Estrelas do NBB tietam gigante paraibano mais alto do Brasil


Estrelas do NBB tietam gigante paraibano mais alto do Brasil

Ninão, de 2,38m, acompanhou a partida festiva da Liga Nacional, o Jogo das Estrelas, realizado neste sábado (22), em Fortaleza

Por Lucas Catrib em Basquete

22 de fevereiro de 2014 às 13:34

Há 5 anos
MVP do duelo, Alex, tirou foto com o gigante Ninão, homem mais alto do Brasil (FOTO: Lucas Catrib)

MVP do duelo, Alex, tirou foto com o gigante Ninão, homem mais alto do Brasil (FOTO: Lucas Catrib)

O time de estrelas brasileiras no Jogo das Estrelas do Novo Basquete Brasil (NBB)levou a melhor por 126 a 116. Depois do duelo, disputado neste sábado (22), no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza, um gigante que estava acompanhando o embate das arquibancadas, entrou em quadra chamou a atenção dos atletas profissionais e dos outros torcedores presentes. Ninão, paraibano de 2,38m, foi tietado até pelo jogador eleito o melhor da partida.

“Nunca joguei contra um cara desse tamanho”, comentou Alex, que fez questão de tirar foto com Joelison Fernandes da Silva, nome de batismo do gigante. O jogador mais alto da partida era o norte-americano DeVon Hardin, de 2,11m.

Outros atletas também pediram para tirar foto com o homem mais alto do Brasil, e também, segundo do mundo. Matheus Dalla (Limeira), Matheus (Basquete Cearense) e Cauê Borges foram exemplos.

>LEIA MAIS:

Matheus Dalla e Matheus, jogadores que acompanharam também a partida, aproveitaram para tietar Ninão (FOTO: Lucas Catrib)

Matheus Dalla e Matheus, jogadores que acompanharam também a partida, aproveitaram para tietar Ninão (FOTO: Lucas Catrib)

Ninão tem gigantismo e cresceu 8 centímetros mesmo com a retirada de um tumor na glândula hipófise. O rapaz de 28 anos jogou basquete na adolescência e tem como ídolo Oscar, ex-ala da seleção brasileira.

“Parei de jogar por conta do meu peso. Mas estou amando está próximo disso tudo (Jogo das Estrelas). Nunca tinha assistido uma partida profissional de basquete”, justificou Ninão.

Natural de Assunção-PB, o gigante viajou a convite de uma empresa de Fortaleza. Ninão, que tem o pé tamanho 64,  sobrevive de doações. A cama em que ele dorme, por exemplo, tem 2,50m.

 

Publicidade

Dê sua opinião

Estrelas do NBB tietam gigante paraibano mais alto do Brasil

Ninão, de 2,38m, acompanhou a partida festiva da Liga Nacional, o Jogo das Estrelas, realizado neste sábado (22), em Fortaleza

Por Lucas Catrib em Basquete

22 de fevereiro de 2014 às 13:34

Há 5 anos
MVP do duelo, Alex, tirou foto com o gigante Ninão, homem mais alto do Brasil (FOTO: Lucas Catrib)

MVP do duelo, Alex, tirou foto com o gigante Ninão, homem mais alto do Brasil (FOTO: Lucas Catrib)

O time de estrelas brasileiras no Jogo das Estrelas do Novo Basquete Brasil (NBB)levou a melhor por 126 a 116. Depois do duelo, disputado neste sábado (22), no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza, um gigante que estava acompanhando o embate das arquibancadas, entrou em quadra chamou a atenção dos atletas profissionais e dos outros torcedores presentes. Ninão, paraibano de 2,38m, foi tietado até pelo jogador eleito o melhor da partida.

“Nunca joguei contra um cara desse tamanho”, comentou Alex, que fez questão de tirar foto com Joelison Fernandes da Silva, nome de batismo do gigante. O jogador mais alto da partida era o norte-americano DeVon Hardin, de 2,11m.

Outros atletas também pediram para tirar foto com o homem mais alto do Brasil, e também, segundo do mundo. Matheus Dalla (Limeira), Matheus (Basquete Cearense) e Cauê Borges foram exemplos.

>LEIA MAIS:

Matheus Dalla e Matheus, jogadores que acompanharam também a partida, aproveitaram para tietar Ninão (FOTO: Lucas Catrib)

Matheus Dalla e Matheus, jogadores que acompanharam também a partida, aproveitaram para tietar Ninão (FOTO: Lucas Catrib)

Ninão tem gigantismo e cresceu 8 centímetros mesmo com a retirada de um tumor na glândula hipófise. O rapaz de 28 anos jogou basquete na adolescência e tem como ídolo Oscar, ex-ala da seleção brasileira.

“Parei de jogar por conta do meu peso. Mas estou amando está próximo disso tudo (Jogo das Estrelas). Nunca tinha assistido uma partida profissional de basquete”, justificou Ninão.

Natural de Assunção-PB, o gigante viajou a convite de uma empresa de Fortaleza. Ninão, que tem o pé tamanho 64,  sobrevive de doações. A cama em que ele dorme, por exemplo, tem 2,50m.