Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Responsabilidade social

Pole Alimentos doa máscaras a profissionais de saúde e moradores de Maracanaú

Por Oswaldo Scaliotti em Coronavírus, Responsabilidade social

20 de Maio de 2020

 

A Pole Alimentos realizou no último dia 15 de maio a doação de 1.500 máscaras em parceria com a Prefeitura Municipal de Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza. A ação foi realizada em apoio a campanha “Cuida, Maracanaú”, que coleta doações de materiais de prevenção que são direcionados para profissionais de saúde e para a população que enfrentam os transtornos causados pelo novo coronavírus.

A doação realizada pela marca cearense faz parte de uma série de iniciativas promovidas neste período de pandemia. “Além de fornecer alimentos para o consumidor, também gostamos de transmitir a esperança de dias melhores. Doar as máscaras foi uma forma que encontramos de colaborar com os cuidados que estão sendo feitos para a população do nosso Estado”, comenta a diretora geral da Pole Alimentos, Tissiana Studart Lima.

Sobre a Pole

 

A Pole Alimentos é líder na produção de frangos e embutidos no estado Ceará.  Os produtos da empresa estão presentes no dia a dia dos cearenses e suas marcas já conquistaram um lugar especial no mercado regional, são elas: Granja Regina, Merci e Gostosinha.  A Pole Alimentos investe constantemente em logística e distribuição, atuando fortemente no varejo de Fortaleza e com presença marcante em todos os municípios do Estado. A estratégia de atuação local garante a oferta de produtos de primeira qualidade em todo o Ceará, diferente dos concorrentes nacionais, que priorizam o atendimento nas grandes cidades.

 

A força da Pole Alimentos vem da sua essência, dos valores de gente simples, que acredita no trabalho e sabe o valor da união. A empresa tem como missão: alimentar a vida, não só com os alimentos que nutrem o corpo, mas também com ousadia empresarial que alimenta o desenvolvimento de novos produtos e a cultura varejista. A responsabilidade social também é outro pilar dessa missão de alimentar a vida, neste caso, levando comida e esperança às pessoas em situação de vulnerabilidade. A empresa feita por cearenses para os cearenses, com o compromisso de fortalecer o mercado com produtos que trazem o sabor da nossa terra, o frescor da produção local, a variedade e a qualidade que o consumidor tanto quer e precisa.

Publicidade

Aeris já doou mais de 60 toneladas de alimentos e 31 mil EPIs em meio à pandemia de Covid-19

Por Oswaldo Scaliotti em Coronavírus, Responsabilidade social

20 de Maio de 2020

O momento decorrente da pandemia do novo coronavírus atual trouxe muitas dificuldades para todos, em especial para aqueles que vivem em situação de vulnerabilidade social. Por essa razão, a Aeris, fabricante de pás eólicas instalada no Complexo Industrial e Portuário do Pecém, buscando amenizar a situação das comunidades da região, tem se articulado e mobilizado seus funcionários para ajudar essa população. Ao todo, a empresa já doou mais de 17 toneladas de alimentos em cestas básicas, além de 31 mil Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) que foram destinados à Prefeitura de Caucaia. “Nosso compromisso e nossa responsabilidade socioambiental vão muito além da nossa atividade principal de fabricar pás eólicas. Faz parte da nossa missão também promover o bem-estar das pessoas e contribuir para a construção de um mundo melhor”, conta a diretora de Gestão e Gente da Aeris, Gianna Cunha.

 

Nos últimos dias 05, 06 e 07 de maio, foram entregues 14 toneladas de alimentos beneficiando as comunidades indígenas Anacé e Tapeba, por meio da comunidade da escola Abá Tapeba, a Associação das Famílias do Pecém (ASFAP), a Rede de Mulheres Empreendedoras do Mar Oeste (REMEM), os abrigos Clodoaldo Gomes Martins Filho e Pequeno Cotolengo Dom Orione, bem como as comunidades Capuã, Pitombeiras, Coqueiro, Planalto Cauipe, São Pedro, Cauipe, Catuana e Umarituba

 

A Aeris realizou ainda a doação de 31 mil EPIs para a Prefeitura de Caucaia, que foram destinados aos profissionais de Saúde que atuam no município na linha de frente no combate à Covid-19. Entre os materiais estão máscaras, aventais impermeáveis e óculos de proteção. Os produtos foram entregues à Secretaria Municipal de Saúde que encaminhou para o Hospital Municipal Doutor Abelardo Gadelha da Rocha e para as 45 Unidades de Atenção Primária à Saúde do município.

 

As doações foram fruto da campanha ArrecadAeris, realizada com os funcionários da fábrica, entre os dias 1º e 15 de abril. No total, foram arrecadadas 14 toneladas de alimentos, que foram doados em forma de cestas básicas. Os EPIs foram comprados com recursos próprios da Aeris.

 

Além dessas doações, já haviam sido doadas, no final de março, três toneladas de alimentos para as comunidades de São José, Primavera e Sítios Novos. Segundo a diretora de Gestão de Gente da Aeris, as doações foram feitas pela própria empresa. “Para a comunidade São José, levamos também um carro-pipa e entregamos kits de higiene”, acrescenta Gianna Cunha. A Aeris já havia doado também 44 toneladas de alimentos em cestas básicas para 3.144 funcionários da empresa.

Publicidade

EDP financia projeto para levar água a moradores de São Gonçalo do Amarante

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

19 de Maio de 2020

Empresa está investindo R$ 80 mil para abastecer com água cerca de 240 pessoas da comunidade de Acende Candeia, em São Gonçalo do Amarante/CE. No total, EDP destinou R$ 1 milhão a projetos de saúde e empreendedorismo social em todo o País.

Moradores da comunidade de Acende Candeia, em São Gonçalo do Amarante/CE, serão beneficiados pelo projeto “Águas para todos”, que tem objetivo de dar suporte ao fornecimento e abastecimento de água para cerca de 240 pessoas. O projeto receberá um montante de R$ 80 mil da EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico e que possui uma termelétrica no município. Ao todo, a EDP vai destinar R$ 1 milhão a 12 projetos de saúde e empreendedorismo social para a mitigação dos efeitos da crise do coronavírus em todo Brasil. As iniciativas, selecionadas na segunda fase do edital EDP Solidária – Covid-19, vão beneficiar cerca de 20 mil pessoas.

O projeto deverá ser executado até julho em parceria com a Prefeitura de São Gonçalo e foi proposto pela Associação dos Moradores de Acende Candeia de Baixo. “Na nossa comunidade, há uma média de 120 famílias que dependem, na sua maioria, de água de cacimbão ou de carro-pipa. O projeto “Águas para todos” propõe implantar a encanação desses poços profundos, cavados pelo poder público, e sua ligação para as residências. Para isso, a verba do projeto fará a compra do material e sua instalação. Contaremos com a parceria da Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, que cederá a mão de obra para sua execução”, diz Monaliza Lima, representante da associação.

A Associação dos Moradores de Acende Candeia de Baixo foi fundada em abril de 1994 e funciona no salão paroquial local, realizando alguns projetos e oficinas voltados para a própria comunidade, como incentivo ao empreendedorismo, palestras e atividades de esporte e lazer para crianças, jovens e idosos.

Primeira e segunda fases

Na primeira e segunda fases, o edital EDP Solidária – Covid 19 doou cerca de R$ 2,5 milhões a projetos de enfrentamento da pandemia em comunidades carentes e indígenas, favorecendo 40 mil pessoas no país. No Ceará, na primeira fase, outro projeto beneficiado foi o “Mãos com Vidas” – da  Associação Pecém Eu Te Amo (ASSPA), em parceria com o Conselho Comunitário do Complexo Portuário do Pecém (CIPP) – foi selecionado para receber R$ 99 mil.

 

O projeto tem objetivo de mitigar os efeitos da crise provocada pela pandemia do coronavírus, por meio de doação de um cartão alimentação, recarregável com R$ 100/mês, durante três meses, para compra de alimentos e itens de higiene para 300 famílias. Como forma de estimular a geração de emprego e renda na região, os produtos deverão ser adquiridos de comércios e mercados locais, devidamente registrados na categoria microempreendedor individual. A previsão é de que 1.300 pessoas ao total sejam impactadas a partir da segunda quinzena de maio, quando os cartões serão distribuídos entre as famílias. Serão beneficiadas as comunidades em situação de vulnerabilidade social presentes no Conselho Comunitário do Complexo Portuário do Pecém (CIPP), como Acende Candeia de Cima, Acende Candeia de Baixo, Pecém, Sede de São Gonçalo do Amarante , Sítio Bolso, Caraúbas, Lagoa das Cobras, Parada, Siupé e Taíba.

Saiba mais

Os novos projetos selecionados na segunda fase, vão utilizar os recursos para diversas finalidades, como fornecimento de água, promoção da higiene pessoal, aquisição de equipamentos de proteção individual, recuperação e manutenção de respiradores e descontaminação de insumos hospitalares, além de geração de renda.

“Nesta nova etapa, contemplamos projetos que irão proporcionar melhores condições a grupos de risco, como idosos, profissionais da saúde, comunidades de baixo poder aquisitivo e população sem teto. Este recurso chega quando o Brasil se aproxima do pico epidemia e será de grande relevância para as comunidades atendidas”, afirma Luís Carlos Gouveia, diretor do Instituto EDP.

Em pouco mais de dez dias em abril, o edital EDP Solidária – Covid-19 recebeu mais de 600 candidaturas de todos os Estados brasileiros. O processo seletivo, que conta com auditoria da EY, teve a participação de um comitê externo formado pelos médicos Esper Kallas, professor da Faculdade de Medicina da USP e coordenador do Centro de Pesquisas Clínicas do Hospital das Clínicas da USP; Álvaro Costa, infectologista do Hospital das Clínicas da USP e membro da unidade de pesquisa do Centro de Referência e Treinamento em DST/Aids; e Wanderley Resende, ortopedista e consultor em Gestão da Saúde; além de Marcelo Nakagawa, professor de Inovação e Empreendedorismo no Insper.

Conheça os primeiros projetos selecionados: 

Água para Todos (CE) – dá suporte ao fornecimento e abastecimento de água para a comunidade de Acende Candeia, em São Gonçalo do Amarante;

Alinhavos de Esperança (SP) – confecção de máscaras de tecido por empreendedores comunitários a fim de prevenir a Covid-19 em Caraguatatuba e São Sebastião, além de gerar renda aos produtores;

Banho pra Geral (SP) – proporciona a higiene básica a pessoas sem-teto na cidade de São Paulo;

Com energia nosso Lar vai vencer a pandemia (SP) – realiza medidas preventivas, protetivas e de sensibilização para os idosos do Lar Madre Regina, em Guarulhos

COVID 19 – EPI (ES) – atua na aquisição de Equipamentos de Proteção Individual para profissionais de saúde do Hospital da Casa de Misericórdia de Vitória;

CTQ Contra a Covid (SP) – fornece equipamentos de proteção individual a profissionais de unidades de atendimento a pessoas com queimaduras na cidade de São Paulo;

Heróis de Máscara (ES)  gera renda local com a produção de máscaras de proteção e doação gratuita a pessoas vulneráveis na cidade de Serra.

