Crato e Várzea Alegre terão festa do Réveillon de 2020 nesta quarta-feira

ANTES TARDE DO QUE NUNCA

Crato e Várzea Alegre terão festa do Réveillon de 2020 nesta quarta-feira

Devido às fortes chuvas que atingiram as cidades, as festas em comemoração ao ano novo foram adiadas para esta quarta-feira (1)

Por Tribuna do Ceará em Ceará

1 de janeiro de 2020 às 13:36

Há 2 meses
Segundo a Prefeitura de Várzea Alegre, a chuva molho o palco, equipamentos e danificou os fogos de artifício (FOTO: Reprodução/Várzea Alegre)

Segundo a Prefeitura de Várzea Alegre, a chuva molhou o palco, equipamentos e danificou os fogos de artifício (FOTO: Reprodução/Várzea Alegre)

Alguns cearenses tiveram que esperar mais um pouco para entrar em 2020. A forte chuva nas cidades de Crato e Várzea Alegre fez com que as festas de réveillon fossem adiadas.

No Crato, ela acontecerá às 16h desta quarta-feira (1°), no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti. Já em Várzea Alegre, os shows estão previstos para as 19h, no Parque Cívico São Raimundo Nonato, caso as condições climáticas sejam favoráveis.

Conforme comunicado publicado nas redes sociais, a Prefeitura do Crato informou que o adiamento da festa, que prometia ser o maior Réveillon da região do Cariri, visa a segurança de artistas e população.

“Tal medida se fez necessário devido à forte chuva que caiu na cidade do Crato durante todo o dia de hoje (terça-feira), sendo um compromisso da Gestão Municipal primar pela segurança dos artistas e da população que iria comparecer ao evento”, disse a publicação.

Também por meio de nota pública, a Prefeitura de Várzea Alegre informou que o cancelamento da festa de Réveillon e queima de fogos foi necessário devido às chuvas. “Por medida de segurança o Governo de Várzea Alegre informa o cancelamento da festa do Réveillon e do show pirotécnico da virada do ano devido à forte chuva que caiu sobre a cidade na noite desta terça-feira, 31 de dezembro de 2019”.

A nota dizia ainda que a chuva, com ventos fortes, molhou o palco e os equipamentos. Os fogos de artifícios foram danificados pela água, comprometendo assim a segurança de profissionais e da população.

Publicidade

Dê sua opinião

ANTES TARDE DO QUE NUNCA

Crato e Várzea Alegre terão festa do Réveillon de 2020 nesta quarta-feira

Devido às fortes chuvas que atingiram as cidades, as festas em comemoração ao ano novo foram adiadas para esta quarta-feira (1)

Por Tribuna do Ceará em Ceará

1 de janeiro de 2020 às 13:36

Há 2 meses
Segundo a Prefeitura de Várzea Alegre, a chuva molho o palco, equipamentos e danificou os fogos de artifício (FOTO: Reprodução/Várzea Alegre)

Segundo a Prefeitura de Várzea Alegre, a chuva molhou o palco, equipamentos e danificou os fogos de artifício (FOTO: Reprodução/Várzea Alegre)

Alguns cearenses tiveram que esperar mais um pouco para entrar em 2020. A forte chuva nas cidades de Crato e Várzea Alegre fez com que as festas de réveillon fossem adiadas.

No Crato, ela acontecerá às 16h desta quarta-feira (1°), no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti. Já em Várzea Alegre, os shows estão previstos para as 19h, no Parque Cívico São Raimundo Nonato, caso as condições climáticas sejam favoráveis.

Conforme comunicado publicado nas redes sociais, a Prefeitura do Crato informou que o adiamento da festa, que prometia ser o maior Réveillon da região do Cariri, visa a segurança de artistas e população.

“Tal medida se fez necessário devido à forte chuva que caiu na cidade do Crato durante todo o dia de hoje (terça-feira), sendo um compromisso da Gestão Municipal primar pela segurança dos artistas e da população que iria comparecer ao evento”, disse a publicação.

Também por meio de nota pública, a Prefeitura de Várzea Alegre informou que o cancelamento da festa de Réveillon e queima de fogos foi necessário devido às chuvas. “Por medida de segurança o Governo de Várzea Alegre informa o cancelamento da festa do Réveillon e do show pirotécnico da virada do ano devido à forte chuva que caiu sobre a cidade na noite desta terça-feira, 31 de dezembro de 2019”.

A nota dizia ainda que a chuva, com ventos fortes, molhou o palco e os equipamentos. Os fogos de artifícios foram danificados pela água, comprometendo assim a segurança de profissionais e da população.