Carlomano Marques tem 8 sessões para apresentar defesa, segundo AL


Carlomano Marques tem 8 sessões para apresentar defesa

Carlomano terá que argumentar por escrito em favor de sua conduta

Por Jackson Cruz em Política

8 de fevereiro de 2013 às 15:25

Há 6 anos
Carlomano tem prazo para apresentar defesa. Foto: Divulgação

Carlomano tem prazo para apresentar defesa. Foto: Divulgação

O deputado estadual Carlomano Marques (PMDB) terá oito sessões ordinárias na Assembleia Legislativa para apresentar por escrito sua defesa. A procuradoria geral da Assembleia emitiu o parecer com a determinação nesta sexta-feira (8). A Mesa Diretora terá ainda um prazo de cinco sessões para anunciar uma decisão final.

Carlomano foi acusado de capitação ilícita de votos durante a campanha eleitoral de 2010. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) enviou dois ofícios à casa, determinando a cassação do mandato do deputado e o afastamento dos ofícios na Assembleia.

De acordo com o procurador regional eleitoral, Márcio Torres, não seria necessário haver as oito sessões para o afastamento do deputado. “O TRE entende que a determinação é imediata. Mas a Assembleia não entende dessa forma. Depende de uma concessão de defesa para o deputado, esperando cinco sessões para declarar a perda de mandato. O TRE determina e a Assembleia cumpre”, declarou.

O procurador ainda ressaltou que no julgamento do mensalão, os políticos cassados foram afastados imediatamente, “mesmo aplicando a Constituição”. “Não concordo com isso [parecer da Assembleia]. Era simplesmente a Mesa Diretora se reunir e determinar o afastamento do mandato”.

Segundo Torres, na próxima quinta, ele solicitará TRE a fixação de um prazo para o afastamento do deputado Carlomano.

Publicidade

Dê sua opinião

Carlomano Marques tem 8 sessões para apresentar defesa

Carlomano terá que argumentar por escrito em favor de sua conduta

Por Jackson Cruz em Política

8 de fevereiro de 2013 às 15:25

Há 6 anos
Carlomano tem prazo para apresentar defesa. Foto: Divulgação

Carlomano tem prazo para apresentar defesa. Foto: Divulgação

O deputado estadual Carlomano Marques (PMDB) terá oito sessões ordinárias na Assembleia Legislativa para apresentar por escrito sua defesa. A procuradoria geral da Assembleia emitiu o parecer com a determinação nesta sexta-feira (8). A Mesa Diretora terá ainda um prazo de cinco sessões para anunciar uma decisão final.

Carlomano foi acusado de capitação ilícita de votos durante a campanha eleitoral de 2010. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) enviou dois ofícios à casa, determinando a cassação do mandato do deputado e o afastamento dos ofícios na Assembleia.

De acordo com o procurador regional eleitoral, Márcio Torres, não seria necessário haver as oito sessões para o afastamento do deputado. “O TRE entende que a determinação é imediata. Mas a Assembleia não entende dessa forma. Depende de uma concessão de defesa para o deputado, esperando cinco sessões para declarar a perda de mandato. O TRE determina e a Assembleia cumpre”, declarou.

O procurador ainda ressaltou que no julgamento do mensalão, os políticos cassados foram afastados imediatamente, “mesmo aplicando a Constituição”. “Não concordo com isso [parecer da Assembleia]. Era simplesmente a Mesa Diretora se reunir e determinar o afastamento do mandato”.

Segundo Torres, na próxima quinta, ele solicitará TRE a fixação de um prazo para o afastamento do deputado Carlomano.