Marcas cearenses se destacam com moda em homenagem ao sertão


Marcas cearenses se destacam com moda em homenagem ao sertão

O Tribuna do Ceará lista três marcas que exaltam as cores e riquezas da cultura nordestina, provando que no sertão também floresce beleza

Por Rosana Romão em Moda

20 de junho de 2015 às 07:00

Há 4 anos

Ceará, terra do sol, dos verdes mares, de vento no rosto, água de coco e… da moda. As belezas naturais do estado têm inspirado cearenses. O fruto disso são marcas de roupas e acessórios que traduzem o estilo marítimo, feliz e autêntico do povo local. O mar tem seu destaque, mas o sertão também protagoniza a moda cearense. E prova ao Brasil e ao mundo que no sertão também floresce. Floresce com cores vibrantes, estampas alegres e acessórios artesanais. O Tribuna do Ceará conheceu três marcas do Estado que destacam a cultura nordestina e revela as riquezas do sertão.

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

1) Ahaze

Um mercado com camisas descoladas e coloridas que se transformou em uma loja que atende o público feminino e masculino, incluindo roupas, acessórios e sapatos. Um nome sugestivo que leva a mensagem: Ahaze. Além de homenagear o sertão, a loja valoriza a cultura popular, dando um toque de brasilidade. Formas e cores envolvem as peças procuradas por todo o país. Idealizada pelos cearenses Zé Filho, Gabriela Albuquerque, Cecília Sernache e Hadji Aires, a Ahaze aposta no valor afeito e emocional de seus conterrâneos.

Além das roupas, a originalidade também é transmitida através da decoração da loja e da comunicação social. “Sempre que alguém pergunta de onde somos, temos o orgulho de falar que somos de Fortaleza”, explica Hadji Aires. Com apenas uma loja física e uma virtual, a Ahaze já vendeu peças para Pernambuco, Espírito Santo e São Paulo. O lançamento da última coleção foi realizado em um bazar, onde a venda das peças é feita com descontos. “Como era lançamento da coleção, não tínhamos como dar desconto, então vendemos pelo preço original. E o mais incrível é que as pessoas que foram dispostas a gastar pouco decidiram investir na gente pela valorização que damos à nossa terra”, destaca Hadji.

Serviço:
(85) 3219-5570 e (85) 9 8618-2415 | Site | Facebook | Instagram

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
1/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
2/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
3/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
4/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
5/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
6/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
7/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
8/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
9/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
10/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
11/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
12/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
13/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
14/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

2) Expedita

Com o objetivo de dar destaque ao Nordeste, mas fugindo do clichê estilo praiano, surgiu a Expedita. Com a inspiração na cultura nordestina, a marca veio para mostrar que do chão rachado também nasce flor, através de suas estampas alegres e coloridas. O cenário para suas coleções não poderia ser outro: o sertão. Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita.

As estampas revelam a leveza e cores que compõem o sertão. Além do Ceará, outros estados nordestinos e até o Rio de Janeiro se interessaram pelas peças. Devido à procura, a marca já possui projetos para expandir seus produtos para além do sertão. Por trás da força da Expedita estão as cearenses “arretadas” Renata Príscila e Isadora Diógenes. Há seis meses elas dão destaque à moda cearense, com as coleções “Flores do Cangaço”, “Bloquinho da Expedita” e “No Sertão Também Floresce”.

A marca não possui loja física, mas divulga seus produtos nas redes sociais e em feirinhas de marcas autorais, que acontecem em Fortaleza. Devido à proximidade, as clientes acabam se tornando amigas das jovens empreendedoras. De acordo com Renata Príscila, trabalhar com moda autoral ainda é um desafio. “Arriscamos dizer que no Ceará um pouco mais. As pessoas aqui ainda têm a cultura de valorizar o que é de fora”, pontua.

Serviço:
(85) 9 9860-19670 e (85) 9 98719-1011 | Facebook | Instagram

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
1/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

/hA coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
2/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
3/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
4/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
5/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
6/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
7/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
8/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
9/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
10/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
11/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
12/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

O músico Menotti Bolinelli decidiu criar camisas exclusivas para usar em seus shows, mas a ideia deu tão certo que se tornou em uma loja, que hoje vende dentro e fora do Brasil. (FOTO: Divulgação)

O músico Menotti Bolinelli decidiu criar camisas exclusivas para usar em seus shows, mas a ideia deu tão certo que se tornou em uma loja, que hoje vende dentro e fora do Brasil. (FOTO: Divulgação)

3) Le Sergic

Engana-se quem pensa que moda é um conteúdo exclusivamente feminino. Há alguns anos, o público masculino tem se destacado com seu estilo moderno e ousado. No Ceará não é diferente, os homens vêm mesclando cores e alfaiataria, resultando em elegância, versatilidade e beleza. Há um ano, o músico curitibano Menotti Bolinelli e a designer manauara Amanda Pereira decidiram criar uma marca que traduzisse o estilo do cearense e assim surgiu a Le Sergic, que produz alfaiataria com estampas casuais, coloridas e cheias de personalidade.

Inicialmente voltada para o público masculino, hoje a Le Sergic vende também para as mulheres. Além das peças de alfaiataria, também produz gravatas e carteiras exclusivas, feitas à mão, e pretende produzir calçados, além de fazer uma parceria para vender no exterior. “Eu queria fazer umas roupas diferenciadas para usar durante os shows, conversando com uns amigos surgiu esse conceito e resolvi fazer. Por ser diferente, não é de cara que todo mundo gosta. Mas a aceitação tem sido bacana, graças ao site já vendemos para outros estados e até pra fora do Brasil. Recentemente eu toquei em um casamento com uma camisa bem colorida e o pessoal pirou, dizendo: meu irmão, tu é doido, tu tem muito estilo”, brinca o responsável pelo processo criativo da marca, Menotti Bolinelli.

Serviço:
Rua Leonardo Mota, 721 – Loja 5 | (85) 8871-3112 | Loja virtual | Facebook | Instagram

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)
1/11

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
2/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
3/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
4/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
5/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
6/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
7/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
8/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
9/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
10/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
11/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Publicidade

Dê sua opinião

Marcas cearenses se destacam com moda em homenagem ao sertão

O Tribuna do Ceará lista três marcas que exaltam as cores e riquezas da cultura nordestina, provando que no sertão também floresce beleza

Por Rosana Romão em Moda

20 de junho de 2015 às 07:00

Há 4 anos

Ceará, terra do sol, dos verdes mares, de vento no rosto, água de coco e… da moda. As belezas naturais do estado têm inspirado cearenses. O fruto disso são marcas de roupas e acessórios que traduzem o estilo marítimo, feliz e autêntico do povo local. O mar tem seu destaque, mas o sertão também protagoniza a moda cearense. E prova ao Brasil e ao mundo que no sertão também floresce. Floresce com cores vibrantes, estampas alegres e acessórios artesanais. O Tribuna do Ceará conheceu três marcas do Estado que destacam a cultura nordestina e revela as riquezas do sertão.

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

1) Ahaze

Um mercado com camisas descoladas e coloridas que se transformou em uma loja que atende o público feminino e masculino, incluindo roupas, acessórios e sapatos. Um nome sugestivo que leva a mensagem: Ahaze. Além de homenagear o sertão, a loja valoriza a cultura popular, dando um toque de brasilidade. Formas e cores envolvem as peças procuradas por todo o país. Idealizada pelos cearenses Zé Filho, Gabriela Albuquerque, Cecília Sernache e Hadji Aires, a Ahaze aposta no valor afeito e emocional de seus conterrâneos.

Além das roupas, a originalidade também é transmitida através da decoração da loja e da comunicação social. “Sempre que alguém pergunta de onde somos, temos o orgulho de falar que somos de Fortaleza”, explica Hadji Aires. Com apenas uma loja física e uma virtual, a Ahaze já vendeu peças para Pernambuco, Espírito Santo e São Paulo. O lançamento da última coleção foi realizado em um bazar, onde a venda das peças é feita com descontos. “Como era lançamento da coleção, não tínhamos como dar desconto, então vendemos pelo preço original. E o mais incrível é que as pessoas que foram dispostas a gastar pouco decidiram investir na gente pela valorização que damos à nossa terra”, destaca Hadji.

Serviço:
(85) 3219-5570 e (85) 9 8618-2415 | Site | Facebook | Instagram

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
1/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
2/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
3/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
4/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
5/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
6/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
7/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
8/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
9/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
10/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
11/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
12/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
13/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

Quatro cearenses criara uma marca para cliente
14/14

Quatro cearenses criara uma marca para cliente “Ahazar” nas ruas

Estampas coloridas e cearensidade são as marcas da Ahaze. (FOTO: Divulgação)

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

2) Expedita

Com o objetivo de dar destaque ao Nordeste, mas fugindo do clichê estilo praiano, surgiu a Expedita. Com a inspiração na cultura nordestina, a marca veio para mostrar que do chão rachado também nasce flor, através de suas estampas alegres e coloridas. O cenário para suas coleções não poderia ser outro: o sertão. Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita.

