Número de acidentes com ciclistas ainda é grande, apesar de ampliação da malha cicloviária

PERIGO CONSTANTE

Número de acidentes com ciclistas ainda é grande, apesar de ampliação da malha cicloviária

Falta de respeito às leis de trânsito tem resultado em mortes de ciclistas em Fortaleza. De acordo com levantamento do IJF, no ano passado 1183 ciclistas foram vítimas de acidente

Por TV Jangadeiro em Vem que tem

20 de novembro de 2018 às 07:00

Há 8 meses
Falta de respeito às leis de trânsito é um dos problemas relatados por ciclistas (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Falta de respeito às leis de trânsito é um dos problemas relatados por ciclistas (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Com o alto preço de combustíveis e a lotação no transporte coletivo, muitas pessoas têm optado por ir usar a bicicleta em Fortaleza. Mas a falta de educação no trânsito tem resultado em muitas tragédias.

Falta de respeito às leis de trânsito tem resultado em mortes de ciclistas em Fortaleza. De acordo com levantamento do Instituto Dr. José Frota (IJF), no ano passado 1183 ciclistas foram vítimas de acidente. Já em balanço divulgado pela Prefeitura de Fortaleza, das 256 mortes no trânsito, 19 eram ciclistas.

A malha cicloviária de Fortaleza soma mais de 241 quilômetros, sendo 103 km de ciclovias, 134,8 km de ciclofaixas, 3,9 km de ciclorrotas e 1 km de passeio compartilhado.

Veja o especial do Tribuna do Ceará (O Trânsito Mata, Seja Diplomata) sobre a importância do respeito às leis de trânsito.

Apesar de todos os benefícios, o número de acidentes envolvendo ciclistas ainda é grande. Confira os relatos na reportagem do Vem Que Tem, da TV Jangadeiro/SBT:

Publicidade

Dê sua opinião

PERIGO CONSTANTE

Número de acidentes com ciclistas ainda é grande, apesar de ampliação da malha cicloviária

Falta de respeito às leis de trânsito tem resultado em mortes de ciclistas em Fortaleza. De acordo com levantamento do IJF, no ano passado 1183 ciclistas foram vítimas de acidente

Por TV Jangadeiro em Vem que tem

20 de novembro de 2018 às 07:00

Há 8 meses
Falta de respeito às leis de trânsito é um dos problemas relatados por ciclistas (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Falta de respeito às leis de trânsito é um dos problemas relatados por ciclistas (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Com o alto preço de combustíveis e a lotação no transporte coletivo, muitas pessoas têm optado por ir usar a bicicleta em Fortaleza. Mas a falta de educação no trânsito tem resultado em muitas tragédias.

Falta de respeito às leis de trânsito tem resultado em mortes de ciclistas em Fortaleza. De acordo com levantamento do Instituto Dr. José Frota (IJF), no ano passado 1183 ciclistas foram vítimas de acidente. Já em balanço divulgado pela Prefeitura de Fortaleza, das 256 mortes no trânsito, 19 eram ciclistas.

A malha cicloviária de Fortaleza soma mais de 241 quilômetros, sendo 103 km de ciclovias, 134,8 km de ciclofaixas, 3,9 km de ciclorrotas e 1 km de passeio compartilhado.

Veja o especial do Tribuna do Ceará (O Trânsito Mata, Seja Diplomata) sobre a importância do respeito às leis de trânsito.

Apesar de todos os benefícios, o número de acidentes envolvendo ciclistas ainda é grande. Confira os relatos na reportagem do Vem Que Tem, da TV Jangadeiro/SBT: