Publicidade

Rede Social CE

por Raquel Souza

social

IPREDE promove ação em parceria com o Festival Concreto

Por raquelsouza em Social

06 de novembro de 2019

O IPREDE participa de mais uma ação de bem estar e acolhimento para as crianças. O Instituto será o local de uma das ações da 6ª edição do Festival Concreto de Arte Urbana nesta quarta-feira (6) a partir das 14h. 

A ação será desenvolvida pelo artista Rafael Limaverde e contará com uma oficina de desenho para crianças, e uma live painting. Quem também participa é o artista conhecido como Risco (Miguel Duarte, de SP), que tem apenas 9 anos de idade e fez seu primeiro grafite aos 3 anos.

O resultado da oficina realizada com as crianças do IPREDE se transformará em um mural na própria instituição, feito pelos artistas.

A realização de ações como a do Festival Concreto fortalece o IPREDE como espaço de bem estar, acolhimento, fruição artística e possibilidades de expressão para crianças em situação de vulnerabilidade social.

Publicidade

Cearense participa do Pan Americano de Karate no Equador

Por raquelsouza em Sem categoria

28 de agosto de 2019

O atleta Jonathan Benvindo, patrocinado pelo Instituto Aço Cearense, embarcou para o Equador na última terça-feira (27), onde vai disputar o Campeonato Pan Americano de Karate Sub 21. A luta de Jonathan será no dia 31 de agosto. Jonathan Benvindo tem apenas 17 anos e já coleciona mais de 200 medalhas em competições mundo afora. Ganhar o Pan Americano é um sonho que ele pretende tornar real. “É a realização de todo atleta vencer competições internacionais. Quero trazer essa medalha para o Brasil e para o Ceará”, disse o atleta que também luta por uma vaga no mundial em novembro de 2019, no Chile.

Sobre o Instituto Aço Cearense

O Instituto Aço Cearense é o responsável por todas as ações do Grupo Aço Cearense de cunho social, educacional, esportivo e de empreendedorismo, contribuindo para o desenvolvimento do Ceará e também do Pará e do Tocantins, onde estão localizadas a SINOBRAS e a SINOBRAS FLORESTAL, empresas do Grupo. Com mais de R$ 11 milhões investidos, 143 instituições já foram atendidas, totalizando mais de 80 mil pessoas beneficiadas.

Publicidade

Mais de 11 mil produtos são doados pela Corrente do Bem Hapvida

Por raquelsouza em Social

18 de Janeiro de 2019

Realizada em dezembro, a campanha Corrente do Bem Hapvida, promovida junto aos colaboradores e profissionais de saúde da empresa, arrecadou 11.300 itens alimentícios entre arroz, feijão, açúcar, sal, café, fubá, farinha, óleo, sardinha, macarrão e extrato de tomate. A campanha foi realizada nos nove estados da região Nordeste, bem como no Amazonas e no Pará. As doações vão beneficiar os cidadãos das regiões interioranas do Brasil. A Corrente do Bem acontece desde 2016, sempre no último mês do ano, com o objetivo de estimular nos colaboradores da empresa o desejo de fazer o bem.

Publicidade

I´Music terá copos exclusivos com venda revertida para instituições sociais

Por raquelsouza em Social

17 de Janeiro de 2019

O I´Music será mais que um momento de diversão. O festival de música do Shopping Iguatemi Fortaleza, que começa nesta sexta-feira (18), também será uma oportunidade de contribuir para causas sociais. Isso porque durante os três dias de evento (18, 19 e 20 de janeiro) serão vendidos copos exclusivos de 550 ml por R$ 10. O valor arrecadado com as vendas será revertido para a Comunidade Católica Shalom e a Fundação Projeto Diferente. Além de ajudar estas instituições, o cliente terá uma bela lembrança do evento.

A associação católica é formada por pessoas engajadas em uma vida comunitária e missionária com a finalidade de divulgar o Evangelho. Já a fundação realiza atendimento de pessoas com autismo e outros transtornos invasivos do desenvolvimento através de uma abordagem psicoeducacional e terapêutica na perspectiva do desenvolvimento de suas potencialidades, melhoria de sua qualidade de vida e da sua inclusão social.

Depois do grande sucesso da primeira edição, o I´Music promete agitar Fortaleza em três noites de shows inesquecíveis, reunindo dez cantores e bandas nacionais, além de DJs, espaços com roda gigante e experiências sensoriais. Para curtir o evento basta adquirir o ingresso em um dos dois quiosques do festival, localizados próximos à Zara Home e à Casa dos Relojoeiros. O ingresso para cada dia do I´Music custa R$ 200 (inteira) e R$ 100 (meia). Para esta segunda edição, o Iguatemi Fortaleza oferece aos seus clientes uma oportunidade diferenciada de unir as compras de final de ano com a possibilidade de assistir aos grandes shows. A cada R$ 150 em compras no Iguatemi o cliente poderá comprar até dois ingressos a R$ 50,00 cada.

Publicidade

Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco oferta 520 vagas em cursos livres gratuitos, a partir desta segunda-feira (15)

Por raquelsouza em Gastronomia

12 de outubro de 2018

Inscrições para mais de 15 cursos nas áreas de confeitaria, panificação, cozinha, segurança alimentar e hospitalidade seguem abertas a 19 de outubro, na sede da Escola.

Com vistas à qualificação e geração de oportunidades na área gastronômica, a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco abre, nesta segunda-feira (15), inscrições para 19 cursos livres em Gastronomia, nas áreas de confeitaria, panificação, cozinha, segurança alimentar e hospitalidade. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas na sede da Escola, situada à Rua Manoel Dias Branco, 80, no bairro Mucuripe, por ordem de chegada. As vagas são limitadas.

Os cursos, que são de curta duração, serão ministrados nos meses de outubro e novembro. De acordo com DamariBarros, coordenadora pedagógica da Escola de Gastronomia Social, os cursos oportunizam qualificação e crescimento profissional para quem busca empreender na gastronomia, área ampla e em franca expansão.

CURSOS E EMENTAS

COZINHA

Desmistificando a Cozinha Vegetariana (20h)

A culinária vegetariana vem crescendo e provando que uma alimentação baseada em grãos, sementes, vegetais, cereais e frutas, podendo incluir lacticínios, mel e ovos, é capaz de suprir todas as necessidades nutricionais do organismo com muita cor e sabor, com o uso de ingredientes regionais, visando à valorização da nossa cultura alimentar.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 22.10 a 26.10.2018
Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas30 vagas

Preparação de Marmitas Saudáveis (20h)

Descubra os segredos de uma marmita saudável, desde a embalagem, as técnicas de armazenamento, congelamento e transporte.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo, para empreendedores e/ou interessados em gastronomia

Período: 26.10 a 01.11.2018 
Horário: 
18h às 21h30

Número de Vagas30 vagas

Cozinha Regional: conhecendo Serra, Mar e Sertão (20h)

Com o uso ingredientes regionais, o participante aprenderá técnicas de preparação na elaboração de pratos para culinária cearense.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 05.11 a 09.11.2018
Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas30 vagas

Saladas e Molhos (12h)

O participante irá adquirir conhecimentos e habilidades na preparação de saladas e molhos, aplicando técnicas adequadas a cada elaboração, além dos princípios básicos da cozinha, como higiene na manipulação de alimentos, padronização de pesos e medidas e melhor aproveitamento dos ingredientes.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 12.11 a 14.11.2018
Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas30 vagas

Boteco: Petiscos e Entradas (20h)

Aprenda novas técnicas de elaboração e preparo na execução de pratos, petiscos e entradas que caracterizam as comidas de boteco, com o uso de técnicas adequadas ao processo de manipulação de alimentos e empratamento, com a utilização de insumos que valorizam agastronomia regional.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 19.11 a 23.11.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas30 vagas

PANIFICAÇÃO

Preparação de Salgados (20h)

Aprenda novas técnicas de elaboração e preparação de salgados, com a utlização de massas pré-cozidas, fermentadas, assadas e folhadas, bem como a preparação de recheios e modelagens variadas, com a utilização de ingredientes que valorizam a nossa cultura alimentar, como a carne de cajú, jerimum, macaxeira, entre outros.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 22.10 a 26.10.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

Elaboração de Pizzas Artesanais (20h)

Aprenda novas técnicas na elaboração e preparação de pizzas, molhos e recheios. Valorizando técnicas de fermentação artesanais, bem como a utilização de ingredientes que valorizam a nossa gastronomia regional.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 29.10 a 05.11.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

Elaboração de Pães Artesanais (20h)

Aprenda novas técnicas na elaboração e preparação de pães, recheios e modelagens. Valorizando técnicas de fermentação artesanais, bem como a utilização de ingredientes que valorizam a nossa gastronomia regional.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 05.11 a 09.11.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

Produção e Preparo de Sanduíches e Hambúrgueres (20h)

O participante ira adquirir conhecimentos e habilidades na preparação de hambúrgueres, aplicando técnicas adequadas na manipulação de carne, embutidos e molhos, bem como na fabricação de pães artesanais para a montagem de sanduíches, além dos princípios básicos da cozinha como higiene na manipulação de alimentos, padronização de pesos e medidas e o melhor aproveitamento dos ingredientes.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 12.11 a 20.11.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

Preparação de Salgados (20h)

Aprenda novas técnicas de elaboração e preparação de salgados, com a utilização de massas pré-cozidas, fermentadas, assadas e folhadas, bem como a preparação de recheios e modelagens variadas, com a utilização de ingredientes que valorizam a nossa cultura alimentar, como a carne de cajú, macaxeira, o jerimum, entre outros.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 12.11 a 20.11.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

CONFEITARIA

Bolos e Tortas Decorados (40h)

Aprenda a preparar massas básicas da confeitaria, bem como recheios e coberturas para montagem e elaboração de tortas, além de técnicas de decoração e os princípios básicos de higiene e manipulação de alimentos, elaboração de fichas técnicas de custo e precificação e o melhor aproveitamento dos ingredientes.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 22.10 a 05.11.2018
Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

Cake Design: Pasta Americana e Pastilhagem (40h)

Preparação da pasta americana, bem como sua aplicação na execução de um bolo, técnicas de trabalho em pastilhagem.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo, ter cursos na área da confeitaria.

Período: 05.11 a 16.11.2018
Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

Técnicas na Chocolateria: Bombons e Trufas (20h)

Aprenda a trabalhar com as técnicas de chocolateria, como a temperagem, modelagem, recheios, utilizando ingredientes da culinária regional para a fabricação de bombons e trufas, valorizando a nossa cultura alimentar.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental incompleto

Período: 19.11 a 23.11.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas20 vagas

HOSPITALIDADE

Planejamento e Montagem de Cardápios (20h)

Aprenda as técnicas de montagem e elaboração de cardápios, desde o layout até as fichas técnicas de preparação e custo, otimizando o uso de ingredientes e sua lucratividade.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo

Período: 24.10 a 30.10.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas35 vagas

Planejamento de Alimentos e Bebidas para Eventos (20h)

Aprenda as técnicas de planejamento e organização de cardápios para diferentes eventos.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo e profissionais da área.

Período: 05.11 a 09.11.2018
Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas35 vagas

Fichas Técnicas: Preparação e Precificação (20h)

Aprenda como elaborar e preencher corretamente os modelos de ficha técnica de preparação e precificação. A padronização das receitas, a organização das preparações, o controle de custos e a definição do preço de venda são essenciais para o sucesso do seu empreendimento.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo e profissionais que atuam ou desejam atuar no comércio e serviços de alimentação

Período: 29.10 a 05.11.2018
Horário: 8h10 às 11h30

Número de Vagas35 vagas

Maitre: Supervisão de Salão (20h)

Aprenda técnicas de organização, planejamento e liderança para a gestão de pessoas e serviços relacionados ao funcionamento do salão de um restaurante, garantindo a eficiência no atendimento e a satisfação do cliente.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental incompleto

Período: 19.11 a 23.11.2018

Horário: 18h às 21h30

Número de Vagas35 vagas

SEGURANÇA DO ALIMENTO

Boas Práticas na Manipulação dos Alimentos (20h)

Possibilita ao participante os conhecimentos sobre Programa de Boas Práticas na Manipulação de Alimentos e os Procedimentos Operacionais Padronizados (POPs) de acordo com a legislação sanitária vigente, utilizando técnicas de higiene pessoal, de equipamentos móveis e utensílios, controle integrado de pragas, qualidade da água e critérios de segurança no preparo de alimentos, desde o recebimento de matérias primas até a sua distribuição para consumo.

Pré-requisitos: 16 anos, Ensino Fundamental completo e profissionais da área que atuam ou que pretendem atuar em qualquer estabelecimento do segmento de alimentação, tais como: cozinheiros, auxiliares de cozinha, copeiras; proprietários e gerentes de empresas de alimentos; técnicos de nutrição e de alimentos; entre outros.

Período: 05.11 a 09.11.2018
Horário: 8h10 as 11h30

Número de Vagas35 vagas

Elaboração de Manual de Boas Práticas (20h)

As boas práticas são requisitos exigidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e devem ser adotadas por serviços de alimentação e comercialização, sendo descritas em um manual. Tal documento deve orientar os procedimentos adotados pela empresa, norteando a produção e a comercialização de alimentos seguros à saúde do consumidor. Aprenda a elaborar o Manual de Boas Práticas, a fim de garantir a padronização do processo produtivo do estabelecimento e as condições higiênico-sanitárias adequadas aos alimentos, para cumprir o atendimento da regulamentação exigida pela Anvisa.

Pré-requisitos: Profissionais que atuam ou desejam atuar no comércio e serviços de alimentação, visando à adequação dos estabelecimentos a regulamentação exigida pela Anvisa

Período: 19.11 a 23.11.2018

Horário: 18às 21h30

 

 

Sobre a Escola

Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco leva o nome do fundador do grupo M. Dias Branco por ter sido, ele, o financiador da sede e da infraestrutura da escola, recém-inaugurada e doadas para o Estado. A Escola é um dos equipamentos geridos pelo Instituto Dragão do Mar, sendo ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, e tem como finalidade oferecer cursos básicos, técnicos e avançados em panificação e confeitaria, além de tutorias para desenvolvimento de produtos e projetos, através dos Laboratórios de Criação. O público-alvo da escola são jovens e adultos com ou sem experiência em gastronomia.

Publicidade

Escola Ivens Dias Branco promove ciclo formativo em gastronomia social

Por raquelsouza em Gastronomia

08 de outubro de 2018

Neiva_Terceiro2
Vani Pedrosa
JoannaMartins_DIV1

De 9 a 12 de outubro, Escola de Gastronomia Social realiza aula show e três masterclasses gratuitas com renomadas chefs e pesquisadoras da área. Programação é aberta ao público

Após aula inaugural com João Diamante, premiado chef e criador do projeto de gastronomia social Diamantes na Cozinha, e início dos três primeiros cursos profissionalizante nas áreas de panificação, confeitaria e cozinha fundamental, a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco inicia, de 9 a 12 de outubro, um ciclo formativo em gastronomia social, com aula show e masterclasses gratuitas abertas ao público, sempre à 19h. Com vagas limitadas, as inscrições serão presenciais, sendo abertas 1 hora antes das atividades, por ordem de chegada.

Metade das vagas será destinada a alunos da Escola e a outra metade será destinada ao público em geral. Quem abre a programação, com a aula show “Panetone Arretado”, na próxima terça-feira (9), na cozinha da Escola, é a chef de cozinha e patissière Neiva Terceiro. Proprietária da panificadora artesanal que leva seu nome, ela demonstrará aos participantes a arte de fazer um panetone com a cara do Ceará.

Na quarta-feira (10)a idealizadora e coordenadora do Projeto Primórdios da Cozinha Mineira do SENAC em Minas, Vani Pedrosa, ministra a masterclass “Inovação na gastronomia: o chef pesquisador”, ocasião em que apresentará as principais linhas de pesquisa da profissão e sua aplicabilidade no mercado.

Joanna Martins, diretora executiva do Instituto Paulo Martins – IPM –, entidade que promove o estudo e a divulgação da gastronomia paraense e amazônica brasileira, será a ministrante da masterclass “Amazônia e Ceará: o papel da gastronomia na construção de identidades”, nesta quinta-feira (11).

Para encerrar esse primeiro ciclo de formações, na sexta-feira (12), Gabriela Franzoi, discorre sobre importantes competências a serem desenvolvidas na carreira de cozinha profissional, na masterclass “Ser cozinheiro profissional: postura e estilo de vida”. Gabriela é coordenadora do Lab.Maní, programa de treinamento do Grupo Maní que oferta cursos livres de cozinha.

Edital à vista

Junto a outras experts, como a chef de cozinha e patissière Sanae Mattos (SP) e a diretora de conteúdo Cláudia Muniz (SP), ambasdo Instituto Capim Santo, as convidadas participam também de reuniões internas na escola, na medida em que integram grupo de consultoras para elaboração de edital para os laboratórios de criação em confeitaria e panificação, que será lançado no dia 15 de outubro, no site do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (www.dragaodomar.org.br). coordenadora de formação da Escola de Gastronomia Social Lina Luz destaca que esse trabalho de consultoria inclui ainda a participação remota da chef Morena Leite, uma das mais respeitadas chefs do Brasil, reconhecida por misturar técnicas francesas com ingredientes típicos do Brasil e uma das sócias do grupo Capim Santo. De acordo com Lina, os laboratórios estão sendo formulados com o objetivo de promover o aperfeiçoamento dos trabalhos em gastronomia que já existem no Ceará, com vistas à valorização da gastronomia local e ao uso de insumos da região.

Flávia Castelo, diretora de gastronomia, esporte e conhecimento do Instituto Dragão do Mar, diz que os laboratórios de criação são como faróis: “Eles iluminam o caminho da gastronomia cearense. Voltados para o passado e para o futuro, reinventam, recriam, o que faz do Ceará o Ceará em termos de cultura alimentar. Os laboratórios criativos de confeitaria e panificação combinam hábitos e descobertas socioculturais no desenvolvimento de processos e produtos da e para a nossa gastronomia. São, portanto, uma experiência inédita lançada pela Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, que mistura arte, ofício, inovação e tecnologia, no convite para a inserção cultural através da comida.


Sobre as 
consultoras convidadas

Neiva Terceiro (SP)

Chef de Cozinha e Patissière com 25 anos de experiência, é sócio-proprietária da Neiva Terceiro Padaria Artesanal, ranqueada entre as 100 Melhores Padarias do Brasil. Eleita Padeira do Ano 2018, atua como consultora na área e é conselheira fiscal da Associação Cearense de Chefes de Cozinha do Estado do Ceará. Autora do Livro Voltamos Porque tem Pão. Foi Capa da Revista Prazeres da Mesa, em 2011, e ganhou o título de Melhor Padaria da Cidade pela mesma publicação, em 2012.

Vani Pedrosa (MG)

Acumulando uma experiência de 24 anos de atuação na gastronomia para eventos, idealizou e atualmente coordena o Projeto Primórdios da Cozinha Mineira do SENAC, em Minas Gerais. Constitui a Frente de Gastronomia Mineira e gere o Plano de Desenvolvimento com Base na Gastronomia, para Região Entre serras da Piedade ao Caraça.

Joanna Martins (PA)

Nasceu e cresceu dentro do restaurante de sua família, o Lá em Casa, em Belém (PA), que foi precursor no movimento a valorização da gastronomia regional amazônica, na região e no país. Em 2012, liderou a criação do Instituto Paulo Martins, onde é diretora-executiva. A Instituição dá continuidade ao trabalho desenvolvido pela família Martins, e tem atuação direta no desenvolvimento da gastronomia amazônica através do incentivo à pesquisa, educação e divulgação. Desde 2009, é pesquisadora gastronômica e a partir da criação do Instituto, atua em seus projetos culturais gastronômicos, tais como curadoria e coordenação geral do Festival Ver-o- Peso da Cozinha Paraense (maior festival gastronômico da Amazônia, que em 2018 terá a sua 15ª edição), criação e coordenação da I Conferência Livre de Gastronomia da Amazônia, do Projeto Editorial Culinária Papa-Chibé, do Projeto Educacional Broca Pai D’égua e do Cuia. Em 2014, criou e está a frente da empresa Manioca (maniocabrasil.com), pequena indústria de produtos gourmets com ingredientes Amazônicos. 

Gabriela Franzoi (SP)

Formada em gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi, apaixonada por cozinha italiana, foi proprietária de um café italiano em São Paulo, ministrou cursos livres no Senac, trabalhou durante 4 anos em diferentes praças do restaurante Maní, conceituado restaurante contemporâneo que conta com a chefia da premiada Helena Rizzo. Implantou e hoje coordena o projeto Lab. Maní.


Claudia Muniz (SP)

Pedagoga, pós-graduada em Psicopedagogia pelo Mackenzie e MBA em Gestão e Liderança pela FGV. Assessora Pedagógica e Coordenadora Geral em Instituições Privadas de Ensino. Formadora de professores, diretores e coordenadores na Rede Municipal de Barueri, São Caetano do Sul e Caraguatatuba. Membro do Corpo de Profissionais do Instituto Capim Santo – Escola de Gastronomia, uma iniciativa da Chef Morena Leite que visa a capacitação profissional de jovens e adultos.

Sanae Mattos (SP)

Chef de Cozinha e Patissière formada pela instituição Senac em 2007, fez especializações em escolas conceituadas como a Ecole de Cusine Lenotre na França-Paris e com grandes profissionais da Gastronomia.Há dez anos faz parte do grupo Capim Santo, e ao lado da Chef Morena Leite, ajuda na criação e elaboração de novos pratos, desenvolvendo pesquisas de ingredientes para o resgate da cultura de um povo através da gastronomia.Hoje, recém chegada de uma incrível experiência em Bali\Indonesia, esta focada em uma alimentação saudável e funcional, com produtos homemade que despertam o interesse das pessoas que valorizam o confort food livre de preconceitos com a nova tendência da gastronomia, dá aulas, consultorias e faz eventos. Procura usar ingredientes brasileiros de fácil acesso e transforma-los em refeições nutritivas para o dia a dia.


Sobre a Escola
Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco leva o nome do fundador do grupo M. Dias Branco por ter sido, ele, o financiador da sede e da infraestrutura da escola, inaugurada e doadas para o Estado, em 29 de junho de 2018.  A Escola é um dos equipamentos geridos pelo Instituto Dragão do Mar, sendo ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, e tem como finalidade oferecer cursos básicos, técnicos e avançados em panificação e confeitaria, além de tutorias para desenvolvimento de produtos e projetos, através dos Laboratórios de Criação. O público-alvo da escola são jovens e adultos com ou sem experiência em gastronomia.

Serviço: Ciclo de Formação em Gastronomia

Data: 09 a 12 de outubro de 2018

Hora: 19h

Local: Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco (Rua Manoel Dias

Branco, 20 – Mucuripe, Fortaleza/CE)

Inscrição presencial gratuita, por ordem de chegada

Vagas limitadas

Mais informações: (85) 3263-4596

Publicidade

Prefeitura e Hapvida comemoram dois anos de atividades dos carros compartilhados

Por raquelsouza em Sustentabilidade

20 de setembro de 2018

Em dois anos, o VAMO já realizou 3.753 viagens no sistema de carros compartilhados

A Prefeitura de Fortaleza e o Hapvida Saúde comemoram o aniversário de dois anos de atividades dos carros compartilhados, o VAMO, com evento nesta sexta-feira, 21 de setembro, às 9h, na Praça Antônio Prudente, adotada pelo patrocinador do VAMO. Na ocasião, serão anunciados os números positivos do sistema ao longo do período.

A programação do evento contará com ação de cadastro, para os convidados, que poderá ser realizada por meio do novo aplicativo do VAMO, além de test-drive nos veículos. Entre os convidados do evento estão dois usuários que mais utilizaram o sistema nesses dois anos, Luiz Carlos Duarte e Priscilla Oliveira, que serão premiados com um passe para uso gratuito de uma hora por dia, durante um mês.

Luiz Carlos utiliza o VAMO há quase dois anos e, segundo ele, começou a usar por ter uma estação próxima à sua casa, pela comodidade e pelo conforto dos carros. Dentre as vantagens do VAMO apontadas por ele estão ainda os benefícios para o meio ambiente e o preço atrativo. “É sempre bom utilizar ferramentas que combatam a poluição do ar e os preços são bem em conta se comparado a outras formas de locomoção na cidade”, conta. Ao todo ele já realizou 97 viagens.

Para Simone Varella, diretora de Comunicação e Marketing do Hapvida, nesses dois anos do VAMO, a população se mostrou cada vez mais preocupada com o compartilhamento e com meio ambiente, pois entende que a saúde do planeta interfere no bem-estar das pessoas. “Recentemente, um estudo da Universidade de Washington, dos EUA, apontou que muitas doenças, incluindo a diabetes, estão relacionadas com a poluição do ar, sendo que os gases poluentes emitidos pelos carros também são responsáveis por isso. Queremos que todos, mesmo na correria do dia a dia, se tornem mais saudáveis, com um ambiente que promova saúde, porque indivíduo é fruto do ambiente”.

Todos os usuários já cadastrados no VAMO terão passe livre de uma hora que deve ser utilizado na sexta. A programação será fechada com um café da manhã para os convidados.

Sobre o VAMO

O Vamo nasceu em setembro de 2016 com o objetivo de ofertar à população de Fortaleza mais uma opção de mobilidade urbana sustentável. Desenvolvido pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito (PAITT), em parceria com o Hapvida Saúde e a Serttel, o Vamo é um projeto pioneiro no Brasil e na América Latina, sendo o primeiro sistema de carros compartilhados 100% elétricos. Estão disponíveis 20 carros, sendo cinco do modelo “BYD e6” e quinze do modelo compacto “Zhidou EEC L7e-80”, distribuídos em 12 estações na cidade, além de seis “vagas VAMO”, locais em que o usuário pode fazer a devolução do veículo sem, contudo, conectar o carro em uma estação de carregamento.

Balanço de utilização dos dois anos

Segundo relatórios divulgados pela Serttel, ao longo dos dois anos de operação, o Vamo realizou 3.823 cadastros, 1.367 test-drives e 3.753 viagens. Entre os que mais utilizam o sistema estão usuários com idade entre 21 e 40 anos, totalizando 2.658 pessoas. Os dados mostram ainda que os fortalezenses utilizam os veículos para viagens rápidas. Viagens de até 30 minutos somaram 964 utilizações e de 30 minutos a 1 hora somaram 907.

Entre as origens e destinos mais comuns das viagens realizadas estão as estações do Shopping Iguatemi, do North Shopping e da Igreja de Nazaré. Em 65% dos casos, os veículos são devolvidos em estações diferentes das estações de origem. O modelo de carro mais alugado é o “BYD”, que comporta cinco passageiros (68%), contra o modelo compacto, “Zhidou” (32%).

Vantagens do VAMO

Dentre as inúmeras vantagens que o VAMO oferece para os usuários estão benefícios para o meio ambiente, para a mobilidade urbana, além de economia e facilidade de estacionamento. No quesito economia, o sistema tem se mostrado hoje uma opção financeiramente vantajosa para os fortalezenses. Em 2017, o VAMO reduziu a tarifa em 68%, ficando ainda mais competitivo com relação a outros modais, inclusive do transporte individual de passageiros por meio de aplicativos.

Para os usuários que possuem Bilhete Único a tarifa, nos primeiros 30 minutos de utilização, custa R$ 15,00. Para os demais usuários, o valor, para o mesmo período, é de R$ 20,00. Esse valor é indivisível, ou seja, do primeiro minuto ao trigésimo minuto, o valor cobrado é fixo. Cada faixa de tempo tem sua respectiva taxa de valor indivisível. Somente a partir de 3 horas de uso, é que será cobrado R$ 0,30 por minuto adicional; e a partir de 5 horas, será cobrado R$ 0,50 por minuto adicional. Já o passe mensal custa R$ 15,00 para os cadastrados com Bilhete Único e R$ 20,00 para os demais. O valor da taxa mensal é revertido, integralmente, em crédito (de R$ 20 ou R$15) para os usuários, sendo ou não cadastrado com o Bilhete Único.

Outra grande vantagem do VAMO diz respeito ao estacionamento, grande problema das grandes capitais brasileiras. Os usuários do sistema tem o benefícios de poder estacionar nas vagas de Zona Azul gratuitamente, assim como no shopping RioMar Fortaleza.

Em relação à mobilidade, uma vantagem do VAMO é a possibilidade de compartilhamento dos veículos, permitindo que cada veículo leve mais de um passageiro, reduzindo assim o número de veículos circulando na cidade.  Através da função “carona”, é possível dividir os custos com um colega de trabalho ou amigo, o que possibilita ainda uma economia para os usuários do sistema.

