Número de casamentos homoafetivos cresce 154% no Ceará

LGBT

Casamento homoafetivo cresce 154% no Ceará após Justiça regularizar união

Somente em 2015, foram realizadas 469 uniões de pessoas do mesmo sexo no estado, sendo 333 em Fortaleza

Por Matheus Ribeiro em Cotidiano

30 de novembro de 2016 às 07:00

Há 3 anos
Em Fortaleza, 30 casais oficializaram a união e comemoraram a conquista da classe LGBT (FOTO: Thiago Gaspar/Prefeitura de Fortaleza)

Em Fortaleza, casais LGBT realizam casamentos coletivos (FOTO: Thiago Gaspar/Prefeitura de Fortaleza)

O número de casamentos entre homossexuais cresceu cerca de 154% no Ceará desde 2013, quando o Poder Judiciário cearense determinou que cartórios lavrassem escritura para a união LGBT.

De acordo com a pesquisa anual do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), somente em 2015 foram realizados no estado 469 uniões igualitárias. Em Fortaleza, aconteceram 333.

A determinação do Judiciário em relação ao casamento homossexual assegurou a validade e eficácia das novas formas de união, observando os princípios constitucionais da igualdade e tolerância. 

Dessa forma, os cartórios de Registro Civil das Pessoas Naturais do Estado passaram a reconhecer a união igualitária como entidade familiar. A conversão em casamento da união entre iguais poderá ser requerida a qualquer momento em todo o país.

No Brasil

Desde 2011, a união entre pessoas do mesmo sexo é uma realidade no Brasil. Isso porque o Supremo Tribunal Federal (STF) equiparou a união homossexual à heterossexual. Dois anos depois, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou a Resolução nº 175, determinando que os cartórios de Registro Civil de todo o País celebrassem o casamento.

Publicidade

Dê sua opinião

LGBT

Casamento homoafetivo cresce 154% no Ceará após Justiça regularizar união

Somente em 2015, foram realizadas 469 uniões de pessoas do mesmo sexo no estado, sendo 333 em Fortaleza

Por Matheus Ribeiro em Cotidiano

30 de novembro de 2016 às 07:00

Há 3 anos
Em Fortaleza, 30 casais oficializaram a união e comemoraram a conquista da classe LGBT (FOTO: Thiago Gaspar/Prefeitura de Fortaleza)

Em Fortaleza, casais LGBT realizam casamentos coletivos (FOTO: Thiago Gaspar/Prefeitura de Fortaleza)

O número de casamentos entre homossexuais cresceu cerca de 154% no Ceará desde 2013, quando o Poder Judiciário cearense determinou que cartórios lavrassem escritura para a união LGBT.

De acordo com a pesquisa anual do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), somente em 2015 foram realizados no estado 469 uniões igualitárias. Em Fortaleza, aconteceram 333.

A determinação do Judiciário em relação ao casamento homossexual assegurou a validade e eficácia das novas formas de união, observando os princípios constitucionais da igualdade e tolerância. 

Dessa forma, os cartórios de Registro Civil das Pessoas Naturais do Estado passaram a reconhecer a união igualitária como entidade familiar. A conversão em casamento da união entre iguais poderá ser requerida a qualquer momento em todo o país.

No Brasil

Desde 2011, a união entre pessoas do mesmo sexo é uma realidade no Brasil. Isso porque o Supremo Tribunal Federal (STF) equiparou a união homossexual à heterossexual. Dois anos depois, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou a Resolução nº 175, determinando que os cartórios de Registro Civil de todo o País celebrassem o casamento.