Publicidade

MAR Jangadeiro

por Orlando Nunes

candidato

Distorções de leitura

Por Orlando Nunes em Dica

27 de novembro de 2014

Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.
Tabacaria – Fernando Pessoa

O último verso da estrofe guia o leitor a releituras dos versos anteriores.

***

Numa avaliação de entrevistas de emprego, o contratante analisa relatório sobre pretendente a uma vaga na empresa. Um candidato, quatro entrevistadores, quatro pontos de vista.

E1 – o candidato deve ser dispensado por faltar-lhe ambição profissional
E2 – o candidato não está preparado para assumir um cargo de liderança
E3 – o candidato deve ser dispensado por sua baixíssima autoestima
E4 – o candidato sonha alto, revela grande lucidez e pé no chão; seja contratado.

O contratante, intrigado com o ponto de vista surpreendente do Entrevistador 4, admite o candidato para um período de experiência, e, não demora muito, efetiva-o funcionário.

Moral da história: são muito comuns juízos equivocados com base em distorções de leitura.

Publicidade

Distorções de leitura

Por Orlando Nunes em Dica

27 de novembro de 2014

Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.
Tabacaria – Fernando Pessoa

O último verso da estrofe guia o leitor a releituras dos versos anteriores.

***

Numa avaliação de entrevistas de emprego, o contratante analisa relatório sobre pretendente a uma vaga na empresa. Um candidato, quatro entrevistadores, quatro pontos de vista.

E1 – o candidato deve ser dispensado por faltar-lhe ambição profissional
E2 – o candidato não está preparado para assumir um cargo de liderança
E3 – o candidato deve ser dispensado por sua baixíssima autoestima
E4 – o candidato sonha alto, revela grande lucidez e pé no chão; seja contratado.

O contratante, intrigado com o ponto de vista surpreendente do Entrevistador 4, admite o candidato para um período de experiência, e, não demora muito, efetiva-o funcionário.

Moral da história: são muito comuns juízos equivocados com base em distorções de leitura.