Recém-nascido é encontrado coberto por formigas em matagal

SERTÃO CENTRAL

Recém-nascido é encontrado coberto por formigas e picadas de insetos em matagal

O bebê ainda estava com o cordão umbilical e também apresentava queimaduras causadas pelo sol e desnutrido

Por Tribuna do Ceará em Ceará

8 de agosto de 2019 às 16:40

Há 1 semana
Conforme a equipe médica responsável pelo atendimento, a criança passou dois dias no mato (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Conforme a equipe médica responsável pelo atendimento, a criança passou dois dias no mato (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Um recém-nascido foi encontrado abandonado em um matagal no município de Boa Viagem, no sertão central do Estado, na manhã desta quinta-feira (8). O bebê, ainda com cordão umbilical, estava desnutrido, coberto por formigas, picadas de insetos e queimaduras do sol.

Após ser acionada por populares, a polícia fez diligências no local e confirmou o fato. Os policiais também identificaram a mãe da criança, de 25 anos. Ela tem mais dois filhos e disse que, para os familiares não saberem da gravidez, deixou o bebê no local onde ele foi encontrado.

Segundo jornalistas da região, a mulher foi fria ao comentar o caso. Ela relatou que sentiu uma dor nas costas e foi surpreendida com o nascimento da criança. Para a mãe da criança, o bebê estava morto, porque ele não chorou.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que a mulher foi encaminhada para a Delegacia Municipal de Boa Viagem – da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), onde foi instaurado inquérito policial referente ao fato. Ela foi autuada em flagrante por abandono de incapaz.

A criança foi encaminhada para uma unidade de saúde local e está sob a proteção da Justiça. “O Conselho Tutelar foi comunicado e acompanha o ocorrido. Por se tratar de uma ocorrência onde a vítima é uma criança e, para preservá-la, a identidade da mulher envolvida não será divulgada”, diz a nota.

Confira a reportagem completa do Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT:

Publicidade

Dê sua opinião

SERTÃO CENTRAL

Recém-nascido é encontrado coberto por formigas e picadas de insetos em matagal

O bebê ainda estava com o cordão umbilical e também apresentava queimaduras causadas pelo sol e desnutrido

Por Tribuna do Ceará em Ceará

8 de agosto de 2019 às 16:40

Há 1 semana
Conforme a equipe médica responsável pelo atendimento, a criança passou dois dias no mato (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Conforme a equipe médica responsável pelo atendimento, a criança passou dois dias no mato (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Um recém-nascido foi encontrado abandonado em um matagal no município de Boa Viagem, no sertão central do Estado, na manhã desta quinta-feira (8). O bebê, ainda com cordão umbilical, estava desnutrido, coberto por formigas, picadas de insetos e queimaduras do sol.

Após ser acionada por populares, a polícia fez diligências no local e confirmou o fato. Os policiais também identificaram a mãe da criança, de 25 anos. Ela tem mais dois filhos e disse que, para os familiares não saberem da gravidez, deixou o bebê no local onde ele foi encontrado.

Segundo jornalistas da região, a mulher foi fria ao comentar o caso. Ela relatou que sentiu uma dor nas costas e foi surpreendida com o nascimento da criança. Para a mãe da criança, o bebê estava morto, porque ele não chorou.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que a mulher foi encaminhada para a Delegacia Municipal de Boa Viagem – da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), onde foi instaurado inquérito policial referente ao fato. Ela foi autuada em flagrante por abandono de incapaz.

A criança foi encaminhada para uma unidade de saúde local e está sob a proteção da Justiça. “O Conselho Tutelar foi comunicado e acompanha o ocorrido. Por se tratar de uma ocorrência onde a vítima é uma criança e, para preservá-la, a identidade da mulher envolvida não será divulgada”, diz a nota.

Confira a reportagem completa do Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT: