Alunos da UFC denunciam onda de assaltos a mão armada no campus do Pici

TÁ UM PERIGO!

Alunos da UFC denunciam onda de assaltos a mão armada no campus do Pici

Nas últimas semanas, estudantes têm compartilhado casos de assaltos próximo ao novo Restaurante Universitário

Por Daniel Rocha em Segurança Pública

6 de julho de 2017 às 06:45

Há 2 anos

Estudantes registraram o momento em que um homem caminha pelo campus com uma arma (FOTO: Reprodução/Facebook)

Estudantes da Universidade Federal do Ceará (UFC) foram vítimas de assaltos nas últimas semanas no campus do Pici, em Fortaleza. Os alunos têm compartilhado casos no grupo “Fórum Campus do Pici”, recomendando outros estudantes a terem cuidados ao transitar por determinados locais da universidade.

De acordo com as publicações, as abordagens estão sendo feitas em frente ao novo Restaurante Acadêmico.

Uma estudante do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, que não quis se identificar, foi vítima de dois assaltantes na última quinta-feira, 29. A dupla roubou o seu celular em um horário de grande movimentação no campus, por volta das 14h30min.

Ela conta que ficou surpresa com o assalto, pois acreditava que a universidade era um canto seguro para se transitar.

“Estudo na UFC há quatro anos e me sentia super segura. Eu andava com notebook na mão entre um bloco e outro, e constantemente com o celular na mão. Demorei para entender que era um assalto. Antigamente, só escutava falar dos casos, mas eram bem raros e em pontos de pouco movimento. Agora, é em qualquer lugar e hora”, reclama.

A universitária fez um Boletim de Ocorrência logo após o assalto e informou à segurança do campus sobre o ocorrido. De acordo com ela, a polícia explicou que não tem acesso a universidade, e a vigilância disse que protege o patrimônio da UFC. “Não fizeram nada, apenas anotaram as informações do assalto”.

Diante de vários relatos, a estudante de Engenharia de Ambiental Claudia Wieser decidiu promover um movimento para exigir mais segurança no campus. A 1ª Mobilização Estudantil Contra a Insegurança na UFC está marcada para esta quinta-feira (6), a partir do meio-dia em frente ao Restaurante Universitário antigo.

Os assaltos têm sido em áreas movimentadas da universidade, aumentando a sensação de insegurança (FOTO: Reprodução/Facebook)

“Minha amiga foi assaltada em frente ao Centro de Tecnologia durante o dia. Muitos estudantes transitam por lá, estacionam, ficam para estudar. Então, fiquei assustada porque poderia ter sido eu”, explica.

Em nota, a UFC informou que a Divisão de Vigilância e Segurança (DVS), ligada à Superintendência de Infraestrutura e Gestão Ambiental da UFC, está reforçando a vigilância na universidade. Além disso, disponibiliza aos alunos o número (85) 3366-9190 para emergência. O atendimento funciona 24 horas.

“É preciso compreender que todo este esforço de segurança dentro de instituição se situa num contexto mais amplo das condições de segurança na sociedade atual”, conclui.

Confira abaixo as publicações:

Relatos de assaltos na UFC
1/6

Relatos de assaltos na UFC

Os assaltos têm ocorrido em locais movimentados da Universidade (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
2/6

Relatos de assaltos na UFC

A universidade disse que o problema vai além dos muros da instituição (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
3/6

Relatos de assaltos na UFC

Devido a insegurança, os estudantes vão realizar uma mobilização nesta quinta-feira, 6. (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
4/6

Relatos de assaltos na UFC

Um dos estudantes registra o momento em que um homem esconde uma suposta arma em um matagal (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
5/6

Relatos de assaltos na UFC

A maioria das vítimas foi abordada por dois homens armados em uma moto (FOTO: Facebook/Reprodução)

Relatos de assaltos na UFC
6/6

Relatos de assaltos na UFC

Os estudantes alertam sobre o risco de assalto dentro do campus (FOTO: Reprodução/Facebook)

Publicidade

Dê sua opinião

TÁ UM PERIGO!

Alunos da UFC denunciam onda de assaltos a mão armada no campus do Pici

Nas últimas semanas, estudantes têm compartilhado casos de assaltos próximo ao novo Restaurante Universitário

Por Daniel Rocha em Segurança Pública

6 de julho de 2017 às 06:45

Há 2 anos

Estudantes registraram o momento em que um homem caminha pelo campus com uma arma (FOTO: Reprodução/Facebook)

Estudantes da Universidade Federal do Ceará (UFC) foram vítimas de assaltos nas últimas semanas no campus do Pici, em Fortaleza. Os alunos têm compartilhado casos no grupo “Fórum Campus do Pici”, recomendando outros estudantes a terem cuidados ao transitar por determinados locais da universidade.

De acordo com as publicações, as abordagens estão sendo feitas em frente ao novo Restaurante Acadêmico.

Uma estudante do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, que não quis se identificar, foi vítima de dois assaltantes na última quinta-feira, 29. A dupla roubou o seu celular em um horário de grande movimentação no campus, por volta das 14h30min.

Ela conta que ficou surpresa com o assalto, pois acreditava que a universidade era um canto seguro para se transitar.

“Estudo na UFC há quatro anos e me sentia super segura. Eu andava com notebook na mão entre um bloco e outro, e constantemente com o celular na mão. Demorei para entender que era um assalto. Antigamente, só escutava falar dos casos, mas eram bem raros e em pontos de pouco movimento. Agora, é em qualquer lugar e hora”, reclama.

A universitária fez um Boletim de Ocorrência logo após o assalto e informou à segurança do campus sobre o ocorrido. De acordo com ela, a polícia explicou que não tem acesso a universidade, e a vigilância disse que protege o patrimônio da UFC. “Não fizeram nada, apenas anotaram as informações do assalto”.

Diante de vários relatos, a estudante de Engenharia de Ambiental Claudia Wieser decidiu promover um movimento para exigir mais segurança no campus. A 1ª Mobilização Estudantil Contra a Insegurança na UFC está marcada para esta quinta-feira (6), a partir do meio-dia em frente ao Restaurante Universitário antigo.

Os assaltos têm sido em áreas movimentadas da universidade, aumentando a sensação de insegurança (FOTO: Reprodução/Facebook)

“Minha amiga foi assaltada em frente ao Centro de Tecnologia durante o dia. Muitos estudantes transitam por lá, estacionam, ficam para estudar. Então, fiquei assustada porque poderia ter sido eu”, explica.

Em nota, a UFC informou que a Divisão de Vigilância e Segurança (DVS), ligada à Superintendência de Infraestrutura e Gestão Ambiental da UFC, está reforçando a vigilância na universidade. Além disso, disponibiliza aos alunos o número (85) 3366-9190 para emergência. O atendimento funciona 24 horas.

“É preciso compreender que todo este esforço de segurança dentro de instituição se situa num contexto mais amplo das condições de segurança na sociedade atual”, conclui.

Confira abaixo as publicações:

Relatos de assaltos na UFC
1/6

Relatos de assaltos na UFC

Os assaltos têm ocorrido em locais movimentados da Universidade (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
2/6

Relatos de assaltos na UFC

A universidade disse que o problema vai além dos muros da instituição (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
3/6

Relatos de assaltos na UFC

Devido a insegurança, os estudantes vão realizar uma mobilização nesta quinta-feira, 6. (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
4/6

Relatos de assaltos na UFC

Um dos estudantes registra o momento em que um homem esconde uma suposta arma em um matagal (FOTO: Reprodução/Facebook)

Relatos de assaltos na UFC
5/6

Relatos de assaltos na UFC

A maioria das vítimas foi abordada por dois homens armados em uma moto (FOTO: Facebook/Reprodução)

Relatos de assaltos na UFC
6/6

Relatos de assaltos na UFC

Os estudantes alertam sobre o risco de assalto dentro do campus (FOTO: Reprodução/Facebook)