Indústria do Bem (ES) – vai realizar a recuperação de equipamentos hospitalares, com foco em respiradores e manutenção de macas e cadeiras de rodas;

Rastreia COVID (TO) – implantação de aplicativo para acompanhamento dos casos suspeitos e confirmados de COVID-19 em Paranã, Peixe e São Salvador do Tocantins;

Rede de Proteção contra o COVID-19 nas Instituições de Longa Permanência de Idosos (AP, ES e TO) – fornece uma ferramenta que oferece as informações para atuar ao primeiro sinal de COVID-19 entre os idosos das instituições atendidas;

Smart Society Living Lab (SP) – prevenção da Covid-19 com produção de equipamentos de proteção e ações de redução do impacto econômico e apoio social no Vale do Paraíba;

Projeto Ultracif (SP) – realiza a descontaminação de máscaras e outros insumos médico-hospitalares através de irradiação ultravioleta germicida (IUVG).

Sobre o IEDP

Desde que foi fundado em 2009, o Instituto EDP investiu mais de R$ 100 milhões em projetos socioculturais, que beneficiaram cerca de 3 milhões de pessoas em cerca de 400 programas espalhados por todo o País. Somente em 2019, iniciativas apoiadas pela organização favoreceram 82 mil moradores das comunidades do entorno das áreas de atuação da Companhia. O Instituto EDP tem como responsabilidade estruturar os investimentos e as iniciativas sociais da EDP em frentes ligadas à valorização da Língua Portuguesa, à educação, ao desenvolvimento local com geração de renda, ao empreendedorismo e ao voluntariado, por meio do esporte, cultura e saúde.

Sobre a EDP no Brasil

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Serviços de Energia, e possui seis unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica. Em Distribuição, atende cerca de 3,5 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo, além de ser a principal acionista da Celesc, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 14 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3. No Ceará, a EDP é responsável pela UTE Pecém, em São Gonçalo do Amarante.

Publicidade

Quatro instituições beneficentes recebem ação de desinfecção de seus espaços, esta semana 

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

19 de Maio de 2020

A ação irá passar por instituições que atuam junto ao público infantil e de idosos, pertencentes ao grupo de risco do Covid-19

As iniciativas de solidariedade continuam em meio ao cenário da pandemia do Covid-19 e as parcerias não param de acontecer com a finalidade de levar saúde e qualidade de vida para as pessoas. O Programa Mesa Brasil Sesc, em parceria com o Seacec – Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação do Estado do Ceará, através do projeto “Sanitização Ambiental – Conservando Vidas”, segue realizando a sanitização de ambientes de instituições sem fins lucrativos. A ação teve início na última semana e vai desinfetar mais de 16 instituições que atendem pessoas do grupo de risco do novo coronavírus.

Esta semana, mais quatro instituições apontadas pelo Mesa Brasil Sesc irão receber o procedimento de sanitização. São elas: Lar Santa Mônica e Casa de Apoio Sol Nascente, no dia 20 de maio, e Lar Amigo de Jesus e Projeto Sorriso de Criança, no dia 22 de maio. Para Lyara Lima, coordenadora da Casa de Apoio Sol Nascente, a ação vem se somar a outras medidas de prevenção que a instituição tem adotado no período, além de representar uma grande ajuda para a entidade. “Nesse momento, passamos por um período delicado em que todo ato de solidariedade é importante. Doações têm acontecido, mas cada ação importa e faz diferença”, afirma.

Pelo programa Mesa Brasil Sesc, dez instituições foram selecionadas para receber o procedimento, como forma de ampliar a proteção contra o Covid-19 das pessoas atendidas ou que trabalham em cada uma das entidades. Após um mês, as mesmas receberão uma nova desinfecção.

Além disso, o projeto “Sanitização Ambiental – Conservando Vidas” também expandiu a ação para demais instituições que desejem participar. Para isso, foi disponibilizado o telefone (85) 99981.6252 para tirar dúvidas ou sugerir novas entidades.

As dez instituições apontadas pelo Mesa Brasil com a sanitização de seus espaços são: Casa de Nazaré, Lar Nossa Senhora de Fátima, Casa do Menino Jesus, Irmãs Cordimarianas, Lar Amigo de Jesus, Lar Santa Mônica, Recanto Sagrado Coração de Jesus, Conviver Madre Regina na Providência de Deus e Casa e Apoio Sol Nascente.

O Projeto Sanitização Ambiental – Conservando Vidas é uma iniciativa do Seacec – Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação do Estado do Ceará, que conta com a parceria da Fecomércio-Ce, através do Mesa Brasil Sesc, e de outras empresas associadas ao sindicato, que são elas: Serval, Solução, Singular, Metas, Viper, TopClean, Makita e Clarus.

Sobre o Mesa Brasil Sesc

O Mesa Brasil é um programa do Sesc que atua na perspectiva da segurança alimentar e nutricional, sustentabilidade e inclusão social. Presente no Ceará desde 2001, ainda com o nome “Amigos do Prato”, o programa atende no Estado mais de 430 instituições sociais, que juntas totalizam o atendimento a cerca de 280 mil pessoas, por meio de doações de alimentos e atividades educativas. Desde sua implementação, o Mesa Brasil Ceará já distribuiu mais de 49 milhões de quilos de alimentos, por meio de parceria com centenas de empresas doadoras.

