Ceará

Ceará vai entrar com representação contra árbitros da partida diante do São Paulo

Ao término da partida, Enderson Moreira fez duras críticas à arbitragem

Lance polêmico aconteceu aos 14 minutos do 2º tempo. (FOTO: Reprodução/Twitter)
Lance polêmico aconteceu aos 14 minutos do 2º tempo. (FOTO: Reprodução/Twitter)

O Departamento Jurídico do Ceará Sporting Clube entrará com representação contra a equipe de arbitragem da partida diante do São Paulo, realizada no domingo (18), no Morumbi. Um pênalti em cima de Felippe Cardoso não foi marcado por Gilberto Rodrigues Castro Junior e nem sinalizado pelo VAR.

Aos 14 minutos do 2º tempo, o centroavante alvinegro recebeu passe de Thiago Galhardo e chutou tirando do goleiro Tiago Volpi, mas o arqueiro Tricolor atropelou o atleta, impossibilitando-o de prosseguir na jogada.

O lance ficou parado por um minuto para a revisão do VAR, mas a equipe interpretou que o lance foi normal, gerando revolta nos jogadores e comissão técnica do Vovô.

Ao término da partida, o técnico Enderson Moreira fez duras críticas à arbitragem. “Era uma festa, a gente não podia estragar”, disse em trecho da coletiva.

A próxima partida do Alvinegro de Porangabussu é no próximo domingo (25), contra o Flamengo, na Arena Castelão.

Tags
arbitragem Brasileirão Ceará São Paulo Série A VAR