Estudante de Gastronomia é preso por fabricar brownie de maconha em Fortaleza

DOCE PROIBIDO

Estudante de Gastronomia é preso por fabricar brownie de maconha em Fortaleza

Christhopfher Sannthiny Rocha, de 26 anos, havia tentado vender o doce sem a droga, mas mudou de ideia para ganhar mais dinheiro

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

26 de abril de 2019 às 15:21

Há 2 meses

Polícia prende estudante que vendia brownies de maconha na Cidade 2000. (FOTO: Reprodução/SSPDS)

Um estudante de Gastronomia foi preso suspeito de produzir e vender brownies de chocolate com maconha no bairro Cidade 2000, em Fortaleza, na última quarta-feira (24). A ação foi realizada pelas equipes da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) da Polícia Civil.

Christhopfher Sannthiny Rocha, de 26 anos, havia tentado vender o doce sem a droga, mas mudou de ideia. Ele cultivava pés de maconha em casa e usava as plantas para a produção e comercialização do chocolate.

O rapaz foi abordado pelos agentes da Polícia Civil, admitiu fazer uso da maconha e depois levou os agentes até seu apartamento, na Cidade 2000. No local, foram encontrados vestígios do bolo produzido com a droga, além do bolo escondido embaixo de uma cama, quatro pés de maconha, porções pequenas, embalagens, fertilizantes e balanças foram apreendidas.

Christhopfher foi levado para a DCTD, onde uma investigação foi aberta. Em depoimento, ele confessou que passou a vender o doce com maconha para ganhar mais dinheiro. O estudante foi autuado em flagrante no artigo 33 da Lei de Drogas, por tráfico de drogas, por semear, cultivar ou fazer colheita sem autorização ou em desacordo com determinação legal de plantas que se constituam em matéria-prima para a preparação de drogas.

Polícia prende estudante que vendia brownies de maconha na Cidade 2000. (FOTO: Reprodução/SSPDS)

Confira todos os detalhes no Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT:

 

Publicidade

Dê sua opinião

DOCE PROIBIDO

Estudante de Gastronomia é preso por fabricar brownie de maconha em Fortaleza

Christhopfher Sannthiny Rocha, de 26 anos, havia tentado vender o doce sem a droga, mas mudou de ideia para ganhar mais dinheiro

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

26 de abril de 2019 às 15:21

Há 2 meses

Polícia prende estudante que vendia brownies de maconha na Cidade 2000. (FOTO: Reprodução/SSPDS)

Um estudante de Gastronomia foi preso suspeito de produzir e vender brownies de chocolate com maconha no bairro Cidade 2000, em Fortaleza, na última quarta-feira (24). A ação foi realizada pelas equipes da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) da Polícia Civil.

Christhopfher Sannthiny Rocha, de 26 anos, havia tentado vender o doce sem a droga, mas mudou de ideia. Ele cultivava pés de maconha em casa e usava as plantas para a produção e comercialização do chocolate.

O rapaz foi abordado pelos agentes da Polícia Civil, admitiu fazer uso da maconha e depois levou os agentes até seu apartamento, na Cidade 2000. No local, foram encontrados vestígios do bolo produzido com a droga, além do bolo escondido embaixo de uma cama, quatro pés de maconha, porções pequenas, embalagens, fertilizantes e balanças foram apreendidas.

Christhopfher foi levado para a DCTD, onde uma investigação foi aberta. Em depoimento, ele confessou que passou a vender o doce com maconha para ganhar mais dinheiro. O estudante foi autuado em flagrante no artigo 33 da Lei de Drogas, por tráfico de drogas, por semear, cultivar ou fazer colheita sem autorização ou em desacordo com determinação legal de plantas que se constituam em matéria-prima para a preparação de drogas.

Polícia prende estudante que vendia brownies de maconha na Cidade 2000. (FOTO: Reprodução/SSPDS)

Confira todos os detalhes no Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT: