Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet


Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Após vencer um concurso, Fábio Monteiro viajou por 40 dias pelo país e nos mostra as comidas bizarras, o trem bala e a Muralha da China

Por Daniel Herculano em Turismo

23 de junho de 2015 às 07:00

Há 4 anos
Fabio-Monteiro-Viajante-Independente-na-China

Fábio Monteiro passou 40 dias na China (Foto: Arquivo Pessoal)

A convite do Tribuna do Ceará, o videomaker Fábio Monteiro* contou um pouco do que viu e viveu durante 40 dias de uma expedição na China. Após vencer um concurso de vídeos na China, o também jornalista viajou ao país para receber a premiação e participar de um festival de cinema & vídeo. A aventura deu origem a uma série de novos vídeos sobre o gigante asiático. Acompanhe agora o seu relato.

“Foi estranho chegar à China através de Xangai. Meu imaginário “romântico” sobre o país foi por água abaixo rápido demais! Onde estava a arquitetura tradicional chinesa, os templos budistas e as bicicletas indo e vindo? Pura ilusão… Na verdade, a cidade é uma megalópole! É uma das mais populosas do mundo, com cerca de 25 milhões de habitantes! Mas o que me surpreendeu mesmo é que Xangai é hipermoderna, superocidentalizada, com centenas de arranha-céus e uma infraestrutura de transporte incrível!

O choque começou logo quando saí do gigantesco aeroporto internacional. Peguei um “trenzinho”, chamado Maglev, que liga o aeroporto ao sistema de metrô. O trem – literalmente – voa! Ele levita 10 cm sobre os trilhos, atingindo uma velocidade de 430 km/h. É impressionante!

Todas as grandes cidades do país são interligadas por trens desse tipo, os famosos “trens-bala”. Fiquei tão admirado que gravei um vídeo mostrando como é viajar nesta maravilha da tecnologia e, ao mesmo tempo, lamentando o fato de estarmos tão distantes desta realidade aqui no Brasil… Clique aqui e veja como é andar de trem bala na China.

Mas – claro – que a cultura milenar chinesa e a natureza exuberante do país ainda não foram totalmente tragadas pelo incrível crescimento econômico das últimas décadas. As principais atrações turísticas da China estão relacionadas com sua história e com sua singular tradição cultural.

Visitei vários desses lugares extraordinários e fiz questão de guardar as experiências em vídeo para depois compartilhá-las na internet. Na Muralha da China, por exemplo, é muito fácil esquecer que estamos próximos à caótica e poluída Pequim e, em contrapartida, nos conectarmos com um ambiente repleto de tranquilidade, inspiração e harmonia.

Clique aqui e veja o vídeo que publiquei sobre a muralha. Acho que ele ilustra muito bem o enorme valor desses ícones da cultura chinesa diante da iminente chegada do país ao posto de maior economia do mundo.

Um outro ponto importante, que eu não posso deixar de comentar aqui, são as enormes diferenças culturais entre oriente e ocidente, principalmente, em relação aos costumes e ao comportamento. Apesar do famigerado fenômeno da globalização, o povo chinês se mantém apegado a muitos hábitos e tradições que são completamente exóticos e até incompreensíveis pra nós, brasileiros.

Lá se cumprimenta com um simples aperto de mão, independente do grau de intimidade ou do sexo dos envolvidos. Abraços são estritamente proibidos! Beijo no rosto é coisa que os namorados fazem na intimidade. Aliás, os pais tem uma forte influencia na escolha dos parceiros(as) dos filhos(as). Muitas vezes, são os pais que combinam os encontros amorosos de seus herdeiros. Homossexualidade, teoricamente, não existe! Esse tema é um dos maiores tabus do país.

É normal ver pessoas cuspindo no chão, o tempo todo eu vi isso… Máscaras pra se proteger da poluição do ar e sombrinhas pra evitar contato com os raios do sol são itens quase obrigatórios. Em contrapartida, as pessoas ainda fumam muito, inclusive, em ambientes fechados como restaurantes e shoppings.
Nos banheiros, o mais comum é encontrar aquele aparelho sanitário que consiste em um buraco no chão… Violência urbana, praticamente, não existe.

Eles bebem chá durante todo o dia e aquecem a água, sucos e até refrigerantes antes de beber. Comem chupando a comida ou enfiando a cara dentro do prato… É tudo muito diferente! Aliás, sobre comida, editei um vídeo supercurioso mostrando algumas das “estranhas” guloseimas que são vendidas nas ruas da antiga capital Xi’an… Não é pra qualquer estômago!

[uol video=”http://mais.uol.com.br/view/15514560″]

E apesar de todas as diferenças culturais – um choque até – é um país que merece ser visitado. Fica a dica”.

*Fábio Monteiro é jornalista, editor do canal Viajante Independente no Youtube.

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
1/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
2/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
3/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
4/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
5/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
6/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
7/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
8/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
9/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
10/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
11/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
12/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
13/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
14/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
15/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
16/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
17/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
18/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Publicidade

Dê sua opinião

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Após vencer um concurso, Fábio Monteiro viajou por 40 dias pelo país e nos mostra as comidas bizarras, o trem bala e a Muralha da China

Por Daniel Herculano em Turismo

23 de junho de 2015 às 07:00

Há 4 anos
Fabio-Monteiro-Viajante-Independente-na-China

Fábio Monteiro passou 40 dias na China (Foto: Arquivo Pessoal)

A convite do Tribuna do Ceará, o videomaker Fábio Monteiro* contou um pouco do que viu e viveu durante 40 dias de uma expedição na China. Após vencer um concurso de vídeos na China, o também jornalista viajou ao país para receber a premiação e participar de um festival de cinema & vídeo. A aventura deu origem a uma série de novos vídeos sobre o gigante asiático. Acompanhe agora o seu relato.

“Foi estranho chegar à China através de Xangai. Meu imaginário “romântico” sobre o país foi por água abaixo rápido demais! Onde estava a arquitetura tradicional chinesa, os templos budistas e as bicicletas indo e vindo? Pura ilusão… Na verdade, a cidade é uma megalópole! É uma das mais populosas do mundo, com cerca de 25 milhões de habitantes! Mas o que me surpreendeu mesmo é que Xangai é hipermoderna, superocidentalizada, com centenas de arranha-céus e uma infraestrutura de transporte incrível!

O choque começou logo quando saí do gigantesco aeroporto internacional. Peguei um “trenzinho”, chamado Maglev, que liga o aeroporto ao sistema de metrô. O trem – literalmente – voa! Ele levita 10 cm sobre os trilhos, atingindo uma velocidade de 430 km/h. É impressionante!

Todas as grandes cidades do país são interligadas por trens desse tipo, os famosos “trens-bala”. Fiquei tão admirado que gravei um vídeo mostrando como é viajar nesta maravilha da tecnologia e, ao mesmo tempo, lamentando o fato de estarmos tão distantes desta realidade aqui no Brasil… Clique aqui e veja como é andar de trem bala na China.

Mas – claro – que a cultura milenar chinesa e a natureza exuberante do país ainda não foram totalmente tragadas pelo incrível crescimento econômico das últimas décadas. As principais atrações turísticas da China estão relacionadas com sua história e com sua singular tradição cultural.

Visitei vários desses lugares extraordinários e fiz questão de guardar as experiências em vídeo para depois compartilhá-las na internet. Na Muralha da China, por exemplo, é muito fácil esquecer que estamos próximos à caótica e poluída Pequim e, em contrapartida, nos conectarmos com um ambiente repleto de tranquilidade, inspiração e harmonia.

Clique aqui e veja o vídeo que publiquei sobre a muralha. Acho que ele ilustra muito bem o enorme valor desses ícones da cultura chinesa diante da iminente chegada do país ao posto de maior economia do mundo.

Um outro ponto importante, que eu não posso deixar de comentar aqui, são as enormes diferenças culturais entre oriente e ocidente, principalmente, em relação aos costumes e ao comportamento. Apesar do famigerado fenômeno da globalização, o povo chinês se mantém apegado a muitos hábitos e tradições que são completamente exóticos e até incompreensíveis pra nós, brasileiros.

Lá se cumprimenta com um simples aperto de mão, independente do grau de intimidade ou do sexo dos envolvidos. Abraços são estritamente proibidos! Beijo no rosto é coisa que os namorados fazem na intimidade. Aliás, os pais tem uma forte influencia na escolha dos parceiros(as) dos filhos(as). Muitas vezes, são os pais que combinam os encontros amorosos de seus herdeiros. Homossexualidade, teoricamente, não existe! Esse tema é um dos maiores tabus do país.

É normal ver pessoas cuspindo no chão, o tempo todo eu vi isso… Máscaras pra se proteger da poluição do ar e sombrinhas pra evitar contato com os raios do sol são itens quase obrigatórios. Em contrapartida, as pessoas ainda fumam muito, inclusive, em ambientes fechados como restaurantes e shoppings.
Nos banheiros, o mais comum é encontrar aquele aparelho sanitário que consiste em um buraco no chão… Violência urbana, praticamente, não existe.

Eles bebem chá durante todo o dia e aquecem a água, sucos e até refrigerantes antes de beber. Comem chupando a comida ou enfiando a cara dentro do prato… É tudo muito diferente! Aliás, sobre comida, editei um vídeo supercurioso mostrando algumas das “estranhas” guloseimas que são vendidas nas ruas da antiga capital Xi’an… Não é pra qualquer estômago!

[uol video=”http://mais.uol.com.br/view/15514560″]

E apesar de todas as diferenças culturais – um choque até – é um país que merece ser visitado. Fica a dica”.

*Fábio Monteiro é jornalista, editor do canal Viajante Independente no Youtube.

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
1/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
2/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
3/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
4/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
5/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
6/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
7/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
8/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
9/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
10/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
11/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
12/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
13/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
14/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
15/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
16/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
17/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet
18/18

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet

Cearense faz expedição pela China e relata a experiência através de vídeos na internet