Prefeitura anuncia mais 20 estações do Bicicletar e criação de rota entre universidades


Prefeitura anuncia mais 20 estações do Bicicletar e criação de rota entre universidades

Bairros beneficiados são Montese, Fátima, Parreão, Bom Futuro, Damas, Rodolfo Teófilo, Amadeu Furtado, Parquelândia e Jardim América

Por Roberta Tavares em Mobilidade Urbana

13 de outubro de 2015 às 10:00

Há 4 anos
Fortaleza contará com 60 estações de bicicletas compartilhadas (FOTO: Divulgação)

Fortaleza contará com 60 estações de bicicletas compartilhadas (FOTO: Divulgação)

A Prefeitura de Fortaleza anunciou a implantação de mais 20 estações de bicicletas compartilhadas e a criação de rota de malha cicloviária intercampi. A novidade foi divulgada na manhã desta terça-feira (13), em entrevista coletiva.

Com as novas estações, o número sobe de 400 para 600 bicicletas. Os bairros beneficiados são Montese, Bairro de Fátima, Parreão, Bom Futuro, Damas, Rodolfo Teófilo, Amadeu Furtado, Parquelândia e Jardim América. A instalação deve ser finalizada até o dia 15 de novembro. Ainda segundo a prefeitura, haverá rota ligando os campi do Pici, Porangabuçu, Benfica e Itaperi.

Até o dia 23 de outubro, serão implantadas estações nos seguintes locais: Rua Érico Mota, North Shopping, Campus do Pici (UFC), Igreja Redonda e sede da Regional 3. Até 31 de outubro os beneficiados serão: Campus Porangabuçu (UFC), Hemoce, Praça Jardim América, Rua Professor Costa Mendes, Igreja de Nazaré, Casa Freitas (Montese) e Esplanada (Montese). Até 15 de novembro: Extra (Aguanambi), Igreja de Fátima, Praça Argentina, Centro de Humanidades (Uece), Rodoviária, Contax (Borges de Melo), Jornal O Povo e Salesiano Dom Bosco.

Utilização das estações

Iniciado em dezembro de 2014, o Bicicletar tem liderado o ranking de bicicletas compartilhadas no Brasil, com uma média de 44,1 viagens a cada dia por estação. Esse número garante o topo da lista em comparação com sistemas semelhantes, à frente de Rio de Janeiro (32,2), Brasília (15,7), Pernambuco (9,4) e São Paulo (8,9).

As estações do Benfica, Aterro, Gentilândia e Praça da Bandeira são algumas das mais utilizadas. São quase 80 mil usuários cadastrados no Bicicletar, sendo 65% por meio do Bilhete Único.

Publicidade

Dê sua opinião

Prefeitura anuncia mais 20 estações do Bicicletar e criação de rota entre universidades

Bairros beneficiados são Montese, Fátima, Parreão, Bom Futuro, Damas, Rodolfo Teófilo, Amadeu Furtado, Parquelândia e Jardim América

Por Roberta Tavares em Mobilidade Urbana

13 de outubro de 2015 às 10:00

Há 4 anos
Fortaleza contará com 60 estações de bicicletas compartilhadas (FOTO: Divulgação)

Fortaleza contará com 60 estações de bicicletas compartilhadas (FOTO: Divulgação)

A Prefeitura de Fortaleza anunciou a implantação de mais 20 estações de bicicletas compartilhadas e a criação de rota de malha cicloviária intercampi. A novidade foi divulgada na manhã desta terça-feira (13), em entrevista coletiva.

Com as novas estações, o número sobe de 400 para 600 bicicletas. Os bairros beneficiados são Montese, Bairro de Fátima, Parreão, Bom Futuro, Damas, Rodolfo Teófilo, Amadeu Furtado, Parquelândia e Jardim América. A instalação deve ser finalizada até o dia 15 de novembro. Ainda segundo a prefeitura, haverá rota ligando os campi do Pici, Porangabuçu, Benfica e Itaperi.

Até o dia 23 de outubro, serão implantadas estações nos seguintes locais: Rua Érico Mota, North Shopping, Campus do Pici (UFC), Igreja Redonda e sede da Regional 3. Até 31 de outubro os beneficiados serão: Campus Porangabuçu (UFC), Hemoce, Praça Jardim América, Rua Professor Costa Mendes, Igreja de Nazaré, Casa Freitas (Montese) e Esplanada (Montese). Até 15 de novembro: Extra (Aguanambi), Igreja de Fátima, Praça Argentina, Centro de Humanidades (Uece), Rodoviária, Contax (Borges de Melo), Jornal O Povo e Salesiano Dom Bosco.

Utilização das estações

Iniciado em dezembro de 2014, o Bicicletar tem liderado o ranking de bicicletas compartilhadas no Brasil, com uma média de 44,1 viagens a cada dia por estação. Esse número garante o topo da lista em comparação com sistemas semelhantes, à frente de Rio de Janeiro (32,2), Brasília (15,7), Pernambuco (9,4) e São Paulo (8,9).

As estações do Benfica, Aterro, Gentilândia e Praça da Bandeira são algumas das mais utilizadas. São quase 80 mil usuários cadastrados no Bicicletar, sendo 65% por meio do Bilhete Único.