Finalmente, o sistema de carros compartilhados é 100% elétrico, utilizando, portanto, uma tecnologia limpa que não emite gases poluentes, além não produzir poluição sonora. Esse benefício é de sumária importância nos dias atuais, uma vez que, segundo estudo realizado pelo ICLEI (Local Governments for Sustainability), em parceria com o ONU Habitat e a Prefeitura de Fortaleza, 61% da poluição no ar em nossa cidade (2.338.261 toneladas de CO² emitidas) são provenientes da emissão de veículos que utilizam combustíveis fósseis, principalmente gasolina (1.017.370 toneladas de CO² emitidas) e diesel (786.696 toneladas de CO² emitidas) – gases extremamente nocivos à saúde e ao meio ambiente. Nesses dois anos de operação, estima-se que deixaram de ser emitidas na atmosfera mais de 500 toneladas de CO².

SERVIÇO

Aniversário de dois anos do VAMO

Data: sexta-feira (21/09)

Horário: 9h

Local: Praça Antônio Prudente – Av. Abolição, próximo ao Habibs.

Publicidade

Oportunidade: Sindvans seleciona motoristas para Transporte Complementar de Passageiros de Fortaleza

Por raquelsouza em Social

21 de agosto de 2018

Um ótima oportunidade para quem está em busca de emprego! O Sindicato dos Permissionários de Veículos de Transporte de Passageiros Alternativo de Fortaleza comunica que estão abertas vagas para motoristas. O requisito é que tenha experiência em transporte de passageiros e categoria D. Para concorrer às vagas, o currículo deve ser entregue, até o fim do mês de setembro, no final das linhas do Transporte Complementar ou enviado para o e-mail: sindvans.sindvans@gmail.com. Informações ou dúvidas pelo telefone: (85) 32531384 – Ramal 48.

Publicidade

C&A lança Fashion Futures para debater o futuro da moda 

Por raquelsouza em Sustentabilidade

21 de agosto de 2018

O projeto faz parte das ações da campanha #VistaAMudança e mostra compromissos da C&A para uma moda com impacto positivo

A C&A, marca global que busca oferecer produtos e experiências para conectar pessoas por meio da moda, lança sua mais nova ação em prol da sustentabilidade: o C&A Fashion Futures. Com a produção de documentários, a realização de encontros e debates, a C&A convida o público – sobretudo o jovem, cada vez mais engajado e consciente sobre os impactos de suas ações no mundo – a refletir sobre o futuro da moda, e de que forma ela pode ser mais sustentável e consciente.

Como parte desse compromisso para uma moda mais sustentável, a C&A lançou, em 2018, a campanha global #VistaAMudança (#WearTheChange), que convida os clientes a participarem dessa jornada de construção de uma moda com impacto positivo. E, para reforçar os compromissos da marca e abrir o debate ao público jovem, a C&A Brasil faz agora o lançamento do projeto Fashion Futures: um novo momento para repensar, debater e enxergar a moda de forma mais consciente. Olhar para dentro, para os lados e para frente. Esta é a intenção dos quatro ciclos que compõem o projeto C&A Fashion Futures.

O primeiro deles aconteceu no sábado, 18.08, na Praça das Artes (SP) – com o tema “Como ser mais transparente?” e questionou como a transparência influencia na relação entre as pessoas, a sociedade, e o planeta. Os convidados desta edição foram Paulo Correa, CEO da C&A Brasil; Ronaldo Lemos, advogado, professor e um dos criadores do Marco Civil da Internet; Marina Colerato, criadora da Modefica, primeira plataforma de moda e comportamento transdisciplinar com foco em sustentabilidade; Luiza Brasil, jornalista de moda e criadora da plataforma Mequetrefismos. Além deles, um time de jovens criativos formado por Lidia ZuinPaola Penna e Larissa Odrië (Ulevus) e Jaci Araújoembarcaram na conversa, que foi mediada por Giovanna Nader. Para fechar o dia, as gêmeas Tasha e Tracie cuidaram do som e Xenia França fez pocket show especial para os convidados.

A cada ciclo, será lançado um episódio da série documental C&A Fashion Futures. Seus capítulos dialogam com os temas abordados pelos convidados e traz personagens com diferentes perspectivas, que ajudam a ampliar a discussão. Dirigida pelo jovem cineasta carioca Breno Moreira, a série narra a realidade de jovens que estão provocando mudanças, com transformações na indústria da moda.

A sustentabilidade faz parte do DNA da C&A

Desde 2009, a empresa vem empreendendo ações neste sentido e, em 2015, essas iniciativas foram estruturadas em três pilares de atuação: Produtos Sustentáveis, Rede de Fornecimento Sustentável e Vidas Sustentáveis, que dão forma à sua Plataforma Global de Sustentabilidade, com metas alinhadas ao negócio que vão até 2020. As iniciativas da marca estão alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, e, nos últimos cinco anos, o tema ganhou ainda mais relevância na companhia, e teve um aumento de 70% de investimento.

 

Publicidade

McDonald’s gera 14 mil vagas para jovens em 2017

Por raquelsouza em Negócios

27 de Janeiro de 2018

  Mesmo em um ano de déficit de postos de trabalho no País, companhia abriu 7 mil novas oportunidades de primeiro emprego 

Em 2018 serão 15 mil novas vagas, totalizando 65 mil até 2020

 Apesar de o país ter enfrentado um ano especialmente difícil no que se refere à geração de emprego, o McDonald’s Brasil encerra 2017 como um contraponto positivo neste cenário: foram geradas 14 mil vagas para jovens em busca do primeiro emprego. Dessas, 6,8 mil referem-se a novos postos de trabalho, o que representa quase 20 contratações por dia de pessoas entre 16 e 25 anos – a faixa etária que mais sofre com o desemprego do país. Para 2018, a expectativa é de geração de 15 mil vagas, chegando a 65 mil até 2020.

O resultado da empresa em 2017 e a expectativa para os próximos anos ganham contornos ainda mais relevantes se comparados aos últimos dados de emprego divulgados no final do ano passado. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a população desocupada do país é de 12,6 milhões de pessoas. Desse total, cerca de 30% são jovens – a maior taxa dos últimos 27 anos e o dobro da média internacional, de acordo com informações da OIT (Organização Internacional do Trabalho).

Reconhecidamente uma das maiores empregadoras de jovens do Brasil e na América Latina, a Arcos Dorados – a maior franquia independente do McDonald’s no mundo e responsável pela gestão da marca em 20 países latino-americanos – abraçou a causa do emprego juvenil e, no final do ano passado, lançou a campanha “Acreditamos nos Jovens”, que reforça o compromisso da companhia em abrir as portas para quem busca o primeiro emprego formal.

Nas redes sociais da marca, o vídeo da campanha chegou a 5 milhões de visualizações em menos de duas semanas. Os comentários postados mostram que o elo entre os jovens e a empresa está cada vez mais forte e muitos deles demonstram, inclusive, ter pretensão em trabalhar no McDonald’s.

“O McDonald’s está e sempre estará de portas abertas para o jovem. Esteja ele em busca de seu primeiro emprego ou não. Tenha ele experiência no setor ou não. Estamos dispostos a investir para desenvolvê-los e prepará-los para ocupar novas posições em nossa companhia ou para sair em busca de outras oportunidades no mercado de trabalho”, explica David Grinberg, Diretor de Comunicação Corporativa do McDonald’s.

Os números da companhia demonstram que poucas empresas poderiam levantar a bandeira do emprego juvenil com tanta legitimidade: nos mais de 900 restaurantes da marca no Brasil, 90% dos funcionários, o equivalente a 22 mil pessoas, têm entre 16 e 25 anos. Metade deles está em sua primeira experiência profissional.

Amanda Costa Xavier, 28 anos, 9 anos de empresa.

Amanda começou a trabalhar em 2008 como funcionária do McDonald’s. Com 9 meses de empresa, ela recebeu sua 1° promoção e virou assistente administrativa. Ela ressalta que foi uma das melhores experiências profissionais que teve, função que abriu seus horizontes e lhe impulsionou a fazer a faculdade de Recursos Humanos.

Depois de 1 ano na função administrativa, foi promovida a Coordenador Administrativo ( cargo que não existe mais ), após 3 meses nessa função, ela passou para gerente de plantão, cargo no qual passou 2 anos e 3 meses e demonstrou um grande amadurecimento profissional.

Quando completou 5 anos de empresa, Amanda foi promovida para gerente de assistente e logo em seguida promovida para gerente de loja. Hoje, com 9 anos de empresa, ela diz:  “Não consigo expressar com outras palavras, além de gratidão e realização por todo investimento que a empresa fez em mim e toda confiança que me foi depositada. Lidero 37 jovens, sou formada e imensamente feliz por tudo que conquistei e todas as oportunidades que tive aqui na empresa.”

Confiança no jovem

Segundo dados da pesquisa ‘Acreditamos nos Jovens’, feita pela Arcos Dorados, ao identificar as principais barreiras que encontram na hora de procurar emprego, 77% dos jovens apontam para a falta de uma experiência anterior como a principal dificuldade para conseguir trabalho formal. Falta de oportunidade (69%), falta de confiança na sua geração (68%) e dificuldade de transição do ensino médio para o mercado (58%) são as demais causas listadas pelos entrevistados.

Como parte do plano de carreira e também para incentivar o empreendedorismo entre seus colaboradores, o McDonald’s criou o programa Aperte o Play!, uma plataforma que disponibiliza cursos para seus colaboradores nas áreas de tecnologia, finanças e gastronomia, entre outros.

“Queremos incentivar que os nossos funcionários tenham autonomia para escolher qual caminho trilhar. Para nós, o que importa é que enquanto estiverem na empresa, eles tenham a melhor experiência possível. Se saírem, que tenham em sua memória afetiva a companhia que acreditou neles”, afirma Marcelo Nóbrega, diretor de Recursos Humanos da Arcos Dourados.

A primeira iniciativa do programa foi o curso ‘Talentos do Futuro em Tecnologia’, uma parceria que envolveu a Fundação JP Morgan e o Instituto de Oportunidade Social (IOS). A primeira turma, de 102 funcionários, tem formatura marcada para abril de 2018.

Sobre a Arcos Dorados

 A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo, tanto em vendas totais do sistema como em número de restaurantes. A Companhia é a maior rede de serviço rápido de alimentação da América Latina e Caribe, com direitos exclusivos de possuir, operar e conceder franquias de restaurantes McDonald’s em 20 países e territórios, incluindo Argentina, Aruba, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Curaçao, Equador, Guiana Francesa, Guadalupe, Martinica, México, Panamá, Peru, Porto Rico, St. Croix, St. Thomas, Trinidad & Tobago, Uruguai e Venezuela. A Companhia opera ou franqueia mais de 2.100 restaurantes McDonald’s com mais de 90.000 funcionários e é reconhecida como uma das melhores empresas para se trabalhar no América Latina. A Arcos Dorados está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO).  Para saber mais sobre a Companhia visite a seção de Investidores de nosso site: www.arcosdorados.com/ir

Atenciosamente,

Publicidade

McDonald’s gera 14 mil vagas para jovens em 2017

Por raquelsouza em Negócios

27 de Janeiro de 2018

  Mesmo em um ano de déficit de postos de trabalho no País, companhia abriu 7 mil novas oportunidades de primeiro emprego 

Em 2018 serão 15 mil novas vagas, totalizando 65 mil até 2020

 Apesar de o país ter enfrentado um ano especialmente difícil no que se refere à geração de emprego, o McDonald’s Brasil encerra 2017 como um contraponto positivo neste cenário: foram geradas 14 mil vagas para jovens em busca do primeiro emprego. Dessas, 6,8 mil referem-se a novos postos de trabalho, o que representa quase 20 contratações por dia de pessoas entre 16 e 25 anos – a faixa etária que mais sofre com o desemprego do país. Para 2018, a expectativa é de geração de 15 mil vagas, chegando a 65 mil até 2020.

