Apagão atinge cidades das regiões Norte e Nordeste nesta quarta-feira

QUEDA DE ENERGIA

Apagão atinge cidades das regiões Norte e Nordeste nesta quarta-feira

Queda de energia por volta das 15h50min atingiu diversas cidades brasileiras e a hashtag “apagão” é uma das mais usadas no Twitter

Por Tribuna do Ceará em Ceará

21 de março de 2018 às 16:37

Há 1 ano
Engarrafamento no trânsito em Fortaleza por causa do apagão.

Apagão atingiu todos os estados do Nordeste. Em Fortaleza, trânsito se complica. (Foto: Tribuna do Ceará)

Atualizada às 17h20min

Um apagão atingiu todos os estados do Nordeste e alguns da Região Norte nesta quarta-feira (21). A queda de energia, por volta das 15h50, pode ter dimensões ainda não calculadas. Em Fortaleza, os semáforos estão apagados e já há congestionamento nas principais vias da cidade.

Nota do Operador Nacional do Sistema (ONS) afirma que o apagão foi causado por “perda de carga”.

A Enel Distribuição do Ceará informou que uma interrupção no Sistema Interligado Nacional (SIN) afetou o fornecimento de energia do Ceará. A Companhia aguarda informações do Operador Nacional do Sistema e trabalha para normalizar o serviço.

Na Capital, o Aeroporto Internacional Pinto Martins opera com luzes de emergência. Ainda não há registro de voos cancelados.

Apagão nacional

Está confirmada a falta de energia nos estados de Alagoas, Sergipe, Ceará, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Bahia, Maranhão, todos no Nordeste. No Norte, há relatos de Tocantins, Amapá e Pará

O Tribuna do Ceará entrou em contato com a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf). Segundo eles, ainda não há o número exato de cidades atingidas, ainda em processo de apuração.

Nas redes sociais, a hashtag “apagão” é uma das mais usadas no País, com relatos dos internautas sobre a falta de energia.

Em 28 de agosto de 2015, um apagão de grande proporção atingiu todo o Nordeste, também numa quarta-feira. A energia só começou a voltar cerca de duas horas depois da queda de energia. Na época, o blecaute foi causado por queimadas em duas linhas de transmissão privadas no Piauí, que fazem a interligação entre o sistema do Norte e do Nordeste.

 

Publicidade

Dê sua opinião

QUEDA DE ENERGIA

Apagão atinge cidades das regiões Norte e Nordeste nesta quarta-feira

Queda de energia por volta das 15h50min atingiu diversas cidades brasileiras e a hashtag “apagão” é uma das mais usadas no Twitter

Por Tribuna do Ceará em Ceará

21 de março de 2018 às 16:37

Há 1 ano
Engarrafamento no trânsito em Fortaleza por causa do apagão.

Apagão atingiu todos os estados do Nordeste. Em Fortaleza, trânsito se complica. (Foto: Tribuna do Ceará)

Atualizada às 17h20min

Um apagão atingiu todos os estados do Nordeste e alguns da Região Norte nesta quarta-feira (21). A queda de energia, por volta das 15h50, pode ter dimensões ainda não calculadas. Em Fortaleza, os semáforos estão apagados e já há congestionamento nas principais vias da cidade.

Nota do Operador Nacional do Sistema (ONS) afirma que o apagão foi causado por “perda de carga”.

A Enel Distribuição do Ceará informou que uma interrupção no Sistema Interligado Nacional (SIN) afetou o fornecimento de energia do Ceará. A Companhia aguarda informações do Operador Nacional do Sistema e trabalha para normalizar o serviço.

Na Capital, o Aeroporto Internacional Pinto Martins opera com luzes de emergência. Ainda não há registro de voos cancelados.

Apagão nacional

Está confirmada a falta de energia nos estados de Alagoas, Sergipe, Ceará, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Bahia, Maranhão, todos no Nordeste. No Norte, há relatos de Tocantins, Amapá e Pará

O Tribuna do Ceará entrou em contato com a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf). Segundo eles, ainda não há o número exato de cidades atingidas, ainda em processo de apuração.

Nas redes sociais, a hashtag “apagão” é uma das mais usadas no País, com relatos dos internautas sobre a falta de energia.

Em 28 de agosto de 2015, um apagão de grande proporção atingiu todo o Nordeste, também numa quarta-feira. A energia só começou a voltar cerca de duas horas depois da queda de energia. Na época, o blecaute foi causado por queimadas em duas linhas de transmissão privadas no Piauí, que fazem a interligação entre o sistema do Norte e do Nordeste.