Porto de Iracema das Artes comemora 6 anos com shows

GRATUITO

Porto de Iracema das Artes comemora 6 anos com shows, aula de danças africanas e feira de artes

A cantora Luiza Luiza Nobel e a banda Pulso de Marte, atrações da festa, são artistas formados no Laboratório de Música da escola

Por Tribuna do Ceará em Agenda Cultural

28 de agosto de 2019 às 07:00

Há 2 meses
Aula de danças africanas ancestrais e feira de artistas cearenses também completam a programação do dia 29 (FOTO: Té Pinheiro)

Aula de danças africanas ancestrais e feira de artistas cearenses também completam a programação do dia 29 (FOTO: Té Pinheiro)

Em celebração aos seis anos de fundação, o Porto Iracema das Artes prepara, nesta quinta-feira (29), uma festa com show da cantora Luiza Nobel e da banda Pulso de Marte, artistas do Laboratório de Música da escola.

Uma aula aberta de Danças Africanas Ancestrais e uma Feirinha de Artes com trabalhos de artistas da cidade também complementam a programação, que é gratuita e tem início às 17h30, no entorno da escola.

No evento, o Porto Iracema também lançará convocatória para a Mostra Poéticas das Águas, projeto que tem por objetivo promover a sensibilização para a preservação da água. O projeto é desenvolvido em parceria com a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece).

Durante todo o mês de aniversário, a escola promoveu debates, encontros e oficinas, com o projeto “Arte Livre”.

Desde a fundação, em 2013, a escola de artes Porto Iracema vem se consolidando como impulsionador da arte cearense, sen do um espaço de descobertas e aprimoramentos das habilidades de artistas do Estado.

Para a diretora do Porto Iracema das Artes, a escola nunca foi tão necessária como agora, no Brasil contemporâneo. “Nós temos uma tarefa especial neste momento: contribuir na defesa do livre pensamento, em defesa das artes e, especialmente, em defesa da Floresta Amazônica”.

Já o presidente do Instituto Dragão do Mar (IDM), Paulo Linhares, enfatiza a importância de uma escola de formação em artes para consolidar o campo cultural do Ceará. “O Porto Iracema consolidou-se nestes seis anos num ambiente de criação e produção artística, uma escola democrática que prepara nossa juventude para os desafios do mundo contemporâneo”, explicou.

Bete Jaguaribe, diretora de formação do IDM e Porto Iracema das Artes, também acentua a importância do projeto da escola, que nestes seis anos, desenvolveu experiências de formação artística, inclusiva e democrática.

“Hoje, o Porto Iracema é especialmente um lugar do pensamento crítico, do encontro das diversidades, um lugar em que qualquer jovem pode ensaiar seus primeiros passos para o mundo das artes. Especialmente o jovem da periferia”, afirma.

Nesta quinta-feira (29), a escola comemora seis anos de fundação (FOTO: Divulgação)

Nesta quinta-feira (29), a escola comemora seis anos de fundação (FOTO: Divulgação)

Sobre a escola

O Porto Iracema das Artes é uma instituição da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, que atua sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). A escola, criada em 29 de agosto de 2013, desenvolve formações nas áreas de música, dança, artes visuais, cinema e teatro, ofertando cursos básicos e técnicos gratuitamente.

Entre 2013 e 2019, a escola realizou mais de 10 mil matrículas em 540 percursos formativos, no Programa de Formação Básica, com 21.255 horas-aula. Quatro turmas dos cursos técnicos de Dança e de Computação Gráfica foram formadas nesse período.

Ao longo das sete edições dos Laboratórios de Criação, 413 artistas passaram pela experiência e 128 projetos já foram desenvolvidos. Mais de 50 mil pessoas foram alcançadas diretamente pelas formações e eventos dos cursos básicos, técnicos e nos Laboratórios de Criação.

Publicidade

Dê sua opinião

GRATUITO

Porto de Iracema das Artes comemora 6 anos com shows, aula de danças africanas e feira de artes

A cantora Luiza Luiza Nobel e a banda Pulso de Marte, atrações da festa, são artistas formados no Laboratório de Música da escola

Por Tribuna do Ceará em Agenda Cultural

28 de agosto de 2019 às 07:00

Há 2 meses
Aula de danças africanas ancestrais e feira de artistas cearenses também completam a programação do dia 29 (FOTO: Té Pinheiro)

Aula de danças africanas ancestrais e feira de artistas cearenses também completam a programação do dia 29 (FOTO: Té Pinheiro)

Em celebração aos seis anos de fundação, o Porto Iracema das Artes prepara, nesta quinta-feira (29), uma festa com show da cantora Luiza Nobel e da banda Pulso de Marte, artistas do Laboratório de Música da escola.

Uma aula aberta de Danças Africanas Ancestrais e uma Feirinha de Artes com trabalhos de artistas da cidade também complementam a programação, que é gratuita e tem início às 17h30, no entorno da escola.

No evento, o Porto Iracema também lançará convocatória para a Mostra Poéticas das Águas, projeto que tem por objetivo promover a sensibilização para a preservação da água. O projeto é desenvolvido em parceria com a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece).

Durante todo o mês de aniversário, a escola promoveu debates, encontros e oficinas, com o projeto “Arte Livre”.

Desde a fundação, em 2013, a escola de artes Porto Iracema vem se consolidando como impulsionador da arte cearense, sen do um espaço de descobertas e aprimoramentos das habilidades de artistas do Estado.

Para a diretora do Porto Iracema das Artes, a escola nunca foi tão necessária como agora, no Brasil contemporâneo. “Nós temos uma tarefa especial neste momento: contribuir na defesa do livre pensamento, em defesa das artes e, especialmente, em defesa da Floresta Amazônica”.

Já o presidente do Instituto Dragão do Mar (IDM), Paulo Linhares, enfatiza a importância de uma escola de formação em artes para consolidar o campo cultural do Ceará. “O Porto Iracema consolidou-se nestes seis anos num ambiente de criação e produção artística, uma escola democrática que prepara nossa juventude para os desafios do mundo contemporâneo”, explicou.

Bete Jaguaribe, diretora de formação do IDM e Porto Iracema das Artes, também acentua a importância do projeto da escola, que nestes seis anos, desenvolveu experiências de formação artística, inclusiva e democrática.

“Hoje, o Porto Iracema é especialmente um lugar do pensamento crítico, do encontro das diversidades, um lugar em que qualquer jovem pode ensaiar seus primeiros passos para o mundo das artes. Especialmente o jovem da periferia”, afirma.

Nesta quinta-feira (29), a escola comemora seis anos de fundação (FOTO: Divulgação)

Nesta quinta-feira (29), a escola comemora seis anos de fundação (FOTO: Divulgação)

Sobre a escola

O Porto Iracema das Artes é uma instituição da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, que atua sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). A escola, criada em 29 de agosto de 2013, desenvolve formações nas áreas de música, dança, artes visuais, cinema e teatro, ofertando cursos básicos e técnicos gratuitamente.

Entre 2013 e 2019, a escola realizou mais de 10 mil matrículas em 540 percursos formativos, no Programa de Formação Básica, com 21.255 horas-aula. Quatro turmas dos cursos técnicos de Dança e de Computação Gráfica foram formadas nesse período.

Ao longo das sete edições dos Laboratórios de Criação, 413 artistas passaram pela experiência e 128 projetos já foram desenvolvidos. Mais de 50 mil pessoas foram alcançadas diretamente pelas formações e eventos dos cursos básicos, técnicos e nos Laboratórios de Criação.