O resultado da empresa em 2017 e a expectativa para os próximos anos ganham contornos ainda mais relevantes se comparados aos últimos dados de emprego divulgados no final do ano passado. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a população desocupada do país é de 12,6 milhões de pessoas. Desse total, cerca de 30% são jovens – a maior taxa dos últimos 27 anos e o dobro da média internacional, de acordo com informações da OIT (Organização Internacional do Trabalho).

Reconhecidamente uma das maiores empregadoras de jovens do Brasil e na América Latina, a Arcos Dorados – a maior franquia independente do McDonald’s no mundo e responsável pela gestão da marca em 20 países latino-americanos – abraçou a causa do emprego juvenil e, no final do ano passado, lançou a campanha “Acreditamos nos Jovens”, que reforça o compromisso da companhia em abrir as portas para quem busca o primeiro emprego formal.

Nas redes sociais da marca, o vídeo da campanha chegou a 5 milhões de visualizações em menos de duas semanas. Os comentários postados mostram que o elo entre os jovens e a empresa está cada vez mais forte e muitos deles demonstram, inclusive, ter pretensão em trabalhar no McDonald’s.

“O McDonald’s está e sempre estará de portas abertas para o jovem. Esteja ele em busca de seu primeiro emprego ou não. Tenha ele experiência no setor ou não. Estamos dispostos a investir para desenvolvê-los e prepará-los para ocupar novas posições em nossa companhia ou para sair em busca de outras oportunidades no mercado de trabalho”, explica David Grinberg, Diretor de Comunicação Corporativa do McDonald’s.

Os números da companhia demonstram que poucas empresas poderiam levantar a bandeira do emprego juvenil com tanta legitimidade: nos mais de 900 restaurantes da marca no Brasil, 90% dos funcionários, o equivalente a 22 mil pessoas, têm entre 16 e 25 anos. Metade deles está em sua primeira experiência profissional.

Amanda Costa Xavier, 28 anos, 9 anos de empresa.

Amanda começou a trabalhar em 2008 como funcionária do McDonald’s. Com 9 meses de empresa, ela recebeu sua 1° promoção e virou assistente administrativa. Ela ressalta que foi uma das melhores experiências profissionais que teve, função que abriu seus horizontes e lhe impulsionou a fazer a faculdade de Recursos Humanos.

Depois de 1 ano na função administrativa, foi promovida a Coordenador Administrativo ( cargo que não existe mais ), após 3 meses nessa função, ela passou para gerente de plantão, cargo no qual passou 2 anos e 3 meses e demonstrou um grande amadurecimento profissional.

Quando completou 5 anos de empresa, Amanda foi promovida para gerente de assistente e logo em seguida promovida para gerente de loja. Hoje, com 9 anos de empresa, ela diz:  “Não consigo expressar com outras palavras, além de gratidão e realização por todo investimento que a empresa fez em mim e toda confiança que me foi depositada. Lidero 37 jovens, sou formada e imensamente feliz por tudo que conquistei e todas as oportunidades que tive aqui na empresa.”

Confiança no jovem

Segundo dados da pesquisa ‘Acreditamos nos Jovens’, feita pela Arcos Dorados, ao identificar as principais barreiras que encontram na hora de procurar emprego, 77% dos jovens apontam para a falta de uma experiência anterior como a principal dificuldade para conseguir trabalho formal. Falta de oportunidade (69%), falta de confiança na sua geração (68%) e dificuldade de transição do ensino médio para o mercado (58%) são as demais causas listadas pelos entrevistados.

Como parte do plano de carreira e também para incentivar o empreendedorismo entre seus colaboradores, o McDonald’s criou o programa Aperte o Play!, uma plataforma que disponibiliza cursos para seus colaboradores nas áreas de tecnologia, finanças e gastronomia, entre outros.

“Queremos incentivar que os nossos funcionários tenham autonomia para escolher qual caminho trilhar. Para nós, o que importa é que enquanto estiverem na empresa, eles tenham a melhor experiência possível. Se saírem, que tenham em sua memória afetiva a companhia que acreditou neles”, afirma Marcelo Nóbrega, diretor de Recursos Humanos da Arcos Dourados.

A primeira iniciativa do programa foi o curso ‘Talentos do Futuro em Tecnologia’, uma parceria que envolveu a Fundação JP Morgan e o Instituto de Oportunidade Social (IOS). A primeira turma, de 102 funcionários, tem formatura marcada para abril de 2018.

Sobre a Arcos Dorados

 A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo, tanto em vendas totais do sistema como em número de restaurantes. A Companhia é a maior rede de serviço rápido de alimentação da América Latina e Caribe, com direitos exclusivos de possuir, operar e conceder franquias de restaurantes McDonald’s em 20 países e territórios, incluindo Argentina, Aruba, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Curaçao, Equador, Guiana Francesa, Guadalupe, Martinica, México, Panamá, Peru, Porto Rico, St. Croix, St. Thomas, Trinidad & Tobago, Uruguai e Venezuela. A Companhia opera ou franqueia mais de 2.100 restaurantes McDonald’s com mais de 90.000 funcionários e é reconhecida como uma das melhores empresas para se trabalhar no América Latina. A Arcos Dorados está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO).  Para saber mais sobre a Companhia visite a seção de Investidores de nosso site: www.arcosdorados.com/ir

Atenciosamente,