Desocupação do Cocó deve ocorrer ainda nesta sexta


Desocupação do Cocó deve ocorrer ainda nesta sexta

Os manifestantes estão acampados no local há mais 80 dias contra a construção de viadutos no cruzamento

Por Tribuna do Ceará em Fortaleza

4 de outubro de 2013 às 11:26

Há 6 anos

A Polícia Militar deve se concentrar em frente ao Parque do Cocó, no trecho entre as Avenidas Engenheiro Santana Júnior até ás 14h desta sexta-feira (4). Os manifestantes estão acampados no local há mais 80 dias contra a construção de viadutos no cruzamento.

Na quinta-feira (3), o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), em unanimidade, confirmou a determinação de desocupação imediata do Parque do Cocó.

Não houve acordo em reunião na sede da Justiça Federal no estado, com representantes da Prefeitura de Fortaleza, da União, de forças de segurança e dos acampados para decidir como será feita a desocupação.

Retirada

Os manifestantes foram expulsos do parque na madrugada do dia 8 de agosto. Policiais da Guarda Municipal de Fortaleza retiraram os ativistas usando spray de pimenta e bombas de gás lacrimogêneo. Após a retirada das barracas, caminhões limparam a área e iniciaram a derrubada de árvores.

Publicidade

Dê sua opinião

Desocupação do Cocó deve ocorrer ainda nesta sexta

Os manifestantes estão acampados no local há mais 80 dias contra a construção de viadutos no cruzamento

Por Tribuna do Ceará em Fortaleza

4 de outubro de 2013 às 11:26

Há 6 anos

A Polícia Militar deve se concentrar em frente ao Parque do Cocó, no trecho entre as Avenidas Engenheiro Santana Júnior até ás 14h desta sexta-feira (4). Os manifestantes estão acampados no local há mais 80 dias contra a construção de viadutos no cruzamento.

Na quinta-feira (3), o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), em unanimidade, confirmou a determinação de desocupação imediata do Parque do Cocó.

Não houve acordo em reunião na sede da Justiça Federal no estado, com representantes da Prefeitura de Fortaleza, da União, de forças de segurança e dos acampados para decidir como será feita a desocupação.

Retirada

Os manifestantes foram expulsos do parque na madrugada do dia 8 de agosto. Policiais da Guarda Municipal de Fortaleza retiraram os ativistas usando spray de pimenta e bombas de gás lacrimogêneo. Após a retirada das barracas, caminhões limparam a área e iniciaram a derrubada de árvores.