Vereadores e prefeito de Juazeiro do Norte aumentam salários para R$ 12 mil e R$ 33 mil

REGIÃO DO CARIRI

Vereadores e prefeito de Juazeiro do Norte aumentam salários para R$ 12 mil e R$ 33 mil

Subsídio do prefeito é maior até que o do presidente da República, que ganha hoje pouco mais de R$ 26 mil

Por Jangadeiro FM em Política

28 de outubro de 2016 às 16:07

Há 3 anos
Camara-Juazeiro-do-Norte

O reajuste aconteceu na última quinta-feira (27) (FOTO: Reprodução/Google)

No projeto, que foi votado na última quinta-feira (27), os vencimentos dos 21 vereadores passam, a partir de 2017, de R$ 10 mil para R$ 12 mil; do vice-prefeito fica em torno de R$ 21 mil, e o do prefeito pula de R$ 25 mil para os incríveis R$ 33 mil.

Subsídio maior até que o do presidente da República, que ganha hoje pouco mais de R$ 26 mil. Além disso, quase o teto do funcionalismo público: R$ 33,763 mil, como informa na matéria da Rede Jangadeiro FM.

Só com os subsídios dos vereadores, prefeito e vice-prefeito, o município de Juazeiro do Norte vai gastar, por ano, mais de R$ 3 milhões. A população não ficou satisfeita com a decisão dos vereadores, já que os parlamentares vão receber R$ 12 mil por dois dias semanais de trabalho.

“Vereador nenhum, nenhuma pessoa que usufruísse do cargo público não era para ganhar era nada”, diz um cidadão. “É uma afronta à população porque eles mesmo querem aumentar o próprio salário”, afirmava outro eleitor.

O vereador do PSDB, Normando Sóracles, que votou contra o projeto de reajuste salarial da categoria, afirma que o momento não é para gastos, e que os vereadores deveriam se preocupar mais com a crise que o país enfrenta. “Eu votei contra e acho que esse é um momento de bastante reflexão no Brasil. Atravessamos uma crise econômica institucional e os poderes estão conflitando”, comenta.

Por telefone, a promotoria de justiça de Juazeiro do Norte afirmou que vai analisar o projeto de aumento salarial dos gestores e parlamentares, bem como avaliar a necessidade vereadores de tomar alguma medida jurídica. Também por telefone, o Tribunal de Contas dos Municípios informou que a câmara de tem até o dia 31 de dezembro para enviar relatório informando os reajustes propostos para o ano seguinte. O órgão informa ainda que não pode afirmar, sem analisar o projeto, se os reajustes estão ou não dentro da lei.

A Rede Jangadeiro FM tentou contato com a câmara de vereadores de Juazeiro do Norte, mas nossas ligações não foram atendidas.

Confira mais detalhes na matéria do repórter Yuri Costa da Rede Jangadeiro FM:

Publicidade

Dê sua opinião

REGIÃO DO CARIRI

Vereadores e prefeito de Juazeiro do Norte aumentam salários para R$ 12 mil e R$ 33 mil

Subsídio do prefeito é maior até que o do presidente da República, que ganha hoje pouco mais de R$ 26 mil

Por Jangadeiro FM em Política

28 de outubro de 2016 às 16:07

Há 3 anos
Camara-Juazeiro-do-Norte

O reajuste aconteceu na última quinta-feira (27) (FOTO: Reprodução/Google)

No projeto, que foi votado na última quinta-feira (27), os vencimentos dos 21 vereadores passam, a partir de 2017, de R$ 10 mil para R$ 12 mil; do vice-prefeito fica em torno de R$ 21 mil, e o do prefeito pula de R$ 25 mil para os incríveis R$ 33 mil.

Subsídio maior até que o do presidente da República, que ganha hoje pouco mais de R$ 26 mil. Além disso, quase o teto do funcionalismo público: R$ 33,763 mil, como informa na matéria da Rede Jangadeiro FM.

Só com os subsídios dos vereadores, prefeito e vice-prefeito, o município de Juazeiro do Norte vai gastar, por ano, mais de R$ 3 milhões. A população não ficou satisfeita com a decisão dos vereadores, já que os parlamentares vão receber R$ 12 mil por dois dias semanais de trabalho.

“Vereador nenhum, nenhuma pessoa que usufruísse do cargo público não era para ganhar era nada”, diz um cidadão. “É uma afronta à população porque eles mesmo querem aumentar o próprio salário”, afirmava outro eleitor.

O vereador do PSDB, Normando Sóracles, que votou contra o projeto de reajuste salarial da categoria, afirma que o momento não é para gastos, e que os vereadores deveriam se preocupar mais com a crise que o país enfrenta. “Eu votei contra e acho que esse é um momento de bastante reflexão no Brasil. Atravessamos uma crise econômica institucional e os poderes estão conflitando”, comenta.

Por telefone, a promotoria de justiça de Juazeiro do Norte afirmou que vai analisar o projeto de aumento salarial dos gestores e parlamentares, bem como avaliar a necessidade vereadores de tomar alguma medida jurídica. Também por telefone, o Tribunal de Contas dos Municípios informou que a câmara de tem até o dia 31 de dezembro para enviar relatório informando os reajustes propostos para o ano seguinte. O órgão informa ainda que não pode afirmar, sem analisar o projeto, se os reajustes estão ou não dentro da lei.

A Rede Jangadeiro FM tentou contato com a câmara de vereadores de Juazeiro do Norte, mas nossas ligações não foram atendidas.

Confira mais detalhes na matéria do repórter Yuri Costa da Rede Jangadeiro FM: