Prefeitura de Juazeiro do Norte investiga possível venda de vacinas contra gripe

SINDICÂNCIA

Prefeitura de Juazeiro do Norte investiga possível venda de vacinas contra gripe

Polícia Civil investiga o furto de doses de vacina. Representantes da Secretaria de Saúde do município registraram Boletim de Ocorrência

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

6 de junho de 2019 às 11:50

Há 1 mês
A vacinação do grupo prioritário seguirá a mesma programação da Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe (FOTO: Freepik)

(FOTO: Freepik)

A Prefeitura de Juazeiro do Norte abriu sindicância para apurar a denúncia de que um servidor municipal tenha desviado e vendido doses da vacina contra o influenza H1N1 para uma empresa privada. Um Boletim de Ocorrência foi registrado na Delegacia Regional nesta quarta-feira (5).

Pelo menos 21 casos da doença já foram registrados na cidade, com três óbitos. As informações foram repassadas em coletiva de imprensa.

“Sobre a denúncia de que um servidor do Município teria vendido doses da vacina a uma empresa privada, a secretária (Francimones Rolim) informou que já foi aberta sindicância para apuração do caso, a fim de que as providências cabíveis sejam tomadas”, informou trecho de nota publicada no portal da Prefeitura.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que investiga o caso de furto de doses da vacina que teria ocorrido no município e que representantes da Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte foram até à unidade policial, no período da tarde, para registrar um BO. As investigações seguem em andamento.

O município recebeu 71.950 doses para vacinação do grupo prioritário e já atingiu 95,59% de cobertura. Ainda de acordo com nota publicada no portal, “foram notificados 21 casos de H1N1 em Juazeiro do Norte, dos quais 6 são de pessoas que residem em Saboeiro, Lavras da Mangabeira e Tarrafas. Há 6 casos confirmados, sendo 5 em Juazeiro; e 3 óbitos, 2 de pessoas que residiam em Juazeiro e um que residia em Jardim”.

Publicidade

Dê sua opinião

SINDICÂNCIA

Prefeitura de Juazeiro do Norte investiga possível venda de vacinas contra gripe

Polícia Civil investiga o furto de doses de vacina. Representantes da Secretaria de Saúde do município registraram Boletim de Ocorrência

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

6 de junho de 2019 às 11:50

Há 1 mês
A vacinação do grupo prioritário seguirá a mesma programação da Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe (FOTO: Freepik)

(FOTO: Freepik)

A Prefeitura de Juazeiro do Norte abriu sindicância para apurar a denúncia de que um servidor municipal tenha desviado e vendido doses da vacina contra o influenza H1N1 para uma empresa privada. Um Boletim de Ocorrência foi registrado na Delegacia Regional nesta quarta-feira (5).

Pelo menos 21 casos da doença já foram registrados na cidade, com três óbitos. As informações foram repassadas em coletiva de imprensa.

“Sobre a denúncia de que um servidor do Município teria vendido doses da vacina a uma empresa privada, a secretária (Francimones Rolim) informou que já foi aberta sindicância para apuração do caso, a fim de que as providências cabíveis sejam tomadas”, informou trecho de nota publicada no portal da Prefeitura.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que investiga o caso de furto de doses da vacina que teria ocorrido no município e que representantes da Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte foram até à unidade policial, no período da tarde, para registrar um BO. As investigações seguem em andamento.

O município recebeu 71.950 doses para vacinação do grupo prioritário e já atingiu 95,59% de cobertura. Ainda de acordo com nota publicada no portal, “foram notificados 21 casos de H1N1 em Juazeiro do Norte, dos quais 6 são de pessoas que residem em Saboeiro, Lavras da Mangabeira e Tarrafas. Há 6 casos confirmados, sendo 5 em Juazeiro; e 3 óbitos, 2 de pessoas que residiam em Juazeiro e um que residia em Jardim”.