Moradores temem extinção de praça na Avenida Aguanambi


Moradores temem extinção de praça na Avenida Aguanambi, em obra da prefeitura

Enquanto moradores se mobilizam para impedir extinção, a prefeitura deixa claro que a praça continuará e será requalificada. Mas não é que parece em croqui da obra

Por Hayanne Narlla em Cotidiano

31 de julho de 2014 às 08:00

Há 5 anos
Carlos tem um bar há 10 anos e teme que praça, onde trabalha, seja extinta (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Carlos tem um bar há 10 anos e teme que praça, onde trabalha, seja extinta (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Há dez anos, Carlos Gomes Nascimento montou um bar na Avenida Aguanambi. Lá se instalou, conquistou clientela e virou uma espécie de patrimônio de uma pequena praça, localizada em uma curva bem no estreitamento da via. Agora, ele teme que seu local de trabalho seja extinto pela Prefeitura de Fortaleza.

A polêmica iniciou quando os moradores do entorno começaram a se mobilizar para parar a tal extinção. Segundo Carlos, houve uma reunião com a gestão municipal, na qual foi avisado que mudanças aconteceriam na avenida, inclusive retirando a praça do local. Com muito afeto pela área, o dono do bar quer resistir a qualquer tipo de alteração.

“Aqui temos umas 30 árvores, e quem mantém somos nós. Aqui tem muito acidente. Pelo menos um motoqueiro cai toda semana, mas acho que poderiam solucionar de outras formas. Colocar uma sinalização, por exemplo, falando que é uma curva perigosa”, avaliou.

Porém, o titular da Secretaria de Infraestrutura, Samuel Dias, assegurou que a praça não deixará de existir e que, inclusive, ela passará por uma requalificação. “A única coisa que vai ter é a correção do bico dela”, explicou.

Nova Aguanambi

De fato, a avenida vai passar por uma mudança. No primeiro semestre de 2015, será realizada a implantação de um corredor para ônibus na via, desde a BR-116 até a Avenida Domingos Olímpio. A necessidade veio a partir do grande fluxo de veículos e pessoas no local. Ao todo, trafegam 58 mil veículos por dia, além de 34 linhas de ônibus e duas de vans.

A curva na praça é considerada perigosa e causa muitos acidentes (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

A curva na praça é considerada perigosa e causa muitos acidentes (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

A primeira mudança será a eliminação dos canteiros laterais, alargando a pista para três faixas de carros comuns e uma exclusiva para ônibus – que será localizada à esquerda, do lado do canal. À direita, serão criadas ciclofaixas ao lado das calçadas, as quais serão reformadas e alargadas.

A partir do ponto onde está a sede a Autarquia Municipal de Trânsito (AMC), há um estreitamento da via. Dessa forma, a avenida passa a ter duas faixas para carros comuns e uma exclusiva para o transporte público. Serão criadas estações de ônibus, além de uma passarela ao lado do viaduto da Avenida 13 de Maio. Uma reforma paisagística também será realizada, com plantio de árvores e modificação da paisagem urbana.

A área de maior modificação é no cruzamento da Aguanambi e Domingos Olímpio. Lá, será criado um túnel para solucionar o engarrafamento atual. E vai custar caro. Toda a obra tem o investimento de R$ 95 milhões.

Croqui de trecho da obra, que circula na internet, contrapõe discurso da Prefeitura de que praça não será destruída (Foto: Reprodução)

Croqui de trecho da obra, que circula na internet, contrapõe discurso da prefeitura de que praça não será destruída (Foto: Reprodução)

Sobre as reclamações dos moradores, principalmente de Carlos, o secretário deixou claro que a utilização da praça por ele não é correta, por se tratar de um bem público sendo utilizado para uso particular. Mesmo assim, ressaltou que nem o bar, nem a praça serão eliminados com as obras.

A primeira discussão sobre eliminação de alguma praça na atual gestão municipal foi com a Praça Portugal. Em março deste ano, o prefeito Roberto Cláudio anunciou que no local seria feito um cruzamento, desafogando o trânsito. Além disso, seriam construídas quatro mini-praças, localizadas em cada canteiro. A promessa causou divergências em toda a cidade. De um lado os defensores da história e do meio ambiente. Do outro, motoristas levantavam a bandeira do cruzamento. Por enquanto, o projeto segue.

Confira a galeria

Nova Aguanambi
1/3

Nova Aguanambi

Bar é localizado em praça na Avenida Aguanambi, próximo à AMC (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Nova Aguanambi
2/3

Nova Aguanambi

Praça tem um “bico”, que será corrigido (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Nova Aguanambi
3/3

Nova Aguanambi

Carlos cuida da praça e promove shows (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Publicidade

Dê sua opinião

Moradores temem extinção de praça na Avenida Aguanambi, em obra da prefeitura

Enquanto moradores se mobilizam para impedir extinção, a prefeitura deixa claro que a praça continuará e será requalificada. Mas não é que parece em croqui da obra

Por Hayanne Narlla em Cotidiano

31 de julho de 2014 às 08:00

Há 5 anos
Carlos tem um bar há 10 anos e teme que praça, onde trabalha, seja extinta (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Carlos tem um bar há 10 anos e teme que praça, onde trabalha, seja extinta (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Há dez anos, Carlos Gomes Nascimento montou um bar na Avenida Aguanambi. Lá se instalou, conquistou clientela e virou uma espécie de patrimônio de uma pequena praça, localizada em uma curva bem no estreitamento da via. Agora, ele teme que seu local de trabalho seja extinto pela Prefeitura de Fortaleza.

A polêmica iniciou quando os moradores do entorno começaram a se mobilizar para parar a tal extinção. Segundo Carlos, houve uma reunião com a gestão municipal, na qual foi avisado que mudanças aconteceriam na avenida, inclusive retirando a praça do local. Com muito afeto pela área, o dono do bar quer resistir a qualquer tipo de alteração.

“Aqui temos umas 30 árvores, e quem mantém somos nós. Aqui tem muito acidente. Pelo menos um motoqueiro cai toda semana, mas acho que poderiam solucionar de outras formas. Colocar uma sinalização, por exemplo, falando que é uma curva perigosa”, avaliou.

Porém, o titular da Secretaria de Infraestrutura, Samuel Dias, assegurou que a praça não deixará de existir e que, inclusive, ela passará por uma requalificação. “A única coisa que vai ter é a correção do bico dela”, explicou.

Nova Aguanambi

De fato, a avenida vai passar por uma mudança. No primeiro semestre de 2015, será realizada a implantação de um corredor para ônibus na via, desde a BR-116 até a Avenida Domingos Olímpio. A necessidade veio a partir do grande fluxo de veículos e pessoas no local. Ao todo, trafegam 58 mil veículos por dia, além de 34 linhas de ônibus e duas de vans.

A curva na praça é considerada perigosa e causa muitos acidentes (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

A curva na praça é considerada perigosa e causa muitos acidentes (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

A primeira mudança será a eliminação dos canteiros laterais, alargando a pista para três faixas de carros comuns e uma exclusiva para ônibus – que será localizada à esquerda, do lado do canal. À direita, serão criadas ciclofaixas ao lado das calçadas, as quais serão reformadas e alargadas.

A partir do ponto onde está a sede a Autarquia Municipal de Trânsito (AMC), há um estreitamento da via. Dessa forma, a avenida passa a ter duas faixas para carros comuns e uma exclusiva para o transporte público. Serão criadas estações de ônibus, além de uma passarela ao lado do viaduto da Avenida 13 de Maio. Uma reforma paisagística também será realizada, com plantio de árvores e modificação da paisagem urbana.

A área de maior modificação é no cruzamento da Aguanambi e Domingos Olímpio. Lá, será criado um túnel para solucionar o engarrafamento atual. E vai custar caro. Toda a obra tem o investimento de R$ 95 milhões.

Croqui de trecho da obra, que circula na internet, contrapõe discurso da Prefeitura de que praça não será destruída (Foto: Reprodução)

Croqui de trecho da obra, que circula na internet, contrapõe discurso da prefeitura de que praça não será destruída (Foto: Reprodução)

Sobre as reclamações dos moradores, principalmente de Carlos, o secretário deixou claro que a utilização da praça por ele não é correta, por se tratar de um bem público sendo utilizado para uso particular. Mesmo assim, ressaltou que nem o bar, nem a praça serão eliminados com as obras.

A primeira discussão sobre eliminação de alguma praça na atual gestão municipal foi com a Praça Portugal. Em março deste ano, o prefeito Roberto Cláudio anunciou que no local seria feito um cruzamento, desafogando o trânsito. Além disso, seriam construídas quatro mini-praças, localizadas em cada canteiro. A promessa causou divergências em toda a cidade. De um lado os defensores da história e do meio ambiente. Do outro, motoristas levantavam a bandeira do cruzamento. Por enquanto, o projeto segue.

Confira a galeria

Nova Aguanambi
1/3

Nova Aguanambi

Bar é localizado em praça na Avenida Aguanambi, próximo à AMC (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Nova Aguanambi
2/3

Nova Aguanambi

Praça tem um “bico”, que será corrigido (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Nova Aguanambi
3/3

Nova Aguanambi

Carlos cuida da praça e promove shows (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)