Retorno dos trabalhos na Câmara é marcado por protestos e reivindicações


Retorno dos trabalhos na Câmara é marcado por protestos e reivindicações

Os manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho

Por Roberta Tavares em Fortaleza

3 de fevereiro de 2014 às 11:21

Há 5 anos

O retorno das atividades na Câmara Municipal de Fortaleza foi marcado por protestos e reivindicações. Os servidores municipais entraram na Casa, jogaram pedras e tentaram quebrar portões. A ação foi registrada na manhã desta segunda-feira (3). A categoria bloqueou a Rua Dr. Thompson Bulcão, no Bairro Luciano Cavalcante.

A guarda do Grupo de Operações Especiais (GOE) revidou com balas de borracha e spray de pimenta. Uma vidraça quebrou durante o protesto. Os manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho.

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
1/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
2/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
3/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
4/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

O prefeito Roberto Cláudio (Pros), que participou da abertura dos trabalhos na Câmara, afirmou que vem negociando com todas as categorias. Segundo disse, na última sexta-feira (31) conversou com uma comissão do Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort) sobre a pauta de reivindicação.

> LEIA MAIS

Os vereadores Evaldo Lima (PCdoB), Acrísio Sena (PT), Ronivaldo Maia (PT) e Toinha Rocha (Psol) se dirigiram ao local para tentar conversar com os servidores.

Com informações da repórter Franciane Amaral

Publicidade

Dê sua opinião

Retorno dos trabalhos na Câmara é marcado por protestos e reivindicações

Os manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho

Por Roberta Tavares em Fortaleza

3 de fevereiro de 2014 às 11:21

Há 5 anos

O retorno das atividades na Câmara Municipal de Fortaleza foi marcado por protestos e reivindicações. Os servidores municipais entraram na Casa, jogaram pedras e tentaram quebrar portões. A ação foi registrada na manhã desta segunda-feira (3). A categoria bloqueou a Rua Dr. Thompson Bulcão, no Bairro Luciano Cavalcante.

A guarda do Grupo de Operações Especiais (GOE) revidou com balas de borracha e spray de pimenta. Uma vidraça quebrou durante o protesto. Os manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho.

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
1/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
2/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
3/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha
4/4

Retorno das atividades na Câmara, com pedras e balas de borracha

Manifestantes reivindicam reajustes salariais e melhores condições de trabalho (FOTO: Marcos Dublê/TV Jangadeiro)

O prefeito Roberto Cláudio (Pros), que participou da abertura dos trabalhos na Câmara, afirmou que vem negociando com todas as categorias. Segundo disse, na última sexta-feira (31) conversou com uma comissão do Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort) sobre a pauta de reivindicação.

> LEIA MAIS

Os vereadores Evaldo Lima (PCdoB), Acrísio Sena (PT), Ronivaldo Maia (PT) e Toinha Rocha (Psol) se dirigiram ao local para tentar conversar com os servidores.

Com informações da repórter Franciane Amaral