As estampas revelam a leveza e cores que compõem o sertão. Além do Ceará, outros estados nordestinos e até o Rio de Janeiro se interessaram pelas peças. Devido à procura, a marca já possui projetos para expandir seus produtos para além do sertão. Por trás da força da Expedita estão as cearenses “arretadas” Renata Príscila e Isadora Diógenes. Há seis meses elas dão destaque à moda cearense, com as coleções “Flores do Cangaço”, “Bloquinho da Expedita” e “No Sertão Também Floresce”.

A marca não possui loja física, mas divulga seus produtos nas redes sociais e em feirinhas de marcas autorais, que acontecem em Fortaleza. Devido à proximidade, as clientes acabam se tornando amigas das jovens empreendedoras. De acordo com Renata Príscila, trabalhar com moda autoral ainda é um desafio. “Arriscamos dizer que no Ceará um pouco mais. As pessoas aqui ainda têm a cultura de valorizar o que é de fora”, pontua.

Serviço:
(85) 9 9860-19670 e (85) 9 98719-1011 | Facebook | Instagram

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
1/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

/hA coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
2/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
3/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
4/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
5/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A coleção “Flores do Cangaço” é inspirada nas mulheres do cangaço, cada peça tem o nome de uma cangaceira. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
6/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
7/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
8/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
9/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
10/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
11/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A marca é uma das pioneiras a valorizar o estilo de vida nordestino em roupas. (FOTO: Divulgação)

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita
12/12

Para transmitir a essência feminina, forte e autoral, foi escolhido o nome da filha de Lampião e Maria Bonita: Expedita

A Expedita mistura as estampas floridas com a paisagem seca do sertão. (FOTO: Divulgação)

O músico Menotti Bolinelli decidiu criar camisas exclusivas para usar em seus shows, mas a ideia deu tão certo que se tornou em uma loja, que hoje vende dentro e fora do Brasil. (FOTO: Divulgação)

O músico Menotti Bolinelli decidiu criar camisas exclusivas para usar em seus shows, mas a ideia deu tão certo que se tornou em uma loja, que hoje vende dentro e fora do Brasil. (FOTO: Divulgação)

3) Le Sergic

Engana-se quem pensa que moda é um conteúdo exclusivamente feminino. Há alguns anos, o público masculino tem se destacado com seu estilo moderno e ousado. No Ceará não é diferente, os homens vêm mesclando cores e alfaiataria, resultando em elegância, versatilidade e beleza. Há um ano, o músico curitibano Menotti Bolinelli e a designer manauara Amanda Pereira decidiram criar uma marca que traduzisse o estilo do cearense e assim surgiu a Le Sergic, que produz alfaiataria com estampas casuais, coloridas e cheias de personalidade.

Inicialmente voltada para o público masculino, hoje a Le Sergic vende também para as mulheres. Além das peças de alfaiataria, também produz gravatas e carteiras exclusivas, feitas à mão, e pretende produzir calçados, além de fazer uma parceria para vender no exterior. “Eu queria fazer umas roupas diferenciadas para usar durante os shows, conversando com uns amigos surgiu esse conceito e resolvi fazer. Por ser diferente, não é de cara que todo mundo gosta. Mas a aceitação tem sido bacana, graças ao site já vendemos para outros estados e até pra fora do Brasil. Recentemente eu toquei em um casamento com uma camisa bem colorida e o pessoal pirou, dizendo: meu irmão, tu é doido, tu tem muito estilo”, brinca o responsável pelo processo criativo da marca, Menotti Bolinelli.

Serviço:
Rua Leonardo Mota, 721 – Loja 5 | (85) 8871-3112 | Loja virtual | Facebook | Instagram

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)
1/11

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
2/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
3/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
4/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
5/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
6/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
7/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
8/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
9/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
10/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense
11/11

Curitibano e Manauara vêm à Fortaleza e produzem peças com a personalidade do cearense

A inspiração para a produção das peças vem da fotografia, artes plásticas, tatuagem, design, cinema, tendências europeias e, claro, a música. (FOTO: Divulgação)