Publicidade

Rede Social CE

por Raquel Souza

Ivens Dias Branco

Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco inicia ciclo formativo aberto ao público

Por raquelsouza em Gastronomia

15 de Janeiro de 2019

Mesas redondas, workshop e aula-show integram programação de encerramento dos Laboratórios de Criação da Escola, iniciados em novembro de 2018

Criada com o objetivo de ofertar cursos básicos, técnicos e avançados em panificação, confeitaria e cozinha básica, para jovens e adultos com ou sem experiência em gastronomia, e partir disso promover mobilidade social, a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco oferece ainda mentorias para desenvolvimento de processos e produtos com renomados profissionais e pesquisadores da área, através dos Laboratórios de Criação. Com a primeira turma iniciada em novembro do ano passado, a partir de edital, a Escola se prepara, agora, para formar sua primeira turma, e lança, ainda, programação gratuita e aberta ao público, com mesas redondas, workshop e aula-show. O acesso, aberto ao público em geral, se dará por ordem de chegada, sendo limitado à capacidade de cada espaço.

Para a diretora de gastronomia, esporte e conhecimento do Instituto Dragão do Mar, Flávia Castelo, os Laboratórios de Criação se constituem numa experiência inovadora, que convida curiosos e profissionais a uma imersão nos hábitos e descobertas sociais da nossa cultura alimentar, o que contribui para a inovação de processos e produtos da e para a nossa gastronomia.

Integram a programação de encerramento das primeiras turmas dos Laboratórios de Criação os alunos concludentes, os mentores e convidados com expertise em cada área de pesquisa.

PROGRAMAÇÃO

14 de janeiro de 2018 (segunda-feira)

Mesa redonda “O impacto da gastronomia social das periferias – Do Brasil à África”

Com Alex Duarte (Padoca do Alex), Danilo Montanha (Bom Samaritano Moçambique), Neide Rigo (autora do livro Mesa Farta no Semiárido) e Janderson Pinheiro (pesquisador selecionado nos Laboratórios de Criação).

Local:  Terraço

Horário: 19h às 21h

 

15 de janeiro de 2018 (terça-feira)

Workshop “Os caminhos da confeitaria brasileira”
Com Joyce Galvão (Autora A Química dos Bolos), Rafaela Medeiros (Pitanga Cozinha e pesquisadora selecionada nos Laboratórios de Criação) e Thiago Andrade (Instituto Brasil a Gosto)

Local:  Cozinha-Show

Horário: 19h às 21h

16 de janeiro de 2018 (quarta-feira)

Mesa Redonda “Transformações Social pela Gastronomia”
Com Teresa Corção (O Navegador), Antônio Bezerra (pesquisador selecionado nos Laboratórios de Criação), André Luiz (André Nutrichef), Gabrielle Mahamud (Flor de Sal) e Ana Parente (pesquisadora selecionada nos Laboratórios de Criação)

Local:  Cozinha-Show

Horário: 19h30 às 21h30

17 de janeiro de 2018 (quinta-feira)
Aula show “Cozinha de Interior: onde o caipira encontra o sertão”
Com Thiago Andrade (Instituto Brasil a Gosto)
Local: Confeitaria
Horário: 19h às 21h

18 de janeiro de 2018 (sexta-feira)

Aula show – Princípios básicos e aspectos nutricionais dos panificados sem glúten

Com André Luiz (André Nutrichef)
Cozinha-show

Horário: 19h às 21h

Sobre os mentores, convidados e selecionados

Neide Rigo é nutricionista pela Faculdade de Saúde Pública da USP, autora do blog Come-se e do livro Mesa Farta no Semiárido. Colunista do caderno Paladar do jornal O Estado de São Paulo.

Danilo Félix é fundador do Ministério Bom Samaritano Moçambique, projeto de ajuda humanitária sem fins lucrativos que, com a ajuda da Padoca do Alex, hoje conta com uma padaria para ajudar na alimentação de crianças órfãs e vulneráveis, viúvas e idosos impossibilitados.

Alex Duarte é padeiro artesanal de pães com fermentação natural, proprietário da Padoca do Alex e colunista do Blog Massa Madre. É um dos maiores influenciadores digitais na área de panificação.

