Warning: Use of undefined constant S3_URL - assumed 'S3_URL' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/tribu/public_html/blogs/wp-content/themes/2016_tribuna_blogs/functions.php on line 11
Eleições 2020 Archives - Blog do Wanfil 
Publicidade

Blog do Wanfil

por Wanderley Filho

Eleições 2020

PIB em queda, pandemia e as eleições no Ceará

Por Wanfil em Economia

01 de julho de 2020

O IPECE divulgou que o PIB cearense recuou 0,45% no 1º trimestre de 2020. Janeiro e fevereiro até sinalizaram com números positivos, mas em março a pandemia derrubou o índice. O fenomeno se repete por todo o país e o 2º e 3º trimestres devem ser de queda geral acentuada.

Eleições: pandemia e queda no PIB turvam cenários. Foto: TSE/divulgação. Arte: Wanfil

Numa live para a Tribuna do Ceará, ainda no começo de junho, conversei com o Diretor Geral do IPECE, João Mário de França, que apontou para esse cenário no Ceará, acrescentando que se a retomada gradual da economia fosse bem sucedida, seria possível um leve crescimento no 4º trimestre, que por coincidência, é o trimestre das eleições.

O problema é que a duração da pandemia já superou as previsões iniciais, forçando a prorrogação de iniciativas como o auxílio emergencial. Segundo o Ministério da Economia não será possível sustentar esses gastos por muito mais tempo. Governos estaduais e prefeituras então, nem se fala. Com perdas na arredação, estão em situação crítica.

Resumindo: se o dinheiro da ajuda acabar antes que a economia reaja, os efeitos da crise serão bem maiores. Acertar o timing das ações e controlar adequadamente os protocolos de retomada das atividades constituem os maiores desafios para gestores públicos.

Enquanto isso, no Congresso Nacional, tudo indica que as eleições serão adiadas do início de outubro para o meados de novembro. A pandemia armou, portanto, uma armadilha eleitoral: a intensidade da crise econômica no 4º trimestre afetará sensivelmente o eleitor, que poderá se mostrar mais esperançoso, em caso de melhora, ou mais pessimista e irritado, se tudo piorar.

Quem ganha ou quem perde eleitoralmente com isso, é impossível dizer. Vai depender em grande medida do sentimento a prevalecer: se de mudança ou de permanência. Sem esquecer que em tempos de dificuldades os radicalismos tendem a aumentar, abrindo espaço para o populismo, seja de direita ou de esquerda.

Publicidade

Senador Cid Gomes surpreende e se licencia do cargo. O que realmente aconteceu?

Por Wanfil em Eleições 2020

04 de dezembro de 2019

Senador Cid Gomes (PDT) – Agência Senado

É a pergunta que todos se fazem após o pedido de licença feito antes mesmo de Cid Gomes completar um ano no Senado, às vésperas do recesso parlamentar e em meio a votações importantes no Congresso.

Negócios particulares e reestruturação do PDT no Ceará foram as justificativas anunciadas pela imprensa. A decisão, obviamente, antecipa o processo eleitoral junto ao grupo governista, algo que não combina com o estilo – e o histórico – do próprio Cid. Fica no ar uma impressão de urgência.

Não é o caso de falar em precipitação, que isso seria coisa de amador. Pelo visto, a situação exige dedicação integral de quem realmente decide (quase escrevi “deCID”). Apesar de surpreendente, esse movimento mais radical é até compreensível se levarmos em consideração alguns fatores:

– o governo federal como adversário combativo altera o cenário na comparação com outras eleições;
– opositores articulando apoio nacional de partidos que são aliados locais;
– o ressentimento petista;
– vácuo de liderança no PDT;
– disputas internas no imenso grupo governista;
– indefinições no interior;
– o avanço do PSD na base governista estadual;
– nomes com diferentes padrinhos aspirando à sucessão de Roberto Cláudio;
– falta de candidatos competitivos entre os aliados na capital;
– pesquisas, pesquisas e pesquisas.

É claro que algo mais pode ter acontecido, mas ir além desses pontos, nesse momento, é especular além da conta. Entretanto, como em política gestos possuem significados que vão além das explicações formais, as especulações nos bastidores serão inevitáveis nos próximos dias.

Publicidade

Senador Cid Gomes surpreende e se licencia do cargo. O que realmente aconteceu?

Por Wanfil em Eleições 2020

04 de dezembro de 2019

Senador Cid Gomes (PDT) – Agência Senado

É a pergunta que todos se fazem após o pedido de licença feito antes mesmo de Cid Gomes completar um ano no Senado, às vésperas do recesso parlamentar e em meio a votações importantes no Congresso.

Negócios particulares e reestruturação do PDT no Ceará foram as justificativas anunciadas pela imprensa. A decisão, obviamente, antecipa o processo eleitoral junto ao grupo governista, algo que não combina com o estilo – e o histórico – do próprio Cid. Fica no ar uma impressão de urgência.

Não é o caso de falar em precipitação, que isso seria coisa de amador. Pelo visto, a situação exige dedicação integral de quem realmente decide (quase escrevi “deCID”). Apesar de surpreendente, esse movimento mais radical é até compreensível se levarmos em consideração alguns fatores:

– o governo federal como adversário combativo altera o cenário na comparação com outras eleições;
– opositores articulando apoio nacional de partidos que são aliados locais;
– o ressentimento petista;
– vácuo de liderança no PDT;
– disputas internas no imenso grupo governista;
– indefinições no interior;
– o avanço do PSD na base governista estadual;
– nomes com diferentes padrinhos aspirando à sucessão de Roberto Cláudio;
– falta de candidatos competitivos entre os aliados na capital;
– pesquisas, pesquisas e pesquisas.

É claro que algo mais pode ter acontecido, mas ir além desses pontos, nesse momento, é especular além da conta. Entretanto, como em política gestos possuem significados que vão além das explicações formais, as especulações nos bastidores serão inevitáveis nos próximos dias.