De março até o dia 31 de abril, foram arrecadados 378 mil quilos (toneladas) de alimentos, beneficiando cerca de 300 instituições de Fortaleza, Juazeiro do Norte, Sobral e Iguatu, com a participação de mais de 200 empresas. O resultado da campanha só evidencia o quanto o bem é, de fato, feito de forma coletiva. Com a ajuda dos empresários de vários setores, o Mesa Brasil já levou comida de qualidade para aproximadamente 594 mil pessoas.

SERVIÇO:
Sanitização da Casa de Apoio Sol Nascente
Data: 20 de maio, às 9h.
Endereço: Av. Alberto Craveiro nº 2222, Castelão

Sanitização do Lar Santa Mônica
Data: 20 de maio, às 10h.
Endereço: Av. Alberto Craveiro, nº 2222, Castelão

Sanitização do Lar Amigo de Jesus
Data: 22 de maio, às 9h.
Endereço: Rua Idelfonso Albano, nº 3052, Joaquim Távora

Sanitização do Projeto Sorriso de Criança
Data: 22 de maio, às 14h.
Endereço: R. Planalto, 167 – Pres. Kennedy

Telefone para dúvidas e sugestão de novas instituições:
Edson Arouche – diretor executivo Seacec: (85) 99981.6252

Publicidade

PLANO DA PAZ PRODUZ E DOA 3 MIL KITS DE PROTEÇÃO PARA POPULAÇÃO DE FORTALEZA

Por Oswaldo Scaliotti em Coronavírus, Responsabilidade social

19 de Maio de 2020

Imagens: Rafael Lima

O Plano da Paz, empresa que atua no segmento funerário, doou nesta segunda-feira (18), 3 mil kits com máscaras de tecido reutilizável para uso comunitário e detergentes para a população a fim de ajudar na luta contra a COVID-19.  Em uma ação conjunta foram beneficiados mais de 600 moradores do Bairro Barroso, em Fortaleza.

A empresa coordenou a produção das máscaras, grande aliada no combate à propagação da pandemia no Brasil, que ajuda a proteger você e outras pessoas ao seu redor.

A iniciativa, lançada pelo Plano da Paz, também será destinada a clientes da empresa, que receberão os kits em casa.

“Nossa preocupação é com a vida das pessoas, como podemos fazer para torná-la menos difícil. Sobretudo em momentos como este. É um lema que perpassa todo nosso trabalho”, destaca Ilma Silva, Presidente do Plano da Paz.

Segundo Ilma, a iniciativa mostra como o que cada um pode fazer para ajudar o outro: “Queremos mostrar que podemos fazer muito uns pelos outros, enquanto vivemos juntos, pisando nesta Terra que foi feita para abrigar todos nós. É aí que mora o sentido de coletividade, de perceber que só existimos se houver essa consciência vital. O momento é o agora, por isso estamos fazendo hoje para que o amanhã seja um lugar melhor”.

Mais informações: @planodapaz

Publicidade

Unimed Fortaleza inicia nesta terça (19) o fornecimento para clientes de medicações para o tratamento da Covid-19 mediante prescrição

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

18 de Maio de 2020

Como parte do plano de enfrentamento à pandemia da Covid-19, a Unimed Fortaleza colocará em ação a partir desta terça-feira, 19 de maio, um protocolo criado para o fornecimento, exclusivo para seus clientes, de medicamentos utilizados no tratamento da doença, caso da cloroquina e da ivermectina. Para retirar a medicação, o cliente ou um representante autorizado por ele precisa apresentar: receituário médico de controle especial, termo de consentimento assinado pelo paciente, cartão da Unimed Fortaleza e um documento oficial com foto, todos do beneficiário. A iniciativa é mais uma opção de ações implantadas pela Unimed Fortaleza voltada para o combate à Covid-19, não tendo qualquer influência política, uma vez que a cooperativa mantém seu posicionamento de neutralidade e de atenção irrestrita ao bem-estar de seus clientes.

 

A operadora reforça que os medicamentos serão entregues aos clientes da Unimed Fortaleza com receituário médico de controle especial. A receita para retirar as medicações é válida por dez (10) dias da data da prescrição. A cooperativa reitera que a decisão para a prescrição é do médico, que tem a condição de avaliar a necessidade da utilização dos referidos medicamentos de acordo com o estágio e gravidade dos sintomas do paciente. Este, por sua vez, tem o direito de decidir se quer ou não fazer o tratamento com esses medicamentos assinando termo de consentimento caso concorde.

 

Os produtos podem ser retirados no Hospital Unimed ou nas Clínicas Unimed da Parangaba, Oliveira Paiva, Bezerra de Menezes e Maracanaú. As medicações serão entregues somente para adultos (maiores de 18 anos) e cada paciente terá direito a apenas 01 kit de medicamentos, que é pessoal e intransferível. No caso de cliente que já tenha sido internado no Hospital da Unimed e recebido a medicação durante seu tratamento, este não poderá receber um outro kit.

 

Locais de retirada dos medicamentos

·         Hospital Unimed Fortaleza: Av. Visconde do Rio Branco, nº 4000

·         Clínicas Unimed:

−    Bezerra de Menezes: R. José Sombra, 65

−    Maracanaú: Business Place, Conj. Jereissati

−    Oliveira Paiva: Av. Oliveira Paiva, 2849

−    Parangaba: Av. Godofredo Maciel, 51

 

Horário de Funcionamento

·         Hospital Unimed Fortaleza | 24h

·         Clínicas Unimed (Parangaba, Oliveira Paiva e Bezerra de Menezes) | Segunda a Sexta, das 8h às 18h e, aos sábados, das 8h às 12h

·         Clínica Maracanaú | Todos os dias, das 7h às 22h

Publicidade

PÃO DE AÇÚCAR ADERE A MOVIMENTO DE CONSCIENTIZAÇÃO E ‘VESTE’ MÁSCARA FACIAL EM SEU LOGOTIPO

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

16 de Maio de 2020

Com criação da agência BETC/Havas, atualização do logotipo dá sequência à campanha #JuntosPodemosMais, em que rede apresenta medidas implantadas como forma de prevenção à pandemia de covid-19

 Desde que tudo mudou, o Pão de Açúcar tem atuado para garantir a segurança de seus clientes e colaboradores com medidas efetivas de prevenção à pandemia de covid-19. E para reforçar que veste a causa, a rede está aderindo ao movimento das marcas que atualizaram os logotipos com uma máscara de proteção facial. O objetivo é contribuir para a conscientização da importância de usar o acessório ao sair de casa como forma de proteger a si próprio e aos outros. O logotipo com a máscara passou a assinar todas as contas em redes sociais do Pão de Açúcar (Instagram, Twitter e Facebook) e do Pão de Açúcar Adega (plataforma especializada em bebidas premium da rede).

A iniciativa dá sequência à campanha nacional #JuntosPodemosMais, em que o Pão de Açúcar reuniu, em um filme de 90’’, as ações implantadas em lojas físicas e em seu serviço de e-commerce para mostrar como respondeu à crise do novo coronavírus e procurou ajudar a vida das pessoas – como a medida de obrigatoriedade do uso de máscaras em suas lojas e que foram disponibilizadas a todos os colaboradores. O filme também ressalta o trabalho dos profissionais essenciais que estão na linha de frente para atender a população e estimula a união para que todos possam superar juntos este momento de desafio. A criação da campanha e dos logotipos atualizados foram realizadas pela agência BETC/Havas. O filme pode ser conferido neste link: https://youtu.be/J2DZIoZRMUw

Medidas preventivas

Nas lojas físicas, o Pão de Açúcar adotou protocolos rígidos de higienização, com a utilização e disponibilização aos seus colaboradores de todos os equipamentos de segurança recomendados pelas autoridades de saúde, a obrigatoriedade do uso de máscaras, a desinfecção com álcool em gel nos pontos de atendimento e com a instalação de painéis de acrílico e adesivos no piso para a organização do distanciamento social. Também afastou temporariamente todos os seus colaboradores em grupos de risco e contratou quase 2 mil pessoas, temporariamente, em todo o Brasil, para ajudar com a operação. Na mesma linha, o Pão de Açúcar foi a primeira marca do grande varejo a adotar um horário de atendimento exclusivo para clientes com mais de 60 anos, oferecendo uma alternativa para um caso de extrema necessidade. Em momentos de alta demanda, a rede chegou a limitar a compra de produtos para garantir que as famílias pudessem se abastecer de maneira igualitária e concentrou seus esforços de fornecimento para atender as necessidades por produtos de alimentação, limpeza e cuidados pessoais. Também reafirmou o seu compromisso, em cadeia nacional de televisão, com o não repasse de possíveis reajustes de preços aos consumidores.

Já nos serviços de e-commerce do site www.paodeacucar.com e pelo app Pão de Açúcar Mais, a rede antecipou investimentos para triplicar a capacidade operacional de entregas em poucos dias, com a abertura de dois novos centros de distribuição, em São Paulo e no Rio de Janeiro, a fim de garantir que todos pudessem realizar suas compras sem precisar sair de casa. A marca realizou ainda a doação de 300 mil alimentos e produtos de higienes para instituições sociais parceiras, com alcance estimado de mais de 30 mil famílias.

Sobre o Pão de Açúcar

Com lojas distribuídas em 13 estados do Brasil, o Pão de Açúcar oferece soluções eficientes e inovadoras para deixar a compra de seus consumidores mais fácil, prática e gostosa. Focada no segmento premium de varejo alimentar, a marca é parte do GPA, uma das maiores companhias do varejo nacional. O Pão de Açúcar é pioneiro em inciativas sustentáveis dentro do segmento supermercadista brasileiro e no lançamento de um programa de fidelidade, o Pão de Açúcar Mais, hoje com mais de 7 milhões de cadastrados. A marca está presente em supermercados (185 lojas), lojas de bairro (Minuto Pão de Açúcar, com 84 unidades), e-commerce (www.paodeacucar.com) e por meio de seu aplicativo – gratuito e disponível nas lojas App Store e Google Play.

Publicidade

Shopping Iguatemi Fortaleza cria selo especial para certificar participantes da campanha “Ajudamos a superar”

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

16 de Maio de 2020

Estabelecimentos comerciais, indústrias e prestadores de serviços de Fortaleza serão estimulados a doarem para famílias em situação de vulnerabilidade social

Esses tempos de Coronavírus não têm sido nada fáceis, principalmente para os trabalhadores autônomos e pessoas em situação de vulnerabilidade social que, ao ficarem em casa ou não terem para onde ir, não têm como garantir o sustento de suas famílias. Segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE (2019), no Ceará, dos 9,1 milhões de habitantes, 154 mil vivem sem renda; 1,75 milhão recebem até ¼ de salário mínimo e dois milhões vivem com até meio salário mínimo.

