Prefeito de Pereiro deve exonerar servidores temporários e realizar concurso


Prefeito de Pereiro deve exonerar servidores temporários e realizar concurso

A exoneração deve ocorrer independentemente de qualquer manifestação da Câmara Legislativa de Pereiro

Por Tribuna do Ceará em Ceará

23 de maio de 2013 às 17:30

Há 6 anos

A Prefeitura de Pereiro, município localizado a 342 quilômetros de Fortaleza, deverá exonerar, no prazo de dez dias, todos os servidores que foram contratados temporariamente fora das hipóteses previstas na lei municipal 602/2009. Esse é o resultado do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), firmado pelo promotor de Justiça da comarca de Russas, Emílio Timbó Tahim, com o prefeito, João Francismar Dias, e o procurador do Município, Fernando Antônio Holanda Pinheiro, neste mês.

Segundo o Ministério Público do Ceará, em caso de descumprimento de quaisquer das cláusulas do TAC, o responsável se sujeitará às penalidades cíveis e penais cabíveis. Além disso, a exoneração deve ocorrer independentemente de qualquer manifestação da Câmara Legislativa de Pereiro.

Planejamento

O MP apontou que o prefeito vai realizar um estudo no sentido de aferir a real necessidade das contratações atualmente existentes, e a encaminhar projeto de lei para a criação ou alteração dos cargos públicos que se revelem estritamente necessários à manutenção da regular administração do município de Pereiro. Depois, será realizado concurso público para o preenchimento de cargos.

Em substituição aos servidores contratados temporariamente, o prefeito se comprometeu a convocar todos os aprovados no concurso público a ser realizado, ressalvada a conveniência e a oportunidade da administração. Segundo o promotor de Justiça, a manutenção de tais contratações viola vários princípios que regem a Administração Pública, podendo vir a configurar ato de improbidade administrativa.

Parte das funções, não possui caráter excepcional, sendo irregular o seu preenchimento através da contratação temporária. Conforme informações prestadas pelo Município de Pereiro, há contratações temporárias para as mais diversas funções.

Publicidade

Dê sua opinião

Prefeito de Pereiro deve exonerar servidores temporários e realizar concurso

A exoneração deve ocorrer independentemente de qualquer manifestação da Câmara Legislativa de Pereiro

Por Tribuna do Ceará em Ceará

23 de maio de 2013 às 17:30

Há 6 anos

A Prefeitura de Pereiro, município localizado a 342 quilômetros de Fortaleza, deverá exonerar, no prazo de dez dias, todos os servidores que foram contratados temporariamente fora das hipóteses previstas na lei municipal 602/2009. Esse é o resultado do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), firmado pelo promotor de Justiça da comarca de Russas, Emílio Timbó Tahim, com o prefeito, João Francismar Dias, e o procurador do Município, Fernando Antônio Holanda Pinheiro, neste mês.

Segundo o Ministério Público do Ceará, em caso de descumprimento de quaisquer das cláusulas do TAC, o responsável se sujeitará às penalidades cíveis e penais cabíveis. Além disso, a exoneração deve ocorrer independentemente de qualquer manifestação da Câmara Legislativa de Pereiro.

Planejamento

O MP apontou que o prefeito vai realizar um estudo no sentido de aferir a real necessidade das contratações atualmente existentes, e a encaminhar projeto de lei para a criação ou alteração dos cargos públicos que se revelem estritamente necessários à manutenção da regular administração do município de Pereiro. Depois, será realizado concurso público para o preenchimento de cargos.

Em substituição aos servidores contratados temporariamente, o prefeito se comprometeu a convocar todos os aprovados no concurso público a ser realizado, ressalvada a conveniência e a oportunidade da administração. Segundo o promotor de Justiça, a manutenção de tais contratações viola vários princípios que regem a Administração Pública, podendo vir a configurar ato de improbidade administrativa.

Parte das funções, não possui caráter excepcional, sendo irregular o seu preenchimento através da contratação temporária. Conforme informações prestadas pelo Município de Pereiro, há contratações temporárias para as mais diversas funções.