Subtenente revela que ex-mulher ficou mais triste por morte de cachorro do que após o assassinato do filho


Subtenente revela que ex-mulher ficou mais triste por morte de cachorro do que após o assassinato do filho

Um ano após o assassinato do filho, Francilewdo Bezerra conta que o cachorro da ex-mulher também morreu envenenado com chumbinho

Por Rosana Romão em Segurança Pública

13 de novembro de 2015 às 06:00

Há 4 anos

O subtenente do Exército Francilewdo Bezerra revelou, em entrevista ao Tribuna do Ceará, um fato que ainda não havia sido divulgado em nenhum meio de comunicação. A forma que o filho mais velho do casal morreu, no dia 11 de novembro de 2014, em Fortaleza, foi a mesma que o cachorro da ex-esposa veio a falecer. Anos antes, o animal ingeriu chumbinho (veneno para rato) por engano.

“Quando a gente começou a namorar, ela contava que tinha um cachorrinho e acidentalmente foi envenenado pela mãe dela. Ela colocou veneno para matar rato, o cachorro foi lá e comeu. E toda vez que ela falava, sentia muita tristeza”, conta. Ainda de acordo com o militar, Cristiane costumava falar desse cachorro com frequência, e demonstrava que era muito apegada ao animal, chorando várias vezes.

Já pelo filho, ele não acredita que Cristiane tenha sentido tristeza, mesmo tendo sido o mesmo motivo. “Ela simulou choro pra tudo quanto é lado. Eu não acredito que ela sinta, pra mim ela é uma criminosa. A mente de um criminoso você não entende, você não sabe quando ele está falando a verdade, quando ela está sendo sincera ou não”, opina. De acordo com Francilewdo, no dia do crime, segundo relatos de quem estava presente, em nenhum momento Cristiane se preocupou em ir no quarto para ver o corpo da criança.

“O cachorro que ela perdeu valia mais do que o filho que ela matou. E ironicamente, ela o matou com o mesmo tipo de veneno e ainda tentou me matar”.

Francilewdo acredita que o seu caso alertou à polícia sobre tipos de crimes que passavam desapercebidos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Francilewdo acredita que seu caso alertou sobre crimes que passavam desapercebidos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Preocupado com a segurança do filho mais novo, desde que eles voltaram do Recife, a criança ainda não viu os familiares da Cristiane. O motivo do isolamento, segundo ele, é para preservar o estado psicológico da criança. 

“Quando ele chegou aqui, teve uma regressão muito grande no estágio de autismo dele. Os familiares querem ver e com direito. Mas em que momento nós vamos poder fazer isso? A gente está tentando preservar o Lucas ao máximo pra que ele não sinta nenhum impacto que o faça regredir novamente. Eu espero que eles tenham um pouco de paciência”.

Já quando o nome de Cristiane é pronunciado, ele tem ressalvas. “Quem entrou em contato foram os familiares, mas nunca relataram que foi ela quem queria saber. E nem eu quero. Porque eu tenho certeza que como ela matou o Lewdinho, e tentou me matar, o próximo seria ele”, afirma.

“Ela queria uma vida livre, estar recebendo a minha pensão e não ter responsabilidade nenhuma. E o Lucas seria o próximo. Ou ela jogaria para os avós criarem, ou ia tentar fazer a mesma coisa, uma tentativa de assassinato”.

Francilewdo acredita que o seu caso alertou à polícia sobre tipos de crimes que passavam desapercebidos. “Depois do que aconteceu comigo, houve mais 6 ou 7 casos de mulheres que tentaram assassinar o marido ou ex-marido. Muitos morreram, mas eu fui o único que sobrevivi”, afirma. Ele também acusa Cristiane de simular agressões para se utilizar da lei Maria da Penha.  