Diante disso, sabemos que doar sempre foi e sempre será o maior ato de amor. E para inspirar mais pessoas a pensarem no próximo, o Shopping Iguatemi Fortaleza lança o selo de qualidade “Ajudamos a superar” que consiste em certificar estabelecimentos comerciais, indústrias e prestadores de serviços solidários às pessoas em situação de vulnerabilidade social. A ideia nasceu com a certeza de que juntos, cada um dentro da sua realidade, podem ajudar a sociedade fortalezense a superar esse grande desafio.

Para cada tipo de estabelecimento haverá um valor diferente. Ao realizar uma doação para a campanha, cada estabelecimento ganha o direito de exibir o selo “Ajudamos a superar”, na vitrine, nos produtos, nas sacolas, nas redes sociais, onde for melhor para o empresário. As doações podem ser feitas em dinheiro, produtos, cestas básicas, máscaras, ou seja, o importante é ajudar. Tudo o que for arrecadado com o selo “Ajudamos a Superar” será repassado diretamente ao Movimento Supera Fortaleza.

Como contrapartida, no final da ação solidária será realizada uma ampla campanha nos mais variados meios de comunicação para divulgar os resultados e valorizar as marcas que fizeram parte do projeto.

Até porque, nunca a solidariedade foi tão praticada pelas empresas e tão valorizada por todos. Seja na mídia, vide o projeto Solidariedade S.A. do Jornal Nacional, seja pelos consumidores, que se identificam e priorizam estabelecimentos que realizam ações solidárias.

“O selo Ajudamos a Superar surgiu da necessidade de fazermos mais pela sociedade e amenizar os efeitos causados pelo coronavírus às pessoas em situação de vulnerabilidade. Por isso, contamos com a participação de todos os empreendedores que desejam estender o braço solidário a quem precisa”, afirma o superintendente do Shopping Iguatemi Fortaleza, Wellington Oliveira. Para participar da campanha, basta entrar em contato pelo e-mail marketing@iguatemifortaleza.com.br, por onde as dúvidas e os detalhes da doação serão enviados.

Supera Fortaleza

O Movimento Supera Fortaleza foi criado a partir do agravamento da pandemia do novo coronavírus com o objetivo de arrecadar recursos que serão utilizados na compra de alimentos para pessoas que mais precisam, especialmente trabalhadores autônomos e população em situação de rua. As doações podem ser feitas no site  https://www.kickante.com.br/campanhas/movimento-supera-fortaleza ou através da Vaquinha online: https://www.kickante.com.br/campanhas/movimento-supera-fortaleza. O Movimento divulga suas ações no Facebook: https://www.facebook.com/movimentosuperafortaleza e no Instagram: https://www.instagram.com/movimentosuperafortaleza/. Para mais informações, (85) 99989-4799.

Sobre o Iguatemi

 

O Shopping Iguatemi Fortaleza tem 38 anos de existência. Empresa do grupo JCC – Jereissati Centros Comerciais, que também controla shopping centers em Belém (PA) e Campo Grande (MS), o Iguatemi Fortaleza traz números bastante positivos. São mais de 450 lojas e quiosques que reúnem o mais completo mix de compras, lazer, gastronomia e serviços de Fortaleza em mais de 90 mil metros quadrados. Distribuídos por corredores amplos e projetados para o melhor aproveitamento da iluminação natural, fazer um passeio pelo Iguatemi é experimentar conforto, comodidade e aproveitar o que a vida tem de melhor.

Publicidade

Moura Dubeux inicia campanha para arrecadar doações em condomínios de Fortaleza

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

16 de Maio de 2020

Iniciativa vai beneficiar o Mesa Brasil, do Sesc, com alimentos e itens de higiene e limpeza

 

Integrada com as necessidades sociais e as demandas causadas pelo impacto da Covid-19, a Moura Dubeux Engenharia firmou parceria com o Mesa Brasil, do Sesc. A campanha “Condomínio Solidário” vai ajudar as pessoas em vulnerabilidade social atendidas pela instituição. A ação está sendo articulada com síndicos e administradoras e podem também ser estimulada pelos moradores nos próprios edifícios.

 

Legenda: Produtos arrecadados em Recife

Podem ser doados alimentos, itens de higiene e de limpeza. Além de assumir a logística da coleta dos alimentos, a Moura Dubeux vai doar 500 cestas básicas para o Mesa Brasil. “É um compromisso nosso por entender os impactos da doença e os efeitos que geram nas famílias, especialmente as de baixa renda. Conseguiremos ajudar muito sem que as pessoas precisem sair de casa para doar”, explica Eduarda Dubeux, gerente de marketing da MD. O contato para participar da ação é (85) 99903.7709.

Publicidade

McDonald’s doa mais de 800 refeições no Ceará na campanha McObrigado

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

15 de Maio de 2020

Com a meta de chegar a 100 mil doações, empresa aderiu à ação global Thank You Meal e preparou refeições especiais para os profissionais de diversas instituições no estado

 As cozinhas do McDonald´s no Brasil estão preparando mais do que deliciosas refeições. Desde o início da pandemia provocada pelo novo coronavírus, a marca, operada pela Arcos Dorados no país, adicionou doses extras de solidariedade e carinho nas doações que tem feito para os profissionais de saúde e caminhoneiros que estão atuando na linha de frente do combate à doença. Para acelerar essa ação, a companhia aderiu à campanha global Thank you Meal, lançada nos Estados Unidos. Por aqui, a meta é chegar a 100 mil combos doados, o que equivale a um investimento de cerca de R$ 2,5 milhões de reais. No Ceará, as instituições Engenho do Lixo, Maternidade Escola Assis Chateaubriand, Hospital Universitário Walter Cantídio, Hospital Regional Unimed e Instituto Dr. José Frota, receberam nos dias 10, 14 e 15 de Maio, a doação de mais de 800 refeições (sanduíche, McFritas e refrigerante) produtos entregues em embalagens especiais aos profissionais de saúde/pessoas em situação vulnerável.

