DENÚNCIA Archives - MOUSE OU MENOS 
Publicidade

MOUSE OU MENOS

por Nonato Albuquerque

DENÚNCIA

Da mulher de César e a honestidade no serviço público

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

08 de novembro de 2017

Não existe perfeição na Terra. Por isso, não surpreende a ninguém o fato de alguém cometer um ato equivocado, como o desses quatro policiais cearenses que estão envolvidos em ações criminosas. A acusação é de que eles negociavam a soltura de traficantes. Fosse com qualquer um, já seria lamentável. Pior é quando se trata de servidores públicos, voltados para o combate ao crime.

A alma humana é corruptível. Embora seja clichê, mas funciona a afirmativa de que todo homem tem seu preço e aqueles indivíduos que não tem uma boa formação moral são capazes de vender a própria mãe para se darem bem. Não estou com isso tentando justificar o injustificável erro desses policiais. Eles, aliás, nem merecem ser tratados como tais, por desapontarem seus colegas, negarem os fundamentos do serviço público, onde como na Roma antiga, “à mulher de César não basta ser honesta, tem de parecer honesta”.

Assim como temos o lado bom e o lado ruim, a luz e a sombra; o dia e a noite, vivemos em meio a essa dualidade do bem e do mal. Num tem gente que, num instante, é capaz de tomar atitudes angélicas e noutras de vivenciar atos infernais? É a nossa fragilidade humana, que só é curada através de vivências em busca de aperfeiçoamento. Só o exercício diário do bem, é capaz de alterar o lado sombra que ainda nos domina.

leia tudo sobre

Publicidade

Tráfico dificulta obras do VLT

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

02 de Março de 2014

nvplerM

“Quanto riso, ó quanta alegria…” – mas deixa eu fugir um pouco da folia, para contar dessa outra fuzarca que é a vida cotidiana, onde acontecem coisas de a gente ficar com o queixo no chão. Como esse caso de que o tráfico estaria impedindo o governo cearense de trabalhar. Explico melhor.

Não se trata da enxurrada de ações cometidas pelos traficantes e viciados a ponto de deixar a Polícia às tontas, não. Falo da denúncia de um empresário, que faz obras rodoviárias para o governo do Estado, e que denunciou a um colega de imprensa cearense que o tráfico de drogas está impedindo a entrada de máquinas e homens do poder público em algumas áreas.

Geeeente, segundo o mesmo empresário, ao longo da obra do VLT, o tráfico impõe medo aos operários e engenheiros, que simplesmente se intimidam de entrar em áreas críticas.

Agora, se isso vem acontecendo – como acreditamos, a partir da denúncia do empresário -, por que o setor responsável já não pediu interferência da força policial para dar segurança aos que trabalham?

Ou se faz isso ou, daqui a pouco, vamos ter que pedir licença aos traficantes para deixarem o progresso passar.  

leia tudo sobre

Publicidade

670 jornalistas assassinados. E o Brasil é o segundo nesse ranking

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

28 de novembro de 2013

americalatina

Vida de jornalista não é mole. Que o diga a realidade da Latina América, onde nossos colegas sofrem até mesmo com a violência mais desalmada. Um relatório publicado durante a 1ª Jornada do Foro Internacional sobre Impunidade, revela que, pelo menos, 670 jornalistas foram assassinados nos últimos 20 anos na América Latina e no Caribe.

O pior é saber que o Brasil está nessa lista deplorável, ocupando o segundo lugar depois do México, países onde se produzem não só assassinatos mas também diversas formas de pressão sobre os comunicadores, que sequer conseguem Justiça devido aos altos índices de impunidade.

O encontro, realizado na Bolívia, discutiu as reformas adotadas nos últimos anos no Equador, Venezuela e Argentina, países acusados de reprimir a liberdade de expressão.