“Ela chegava pros policiais e dizia ‘olha o que ele fez comigo’, querendo dizer que eu tinha batido nela. Em nenhum momento ela dizia ‘olha o que seu filho fez com o meu filho’. Pra exaltar que além de ter matado o filho eu a espanquei antes. E isso nunca aconteceu, nunca bati nela na vida”, declara.

Ela não tem o direito de andar na rua, como muitos desses bandidos que estão no presídio não têm. O crime que ela cometeu, eu coloco no mesmo patamar de um estuprador. Até outros criminosos não a querem por perto. Ela não deveria nunca estar na sociedade”, sugere.

Desde que Lucas voltou a morar com o pai, Francilewdo diz que vive dias melhores. Durante o dia, se ele entra no carro para sair, o filho vai correndo atrás dele. “Meu filho está comigo, ele não me solta pra nada. Eu sou o suporte dele e ele é o meu suporte. Tudo o que eu faço hoje é pro Lucas. Eu não desisti em momento algum de viver. Mesmo inconsciente, o meu corpo brigou pra viver. E eu não posso nunca desistir da minha vida”, se emociona.

“A minha vida é de batalhas. Quando ela for condenada, aí sim eu ganhei a guerra”.

Relembre as matérias do caso:

12 de novembro – Subtenente é suspeito de matar filho autista, agredir esposa e anunciar crimes no Facebook

13 de novembro – Subtenente suspeito de matar filho e agredir esposa continua em estado grave no hospital

15 de novembro – Polícia quer ouvir mulher de subtenente do Exército suspeito de matar o filho envenenado

19 de novembro – Filho autista de subtenente do Exército ingeriu “chumbinho”, aponta laudo

19 de novembro – Esposa de militar do Exército suspeito de matar o filho nega traição que seria estopim do caso

21 de novembro – Militar suspeito de matar filho sai do coma, mas ainda não tem condições de prestar depoimento

21 de novembro – Delegado quer saber quem comprou chumbinho usado para matar o filho de militar do Exército

24 de novembro – Amigo duvida que subtenente tenha sido o autor da morte do filho autista

24 de novembro – Com melhora de subtenente, delegado aguarda depoimento até o fim da semana

25 de novembro – Subtenente fica chocado ao acordar do coma e saber que é acusado do assassinato do filho

26 de novembro – Delegado estuda fazer reconstituição do caso de subtenente acusado pela mulher de matar o filho

27 de novembro – Delegado desconfia que uma terceira pessoa tenha assassinado filho de subtenente do Exército

28 de novembro – Subtenente suspeito de matar filho será ouvido pela polícia mesmo na UTI

29 de novembro – Subtenente nega acusações e seu advogado acusa esposa de assassinar o filho para culpar militar

2 de dezembro – Delegado considera esposa de subtenente uma “suspeita em potencial” da morte do filho

3 de dezembro – Subtenente vai de vilão a mocinho após 3 semanas de investigação por morte de filho envenenado

3 de dezembro – Subtenente suspeito de matar o filho tem prisão preventiva revogada pela Justiça

4 de dezembro – Caso Subtenente: pai e mãe ficarão frente a frente pela 1ª vez após morte do filho envenenado

4 de dezembro – Em 1ª entrevista após sair de UTI, subtenente revela que tem tatuagem com nome de filho morto

8 de dezembro – Esposa de subtenente suspeita de matar o filho contrata um dos juristas mais conhecidos do Ceará

11 de dezembro – Um mês após crime, vizinha diz que nunca acreditou na versão de que subtenente matou o filho

11 de dezembro – Polícia revela áudio que indica desespero da esposa de subtenente após crime

12 de dezembro – Sobrinha será investigada por acionar a polícia quando militar já havia sido socorrido

13 de dezembro – Subtenente recebe alta médica e deseja acareação com esposa sobre morte de filho envenenado

15 de dezembro – Subtenente e esposa participarão de acareação e reconstituição de crime até a próxima semana

16 de dezembro – Caso Subtenente: esposa e militar fazem acareação na próxima segunda-feira

22 de dezembro – Em acareação, subtenente e esposa se encontram pela primeira vez após morte do filho

22 de dezembro – Subtenente acusa publicamente sua mulher de matar filho e agora teme pela vida do mais novo

23 de dezembro – Subtenente tem seguro de vida que pagaria R$ 153 mil a esposa em caso de morte

23 de dezembro – Polícia investiga denúncia de que depósito teria vendido chumbinho a esposa de subtenente

24 de dezembro – Esposa de subtenente admitiu ao marido que tem um amante, no reencontro do casal em acareação

25 de dezembro – Confira o bilhete de brincadeira suspeita entre subtenente e esposa que intriga a polícia

26 de dezembro – Laudo aponta que esposa de subtenente teve lesões mais leves do que em fotos entregues à polícia

27 de dezembro – Polícia quer saber se amante teve participação na morte de filho de subtenente

29 de dezembro – Frieza de mulher de subtenente teria chamado a atenção de presentes em reconstituição de crime

1º de janeiro – Mensagem editada no Facebook de subtenente teve alteração no nome do amante da esposa

7 de janeiro – Amante de esposa do subtenente deve prestar depoimento à polícia na próxima semana

12 de janeiro – Em entrevista exclusiva, subtenente revela que veneno estava em mamadeira do filho

11 de fevereiro – Três meses após morte de filho de subtenente por envenenamento, caso segue sem respostas

25 de fevereiro – Delegado revela que cena do crime de morte do filho de subtenente foi alterada

11 de março – Quatro meses depois, polícia não sabe quando concluirá investigação do “Caso Subtenente”

26 de março – Após mais de 4 meses do crime, polícia marca nova reconstituição do Caso Subtenente

27 de março – Quatro meses após morte de filho, subtenente revela que esposa dificulta contato com caçula

8 de abril – Após ausência de mãe, reconstituição da morte de filho do subtenente será feita nesta quarta

8 de abril – Caso subtenente: delegado promete concluir inquérito nos próximos dias

8 de abril – Ex- esposa de subtenente lamenta ser alvo de “linchamento cibernético” após morte de filho

8 de abril – Amigos e parentes de subtenente fazem manifestação pedindo prisão de ex-esposa

9 de abril – Vizinhos negam versão de ex-esposa de subtenente de que pediu ajuda após o crime

14 de abril – Subtenente acusa família de ex-esposa de colocar “sangue nas mãos” ao defendê-la

15 de abril – Ex-mulher de subtenente é indiciada por morte do filho por envenenamento

15 de abril – Ex-esposa de subtenente pesquisou no Google “como envenenar uma pessoa com chumbinho”

16 de abril – Delegado teme que ex-esposa de subtenente venha a fugir após indiciamento por morte de filho

16 de abril – Guarda de filho mais novo de subtenente será solicitada à Justiça nesta quinta-feira

16 de abril – Delegado pedirá prisão preventiva de ex-mulher de subtenente até esta sexta-feira

16 de abril – Veja as pesquisas que a ex-mulher de subtenente fez antes de envenenar o filho e o marido com chumbinho

17 de abril – Subtenente ainda não sabe como dará a notícia da morte de filho ao irmão autista

17 de abril – Polícia cogita indiciar amante da ex-mulher de subtenente por participação em crime

18 de abril – Em perfil psicológico, Polícia descreve ex-mulher de subtenente como “dissimulada e inteligente”

19 de abril – Polícia pedirá a quebra de sigilo de perfil falso no Facebook da ex-esposa de subtenente

20 de abril – Em Recife, vizinhos suspeitam que ex-esposa de subtenente indiciada por homicídio tenha fugido

21 de abril – Advogado da ex-esposa de subtenente nega que a acusada tenha fugido após indiciamento

24 de abril – Subtenente conquista guarda judicial de filho mais novo após indiciamento da ex-esposa

27 de abril – Após conquistar guarda, subtenente vai nesta segunda ao Recife buscar o filho mais novo

28 de abril – Após conquistar guarda judicial, subtenente reencontra filho mais novo depois de 5 meses

4 de maio – Caso subtenente: Ministério Público ingressa com denúncia contra ex-esposa do militar

5 de maio – Ministério Público denuncia Cristiane Coelho por matar o filho e envenenar o marido

7 de maio – Time de futebol americano aguarda volta de subtenente, recuperado de envenenamento

7 de maio – Justiça aceita denúncia, e ex-esposa de subtenente tem 10 dias para apresentar defesa

7 de maio – Justiça determina prisão preventiva de ex-esposa de subtenente por envenenamento do filho

8 de maio – Delegado já considera ex-esposa de subtenente foragida da Justiça

8 de maio – Ex-mulher de subtenente se entrega à Polícia Civil, mas detentas rejeitam dividir cela

11 de maio – Ex-mulher de subtenente não deve ser transferida para presídio, determina a Justiça

12 de maio – Governo garante que ex-esposa de subtenente está segura em presídio superlotado

5 de junho – Amante de Cristiane Coelho será ouvido, e Justiça decide se ela vai a júri popular

16 de junho – Justiça ouve 12 testemunhas para decidir se ex-mulher de subtenente vai a júri popular

17 de junho – Amante de Cristiane Coelho corre risco de ser acusado como cúmplice em caso de subtenente

9 de julho – Ex-mulher de subtenente tem liberdade provisória solicitada com ou sem fiança

22 de julho – Defesa de ex-mulher de subtenente será ouvida pela Justiça nesta quarta

22 de julho – Perito contratado por ex-mulher de subtenente alega falhas da Perícia em investigação da morte de filho

28 de julho – Laudo derruba versão da ex-mulher de subtenente de que foi forçada a ingerir medicamento

05 de outubro – Justiça decide que ex-mulher de subtenente será levada à júri popular

Publicidade

Dê sua opinião

Subtenente revela que ex-mulher ficou mais triste por morte de cachorro do que após o assassinato do filho

Um ano após o assassinato do filho, Francilewdo Bezerra conta que o cachorro da ex-mulher também morreu envenenado com chumbinho

Por Rosana Romão em Segurança Pública

13 de novembro de 2015 às 06:00

Há 4 anos

O subtenente do Exército Francilewdo Bezerra revelou, em entrevista ao Tribuna do Ceará, um fato que ainda não havia sido divulgado em nenhum meio de comunicação. A forma que o filho mais velho do casal morreu, no dia 11 de novembro de 2014, em Fortaleza, foi a mesma que o cachorro da ex-esposa veio a falecer. Anos antes, o animal ingeriu chumbinho (veneno para rato) por engano.

“Quando a gente começou a namorar, ela contava que tinha um cachorrinho e acidentalmente foi envenenado pela mãe dela. Ela colocou veneno para matar rato, o cachorro foi lá e comeu. E toda vez que ela falava, sentia muita tristeza”, conta. Ainda de acordo com o militar, Cristiane costumava falar desse cachorro com frequência, e demonstrava que era muito apegada ao animal, chorando várias vezes.

Já pelo filho, ele não acredita que Cristiane tenha sentido tristeza, mesmo tendo sido o mesmo motivo. “Ela simulou choro pra tudo quanto é lado. Eu não acredito que ela sinta, pra mim ela é uma criminosa. A mente de um criminoso você não entende, você não sabe quando ele está falando a verdade, quando ela está sendo sincera ou não”, opina. De acordo com Francilewdo, no dia do crime, segundo relatos de quem estava presente, em nenhum momento Cristiane se preocupou em ir no quarto para ver o corpo da criança.

“O cachorro que ela perdeu valia mais do que o filho que ela matou. E ironicamente, ela o matou com o mesmo tipo de veneno e ainda tentou me matar”.

