Projeto Fortaleza Invisível conta história de pessoas em situação de rua através das redes sociais

VISIBILIDADE

Projeto Fortaleza Invisível conta história de pessoas em situação de rua através das redes sociais

Através de fotos e textos curtos, o movimento Fortaleza Invisível conta a história da população em situação de rua através das redes sociais

Por Jéssica Welma em Cotidiano

28 de fevereiro de 2019 às 07:00

Há 5 meses
Projeto ForInvisível faz um recorte na história de quem está em situação de rua. (Foto: Reprodução/TV Jangadeiro)

Projeto ForInvisível faz um recorte na história de quem está em situação de rua. (Foto: Reprodução/TV Jangadeiro)

Mais de 1,7 mil pessoas vivem em situação de rua em Fortaleza, segundo censo realizado pela Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS) em 2014 e 2015. De lá para cá, o cenário tem se agravado. Para dar visibilidade e mobilizar ações em torno dessas pessoas, foi criado o projeto Fortaleza Invisível, inspirado em movimento tradicional em São Paulo.

O ForInvisível nasce nas redes sociais (Instagram e Facebook) para tirar as pessoas em situação de rua da invisibilidade, contando suas histórias. A ação em Fortaleza é do gestor de projetos Marcelo Meneses. A ideia surgiu após problema de saúde em 2018 que o deixou 10 dias em coma. Recuperado, Marcelo decidiu investir na causa social que o mobilizava.

A inspiração do movimento, o SP Invisível, nasceu em 2014, com a mesma meta. Hoje, o projeto se estende por outros 12 estados. Antes de começar a iniciativa em Fortaleza, Marcelo viajou a São Paulo para acompanhar os trabalhos do grupo original.

“Publicamos as fotos e as histórias dessas pessoas para da visibilidade e fazer com que outras pessoas entendam que os moradores de rua têm sonhos, têm desejos…”, pontua Marcelo. A ele, já se juntaram cerca de outros 30 voluntários de diferentes áreas, como medicina, jornalismo, fotografia e serviço social, para alavancar o projeto.

Para acompanhar o projeto, basta seguir nas redes sociais. (Foto: Divulgação)

Para acompanhar o projeto, basta seguir nas redes sociais. (Foto: Divulgação)

Além da publicização das histórias, o grupo atua também na articulação política dos direitos das pessoas de rua e em ações sociais, desde a arrecadação de roupas, artigos de higiene pessoal e alimentos, até a formação de grupos de conversa sobre drogas, saúde sexual, dentre outros temas.

“Queremos humanizar as pessoas para que elas possam enxergar com as lentes do amor e ver quem todo mundo diz que é invisível, o João, a Maria, o José e suas histórias”, diz o projeto.

Quem tiver interesse em colaborar com o ForInvísivel pode entrar em contato pelas redes sociais e pelo e-mail forinvisivel@gmail.com ou pelo whatsapp 85996201211.

Publicidade

Dê sua opinião

VISIBILIDADE

Projeto Fortaleza Invisível conta história de pessoas em situação de rua através das redes sociais

Através de fotos e textos curtos, o movimento Fortaleza Invisível conta a história da população em situação de rua através das redes sociais

Por Jéssica Welma em Cotidiano

28 de fevereiro de 2019 às 07:00

Há 5 meses
Projeto ForInvisível faz um recorte na história de quem está em situação de rua. (Foto: Reprodução/TV Jangadeiro)

Projeto ForInvisível faz um recorte na história de quem está em situação de rua. (Foto: Reprodução/TV Jangadeiro)

Mais de 1,7 mil pessoas vivem em situação de rua em Fortaleza, segundo censo realizado pela Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS) em 2014 e 2015. De lá para cá, o cenário tem se agravado. Para dar visibilidade e mobilizar ações em torno dessas pessoas, foi criado o projeto Fortaleza Invisível, inspirado em movimento tradicional em São Paulo.

O ForInvisível nasce nas redes sociais (Instagram e Facebook) para tirar as pessoas em situação de rua da invisibilidade, contando suas histórias. A ação em Fortaleza é do gestor de projetos Marcelo Meneses. A ideia surgiu após problema de saúde em 2018 que o deixou 10 dias em coma. Recuperado, Marcelo decidiu investir na causa social que o mobilizava.

A inspiração do movimento, o SP Invisível, nasceu em 2014, com a mesma meta. Hoje, o projeto se estende por outros 12 estados. Antes de começar a iniciativa em Fortaleza, Marcelo viajou a São Paulo para acompanhar os trabalhos do grupo original.

“Publicamos as fotos e as histórias dessas pessoas para da visibilidade e fazer com que outras pessoas entendam que os moradores de rua têm sonhos, têm desejos…”, pontua Marcelo. A ele, já se juntaram cerca de outros 30 voluntários de diferentes áreas, como medicina, jornalismo, fotografia e serviço social, para alavancar o projeto.

Para acompanhar o projeto, basta seguir nas redes sociais. (Foto: Divulgação)

Para acompanhar o projeto, basta seguir nas redes sociais. (Foto: Divulgação)

Além da publicização das histórias, o grupo atua também na articulação política dos direitos das pessoas de rua e em ações sociais, desde a arrecadação de roupas, artigos de higiene pessoal e alimentos, até a formação de grupos de conversa sobre drogas, saúde sexual, dentre outros temas.

“Queremos humanizar as pessoas para que elas possam enxergar com as lentes do amor e ver quem todo mundo diz que é invisível, o João, a Maria, o José e suas histórias”, diz o projeto.

Quem tiver interesse em colaborar com o ForInvísivel pode entrar em contato pelas redes sociais e pelo e-mail forinvisivel@gmail.com ou pelo whatsapp 85996201211.