Pintor francês que se encantou com a índia Iracema faz exposição de pinturas

PINTURAS

Pintor francês que se encantou com a índia Iracema faz exposição de pinturas

O artista conheceu a terra de José de Alencar e acabou casando com uma cearense, mas se apaixonou por outra: Iracema.

Por Tribuna do Ceará em Cultura

31 de março de 2019 às 06:06

Há 4 meses

Uma das obras do pintor francês (FOTO: Arquivo pessoal)

O pintor francês Esteban Ubretgi se ecantou com a índia Iracema e passou a retratar obras inspiradas na cultura cearense. Por isso, ele lança a exposição “Iracema Blues”, que busca mostrar a importância do patrimônio para a população.

A exposição tem fica aberta até dia 8 de abril, na sede da Aliança Francesa Fortaleza, no bairro Aldeota. O artista conheceu a terra de José de Alencar e acabou casando com uma cearense, mas se apaixonou por outra: Iracema.

“A exposição de pinturas “Iracema Blues” quer mostrar, tomando o exemplo da Ponte Metálica, que o patrimônio não é somente uma coisa material, mas também imaterial, envolvendo todas as lembranças de cada um de nós. Assim, um monumento pode ser o que nos lembre um bom momento, um poema, um encontro, um jardim, uma pessoa, e, de maneira geral, qualquer coisa importante em nossa existência. Essas lembranças representam uma parte do patrimônio que constitui nossa vida”, diz Esteban Ubretgi.

Serviço
Exposição Iracema Blues
De 26/03 a 08/04
Na sede da Aliança Francesa Aldeota
Informações: (85) 3244-7887

Publicidade

Dê sua opinião

PINTURAS

Pintor francês que se encantou com a índia Iracema faz exposição de pinturas

O artista conheceu a terra de José de Alencar e acabou casando com uma cearense, mas se apaixonou por outra: Iracema.

Por Tribuna do Ceará em Cultura

31 de março de 2019 às 06:06

Há 4 meses

Uma das obras do pintor francês (FOTO: Arquivo pessoal)

O pintor francês Esteban Ubretgi se ecantou com a índia Iracema e passou a retratar obras inspiradas na cultura cearense. Por isso, ele lança a exposição “Iracema Blues”, que busca mostrar a importância do patrimônio para a população.

A exposição tem fica aberta até dia 8 de abril, na sede da Aliança Francesa Fortaleza, no bairro Aldeota. O artista conheceu a terra de José de Alencar e acabou casando com uma cearense, mas se apaixonou por outra: Iracema.

“A exposição de pinturas “Iracema Blues” quer mostrar, tomando o exemplo da Ponte Metálica, que o patrimônio não é somente uma coisa material, mas também imaterial, envolvendo todas as lembranças de cada um de nós. Assim, um monumento pode ser o que nos lembre um bom momento, um poema, um encontro, um jardim, uma pessoa, e, de maneira geral, qualquer coisa importante em nossa existência. Essas lembranças representam uma parte do patrimônio que constitui nossa vida”, diz Esteban Ubretgi.

Serviço
Exposição Iracema Blues
De 26/03 a 08/04
Na sede da Aliança Francesa Aldeota
Informações: (85) 3244-7887