Cerca de 70% das mulheres com câncer são abandonados pelos companheiros

DESAFIOS

Cerca de 70% das mulheres com câncer são abandonados pelos companheiros

A informação foi descoberta pela escritora Camila Marciano durante a produção do livro “Um coração por casal”, que fala sobre o câncer e as consequências da doenças

Por Tribuna Bandnews FM em Cotidiano

5 de fevereiro de 2020 às 07:42

Há 4 meses
No livro, Camila fala sobre relações pessoais de mulheres que enfrentam o câncer (FOTO: Reprodução/Freepik)

No livro, Camila fala sobre relações pessoais de mulheres que enfrentam o câncer (FOTO: Reprodução/Freepik)

O câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres do Brasil e do mundo. Além dos sintomas físicos, muitas mulheres sofrem com sequelas psicológicas agravadas por falta de apoio de parceiros, amigos e até familiares. Cerca de 70% delas são abandonados pelos companheiros quando descobrem a doença.

Pensando nisso, a escritora Camila Marciano escreveu o livro “Um coração por casal”. O livro fala sobre a personagem Iracema, que foi abandonada pelo noivo após a descoberta da doença, mesmo tento 90% de chance de remissão.

Sobre o enredo do livro, Camila confessa que não tinha intenção de falar sobre a doença. “Eu não comecei esse livro pensando simplesmente no câncer. Eu fiz pensando nas relações entre as pessoas e, conforme fui conversando que tiveram a doença ou conhecidos, foi unânime que o que mais impacta na vida dessas pessoas é o apoio da família e companheiro”.

Durante o processo de produção do livro, Camila conta que era comum pacientes relatarem que seus companheiros as deixaram ou passaram ficar mais tempo fora de casa. Segundo ela, há também relatos de homens que encontraram no alcoolismo uma forma de lidar com o problema de saúde da esposa. “O abandono também tem outras formas. A falta de apoio vai além da não-presença”, destacou.

A obra foi lançado no Dia dos Namorados para a conscientização da importância do companheirismo. O perfil das mulheres que a escritora teve contato para a produção do livro variou, mas a questão do abandono independe da condição financeira dos casais, conforme ela.

Confira a entrevista completa de Nonato Albuquerque, da Tribuna BandNews FM:

 

Publicidade

Dê sua opinião

DESAFIOS

Cerca de 70% das mulheres com câncer são abandonados pelos companheiros

A informação foi descoberta pela escritora Camila Marciano durante a produção do livro “Um coração por casal”, que fala sobre o câncer e as consequências da doenças

Por Tribuna Bandnews FM em Cotidiano

5 de fevereiro de 2020 às 07:42

Há 4 meses
No livro, Camila fala sobre relações pessoais de mulheres que enfrentam o câncer (FOTO: Reprodução/Freepik)

No livro, Camila fala sobre relações pessoais de mulheres que enfrentam o câncer (FOTO: Reprodução/Freepik)

O câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres do Brasil e do mundo. Além dos sintomas físicos, muitas mulheres sofrem com sequelas psicológicas agravadas por falta de apoio de parceiros, amigos e até familiares. Cerca de 70% delas são abandonados pelos companheiros quando descobrem a doença.

Pensando nisso, a escritora Camila Marciano escreveu o livro “Um coração por casal”. O livro fala sobre a personagem Iracema, que foi abandonada pelo noivo após a descoberta da doença, mesmo tento 90% de chance de remissão.

Sobre o enredo do livro, Camila confessa que não tinha intenção de falar sobre a doença. “Eu não comecei esse livro pensando simplesmente no câncer. Eu fiz pensando nas relações entre as pessoas e, conforme fui conversando que tiveram a doença ou conhecidos, foi unânime que o que mais impacta na vida dessas pessoas é o apoio da família e companheiro”.

Durante o processo de produção do livro, Camila conta que era comum pacientes relatarem que seus companheiros as deixaram ou passaram ficar mais tempo fora de casa. Segundo ela, há também relatos de homens que encontraram no alcoolismo uma forma de lidar com o problema de saúde da esposa. “O abandono também tem outras formas. A falta de apoio vai além da não-presença”, destacou.

A obra foi lançado no Dia dos Namorados para a conscientização da importância do companheirismo. O perfil das mulheres que a escritora teve contato para a produção do livro variou, mas a questão do abandono independe da condição financeira dos casais, conforme ela.

Confira a entrevista completa de Nonato Albuquerque, da Tribuna BandNews FM: