Homem é preso com 14 identidades falsas em Fortaleza


Homem é preso com 14 identidades falsas em Fortaleza

Um homem foi preso em flagrante, na manhã desta quinta-feira (2), em Fortaleza, com 14 documentos de identidade falsos. Segundo a polícia, ele usava os RGs para abrir contas em bancos e para fazer outras operações

Por Felipe Lima e Thamiris Treigher em Polícia

2 de agosto de 2012 às 10:50

Há 7 anos

Um homem foi preso em flagrante, na manhã desta quinta-feira (2), com 14 documentos de identidade falsos. A prisão foi realizada na Rua Mandacaru, no bairro Jangurussu, em Fortaleza. De acordo com o titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF), delegado Jaime de Paula, a polícia já vinha investigando o acusado desde o mês de junho.

“Nós recebemos um Boletim de Ocorrência do Estado do Espírito Santo, em que um senhor chamado Charles Queiroz afirmava que estava tendo o nome usado de forma fraudulenta no Ceará, inclusive na abertura de contas em bancos”, conta. Segundo o delegado, no momento da abordagem, a polícia encontrou o RG falso no nome da vítima e outros 13 documentos com fotos do acusado.

O homem preso foi identificado como Charles do Nascimento Barreto, de 30 anos. Segundo Jaime de Paula, ele vai responder pelos crimes de estelionato, falsificação de documento público e particular, falsidade ideológica e uso de documento falso. “Ele vai continuar preso na Defraudações até que haja vaga em algum presídio”, informa o delegado.

Publicidade

Dê sua opinião

Homem é preso com 14 identidades falsas em Fortaleza

Um homem foi preso em flagrante, na manhã desta quinta-feira (2), em Fortaleza, com 14 documentos de identidade falsos. Segundo a polícia, ele usava os RGs para abrir contas em bancos e para fazer outras operações

Por Felipe Lima e Thamiris Treigher em Polícia

2 de agosto de 2012 às 10:50

Há 7 anos

Um homem foi preso em flagrante, na manhã desta quinta-feira (2), com 14 documentos de identidade falsos. A prisão foi realizada na Rua Mandacaru, no bairro Jangurussu, em Fortaleza. De acordo com o titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF), delegado Jaime de Paula, a polícia já vinha investigando o acusado desde o mês de junho.

“Nós recebemos um Boletim de Ocorrência do Estado do Espírito Santo, em que um senhor chamado Charles Queiroz afirmava que estava tendo o nome usado de forma fraudulenta no Ceará, inclusive na abertura de contas em bancos”, conta. Segundo o delegado, no momento da abordagem, a polícia encontrou o RG falso no nome da vítima e outros 13 documentos com fotos do acusado.

O homem preso foi identificado como Charles do Nascimento Barreto, de 30 anos. Segundo Jaime de Paula, ele vai responder pelos crimes de estelionato, falsificação de documento público e particular, falsidade ideológica e uso de documento falso. “Ele vai continuar preso na Defraudações até que haja vaga em algum presídio”, informa o delegado.