Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Associação Fortaleza Azul

Filme “Peixonauta” será exibido em sessão especial para crianças autistas no sábado (17)

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

09 de Fevereiro de 2018

 

Uma sessão de cinema adaptada irá unir crianças e pais numa manhã de sábado toda especial. Em mais uma edição do CineFAZ, a Associação Fortaleza Azul, em parceria com o shopping Rio Mar Fortaleza e com a rede Cinépolis, fará a exibição de “Peixonauta – O Filme”, no sábado (17), às 10 horas, em uma sessão de cinema com características específicas e voltada para as necessidades do público infantil pertencente ao espectro autista. A sessão não terá escuridão total, contará com som mais baixo, não fará a exibição de trailers antes do filme principal e, durante a projeção, as crianças podem se levantar e circular pela sala de cinema na hora que quiserem.

O objetivo do projeto CineFAZ é oferecer a oportunidade das crianças com autismo vivenciarem a maravilhosa experiência da Sétima Arte em uma sala de cinema, preparando-as para as sessões comuns. A sessão é gratuita, limitada à lotação da sala. Para participar, os pais interessados devem solicitar o ingresso pelo e-mail projetocinefaz@gmail.com e aguardar a confirmação.

Durante a ação, a FAZ (Associação Fortaleza Azul) estará recebendo doações de gibis e revistas infantis a serem doados posteriormente ao Recanto Pedagógico.

A Associação Fortaleza Azul (FAZ) existe desde 2015 e tem como objetivo reunir familiares de pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) para ações de conscientização, informação e inclusão desses indivíduos na sociedade. Atualmente, a entidade conta com cerca de 200 famílias associadas.

.

Projeto CineFAZ – Exibição “Peixonauta – O Filme”

? Quando?  Sábado, dia 17 de fevereiro às 10h

? Qual o filme? Peixonauta

?Como participar? Envie e-mail para projetocinefaz@gmail.com, com o nome da criança autista e seu acompanhante e aguarde a  confirmação  (IMPORTANTE)

? O evento é GRATUITO

? Estaremos recebendo doações de gibis e revistas de atividades infantis que serão entregues ao Recanto Psicopedagógico.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti

.

Publicidade

Associação Fortaleza Azul realiza neste sábado (9) e domingo (10) o “Bazar FAZ Bem” com peças a partir de R$ 10 e muitas orientações sobre o Autismo

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

05 de dezembro de 2017

Um momento para unir Famílias e trazer amigos para perto com o objetivo de conhecer mais sobre um assunto de grande relevância social e ainda por cima ajudar uma causa do bem. É com esse objetivo que a Associação Fortaleza Azul – FAZ, realiza neste sábado (9) e domingo (10) a primeira edição do “Bazar FAZ Bem”. A ação será no TruckVille (Av Washington Soares, 2400), sempre a partir das 17 horas e com entrada gratuita.  A Associação Fortaleza Azul existe desde 2015 e tem como objetivo reunir familiares de pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) para ações de conscientização, informação e inclusão desses indivíduos na sociedade. Atualmente, a entidade conta com cerca de 200 famílias associadas.

Durante o “Bazar FAZ Bem”, os visitantes encontrarão cerca de 1.000 peças com preços a partir de R$ 10 (dez reais). São produtos doados para o bazar novos ou em excelente estado, entre brinquedos, acessórios, artigos de vestuário e decoração, objetos e muito mais. “Tivemos uma grande adesão de pessoas que abraçam a causa autista e doaram peças para o bazar. Toda a renda será revertida para as ações que fazemos durante todo o ano, como palestras em escolas, capacitações com familiares e educadores e eventos que têm como objetivo integrar os autistas na sociedade, bem como para o nosso projeto de 2018 que é o de termos uma sede própria da Associação”, comenta Fernanda Cavalieri, presidente da FAZ.

