José Guimarães presta depoimento sobre mensalão


José Guimarães presta depoimento sobre mensalão

O deputado federal José Nobre Guimarães (PT), réu no caso dos dólares na cueca, prestou depoimento nesta sexta-feira (11) à Justiça Federal. O parlamentar deveria ter se pronunciado à Justiça no dia 20 de abril, mas a audiência foi adiada. No fim da tarde desta sexta, ele chegou à sede da Justiça Federal no Centro onde […]

Por Lyvia Rocha em Polícia

11 de maio de 2012 às 20:50

Há 7 anos

O deputado federal José Nobre Guimarães (PT), réu no caso dos dólares na cueca, prestou depoimento nesta sexta-feira (11) à Justiça Federal.

O parlamentar deveria ter se pronunciado à Justiça no dia 20 de abril, mas a audiência foi adiada. No fim da tarde desta sexta, ele chegou à sede da Justiça Federal no Centro onde seria ouvido pela juíza Débora Aguiar da Silva Santos, da 10ª Vara Federal.

Entenda o caso

Em 2005, o assessor parlamentar de José Guimarães, Adalberto Vieira da Silva foi preso em um aeroporto de São Paulo, tentando embarcar com 100 mil dólares na cueca, além de R$ 200 mil.

O dinheiro na verdade, seria uma recompensa para o então assessor Especial da Presidência do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Kennedy Moura por sua atuação para intermediar e facilitar o empréstimo de R$ 300 milhões.

Com informações do Jornal Jangadeiro 2ª Edição

Publicidade

Dê sua opinião

José Guimarães presta depoimento sobre mensalão

O deputado federal José Nobre Guimarães (PT), réu no caso dos dólares na cueca, prestou depoimento nesta sexta-feira (11) à Justiça Federal. O parlamentar deveria ter se pronunciado à Justiça no dia 20 de abril, mas a audiência foi adiada. No fim da tarde desta sexta, ele chegou à sede da Justiça Federal no Centro onde […]

Por Lyvia Rocha em Polícia

11 de maio de 2012 às 20:50

Há 7 anos

O deputado federal José Nobre Guimarães (PT), réu no caso dos dólares na cueca, prestou depoimento nesta sexta-feira (11) à Justiça Federal.

O parlamentar deveria ter se pronunciado à Justiça no dia 20 de abril, mas a audiência foi adiada. No fim da tarde desta sexta, ele chegou à sede da Justiça Federal no Centro onde seria ouvido pela juíza Débora Aguiar da Silva Santos, da 10ª Vara Federal.

Entenda o caso

Em 2005, o assessor parlamentar de José Guimarães, Adalberto Vieira da Silva foi preso em um aeroporto de São Paulo, tentando embarcar com 100 mil dólares na cueca, além de R$ 200 mil.

O dinheiro na verdade, seria uma recompensa para o então assessor Especial da Presidência do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Kennedy Moura por sua atuação para intermediar e facilitar o empréstimo de R$ 300 milhões.

Com informações do Jornal Jangadeiro 2ª Edição