12/04/2016 - Blog do Wanfil 
Publicidade

Blog do Wanfil

por Wanderley Filho

12/04/2016

Dilma vai a julgamento no Congresso e Congresso vai a julgamento popular

Por Wanfil em Política

12 de Abril de 2016

Como todos sabem a aprovação do parecer favorável ao impeachment da presidente Dilma Rousseff na comissão da Câmara dos Deputados que analisava o pedido já era esperada. Tanto que, desde antes, governo, oposição e imprensa procuram antecipar a posição dos parlamentares para a votação no plenário da Casa, prevista para o próximo domingo.

Evidentemente, a curiosidade em saber quem está contra ou a favor impeachment pressiona deputados e senadores, sobretudo os governistas, uma vez que pesquisas de opinião mostram que a maioria da população apoia o afastamento da presidente.

Mesmo aqui no Ceará, onde a maioria da bancada federal obedece aos comandos de Cid e Ciro Gomes, é difícil ver candidatos a prefeito (a começar por Fortaleza) elogiando ou pregando a continuidade da gestão Dilma, afinal, defender um governo impopular, acuado por denúncias de crimes diversos e responsável pela crise econômica, é ir contra o famoso instinto de sobrevivência dos políticos. Alguns podem apostar que nas regiões mais carentes (historicamente dependentes da ajuda federal) o peso do impeachment não afete suas atuações nessas localidades. Porém, se houver mudança de governo, a decisão de ‘lavar as mãos’ poderá lhes custar caro.

Nesta semana, deputados e senadores preparam-se para julgar a presidente por crime de responsabilidade fiscal e, goste-se ou não, queira-se ou não, pelo conjunto da obra. Ao mesmo tempo, deputados e senadores serão julgados pelos eleitores.

PS. Quer saber como pretendem votar os membros da bancada federal do Ceará? Clique aqui.

Publicidade

Dilma vai a julgamento no Congresso e Congresso vai a julgamento popular

Por Wanfil em Política

12 de Abril de 2016

Como todos sabem a aprovação do parecer favorável ao impeachment da presidente Dilma Rousseff na comissão da Câmara dos Deputados que analisava o pedido já era esperada. Tanto que, desde antes, governo, oposição e imprensa procuram antecipar a posição dos parlamentares para a votação no plenário da Casa, prevista para o próximo domingo.

Evidentemente, a curiosidade em saber quem está contra ou a favor impeachment pressiona deputados e senadores, sobretudo os governistas, uma vez que pesquisas de opinião mostram que a maioria da população apoia o afastamento da presidente.

Mesmo aqui no Ceará, onde a maioria da bancada federal obedece aos comandos de Cid e Ciro Gomes, é difícil ver candidatos a prefeito (a começar por Fortaleza) elogiando ou pregando a continuidade da gestão Dilma, afinal, defender um governo impopular, acuado por denúncias de crimes diversos e responsável pela crise econômica, é ir contra o famoso instinto de sobrevivência dos políticos. Alguns podem apostar que nas regiões mais carentes (historicamente dependentes da ajuda federal) o peso do impeachment não afete suas atuações nessas localidades. Porém, se houver mudança de governo, a decisão de ‘lavar as mãos’ poderá lhes custar caro.

Nesta semana, deputados e senadores preparam-se para julgar a presidente por crime de responsabilidade fiscal e, goste-se ou não, queira-se ou não, pelo conjunto da obra. Ao mesmo tempo, deputados e senadores serão julgados pelos eleitores.

PS. Quer saber como pretendem votar os membros da bancada federal do Ceará? Clique aqui.