Entre as ações já realizadas em 2017 estão projetos como o “Cinema Adaptado”, encontros de familiares de pessoas com TEA, palestras em escolas e capacitação de educadores na inclusão de autistas nas escolas regulares; além de datas comemorativas e em parceria com grandes instituições em Fortaleza.

Estacionamento gratuito e espaço kids

Além de adquirir produtos com a causa revertida ao próximo, quem for ao Bazar FAZ Bem terá um espaço com estacionamento gratuito e gastronomia com a presença de foodtrucks dos mais variados estilos, como sanduiches, churros, sorvetes, etc. Haverá ainda espaço kids com a turma do Reino de Dusty.

Bazar FAZ Bem
Data: 9 e 10 de dezembro (sábado e domingo)
Local: Truckville – Av Washington Soares, 2400 (próx. ao Shopping Reserva Open Mall)
Horário: a partir das 17h. (os dois dias)

Entrada e estacionamento GRATUITOS

Compras do bazar podem ser feitas com cartão de crédito e/ou débito.

Para se associar à FAZ:

Inscrições pelo e-mail: associacaofortalezaazul@gmail.com

Publicidade

Vereador Célio Studart recebe representantes da Associação Fortaleza Azul e debate projetos voltados para o autismo

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

04 de Fevereiro de 2017

 

O vereador Célio Studart recebeu, na manhã desta sexta-feira (3), representantes da Associação Fortaleza Azul ( FAZ). Junto com a presidente da instituição, Fernanda Cavalieri, apresentaram e debateram projetos voltados para o autismo.

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é um distúrbio do desenvolvimento que prejudica a capacidade de se comunicar e interagir e afeta cerca de 70 milhões de pessoas no mundo. Segundo a FAZ, em Fortaleza ainda não se tem uma estimativa precisa do número de pessoas autistas. O assunto já tramitou na Câmara Municipal de Fortaleza e ganhará o reforço do vereador.

Durante a reunião, Célio também apresentou alguns de seus projetos já protocolados e, que inclusive, entraram em pauta na primeira sessão ordinária deste ano, realizada na Câmara Municipal, como uma audiência pública em comemoração ao dia mundial de conscientização do autismo.

Frente Parlamentar em defesa da pessoa com transtorno do espectro autista e projetos que buscam concretizar meios para que essas crianças sejam devidamente assistidas pelo Poder Público também foram propostos pelo vereador.

“A reunião foi muito positiva. Tivemos oportunidade de dar nossas sugestões, para aperfeiçoar os projetos pensados pelo vereador. Também expomos nossas demandas em relação as escolas municipais e em relação ao serviço de saúde pública. Muito importante a criação da Frente Parlamentar”, ressaltou Fernanda.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

VEREADOR PEDRO MATOS APRESENTA PROJETO DE LEI QUE CRIA POLÍTICAS PARA AUTISTAS

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

07 de junho de 2016

DSC_1022

Procurado pela Associação Fortaleza Azul, que trabalha em favor do Autista, o vereador Pedro Matos se sensibilizou com a causa e apresenta hoje (07), seu mais novo Projeto de Lei que dispõe sobre a criação de uma política municipal de proteção dos direitos da pessoa com Transtorno do Espectro Autista.

Os autistas apontam prioridades, carências e urgências, razão pela qual levou o jovem parlamentar a engajar-se, convocando assim, os interessados na causa.

O autismo é uma rubrica da medicina psiquiátrica, caracterizada pela perda da capacidade de relacionamento conforme modos e padrões do mundo, das convenções sociais, das exigências circundantes. Os sintomas são alterações comportamentais, dificuldade de concentração, isolamento, movimentos repetitivos; com a dependência permanente de cuidados especiais da família, da escola e da saúde, em dinâmica multidisciplinar.

As causas e as origens deste fenômeno são diversas e encerram enorme desafio para os familiares, para educadores e mais ainda, para quem tem o transtorno (TEA) – são aproximadamente dois milhões de indivíduos no Brasil.