Thiago Andrade é chef do Instituto Brasil a Gosto e coordena a participação deste em feiras e eventos, ministrando cursos e palestras. Trabalha no desenvolvimento de uma linha de produtos com a marca Brasil a Gosto.

André Luiz é proprietário da empresa André Nutrichef e atua como consultor em alimentos e bebidas saudáveis. É palestrante, personal nutrichef e professor de gastronomia funcional, além de ser jurado do Reality Supermerendeiras da TV Escola.

Gabi Mahamud é chef, culinarista e influenciadora premiada, autora do livro best seller Flor de Sal e do blog de mesmo nome. É empreendedora social, membro do movimento Slow Food, além de ser idealizadora do premiado GoodTruck.

Teresa Corção é chef e proprietária do restaurante carioca O Navegador. Militante, é membro do movimento Slow Food, fundou a ONG Instituto Maniva e foi finalista do Basque Culinary World Prize.

Joyce Galvão é formada em gastronomia e engenharia de alimentos, participou do programa A Confeitaria, da Fox Life. Autora do livro A Química dos Bolos, que entrou na lista dos mais vendidos de Gastronomia e Culinária da Amazon Brasil.

Ana Parente é aluna do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que estuda o aproveitamento total da jaca para uso na confeitaria.

Janderson Pinheiro é aluno do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que valoriza ingredientes como o coco na confecção do pão artesanal com fermentação natural.

Rafaela Medeiros, da Pitanga Cozinha, é aluna do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que valoriza ingredientes como coco e melaço de cana para serem utilizados na confeitaria.

Antônio Bezerra é aluno do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que valoriza ingredientes como arroz e o feijão de fava do Baturité para serem utilizados na panificação.

Os laboratórios de criação

São espaços de experimentação, pesquisa e desenvolvimento de projetos culturais em diversas linguagens, iniciativa inspirada na experiência da Escola Porto Iracema das Artes, também ligada ao Instituto Dragão do Mar. Os laboratórios funcionam em regime de imersão, através de processos formativos desenvolvidos em torno das propostas previamente selecionadas. Os alunos recebem orientação de consultores/mentores, que conduzem a qualificação dos projetos, através de orientações individuais, oficinas, palestras e masterclasses.

         No dia 15 de outubro de 2018, a Escola de Gastronomia Social lançou, no site do Dragão do Mar, edital para os Laboratórios de Criação, que recebeu projetos em panificação e confeitaria para serem desenvolvidos com o apoio do corpo de profissionais da instituição e de mentores convidados entre grandes nomes da gastronomia nacional. Durante a elaboração do Edital, a Escola contou com a parceria de renomadas chefs e pesquisadoras da área, nomes destacados como Neiva Terceiro (Neiva Terceiro Padaria Artesanal), Vani Pedrosa (coordenadora do Projeto Primórdios da Cozinha Mineira do SENAC), Joanna Martins (Manioca), Gabriela Franzoi (coordenadora do projeto Lab. Maní), Sanae Mattos (Capim Santo) e Claudia Muniz (Instituto Capim Santo), além da participação remota da chef Morena Leite (Capim Santo). A comissão de seleção foi formada por João Lima (articulador de Gastronomia do Governo do Estado), Sandro Gouveia (Diretor do Instituto de Arte e Cultura da UFC e criador do curso de Gastronomia da UFC), Eveline Fonteles (professora e pesquisadora em hospitalidade e cultura alimentar), Aldeniza Girão (consultora do Senac), Neiva Terceiro e Nádia Guilherme (antropóloga e pesquisadora de cultura alimentar).

Segundo a coordenadora dos Laboratórios de Criação, Lina Luz, os laboratórios foram formulados com vistas a promover o aperfeiçoamento dos trabalhos em gastronomia já existentes no Ceará, valorizando a gastronomia local e o uso de insumos da região. Selene Penaforte, superintendente da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, destaca que a iniciativa contribui para elevar e fortalecer a cultura alimentar do estado.

 

SERVIÇO: Programação Formativa dos Laboratórios de Criação da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco

De 14 a 18 de janeiro de 2018

A partir das 19h, na Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco (Rua Manoel Dias Branco, 80 – Cais do Porto, Fortaleza/CE)

Acesso gratuito, por ordem de chegada

Publicidade

Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco inicia ciclo formativo aberto ao público

Por raquelsouza em Gastronomia

15 de Janeiro de 2019

Mesas redondas, workshop e aula-show integram programação de encerramento dos Laboratórios de Criação da Escola, iniciados em novembro de 2018

Criada com o objetivo de ofertar cursos básicos, técnicos e avançados em panificação, confeitaria e cozinha básica, para jovens e adultos com ou sem experiência em gastronomia, e partir disso promover mobilidade social, a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco oferece ainda mentorias para desenvolvimento de processos e produtos com renomados profissionais e pesquisadores da área, através dos Laboratórios de Criação. Com a primeira turma iniciada em novembro do ano passado, a partir de edital, a Escola se prepara, agora, para formar sua primeira turma, e lança, ainda, programação gratuita e aberta ao público, com mesas redondas, workshop e aula-show. O acesso, aberto ao público em geral, se dará por ordem de chegada, sendo limitado à capacidade de cada espaço.

Para a diretora de gastronomia, esporte e conhecimento do Instituto Dragão do Mar, Flávia Castelo, os Laboratórios de Criação se constituem numa experiência inovadora, que convida curiosos e profissionais a uma imersão nos hábitos e descobertas sociais da nossa cultura alimentar, o que contribui para a inovação de processos e produtos da e para a nossa gastronomia.

Integram a programação de encerramento das primeiras turmas dos Laboratórios de Criação os alunos concludentes, os mentores e convidados com expertise em cada área de pesquisa.

PROGRAMAÇÃO

14 de janeiro de 2018 (segunda-feira)

Mesa redonda “O impacto da gastronomia social das periferias – Do Brasil à África”

Com Alex Duarte (Padoca do Alex), Danilo Montanha (Bom Samaritano Moçambique), Neide Rigo (autora do livro Mesa Farta no Semiárido) e Janderson Pinheiro (pesquisador selecionado nos Laboratórios de Criação).

Local:  Terraço

Horário: 19h às 21h

 

15 de janeiro de 2018 (terça-feira)

Workshop “Os caminhos da confeitaria brasileira”
Com Joyce Galvão (Autora A Química dos Bolos), Rafaela Medeiros (Pitanga Cozinha e pesquisadora selecionada nos Laboratórios de Criação) e Thiago Andrade (Instituto Brasil a Gosto)

Local:  Cozinha-Show

Horário: 19h às 21h

16 de janeiro de 2018 (quarta-feira)

Mesa Redonda “Transformações Social pela Gastronomia”
Com Teresa Corção (O Navegador), Antônio Bezerra (pesquisador selecionado nos Laboratórios de Criação), André Luiz (André Nutrichef), Gabrielle Mahamud (Flor de Sal) e Ana Parente (pesquisadora selecionada nos Laboratórios de Criação)

Local:  Cozinha-Show

Horário: 19h30 às 21h30

17 de janeiro de 2018 (quinta-feira)
Aula show “Cozinha de Interior: onde o caipira encontra o sertão”
Com Thiago Andrade (Instituto Brasil a Gosto)
Local: Confeitaria
Horário: 19h às 21h

18 de janeiro de 2018 (sexta-feira)

Aula show – Princípios básicos e aspectos nutricionais dos panificados sem glúten

Com André Luiz (André Nutrichef)
Cozinha-show

Horário: 19h às 21h

Sobre os mentores, convidados e selecionados

Neide Rigo é nutricionista pela Faculdade de Saúde Pública da USP, autora do blog Come-se e do livro Mesa Farta no Semiárido. Colunista do caderno Paladar do jornal O Estado de São Paulo.

Danilo Félix é fundador do Ministério Bom Samaritano Moçambique, projeto de ajuda humanitária sem fins lucrativos que, com a ajuda da Padoca do Alex, hoje conta com uma padaria para ajudar na alimentação de crianças órfãs e vulneráveis, viúvas e idosos impossibilitados.

Alex Duarte é padeiro artesanal de pães com fermentação natural, proprietário da Padoca do Alex e colunista do Blog Massa Madre. É um dos maiores influenciadores digitais na área de panificação.

Thiago Andrade é chef do Instituto Brasil a Gosto e coordena a participação deste em feiras e eventos, ministrando cursos e palestras. Trabalha no desenvolvimento de uma linha de produtos com a marca Brasil a Gosto.

André Luiz é proprietário da empresa André Nutrichef e atua como consultor em alimentos e bebidas saudáveis. É palestrante, personal nutrichef e professor de gastronomia funcional, além de ser jurado do Reality Supermerendeiras da TV Escola.

Gabi Mahamud é chef, culinarista e influenciadora premiada, autora do livro best seller Flor de Sal e do blog de mesmo nome. É empreendedora social, membro do movimento Slow Food, além de ser idealizadora do premiado GoodTruck.

Teresa Corção é chef e proprietária do restaurante carioca O Navegador. Militante, é membro do movimento Slow Food, fundou a ONG Instituto Maniva e foi finalista do Basque Culinary World Prize.

Joyce Galvão é formada em gastronomia e engenharia de alimentos, participou do programa A Confeitaria, da Fox Life. Autora do livro A Química dos Bolos, que entrou na lista dos mais vendidos de Gastronomia e Culinária da Amazon Brasil.

Ana Parente é aluna do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que estuda o aproveitamento total da jaca para uso na confeitaria.

Janderson Pinheiro é aluno do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que valoriza ingredientes como o coco na confecção do pão artesanal com fermentação natural.

Rafaela Medeiros, da Pitanga Cozinha, é aluna do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que valoriza ingredientes como coco e melaço de cana para serem utilizados na confeitaria.

Antônio Bezerra é aluno do Laboratório de Criação em Gastronomia e desenvolve uma pesquisa que valoriza ingredientes como arroz e o feijão de fava do Baturité para serem utilizados na panificação.

Os laboratórios de criação

São espaços de experimentação, pesquisa e desenvolvimento de projetos culturais em diversas linguagens, iniciativa inspirada na experiência da Escola Porto Iracema das Artes, também ligada ao Instituto Dragão do Mar. Os laboratórios funcionam em regime de imersão, através de processos formativos desenvolvidos em torno das propostas previamente selecionadas. Os alunos recebem orientação de consultores/mentores, que conduzem a qualificação dos projetos, através de orientações individuais, oficinas, palestras e masterclasses.

         No dia 15 de outubro de 2018, a Escola de Gastronomia Social lançou, no site do Dragão do Mar, edital para os Laboratórios de Criação, que recebeu projetos em panificação e confeitaria para serem desenvolvidos com o apoio do corpo de profissionais da instituição e de mentores convidados entre grandes nomes da gastronomia nacional. Durante a elaboração do Edital, a Escola contou com a parceria de renomadas chefs e pesquisadoras da área, nomes destacados como Neiva Terceiro (Neiva Terceiro Padaria Artesanal), Vani Pedrosa (coordenadora do Projeto Primórdios da Cozinha Mineira do SENAC), Joanna Martins (Manioca), Gabriela Franzoi (coordenadora do projeto Lab. Maní), Sanae Mattos (Capim Santo) e Claudia Muniz (Instituto Capim Santo), além da participação remota da chef Morena Leite (Capim Santo). A comissão de seleção foi formada por João Lima (articulador de Gastronomia do Governo do Estado), Sandro Gouveia (Diretor do Instituto de Arte e Cultura da UFC e criador do curso de Gastronomia da UFC), Eveline Fonteles (professora e pesquisadora em hospitalidade e cultura alimentar), Aldeniza Girão (consultora do Senac), Neiva Terceiro e Nádia Guilherme (antropóloga e pesquisadora de cultura alimentar).

Segundo a coordenadora dos Laboratórios de Criação, Lina Luz, os laboratórios foram formulados com vistas a promover o aperfeiçoamento dos trabalhos em gastronomia já existentes no Ceará, valorizando a gastronomia local e o uso de insumos da região. Selene Penaforte, superintendente da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, destaca que a iniciativa contribui para elevar e fortalecer a cultura alimentar do estado.

 

SERVIÇO: Programação Formativa dos Laboratórios de Criação da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco

De 14 a 18 de janeiro de 2018

A partir das 19h, na Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco (Rua Manoel Dias Branco, 80 – Cais do Porto, Fortaleza/CE)

Acesso gratuito, por ordem de chegada