Francilewdo acredita que o seu caso alertou à polícia sobre tipos de crimes que passavam desapercebidos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Francilewdo acredita que seu caso alertou sobre crimes que passavam desapercebidos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Preocupado com a segurança do filho mais novo, desde que eles voltaram do Recife, a criança ainda não viu os familiares da Cristiane. O motivo do isolamento, segundo ele, é para preservar o estado psicológico da criança. 

“Quando ele chegou aqui, teve uma regressão muito grande no estágio de autismo dele. Os familiares querem ver e com direito. Mas em que momento nós vamos poder fazer isso? A gente está tentando preservar o Lucas ao máximo pra que ele não sinta nenhum impacto que o faça regredir novamente. Eu espero que eles tenham um pouco de paciência”.

Já quando o nome de Cristiane é pronunciado, ele tem ressalvas. “Quem entrou em contato foram os familiares, mas nunca relataram que foi ela quem queria saber. E nem eu quero. Porque eu tenho certeza que como ela matou o Lewdinho, e tentou me matar, o próximo seria ele”, afirma.

“Ela queria uma vida livre, estar recebendo a minha pensão e não ter responsabilidade nenhuma. E o Lucas seria o próximo. Ou ela jogaria para os avós criarem, ou ia tentar fazer a mesma coisa, uma tentativa de assassinato”.

Francilewdo acredita que o seu caso alertou à polícia sobre tipos de crimes que passavam desapercebidos. “Depois do que aconteceu comigo, houve mais 6 ou 7 casos de mulheres que tentaram assassinar o marido ou ex-marido. Muitos morreram, mas eu fui o único que sobrevivi”, afirma. Ele também acusa Cristiane de simular agressões para se utilizar da lei Maria da Penha.  

“Ela chegava pros policiais e dizia ‘olha o que ele fez comigo’, querendo dizer que eu tinha batido nela. Em nenhum momento ela dizia ‘olha o que seu filho fez com o meu filho’. Pra exaltar que além de ter matado o filho eu a espanquei antes. E isso nunca aconteceu, nunca bati nela na vida”, declara.

Ela não tem o direito de andar na rua, como muitos desses bandidos que estão no presídio não têm. O crime que ela cometeu, eu coloco no mesmo patamar de um estuprador. Até outros criminosos não a querem por perto. Ela não deveria nunca estar na sociedade”, sugere.

Desde que Lucas voltou a morar com o pai, Francilewdo diz que vive dias melhores. Durante o dia, se ele entra no carro para sair, o filho vai correndo atrás dele. “Meu filho está comigo, ele não me solta pra nada. Eu sou o suporte dele e ele é o meu suporte. Tudo o que eu faço hoje é pro Lucas. Eu não desisti em momento algum de viver. Mesmo inconsciente, o meu corpo brigou pra viver. E eu não posso nunca desistir da minha vida”, se emociona.

“A minha vida é de batalhas. Quando ela for condenada, aí sim eu ganhei a guerra”.

Relembre as matérias do caso:

12 de novembro – Subtenente é suspeito de matar filho autista, agredir esposa e anunciar crimes no Facebook

13 de novembro – Subtenente suspeito de matar filho e agredir esposa continua em estado grave no hospital

15 de novembro – Polícia quer ouvir mulher de subtenente do Exército suspeito de matar o filho envenenado

19 de novembro – Filho autista de subtenente do Exército ingeriu “chumbinho”, aponta laudo

19 de novembro – Esposa de militar do Exército suspeito de matar o filho nega traição que seria estopim do caso

21 de novembro – Militar suspeito de matar filho sai do coma, mas ainda não tem condições de prestar depoimento

21 de novembro – Delegado quer saber quem comprou chumbinho usado para matar o filho de militar do Exército

24 de novembro – Amigo duvida que subtenente tenha sido o autor da morte do filho autista

