Miss Brasil 2013: na prévia da escolha, candidatas à coroa desfilam traje típico


Miss Brasil 2013: na prévia da escolha, candidatas à coroa desfilam traje típico

A preparação começou às 11h da manhã com maquiagem e cabelo. Logo em seguida, as beldades almoçaram no próprio local e deram sequência ao trabalho

Por Tribuna do Ceará em Moda

28 de setembro de 2013 às 10:04

Há 6 anos

Muitas plumas, brilhos e paetês. Nesta sexta-feira (27), véspera do Miss Brasil 2013, as 27 candidatas à coroa apresentaram seus trajes típicos em um desfile cheio de glamour no Minascentro, em Belo Horizonte.

A preparação começou às 11h da manhã com maquiagem e cabelo. Logo em seguida, as beldades almoçaram no próprio local e deram sequência ao trabalho. “Vou ficar bem quietinha aqui porque mal estou conseguindo respirar”, brincou Ingrid Gonçalves, do Maranhão, reclamando do forro apertado do vestido. “E eu que vou ficar sem orelha daqui a pouco”, emendou Tereza Azêdo, do Amazonas, referindo-se à cabeça de seu traje.

Mas, apesar dos desconfortos, o clima de alegria imperava. “Estão todas tão lindas”, repetia a todo momento Anne Volponi, do Espírito Santo. Sua fantasia, aliás, representava a índia das águas. “Fiz questão que fosse essa por causa da minha descendência indígena. Acompanhei todo o processo de confecção do traje. Todas as pedras foram bordadas manualmente”, enfatizou.

Diferente de Anne, Nicole Verçosa, de Alagoas, só viu seu traje típico nesta sexta-feira. “Eu nem sabia como era, não tinha experimentado. Estava até um pouco receosa, mas adorei. Realmente me surpreendeu”, afirmou ela que encarnou uma deusa guerreira dos índios caetés. “Estou me sentindo a própria rainha de bateria de uma escola de samba”, continuou.

O desfile foi aberto aos familiares, amigos e coordenadores das misses. A torcida mais expressiva era da miss Amazonas. “Você é uma fragrância. Estou sentindo seu perfume daqui”, esbravejava seu coordenador. “Vamos bater palma para todas, gente”, pedia.

A mãe da miss Alagoas garantiu na segunda fila. “Não sei se tiro foto ou se choro”, admitiu com lágrimas nos olhos. O namorado de Isis Stocco, do Paraná, não largou a máquina fotográfica.

Confira imagens do desfile:

Wiolana Brito, a Miss Tocantins, fez bonito no desfile com o traje O Sol Nasce para Todos
Lisianny Bispo, a Miss Sergipe, desfilou com a roupa que leva o nome de sua cidade Itabaiana a Lenda da Cidade do Ouro
Bruna Michels, a Miss São Paulo, colocou na roupa os elementos que fazem do Estado o mais desenvolvido do Brasil
Francielle Brito, a Miss Santa Catarina, representou o litoral do Estado com a roupa A Deusa dos Mares Catarinenses
Bianca Matte, a Miss Roraima, chamou a atenção com o traje O Galo da Serra, uma das aves mais belas do Brasil
Jeane Aguiar, a Miss Rondônia, representou no traje Ribeirinha a população que vivie às margens dos rios
Vitória Sulczinski, a Miss Rio Grande do Sul, demonstrou toda a sua beleza com o traje Exaltação à Beleza da Mulher Gaúcha
Cristina Alves, a Miss Rio Grande do Norte, representou na roupa O Maior Cajueiro do Mundo um dos pontos turísticos mais visitados do Estado
Orama Valentim , a Miss Rio de Janeiro, mostrou o que o Estado sabe fazer de melhor no traje Rio de Janeiro, um carnaval de Cores
Nathalya Araújo, a Miss Piauí, tradziu na roupa o sabor mais conhecido do Estado com o traje A Rainha do Caju
Helena Rios, a Miss Pernambuco, representou a alegria do carnaval pernambucano com a roupa Serpentina Partida
Isis Stocco Machado, a Miss Paraná, exibiu sua beleza com o traje Anatomia do Croqui
Patrícia dos Anjos, a Miss Paraíba, representou a religiosidade e regionalismos do Estado com o traje A Compadecida Religiosidade Paraibana
Anne Vieira, a Miss Pará, desfilou com o traje do estilista Junior Manzini, Encantaria dos Caruaras - O Caruara
Janaina Barcelos, a Miss Minas Gerais, Estado anfritrião do concurso, relembrou as arte histórica com a roupa Barroco Mineiro
Patrícia Machry, a Miss Mato Grosso do Sul, representou a cultura do Estado com o traje Majestosa Cavalgada
Jakelyne Oliveira, a Miss Mato Grosso, demonstrou no traje as belezas do Estado com a roupa A Deusa do Pantanal
Ingrid Gonçalves, a Miss Maranhão, desfilou com o traje de Chico Coimbra, Mademoiselle Upaon-Açu
Sileimã Pinheiro, a Miss Goiás, representou a cultura e riqueza dos Carajás em modelito elaborado por Bruno Oliveira
19/27