FONTE

leia tudo sobre

Publicidade

Idoso está preso há mais de 50 anos

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

30 de agosto de 2013

Está no site do Consultor Jurídico:

Apesar de ter recebido alvará de soltura em 1989, um homem de quase 80 anos permanece preso desde a década de 1960 no Instituto Psiquiátrico Governador Stenio Gomes, no Ceará. A situação dele foi descoberta durante o mutirão carcerário que o Conselho Nacional de Justiça promove no estado desde 7 de agosto.

O juiz Paulo Augusto Irion, um dos coordenadores do mutirão, revelou que foram descobertos cinco casos semelhantes. Entre as causas para a permanência no local, segundo ele, a mais frequente é o abandono dos parentes. Além disso, não há uma instituição hospitalar própria para tais pessoas que, sem opções, permanecem em meio a presos internados por decisão judicial.

Membro do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, Paulo Augusto Irion afirma que o prédio do IPGSG, localizado em Itaitinga, região metropolitana de Fortaleza, necessita de urgente reforma estrutural. Esse cenário, continua o juiz, também foi percebido em outras unidades visitadas pelos integrantes do mutirão carcerário do CNJ.

Entre os problemas encontrados, ele cita esgoto a céu aberto, superlotação, má qualidade da alimentação e racionamento de água. Além disso, de acordo com o juiz, os presos se queixam da lentidão na tramitação dos processos na Justiça e da falta de atendimento jurídico. O mutirão, que será concluído no começo de setembro, deve reexaminar a situação de 18,6 mil processos, garantindo o atendimento aos direitos dos presos e analisando as condições das unidades carcerárias do Ceará.

Entre 17 de setembro e 18 de outubro, o CNJU promoverá outro mutirão carcerário, agora no Amazonas. O objetivo é desafogar o sistema estadual, especialmente a a Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa, que fica no Centro de Manaus e abriga cerca de mil presos, bem acima da capacidade máxima de 300 pessoas. Com informações da Assessoria de Imprensa do CNJ.

leia tudo sobre

Publicidade

Orelhão é depredado na Aldeota

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

24 de agosto de 2013

Quem já precisou dos serviços dos antigos orelhões, sabe como eles foram (e ainda são) importantes. Com a chegada do celular e smartphones, ele foi sendo deixado num canto. Largado. Abandonado. 

Hoje, na rua Osvaldo Cruz, na Aldeota, um desses aparelhos amanheceu jogado numa calçada – por conta de algum acidente de trânsito ou simples vandalismo. 
Moradores da área me disseram ter avisado à companhia. Que não deu nenhum sinal de atenção. 

leia tudo sobre

Publicidade

Centro de Eventos cobra 15 reais por estacionamento

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

11 de agosto de 2013

O preço de estacionamento no Centro de Eventos vira preocupação da equipe organizadora do seminário que vai trazer o orador espírita Divaldo Franco à Fortaleza. O local, onde será ministrado o curso “Em busca da Saúde Integral”, na próxima sexta feira, cobra R$ 15 reais por cada veículo estacionado – o que é considerado bastante elevado, quando se sabe que o próprio evento custará esse mesmo investimento.

A presidência da FEEC – Federação Espírita Cearense considera que o pedágio a ser cobrado no acesso ao estacionamento vá onerar bastante o bolso daqueles interessados em participar do encontro que, na verdade, não ambiciona fins lucrativos.

A renda dos ingressos será para cobrir despesas de viagem, hospedagem do palestrante e parte destinada a duas instituições filantrópicas – a Mansão do Caminho, em Salvador e o Remanso Fraterno, de Niterói – que trabalham com crianças carentes. O Centro de Eventos,  por sinal, cobra valores elevados pelo aluguel de uma diária do auditório.

leia tudo sobre

Publicidade

Ninguém obedece a lei eleitoral e marcas da campanha continuam

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

15 de junho de 2013

ôinacio

Em geral, quando termina uma campanha eleitoral e ocorre o processo de eleições, os candidatos têm um prazo disponibilizado pelo Tribunal Regional Eleitoral para que efetuem a limpeza de suas propagandas. Mas nem sempre eles cumprem a lei.

Quase oito meses depois do encerramento da campanha há ruas onde as marcas do último pleito para a prefeitura continuam expostas, sem que a Justiça Eleitoral tome conhecimento e, com isso, tome as providências.

Moradores da rua País de Gales, na Vila Bethânia, zona sudeste de Fortaleza, têm reclamado que ao longo de todo o quarteirão que desemboca na avenida Godofredo Maciel, a equipe responsável pela  campanha de ‘marketing’ do senador Inácio Arruda esqueceu de cumprir com a obrigação.

Ou será que vai aproveitar para a campanha do próximo ano?

Aliás, isso parece ser comum em nossa capital. Até um tempo desses era possível se ler nas paredes de  um antigo prédio de Fortaleza uma propaganda pedindo votos para o candidato Moura Beleza.  Acontece que ele foi candidato à prefeitura, pelo Partido Comunista Brasileiro (PCB) mas no distante (e desprezível) ano de 1964.

leia tudo sobre

Publicidade

‘Câmera 12’ flagra policial cobrando pedágio no Ceará

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

07 de Março de 2013

A vida dura dos caminhoneiros e as histórias incríveis de suas idas e vindas pelas estradas do Brasil são o foco de hoje à noite, às 20h45min, do ‘Câmera 12’, da TV Jangadeiro.

Os 12 universitários responsáveis pelo programa conviveram com experiências bastante comuns entre eles. O risco que correm circulando por estradas inseguras; o relato de assaltos ao longo do trajeto; os acidentes e, principalmente, a denúncia de que são explorados na cobrança de propina pelos fiscais rodoviários.

O ‘Câmera 12’ flagrou um guarda da Polícia Rodoviária Estadual cobrando pedágio de 5 reais para fazer vista grossa à fiscalização.

O programa de hoje retoma a segunda temporada da prática de telejornalismo dos estagiários que compõem a equipe do Câmera 12.

leia tudo sobre

Publicidade

POLÍCIA. Somem 600 equipamentos de som da Secretaria de Segurança

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

09 de Fevereiro de 2013

policiacaçapolicia1Esta semana, a TV Câmara de Fortaleza transmitiu discurso do vereador capitão Wagner, no qual ele fez críticas ao governo do Estado pela forma autoritária com que estaria tratando a questão dos policiais militares cearenses. Ao mesmo tempo, o político fez uma grave denúncia, relacionada ao sumiço de 600 equipamentos de som de viaturas da Polícia de dentro do prédio da Secretaria de Segurança.
 
“É preciso investigar o desaparecimento de 600 equipamentos de som das viaturas do Ronda que foram desviados do prédio da secretaria”, enfatizou o capitão Wagner, sendo aparteado por vários colegas vereadores demonstrando preocupação em relação a esse fato. 
E o que diz a secretaria?

leia tudo sobre

Publicidade

POLÍCIA. Somem 600 equipamentos de som da Secretaria de Segurança

Por Nonato Albuquerque em DENÚNCIA

09 de Fevereiro de 2013

policiacaçapolicia1Esta semana, a TV Câmara de Fortaleza transmitiu discurso do vereador capitão Wagner, no qual ele fez críticas ao governo do Estado pela forma autoritária com que estaria tratando a questão dos policiais militares cearenses. Ao mesmo tempo, o político fez uma grave denúncia, relacionada ao sumiço de 600 equipamentos de som de viaturas da Polícia de dentro do prédio da Secretaria de Segurança.
 
“É preciso investigar o desaparecimento de 600 equipamentos de som das viaturas do Ronda que foram desviados do prédio da secretaria”, enfatizou o capitão Wagner, sendo aparteado por vários colegas vereadores demonstrando preocupação em relação a esse fato. 
E o que diz a secretaria?