24 de novembro – Com melhora de subtenente, delegado aguarda depoimento até o fim da semana

25 de novembro – Subtenente fica chocado ao acordar do coma e saber que é acusado do assassinato do filho

26 de novembro – Delegado estuda fazer reconstituição do caso de subtenente acusado pela mulher de matar o filho

27 de novembro – Delegado desconfia que uma terceira pessoa tenha assassinado filho de subtenente do Exército

28 de novembro – Subtenente suspeito de matar filho será ouvido pela polícia mesmo na UTI

29 de novembro – Subtenente nega acusações e seu advogado acusa esposa de assassinar o filho para culpar militar

2 de dezembro – Delegado considera esposa de subtenente uma “suspeita em potencial” da morte do filho

3 de dezembro – Subtenente vai de vilão a mocinho após 3 semanas de investigação por morte de filho envenenado

3 de dezembro – Subtenente suspeito de matar o filho tem prisão preventiva revogada pela Justiça

4 de dezembro – Caso Subtenente: pai e mãe ficarão frente a frente pela 1ª vez após morte do filho envenenado

4 de dezembro – Em 1ª entrevista após sair de UTI, subtenente revela que tem tatuagem com nome de filho morto

8 de dezembro – Esposa de subtenente suspeita de matar o filho contrata um dos juristas mais conhecidos do Ceará

11 de dezembro – Um mês após crime, vizinha diz que nunca acreditou na versão de que subtenente matou o filho

11 de dezembro – Polícia revela áudio que indica desespero da esposa de subtenente após crime

12 de dezembro – Sobrinha será investigada por acionar a polícia quando militar já havia sido socorrido

13 de dezembro – Subtenente recebe alta médica e deseja acareação com esposa sobre morte de filho envenenado

15 de dezembro – Subtenente e esposa participarão de acareação e reconstituição de crime até a próxima semana

16 de dezembro – Caso Subtenente: esposa e militar fazem acareação na próxima segunda-feira

22 de dezembro – Em acareação, subtenente e esposa se encontram pela primeira vez após morte do filho

22 de dezembro – Subtenente acusa publicamente sua mulher de matar filho e agora teme pela vida do mais novo

23 de dezembro – Subtenente tem seguro de vida que pagaria R$ 153 mil a esposa em caso de morte

23 de dezembro – Polícia investiga denúncia de que depósito teria vendido chumbinho a esposa de subtenente

24 de dezembro – Esposa de subtenente admitiu ao marido que tem um amante, no reencontro do casal em acareação

25 de dezembro – Confira o bilhete de brincadeira suspeita entre subtenente e esposa que intriga a polícia

26 de dezembro – Laudo aponta que esposa de subtenente teve lesões mais leves do que em fotos entregues à polícia

27 de dezembro – Polícia quer saber se amante teve participação na morte de filho de subtenente

29 de dezembro – Frieza de mulher de subtenente teria chamado a atenção de presentes em reconstituição de crime

1º de janeiro – Mensagem editada no Facebook de subtenente teve alteração no nome do amante da esposa

7 de janeiro – Amante de esposa do subtenente deve prestar depoimento à polícia na próxima semana

12 de janeiro – Em entrevista exclusiva, subtenente revela que veneno estava em mamadeira do filho

11 de fevereiro – Três meses após morte de filho de subtenente por envenenamento, caso segue sem respostas

25 de fevereiro – Delegado revela que cena do crime de morte do filho de subtenente foi alterada

11 de março – Quatro meses depois, polícia não sabe quando concluirá investigação do “Caso Subtenente”

26 de março – Após mais de 4 meses do crime, polícia marca nova reconstituição do Caso Subtenente

27 de março – Quatro meses após morte de filho, subtenente revela que esposa dificulta contato com caçula

8 de abril – Após ausência de mãe, reconstituição da morte de filho do subtenente será feita nesta quarta