Sileimã Pinheiro, a Miss Goiás, representou a cultura e riqueza dos Carajás em modelito elaborado por Bruno Oliveira

Sileimã Pinheiro, a Miss Goiás, representou a cultura e riqueza dos Carajás em modelito elaborado por Bruno Oliveira (FOTO: Carol Gherardi/Band)

A Miss Espírito Santo, Anne Volponi, foi a índia das águas em traje feita por Paulo Roberto Balbino
A Miss Distrito Federal, Nathalia Costa, representou a ave Hárpia, sua roupa foi feita por Breno Tavares
Mariana Vasconcelos, Miss Ceará, desfilou um modelito feito por Kallil Nepomuceno simbolizando graúna a ave negra
Priscila Santiago, Miss Bahia, vestiu um modelo desenhado por Fabio Sande que representava Oxúm
Tereza Azedo, Miss Amazonas, simbolizou a flor bela cirandeira do amazonas elaborado por Kaleb Aguiar
Nataly Uchôa, a Miss Amapá, teve Charles Pantoja como estilista de seu traje típico entitulado de flor brilho de fogo
Nicole Verçosa, a Miss Alagoas, vestiu-se como a deusa guerreira dos índios Caetés, feito por Marcelo Dias amazônica
Raissa Campelo, a Miss Acre, desfilou um modelo desenhado por Sidnei Mendes que simbolizava o misterio da onça pintada da floresta amazônica

FOTOS: Carol Gherardi/Band

Escolha da Miss

O resultado será revelado neste sábado, dia 28, durante a apresentação do Miss Brasil 2013. O maior concurso de beleza do país será realizado no próximo dia 28 no Minascentro, em Belo Horizonte, com transmissão exclusiva da Band e do tribunadoceara.com.br.

Com informações da Band

Publicidade

Dê sua opinião

Miss Brasil 2013: na prévia da escolha, candidatas à coroa desfilam traje típico

A preparação começou às 11h da manhã com maquiagem e cabelo. Logo em seguida, as beldades almoçaram no próprio local e deram sequência ao trabalho

Por Tribuna do Ceará em Moda

28 de setembro de 2013 às 10:04

Há 6 anos

Muitas plumas, brilhos e paetês. Nesta sexta-feira (27), véspera do Miss Brasil 2013, as 27 candidatas à coroa apresentaram seus trajes típicos em um desfile cheio de glamour no Minascentro, em Belo Horizonte.

A preparação começou às 11h da manhã com maquiagem e cabelo. Logo em seguida, as beldades almoçaram no próprio local e deram sequência ao trabalho. “Vou ficar bem quietinha aqui porque mal estou conseguindo respirar”, brincou Ingrid Gonçalves, do Maranhão, reclamando do forro apertado do vestido. “E eu que vou ficar sem orelha daqui a pouco”, emendou Tereza Azêdo, do Amazonas, referindo-se à cabeça de seu traje.

Mas, apesar dos desconfortos, o clima de alegria imperava. “Estão todas tão lindas”, repetia a todo momento Anne Volponi, do Espírito Santo. Sua fantasia, aliás, representava a índia das águas. “Fiz questão que fosse essa por causa da minha descendência indígena. Acompanhei todo o processo de confecção do traje. Todas as pedras foram bordadas manualmente”, enfatizou.

Diferente de Anne, Nicole Verçosa, de Alagoas, só viu seu traje típico nesta sexta-feira. “Eu nem sabia como era, não tinha experimentado. Estava até um pouco receosa, mas adorei. Realmente me surpreendeu”, afirmou ela que encarnou uma deusa guerreira dos índios caetés. “Estou me sentindo a própria rainha de bateria de uma escola de samba”, continuou.

O desfile foi aberto aos familiares, amigos e coordenadores das misses. A torcida mais expressiva era da miss Amazonas. “Você é uma fragrância. Estou sentindo seu perfume daqui”, esbravejava seu coordenador. “Vamos bater palma para todas, gente”, pedia.

A mãe da miss Alagoas garantiu na segunda fila. “Não sei se tiro foto ou se choro”, admitiu com lágrimas nos olhos. O namorado de Isis Stocco, do Paraná, não largou a máquina fotográfica.

Confira imagens do desfile:

Wiolana Brito, a Miss Tocantins, fez bonito no desfile com o traje O Sol Nasce para Todos
Lisianny Bispo, a Miss Sergipe, desfilou com a roupa que leva o nome de sua cidade Itabaiana a Lenda da Cidade do Ouro
Bruna Michels, a Miss São Paulo, colocou na roupa os elementos que fazem do Estado o mais desenvolvido do Brasil
Francielle Brito, a Miss Santa Catarina, representou o litoral do Estado com a roupa A Deusa dos Mares Catarinenses
Bianca Matte, a Miss Roraima, chamou a atenção com o traje O Galo da Serra, uma das aves mais belas do Brasil
Jeane Aguiar, a Miss Rondônia, representou no traje Ribeirinha a população que vivie às margens dos rios
Vitória Sulczinski, a Miss Rio Grande do Sul, demonstrou toda a sua beleza com o traje Exaltação à Beleza da Mulher Gaúcha
Cristina Alves, a Miss Rio Grande do Norte, representou na roupa O Maior Cajueiro do Mundo um dos pontos turísticos mais visitados do Estado
Orama Valentim , a Miss Rio de Janeiro, mostrou o que o Estado sabe fazer de melhor no traje Rio de Janeiro, um carnaval de Cores
Nathalya Araújo, a Miss Piauí, tradziu na roupa o sabor mais conhecido do Estado com o traje A Rainha do Caju
Helena Rios, a Miss Pernambuco, representou a alegria do carnaval pernambucano com a roupa Serpentina Partida
Isis Stocco Machado, a Miss Paraná, exibiu sua beleza com o traje Anatomia do Croqui
Patrícia dos Anjos, a Miss Paraíba, representou a religiosidade e regionalismos do Estado com o traje A Compadecida Religiosidade Paraibana
Anne Vieira, a Miss Pará, desfilou com o traje do estilista Junior Manzini, Encantaria dos Caruaras - O Caruara
Janaina Barcelos, a Miss Minas Gerais, Estado anfritrião do concurso, relembrou as arte histórica com a roupa Barroco Mineiro
Patrícia Machry, a Miss Mato Grosso do Sul, representou a cultura do Estado com o traje Majestosa Cavalgada
Jakelyne Oliveira, a Miss Mato Grosso, demonstrou no traje as belezas do Estado com a roupa A Deusa do Pantanal
Ingrid Gonçalves, a Miss Maranhão, desfilou com o traje de Chico Coimbra, Mademoiselle Upaon-Açu
Sileimã Pinheiro, a Miss Goiás, representou a cultura e riqueza dos Carajás em modelito elaborado por Bruno Oliveira
19/27

Sileimã Pinheiro, a Miss Goiás, representou a cultura e riqueza dos Carajás em modelito elaborado por Bruno Oliveira

Sileimã Pinheiro, a Miss Goiás, representou a cultura e riqueza dos Carajás em modelito elaborado por Bruno Oliveira (FOTO: Carol Gherardi/Band)

A Miss Espírito Santo, Anne Volponi, foi a índia das águas em traje feita por Paulo Roberto Balbino
A Miss Distrito Federal, Nathalia Costa, representou a ave Hárpia, sua roupa foi feita por Breno Tavares
Mariana Vasconcelos, Miss Ceará, desfilou um modelito feito por Kallil Nepomuceno simbolizando graúna a ave negra
Priscila Santiago, Miss Bahia, vestiu um modelo desenhado por Fabio Sande que representava Oxúm
Tereza Azedo, Miss Amazonas, simbolizou a flor bela cirandeira do amazonas elaborado por Kaleb Aguiar
Nataly Uchôa, a Miss Amapá, teve Charles Pantoja como estilista de seu traje típico entitulado de flor brilho de fogo
Nicole Verçosa, a Miss Alagoas, vestiu-se como a deusa guerreira dos índios Caetés, feito por Marcelo Dias amazônica
Raissa Campelo, a Miss Acre, desfilou um modelo desenhado por Sidnei Mendes que simbolizava o misterio da onça pintada da floresta amazônica

FOTOS: Carol Gherardi/Band

Escolha da Miss

O resultado será revelado neste sábado, dia 28, durante a apresentação do Miss Brasil 2013. O maior concurso de beleza do país será realizado no próximo dia 28 no Minascentro, em Belo Horizonte, com transmissão exclusiva da Band e do tribunadoceara.com.br.

Com informações da Band