto Chico Anysio em Maranguape (na foto com o saudoso humorista) participará de todas as homenagens a convite da viúva Malga Di Paula.

 

Dadynha Saturnino e Chico Anysio no camarim do Festival Nacional do Humor de Maranguape, em 2010. Foto Arquivo Pessoal

Dadynha Saturnino e Chico Anysio no camarim do II Festival Nacional do Humor de Maranguape, em 2010. Foto Arquivo Pessoal

 

Publicidade

Conheça o Instituto Chico Anysio. Seja um apoiador da pesquisa sobre a cura do enfisema pulmonar.

Por Dadynha Saturnino em Solidariedade

13 de Janeiro de 2013

Instituto Chico Anysio é uma organização que apoia e incentiva as pesquisas com células-troncos da medula óssea para a cura do enfisema pulmonar e também atua conscientizando as pessoas sobre o mal que o tabagismo causa. É presidido por Malga Di Paula, viúva do Chico Anysio (1931-2012) maior comediante que este país já teve e empresta seu nome ao Instituto que tem como objetivo principal a arrecadação de  recursos para a realização das pesquisas em técnicas inovadoras que tem à frente o médico Dr. João Tadeu Ribeiro-Paes (médico e Doutor em Genética – pela Faculdade de Medicina – USP (Ribeirão Preto/SP) e coordenador do Laboratório de Genética e Terapia Celular – GenTe Cel – UNESP – Campus de Assis (SP) e a conscientização ao anti-tabagismo.

Folder do Instituto Chico Anysio. Foto divulgação

Chico Anysio

Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho, o Chico Anysio, nasceu em 12 de abril de 1931, em Maranguape, no Ceará. Filho de um rico empresário da cidade, foi morar com a família (os pais, os irmãos Elano, Lupe, Lilia e Zelito e a babá) no Rio de Janeiro após a Empresa de ônibus do pai pegar fogo.

Um par de tênis mudou o seu destino e entre todas as atividades que desempenhou (Ator, Comentarista, Compositor, Diretor, Escritor,  Humorista, Pintor, Radialista e Roteirista), certamente, as relacionadas à comédia foram as que mais fidelizaram o seu público: foram mais de 209 personagens que marcaram a sua carreira, entre eles Alberto Roberto, Bento Carneiro, Bozó, Coalhada, Divino, Justo Veríssimo, Nazareno, Painho, Pantaleão e Salomé que fizeram dele o maior comediante que este país já teve.

Dadynha Saturnino (Jornal A Cidade de Maranguape) entrevista Chico Anysio durante o durante o II Festival Nacional de Humor de Maranguape 2010. Foto do arquivo.

Dadynha Saturnino (Jornal A Cidade de Maranguape) e Ubirajara Jr (Maranguape FM) entrevistam Chico Anysio (acompanhado do filho André Lucas) durante o durante o II Festival Nacional de Humor de Maranguape 2010. Foto do arquivo.

 A doença de Chico

Chico contraiu o enfisema durante os mais de 30 anos que fumou e desejou ser curado através desta terapia feita em humanos (apresentou resultados excelentes em sua primeira fase), mas, faleceu em 23 de março de 2012 aos 81 anos de vida. Sua disponibilidade em apoiar a segunda fase da pesquisa fez com que a sua família lançasse o Instituto levando o seu nome e buscando parceiros, apoiadores e doadores que invistam dinheiro para que o tratamento seja realizado.

Ajude a salvar vidas.

A segunda fase, já aprovada pelo Conselho Nacional de Ética em Pesquisa, consiste na aplicação do tratamento em 40 pessoas, mas, para ser iniciada, precisa provar que possui os recursos orçados em cerca de um milhão de dólares (aproximadamente pouco mais de dois milhões de reais hoje, 13 de janeiro de 2013).

Você pode ajudar a realizar o sonho do maranguapense realizando uma doação, de no mínimo R$5,00, através do site pag seguro clicando no link Pag Seguro doação para o Instituto Chico Anysio  e qualquer valor através da conta corrente na Caixa Econômica Federal AG-2905 C/C Nº 03012000-6 e também adquirindo uma pulseira da campanha “Ajudando o Brasil a Respirar Melhor!” através da maranguapense Dadynha Saturnino (a unidade custa um valor simbólico de R$20,00).

Pulseiras do Instituto Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Pulseiras do Instituto Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Pulseiras do Instituto Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Embaixatriz do Instituto Chico Anysio – ICA

Convidada por Malga Di Paula a ser a Embaixatriz do ICA em Maranguape, esta jornalista em formação, blogueira e conterrânea do Mestre Chico Anysio assumiu o compromisso em representá-lo neste município, ajudar na divulgação das ações e na captação dos recursos para a realização da tão sonhada segunda fase da pesquisa.