8 de abril – Caso subtenente: delegado promete concluir inquérito nos próximos dias

8 de abril – Ex- esposa de subtenente lamenta ser alvo de “linchamento cibernético” após morte de filho

8 de abril – Amigos e parentes de subtenente fazem manifestação pedindo prisão de ex-esposa

9 de abril – Vizinhos negam versão de ex-esposa de subtenente de que pediu ajuda após o crime

14 de abril – Subtenente acusa família de ex-esposa de colocar “sangue nas mãos” ao defendê-la

15 de abril – Ex-mulher de subtenente é indiciada por morte do filho por envenenamento

15 de abril – Ex-esposa de subtenente pesquisou no Google “como envenenar uma pessoa com chumbinho”

16 de abril – Delegado teme que ex-esposa de subtenente venha a fugir após indiciamento por morte de filho

16 de abril – Guarda de filho mais novo de subtenente será solicitada à Justiça nesta quinta-feira

16 de abril – Delegado pedirá prisão preventiva de ex-mulher de subtenente até esta sexta-feira

16 de abril – Veja as pesquisas que a ex-mulher de subtenente fez antes de envenenar o filho e o marido com chumbinho

17 de abril – Subtenente ainda não sabe como dará a notícia da morte de filho ao irmão autista

17 de abril – Polícia cogita indiciar amante da ex-mulher de subtenente por participação em crime

18 de abril – Em perfil psicológico, Polícia descreve ex-mulher de subtenente como “dissimulada e inteligente”

19 de abril – Polícia pedirá a quebra de sigilo de perfil falso no Facebook da ex-esposa de subtenente

20 de abril – Em Recife, vizinhos suspeitam que ex-esposa de subtenente indiciada por homicídio tenha fugido

21 de abril – Advogado da ex-esposa de subtenente nega que a acusada tenha fugido após indiciamento

24 de abril – Subtenente conquista guarda judicial de filho mais novo após indiciamento da ex-esposa

27 de abril – Após conquistar guarda, subtenente vai nesta segunda ao Recife buscar o filho mais novo

28 de abril – Após conquistar guarda judicial, subtenente reencontra filho mais novo depois de 5 meses

4 de maio – Caso subtenente: Ministério Público ingressa com denúncia contra ex-esposa do militar

5 de maio – Ministério Público denuncia Cristiane Coelho por matar o filho e envenenar o marido

7 de maio – Time de futebol americano aguarda volta de subtenente, recuperado de envenenamento

7 de maio – Justiça aceita denúncia, e ex-esposa de subtenente tem 10 dias para apresentar defesa

7 de maio – Justiça determina prisão preventiva de ex-esposa de subtenente por envenenamento do filho

8 de maio – Delegado já considera ex-esposa de subtenente foragida da Justiça

8 de maio – Ex-mulher de subtenente se entrega à Polícia Civil, mas detentas rejeitam dividir cela

11 de maio – Ex-mulher de subtenente não deve ser transferida para presídio, determina a Justiça

12 de maio – Governo garante que ex-esposa de subtenente está segura em presídio superlotado

5 de junho – Amante de Cristiane Coelho será ouvido, e Justiça decide se ela vai a júri popular

16 de junho – Justiça ouve 12 testemunhas para decidir se ex-mulher de subtenente vai a júri popular

17 de junho – Amante de Cristiane Coelho corre risco de ser acusado como cúmplice em caso de subtenente

9 de julho – Ex-mulher de subtenente tem liberdade provisória solicitada com ou sem fiança

22 de julho – Defesa de ex-mulher de subtenente será ouvida pela Justiça nesta quarta

22 de julho – Perito contratado por ex-mulher de subtenente alega falhas da Perícia em investigação da morte de filho

28 de julho – Laudo derruba versão da ex-mulher de subtenente de que foi forçada a ingerir medicamento

05 de outubro – Justiça decide que ex-mulher de subtenente será levada à júri popular