Para o Brasil, o nome da campanha foi ajustado: será o McObrigado. “Trata-se de uma forma de levar, além de comida, solidariedade e mensagens de encorajamento para estes profissionais que tem tido uma atuação incansável e excepcional”, explica Paulo Camargo, presidente da Divisão Brasil da Arcos Dorados.

Até o momento, já foram realizadas mais de 30 mil doações para profissionais de saúde de mais de 70 instituições, em 44 cidades, e caminhoneiros nas rodovias. Todas têm sido preparadas pelos funcionários da rede, que também estão se mobilizando para colocar recados de agradecimento juntos das refeições.  Nesta nova onda de doações, a rede está ampliando a entrega de alimentos para instituições que atuam no combate à fome.

Para contar um pouco mais sobre essa ação, um filme em parceria com a DPZ&T foi desenvolvido para os canais digitais da marca. A produção compila imagens reais, desde o preparo até a chegada às mãos dos homenageados. Cada combo inclui uma mensagem de agradecimento. O vídeo ainda traz depoimentos de funcionários do Méqui agradecendo estes profissionais. Assista aqui.

“Em tempos de isolamento, o Méqui reafirma o quanto está junto das pessoas e destaca a importância do distanciamento social. Acreditamos que sairemos desta mais fortes. Por isso, preparamos essa homenagem, para agradecer toda a dedicação dos trabalhadores”, explica João Branco, Chief Marketing Officer do McDonald’s Brasil.

Outras medidas da Arcos Dorados

Acreditando na união de forças para que o país possa superar esse momento de crise, o McDonald’s decidiu apoiar micro e pequenas empresas do setor de alimentação no Brasil, abrindo turmas de formação gratuita e online voltadas a profissionais que atuam nesse segmento.

A companhia criou um curso para microempreendedores, que conta com uma grade dividida em três pilares principais: Segurança Alimentar, Higiene e Desenvolvimento Sustentável, áreas em que a companhia é reconhecida internacionalmente por sua excelência. Essas são esferas fundamentais para garantir medidas de prevenção de contaminação por microrganismos, incluindo o novo coronavírus.

O curso que iniciou em março teve 1845 inscritos e os módulos estão sendo disponibilizados por meio do site https://trilhas.info/ para que os novos interessados possam acompanhar o conteúdo.

Além disso, O McDonald’s abriu vagas gratuitas para o curso de Desenvolvimento Sustentável em Foco, que nos últimos dois anos contou com cerca de dois mil inscritos e aborda uma grade que contempla 12 temas como Compromisso Social, Energia Renovável, Diversidade & Inclusão, Economia Circular, Mudanças Climáticas e Gestão de Resíduos, entre outros. O curso é o maior programa corporativo de educação para o desenvolvimento sustentável do Brasil.

 Medidas para segurança de seus colaboradores

Tendo como prioridade proteger a saúde e bem-estar de seus funcionários e clientes, a companhia implementou um comitê focado especialmente em monitorar e agir em torno de diversos assuntos relacionados ao tema.

A empresa estabeleceu um protocolo especial para a operação de seus serviços, como Delivery e Drive-Thru, incluindo a demarcação de áreas de distanciamento social nos restaurantes, disponibilização de produtos para higienização das bolsas dos entregadores e lavagem de mãos, cuidado no condicionamento de produtos, além do reforço dos protocolos de higiene em todos os restaurantes da rede, como aumento na frequência da limpeza de equipamentos, ampliação do número de dispensers de álcool em gel, entre outras ações.

Além disso, a empresa seguiu a recomendação de uso de máscaras feita pelo Ministério da Saúde no início de abril. Já foram adquiridas máscaras descartáveis e de tecido e também começaram a ser instaladas barreiras acrílicas para proteção física entre atendentes e clientes.

Entre as iniciativas já implementadas pela empresa, estão o home office ou licença remunerada para seus colaboradores que pertencem ao grupo de risco, em todos os setores, inclusive restaurantes, e a recomendação de trabalho remoto para todos os funcionários da sede administrativa.

Sobre a Arcos Dorados

A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo e a maior rede de serviço rápido de alimentação da América Latina e Caribe. A companhia conta com direitos exclusivos de possuir, operar e conceder franquias locais de restaurantes McDonald’s em 20 países e territórios dessas regiões. Atualmente, a rede possui quase 2.300 restaurantes, entre unidades próprias e de seus subfranqueados, que juntos empregam mais de 100.000 funcionários (dados de 31/12/2019). A empresa também mantém um sólido compromisso com o desenvolvimento das comunidades nas quais está presente e com a geração de primeiro emprego formal para jovens, além de utilizar sua escala para impactar de maneira positiva o meio-ambiente. A Arcos Dorados está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO). Para saber mais sobre a Companhia por favor visite o nosso site: www.arcosdorados.com.

Publicidade

McDonald’s doa mais de 800 refeições no Ceará na campanha McObrigado

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

15 de Maio de 2020

Com a meta de chegar a 100 mil doações, empresa aderiu à ação global Thank You Meal e preparou refeições especiais para os profissionais de diversas instituições no estado

 As cozinhas do McDonald´s no Brasil estão preparando mais do que deliciosas refeições. Desde o início da pandemia provocada pelo novo coronavírus, a marca, operada pela Arcos Dorados no país, adicionou doses extras de solidariedade e carinho nas doações que tem feito para os profissionais de saúde e caminhoneiros que estão atuando na linha de frente do combate à doença. Para acelerar essa ação, a companhia aderiu à campanha global Thank you Meal, lançada nos Estados Unidos. Por aqui, a meta é chegar a 100 mil combos doados, o que equivale a um investimento de cerca de R$ 2,5 milhões de reais. No Ceará, as instituições Engenho do Lixo, Maternidade Escola Assis Chateaubriand, Hospital Universitário Walter Cantídio, Hospital Regional Unimed e Instituto Dr. José Frota, receberam nos dias 10, 14 e 15 de Maio, a doação de mais de 800 refeições (sanduíche, McFritas e refrigerante) produtos entregues em embalagens especiais aos profissionais de saúde/pessoas em situação vulnerável.

Para o Brasil, o nome da campanha foi ajustado: será o McObrigado. “Trata-se de uma forma de levar, além de comida, solidariedade e mensagens de encorajamento para estes profissionais que tem tido uma atuação incansável e excepcional”, explica Paulo Camargo, presidente da Divisão Brasil da Arcos Dorados.

Até o momento, já foram realizadas mais de 30 mil doações para profissionais de saúde de mais de 70 instituições, em 44 cidades, e caminhoneiros nas rodovias. Todas têm sido preparadas pelos funcionários da rede, que também estão se mobilizando para colocar recados de agradecimento juntos das refeições.  Nesta nova onda de doações, a rede está ampliando a entrega de alimentos para instituições que atuam no combate à fome.

Para contar um pouco mais sobre essa ação, um filme em parceria com a DPZ&T foi desenvolvido para os canais digitais da marca. A produção compila imagens reais, desde o preparo até a chegada às mãos dos homenageados. Cada combo inclui uma mensagem de agradecimento. O vídeo ainda traz depoimentos de funcionários do Méqui agradecendo estes profissionais. Assista aqui.

“Em tempos de isolamento, o Méqui reafirma o quanto está junto das pessoas e destaca a importância do distanciamento social. Acreditamos que sairemos desta mais fortes. Por isso, preparamos essa homenagem, para agradecer toda a dedicação dos trabalhadores”, explica João Branco, Chief Marketing Officer do McDonald’s Brasil.

Outras medidas da Arcos Dorados

Acreditando na união de forças para que o país possa superar esse momento de crise, o McDonald’s decidiu apoiar micro e pequenas empresas do setor de alimentação no Brasil, abrindo turmas de formação gratuita e online voltadas a profissionais que atuam nesse segmento.

A companhia criou um curso para microempreendedores, que conta com uma grade dividida em três pilares principais: Segurança Alimentar, Higiene e Desenvolvimento Sustentável, áreas em que a companhia é reconhecida internacionalmente por sua excelência. Essas são esferas fundamentais para garantir medidas de prevenção de contaminação por microrganismos, incluindo o novo coronavírus.

O curso que iniciou em março teve 1845 inscritos e os módulos estão sendo disponibilizados por meio do site https://trilhas.info/ para que os novos interessados possam acompanhar o conteúdo.

Além disso, O McDonald’s abriu vagas gratuitas para o curso de Desenvolvimento Sustentável em Foco, que nos últimos dois anos contou com cerca de dois mil inscritos e aborda uma grade que contempla 12 temas como Compromisso Social, Energia Renovável, Diversidade & Inclusão, Economia Circular, Mudanças Climáticas e Gestão de Resíduos, entre outros. O curso é o maior programa corporativo de educação para o desenvolvimento sustentável do Brasil.

 Medidas para segurança de seus colaboradores

Tendo como prioridade proteger a saúde e bem-estar de seus funcionários e clientes, a companhia implementou um comitê focado especialmente em monitorar e agir em torno de diversos assuntos relacionados ao tema.

A empresa estabeleceu um protocolo especial para a operação de seus serviços, como Delivery e Drive-Thru, incluindo a demarcação de áreas de distanciamento social nos restaurantes, disponibilização de produtos para higienização das bolsas dos entregadores e lavagem de mãos, cuidado no condicionamento de produtos, além do reforço dos protocolos de higiene em todos os restaurantes da rede, como aumento na frequência da limpeza de equipamentos, ampliação do número de dispensers de álcool em gel, entre outras ações.

Além disso, a empresa seguiu a recomendação de uso de máscaras feita pelo Ministério da Saúde no início de abril. Já foram adquiridas máscaras descartáveis e de tecido e também começaram a ser instaladas barreiras acrílicas para proteção física entre atendentes e clientes.

Entre as iniciativas já implementadas pela empresa, estão o home office ou licença remunerada para seus colaboradores que pertencem ao grupo de risco, em todos os setores, inclusive restaurantes, e a recomendação de trabalho remoto para todos os funcionários da sede administrativa.

Sobre a Arcos Dorados

A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo e a maior rede de serviço rápido de alimentação da América Latina e Caribe. A companhia conta com direitos exclusivos de possuir, operar e conceder franquias locais de restaurantes McDonald’s em 20 países e territórios dessas regiões. Atualmente, a rede possui quase 2.300 restaurantes, entre unidades próprias e de seus subfranqueados, que juntos empregam mais de 100.000 funcionários (dados de 31/12/2019). A empresa também mantém um sólido compromisso com o desenvolvimento das comunidades nas quais está presente e com a geração de primeiro emprego formal para jovens, além de utilizar sua escala para impactar de maneira positiva o meio-ambiente. A Arcos Dorados está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO). Para saber mais sobre a Companhia por favor visite o nosso site: www.arcosdorados.com.