Mais informações

ICA portal

ICA no facebook

ICA no twitter

Chico Anysio portal

Equipe: Berna Ayata, Celeste Rodrigues, Cris Courty, Ellen Ferreira, Léo Sander e Jorge Alberto.

 

Publicidade

Conheça o Instituto Chico Anysio. Seja um apoiador da pesquisa sobre a cura do enfisema pulmonar.

Por Dadynha Saturnino em Solidariedade

13 de Janeiro de 2013

Instituto Chico Anysio é uma organização que apoia e incentiva as pesquisas com células-troncos da medula óssea para a cura do enfisema pulmonar e também atua conscientizando as pessoas sobre o mal que o tabagismo causa. É presidido por Malga Di Paula, viúva do Chico Anysio (1931-2012) maior comediante que este país já teve e empresta seu nome ao Instituto que tem como objetivo principal a arrecadação de  recursos para a realização das pesquisas em técnicas inovadoras que tem à frente o médico Dr. João Tadeu Ribeiro-Paes (médico e Doutor em Genética – pela Faculdade de Medicina – USP (Ribeirão Preto/SP) e coordenador do Laboratório de Genética e Terapia Celular – GenTe Cel – UNESP – Campus de Assis (SP) e a conscientização ao anti-tabagismo.

Folder do Instituto Chico Anysio. Foto divulgação

Chico Anysio

Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho, o Chico Anysio, nasceu em 12 de abril de 1931, em Maranguape, no Ceará. Filho de um rico empresário da cidade, foi morar com a família (os pais, os irmãos Elano, Lupe, Lilia e Zelito e a babá) no Rio de Janeiro após a Empresa de ônibus do pai pegar fogo.

Um par de tênis mudou o seu destino e entre todas as atividades que desempenhou (Ator, Comentarista, Compositor, Diretor, Escritor,  Humorista, Pintor, Radialista e Roteirista), certamente, as relacionadas à comédia foram as que mais fidelizaram o seu público: foram mais de 209 personagens que marcaram a sua carreira, entre eles Alberto Roberto, Bento Carneiro, Bozó, Coalhada, Divino, Justo Veríssimo, Nazareno, Painho, Pantaleão e Salomé que fizeram dele o maior comediante que este país já teve.

Dadynha Saturnino (Jornal A Cidade de Maranguape) entrevista Chico Anysio durante o durante o II Festival Nacional de Humor de Maranguape 2010. Foto do arquivo.

Dadynha Saturnino (Jornal A Cidade de Maranguape) e Ubirajara Jr (Maranguape FM) entrevistam Chico Anysio (acompanhado do filho André Lucas) durante o durante o II Festival Nacional de Humor de Maranguape 2010. Foto do arquivo.

 A doença de Chico

Chico contraiu o enfisema durante os mais de 30 anos que fumou e desejou ser curado através desta terapia feita em humanos (apresentou resultados excelentes em sua primeira fase), mas, faleceu em 23 de março de 2012 aos 81 anos de vida. Sua disponibilidade em apoiar a segunda fase da pesquisa fez com que a sua família lançasse o Instituto levando o seu nome e buscando parceiros, apoiadores e doadores que invistam dinheiro para que o tratamento seja realizado.

Ajude a salvar vidas.

A segunda fase, já aprovada pelo Conselho Nacional de Ética em Pesquisa, consiste na aplicação do tratamento em 40 pessoas, mas, para ser iniciada, precisa provar que possui os recursos orçados em cerca de um milhão de dólares (aproximadamente pouco mais de dois milhões de reais hoje, 13 de janeiro de 2013).

Você pode ajudar a realizar o sonho do maranguapense realizando uma doação, de no mínimo R$5,00, através do site pag seguro clicando no link Pag Seguro doação para o Instituto Chico Anysio  e qualquer valor através da conta corrente na Caixa Econômica Federal AG-2905 C/C Nº 03012000-6 e também adquirindo uma pulseira da campanha “Ajudando o Brasil a Respirar Melhor!” através da maranguapense Dadynha Saturnino (a unidade custa um valor simbólico de R$20,00).

Pulseiras do Instituto Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Pulseiras do Instituto Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Pulseiras do Instituto Chico Anysio. Foto de Dadynha Saturnino

Embaixatriz do Instituto Chico Anysio – ICA

Convidada por Malga Di Paula a ser a Embaixatriz do ICA em Maranguape, esta jornalista em formação, blogueira e conterrânea do Mestre Chico Anysio assumiu o compromisso em representá-lo neste município, ajudar na divulgação das ações e na captação dos recursos para a realização da tão sonhada segunda fase da pesquisa.

Mais informações

ICA portal

ICA no facebook

ICA no twitter

Chico Anysio portal

Equipe: Berna Ayata, Celeste Rodrigues, Cris Courty, Ellen Ferreira, Léo Sander e Jorge Alberto.