Músico lança EP com poética inventiva e contemporânea

MATU MIRANDA

Músico lança EP com poética inventiva e contemporânea

Filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo nos anos 80, o jovem de 25 anos tem desde cedo o contato com a arte

Por Tribuna do Ceará em Música

3 de fevereiro de 2020 às 07:00

Há 3 semanas
Matu é filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo nos anos 80 (FOTO: Divulgação)

Matu é filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo (FOTO: Divulgação)

Em nova fase da carreira, Matu Miranda, artista sul-mato-grossense com raízes no Ceará, lança o seu primeiro EP, com quatro faixas autorais, masterizado e distribuído através da gravadora DeckDisc. O trabalho autoral de Matu Miranda traz uma poética inventiva e contemporânea, versos surpreendentes com composições musicais diferenciadas, carregadas de toda a bagagem adquirida pelo cantor nos últimos anos.

“As músicas desse EP são da primeira leva de composições que eu fiz na vida, então representam os meus primeiros atrevimentos nesse processo mágico/misterioso que é compor”, detalha o músico.

Filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo nos anos 80, o jovem de 25 anos tem desde cedo o contato com a arte, porém começou a se aproximar mais da música aos 17 anos.

O músico traz em seu repertório diversas referências, como grandes nomes da MPB, a música instrumental brasileira, a linguagem do improviso presente no jazz, além da música oriental. “É muita informação que assimilo desde criança e acredito que isso construiu para a minha identidade humana e musical. Acredito que ninguém cria nada. Vamos assimilando informações e canalizando ideias que se ressignificam e são traduzidas a partir da nossa linguagem e experiência pessoal”, afirma Matu.

Acompanhado dos músicos Netinho de Sá (baixo), Thiago Rocha (sax/flauta), Michael Rodrigues (bateria) e Thiago Almeida (teclados/escaleta), o cantor apresenta, além do single Cortina de ferro, as canções Conchas, Sorte e Dança gravitacional. As músicas já estão disponíveis nas plataformas digitais.

Publicidade

Dê sua opinião

MATU MIRANDA

Músico lança EP com poética inventiva e contemporânea

Filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo nos anos 80, o jovem de 25 anos tem desde cedo o contato com a arte

Por Tribuna do Ceará em Música

3 de fevereiro de 2020 às 07:00

Há 3 semanas
Matu é filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo nos anos 80 (FOTO: Divulgação)

Matu é filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo (FOTO: Divulgação)

Em nova fase da carreira, Matu Miranda, artista sul-mato-grossense com raízes no Ceará, lança o seu primeiro EP, com quatro faixas autorais, masterizado e distribuído através da gravadora DeckDisc. O trabalho autoral de Matu Miranda traz uma poética inventiva e contemporânea, versos surpreendentes com composições musicais diferenciadas, carregadas de toda a bagagem adquirida pelo cantor nos últimos anos.

“As músicas desse EP são da primeira leva de composições que eu fiz na vida, então representam os meus primeiros atrevimentos nesse processo mágico/misterioso que é compor”, detalha o músico.

Filho da atriz Daniele Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho, do Sítio do Picapau Amarelo nos anos 80, o jovem de 25 anos tem desde cedo o contato com a arte, porém começou a se aproximar mais da música aos 17 anos.

O músico traz em seu repertório diversas referências, como grandes nomes da MPB, a música instrumental brasileira, a linguagem do improviso presente no jazz, além da música oriental. “É muita informação que assimilo desde criança e acredito que isso construiu para a minha identidade humana e musical. Acredito que ninguém cria nada. Vamos assimilando informações e canalizando ideias que se ressignificam e são traduzidas a partir da nossa linguagem e experiência pessoal”, afirma Matu.

Acompanhado dos músicos Netinho de Sá (baixo), Thiago Rocha (sax/flauta), Michael Rodrigues (bateria) e Thiago Almeida (teclados/escaleta), o cantor apresenta, além do single Cortina de ferro, as canções Conchas, Sorte e Dança gravitacional. As músicas já estão disponíveis nas plataformas digitais.