Tramita na Câmara Municipal de Fortaleza, Projeto de Lei reunindo demandas históricas de pessoas com TEA e suas famílias, por direitos junto à sociedade e ao poder público. A especificidade da Lei se dá, por necessários suportes igualmente específicos, próprios a cidadãos e cidadãs que merecem provisão do orçamento e a gerência do município, nas diferentes diligências de atendimento. Outro aspecto é realizar o Censo do Autismo, de modo a mapear melhor o tema e o problema, com indicadores atualizados.

A ideia é também promover o reconhecimento da sociedade sobre a matéria e acolher entidades especializadas e dedicadas. Além de aproximar, em favor dos autistas, diferentes setores da educação, da saúde e amplamente do Estado, por melhorias nas políticas públicas aplicáveis a situações reais; facilitando a conscientização da sociedade, a ação do município e a inserção/inclusão plena do autista.

Um bom exercício é se colocar no lugar do outro. Viver a diferença, ou a indiferença é razão o bastante, para ensejar atenção específica a pessoas diferentes e especiais – em minoria.

 

MAIS INFORMAÇÕES

Pedro Gomes de Matos, 23 anos, líder do PSDB na CMF, é advogado, presidente da juventude do PSDB e presidente do Instituto Inovar.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

VEREADOR PEDRO MATOS APRESENTA PROJETO DE LEI QUE CRIA POLÍTICAS PARA AUTISTAS

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

07 de junho de 2016

DSC_1022

Procurado pela Associação Fortaleza Azul, que trabalha em favor do Autista, o vereador Pedro Matos se sensibilizou com a causa e apresenta hoje (07), seu mais novo Projeto de Lei que dispõe sobre a criação de uma política municipal de proteção dos direitos da pessoa com Transtorno do Espectro Autista.

Os autistas apontam prioridades, carências e urgências, razão pela qual levou o jovem parlamentar a engajar-se, convocando assim, os interessados na causa.

O autismo é uma rubrica da medicina psiquiátrica, caracterizada pela perda da capacidade de relacionamento conforme modos e padrões do mundo, das convenções sociais, das exigências circundantes. Os sintomas são alterações comportamentais, dificuldade de concentração, isolamento, movimentos repetitivos; com a dependência permanente de cuidados especiais da família, da escola e da saúde, em dinâmica multidisciplinar.

As causas e as origens deste fenômeno são diversas e encerram enorme desafio para os familiares, para educadores e mais ainda, para quem tem o transtorno (TEA) – são aproximadamente dois milhões de indivíduos no Brasil.

Tramita na Câmara Municipal de Fortaleza, Projeto de Lei reunindo demandas históricas de pessoas com TEA e suas famílias, por direitos junto à sociedade e ao poder público. A especificidade da Lei se dá, por necessários suportes igualmente específicos, próprios a cidadãos e cidadãs que merecem provisão do orçamento e a gerência do município, nas diferentes diligências de atendimento. Outro aspecto é realizar o Censo do Autismo, de modo a mapear melhor o tema e o problema, com indicadores atualizados.

A ideia é também promover o reconhecimento da sociedade sobre a matéria e acolher entidades especializadas e dedicadas. Além de aproximar, em favor dos autistas, diferentes setores da educação, da saúde e amplamente do Estado, por melhorias nas políticas públicas aplicáveis a situações reais; facilitando a conscientização da sociedade, a ação do município e a inserção/inclusão plena do autista.

Um bom exercício é se colocar no lugar do outro. Viver a diferença, ou a indiferença é razão o bastante, para ensejar atenção específica a pessoas diferentes e especiais – em minoria.

 

MAIS INFORMAÇÕES

Pedro Gomes de Matos, 23 anos, líder do PSDB na CMF, é advogado, presidente da juventude do PSDB e presidente do Instituto Inovar.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti