Cearense escala monte mais alto da Europa - Esportes


Cearense escala monte mais alto da Europa

Rosier Alexandre atinge o cume do Monte Elbrus

Por em Sem categoria

19 de agosto de 2011 às 15:50

Há 8 anos

Foto: Divulgação

O montanhista cearense Rosier Alexandre atingiu o monte Elbrus, o maior da Europa. A meta foi alcançada na última quarta-feira (17). A montanha fica localizada na Rússia.

A escalada faz parte do projeto Sete Cumes, que consiste em escalar a montanha mais alta de cada continente, até 2014. O cearense do município de Monsenhor Tabosa já atingiu o cume de dois deles: o Aconcágua, na Argentina, e o Kilimanjaro, na África.

Até hoje, só um brasileiro conseguiu completar o percurso dos sete cumes, podendo o estado do Ceará ter um dos poucos brasileiros a alcançar grande feito no montanhismo mundial.

Rosier relata que para atingir o cume do Elbrus (5.642 metros), fez a escalada pela face norte. “Uma das maiores paredes de escalada do mundo, mais de 1.900 metros desde o último acampamento”, destacou. Ele revelou ainda que foi a expedição mais difícil e também a mais mística que já enfrentou.

Com informações da Assessoria da Fiec.

Publicidade

Dê sua opinião

Cearense escala monte mais alto da Europa

Rosier Alexandre atinge o cume do Monte Elbrus

Por em Sem categoria

19 de agosto de 2011 às 15:50

Há 8 anos

Foto: Divulgação

O montanhista cearense Rosier Alexandre atingiu o monte Elbrus, o maior da Europa. A meta foi alcançada na última quarta-feira (17). A montanha fica localizada na Rússia.

A escalada faz parte do projeto Sete Cumes, que consiste em escalar a montanha mais alta de cada continente, até 2014. O cearense do município de Monsenhor Tabosa já atingiu o cume de dois deles: o Aconcágua, na Argentina, e o Kilimanjaro, na África.

Até hoje, só um brasileiro conseguiu completar o percurso dos sete cumes, podendo o estado do Ceará ter um dos poucos brasileiros a alcançar grande feito no montanhismo mundial.

Rosier relata que para atingir o cume do Elbrus (5.642 metros), fez a escalada pela face norte. “Uma das maiores paredes de escalada do mundo, mais de 1.900 metros desde o último acampamento”, destacou. Ele revelou ainda que foi a expedição mais difícil e também a mais mística que já enfrentou.

Com informações da Assessoria da Fiec.