Ídolo da Seleção Brasileira, David Luiz já teve duelos contra o Ferroviário


Ídolo da Seleção Brasileira, David Luiz já teve duelos contra o Ferroviário

Uma das esperanças do Brasil nesta Copa do Mundo, o zagueiro David Luiz teve confrontos importantes contra o Ferroviário

Por Caio Costa em Copa do Mundo 2014

7 de julho de 2014 às 16:55

Há 5 anos

David Luiz é uma das estrelas da Copa do Mundo Foto: Fifa.com

O ano era 2006. O tradicional Vitória vivia o pior momento de sua história. Rebaixado à Série C do Campeonato Brasileiro, o Rubro-Negro Baiano apostou em algumas revelações de sua forte categoria de base para retornar à segunda divisão do futebol nacional.

Uma das maiores promessas era um zagueiro magro, com aparência de europeu, que atendia pelo nome de David Luiz. No início da campanha, o defensor de apenas 19 anos pouco era aproveitado, mas aos poucos foi garantindo o seu espaço na equipe com contava com nomes como o meia Leandro Domingues, o atacante Marcelo Moreno e o cearense Índio.

Naquele mesmo ano, o Ferroviário fazia a sua última temporada de destaque. Se atualmente amarga a segunda divisão do Campeonato Cearense, o Ferrão vivia um grande momento. Mesclando revelações como o volante Dedé, atualmente na Chapecoense, e o atacante Fernandinho (ex-São Paulo) com veteranos como Sérgio Alves e Jefferson, o Tubarão da Barra lutou pelo acesso.

David Luiz (esq), ao lado de Marcelo Moreno nos tempos de Vitória Foto: Reprodução

Com David Luiz na zaga, o Vitória venceu duas vezes o time cearense. O primeiro triunfo foi por 3 a 1, no estádio Presidente Vargas, ainda na segunda fase da competição e a segunda, já pelo octogonal final, uma goleada por 4 a 0, que garantiu o retorno do Leão da Barra à Série B.

Quando Ferrão ganhou, zagueirão não estava em campo

Naquele Série C, o Ferroviário que terminaria com quinta colocação, perdendo o acesso para o Grêmio Barueri, venceu o Vitória duas vezes, mas em nenhuma delas David Luiz estava em campo.

No primeiro triunfo coral, por 3 a 2 no estádio Barradão, o zagueiro estava lesionado. No segundo, por 3 a 1 no estádio Presidente Vargas, o motivo da ausência era o terceirão cartão amarelo tomado na rodada anterior.

Publicidade

Dê sua opinião

Ídolo da Seleção Brasileira, David Luiz já teve duelos contra o Ferroviário

Uma das esperanças do Brasil nesta Copa do Mundo, o zagueiro David Luiz teve confrontos importantes contra o Ferroviário

Por Caio Costa em Copa do Mundo 2014

7 de julho de 2014 às 16:55

Há 5 anos

David Luiz é uma das estrelas da Copa do Mundo Foto: Fifa.com

O ano era 2006. O tradicional Vitória vivia o pior momento de sua história. Rebaixado à Série C do Campeonato Brasileiro, o Rubro-Negro Baiano apostou em algumas revelações de sua forte categoria de base para retornar à segunda divisão do futebol nacional.

Uma das maiores promessas era um zagueiro magro, com aparência de europeu, que atendia pelo nome de David Luiz. No início da campanha, o defensor de apenas 19 anos pouco era aproveitado, mas aos poucos foi garantindo o seu espaço na equipe com contava com nomes como o meia Leandro Domingues, o atacante Marcelo Moreno e o cearense Índio.

Naquele mesmo ano, o Ferroviário fazia a sua última temporada de destaque. Se atualmente amarga a segunda divisão do Campeonato Cearense, o Ferrão vivia um grande momento. Mesclando revelações como o volante Dedé, atualmente na Chapecoense, e o atacante Fernandinho (ex-São Paulo) com veteranos como Sérgio Alves e Jefferson, o Tubarão da Barra lutou pelo acesso.

David Luiz (esq), ao lado de Marcelo Moreno nos tempos de Vitória Foto: Reprodução

Com David Luiz na zaga, o Vitória venceu duas vezes o time cearense. O primeiro triunfo foi por 3 a 1, no estádio Presidente Vargas, ainda na segunda fase da competição e a segunda, já pelo octogonal final, uma goleada por 4 a 0, que garantiu o retorno do Leão da Barra à Série B.

Quando Ferrão ganhou, zagueirão não estava em campo

Naquele Série C, o Ferroviário que terminaria com quinta colocação, perdendo o acesso para o Grêmio Barueri, venceu o Vitória duas vezes, mas em nenhuma delas David Luiz estava em campo.

No primeiro triunfo coral, por 3 a 2 no estádio Barradão, o zagueiro estava lesionado. No segundo, por 3 a 1 no estádio Presidente Vargas, o motivo da ausência era o terceirão cartão amarelo tomado na rodada anterior.