Copa do Mundo: internautas revendem ingressos por até 1.000% a mais que valor original


Copa do Mundo: internautas revendem ingressos por até 1.000% a mais que valor original

Em grupos de redes sociais, internautas cobram valores exorbitantes para jogo das quartas de final, entre Brasil e Colômbia

Por Hayanne Narlla em Cotidiano

2 de julho de 2014 às 08:56

Há 6 anos
Internautas oferecem Iphone 5 em troca de ingresso (FOTO: Daniel Salgueiro Melo)

Internautas oferecem Iphone 5 em troca de ingresso (FOTO: Daniel Salgueiro Melo)

Quem deixou a compra dos ingressos para última hora amarga a espera de disponibilidade das entradas no site oficial da Fifa ou apela por outros caminhos. É o caso da advogada Rana Pimenta, que esperou a classificação da Seleção Brasileira nas quartas de final para ir atrás de um “ticket”. O Brasil enfrenta a Colômbia na sexta-feira (4), na Arena Castelão, em Fortaleza.

“Queria muito ir ao jogo, porque nunca mais vou ter oportunidade de ver o Brasil jogando na Copa do Mundo”. Rana sabia que ia passar sufoco para comprar os ingressos, mas não imaginou que iria ser tão difícil. Ao pesquisar os preços de vendas nas redes sociais, tomou um susto. “Os valores são muito caros, na média de R$ 3 mil no Facebook. E ainda corre o risco de ser falsificado”.

Em grupos da rede social, internautas revendem ingressos por 1.000% a mais que o valor cobrado pela Fifa. Na categoria 4, por exemplo, o preço original do ticket é de R$ 170, mas há pessoas cobrando cerca de R$ 2 mil.

Vania Santos Oliveira é assistente financeira e sonha em ir para o tal jogo do Brasil contra a Colômbia. “Estou desesperada”. Em busca do desejado ingresso, ela acessa inúmeras vezes o site da Fifa, mas revela que é muito difícil conseguir uma entrada. Mesmo assim, está fechada para outras possibilidades, pois considera os preços abusivos.

“As pessoas que têm ingresso e não querem ir ao jogo estão vendendo com valor muito alto. É mais de R$ 1 mil fácil. Eu sei que a pessoa pode ganhar um valor a mais, porque eu estou indo atrás e ele tem, mas acho que extrapola. As pessoas querem ganhar demais. Teve gente que comprou ingresso por R$ 30 na primeira fase e vendeu por R$ 1.200. Pior é quem faz isso com amigo”.

Em meio às vendas via internet, os cambistas agem pessoalmente pela ruas de Fortaleza. É fácil encontrar pessoas vendendo ingressos na Avenida Beira-Mar ou próximo ao Centro de Eventos. Apesar da proibição da Fifa, sai ganhando quem consegue uma boa quantia na hora de vender o esgotado “ticket”.

Confira a galeria

Venda de ingressos
1/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
2/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
3/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
4/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
5/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
6/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
7/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
8/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
9/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
10/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
11/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Publicidade

Dê sua opinião

Copa do Mundo: internautas revendem ingressos por até 1.000% a mais que valor original

Em grupos de redes sociais, internautas cobram valores exorbitantes para jogo das quartas de final, entre Brasil e Colômbia

Por Hayanne Narlla em Cotidiano

2 de julho de 2014 às 08:56

Há 6 anos
Internautas oferecem Iphone 5 em troca de ingresso (FOTO: Daniel Salgueiro Melo)

Internautas oferecem Iphone 5 em troca de ingresso (FOTO: Daniel Salgueiro Melo)

Quem deixou a compra dos ingressos para última hora amarga a espera de disponibilidade das entradas no site oficial da Fifa ou apela por outros caminhos. É o caso da advogada Rana Pimenta, que esperou a classificação da Seleção Brasileira nas quartas de final para ir atrás de um “ticket”. O Brasil enfrenta a Colômbia na sexta-feira (4), na Arena Castelão, em Fortaleza.

“Queria muito ir ao jogo, porque nunca mais vou ter oportunidade de ver o Brasil jogando na Copa do Mundo”. Rana sabia que ia passar sufoco para comprar os ingressos, mas não imaginou que iria ser tão difícil. Ao pesquisar os preços de vendas nas redes sociais, tomou um susto. “Os valores são muito caros, na média de R$ 3 mil no Facebook. E ainda corre o risco de ser falsificado”.

Em grupos da rede social, internautas revendem ingressos por 1.000% a mais que o valor cobrado pela Fifa. Na categoria 4, por exemplo, o preço original do ticket é de R$ 170, mas há pessoas cobrando cerca de R$ 2 mil.

Vania Santos Oliveira é assistente financeira e sonha em ir para o tal jogo do Brasil contra a Colômbia. “Estou desesperada”. Em busca do desejado ingresso, ela acessa inúmeras vezes o site da Fifa, mas revela que é muito difícil conseguir uma entrada. Mesmo assim, está fechada para outras possibilidades, pois considera os preços abusivos.

“As pessoas que têm ingresso e não querem ir ao jogo estão vendendo com valor muito alto. É mais de R$ 1 mil fácil. Eu sei que a pessoa pode ganhar um valor a mais, porque eu estou indo atrás e ele tem, mas acho que extrapola. As pessoas querem ganhar demais. Teve gente que comprou ingresso por R$ 30 na primeira fase e vendeu por R$ 1.200. Pior é quem faz isso com amigo”.

Em meio às vendas via internet, os cambistas agem pessoalmente pela ruas de Fortaleza. É fácil encontrar pessoas vendendo ingressos na Avenida Beira-Mar ou próximo ao Centro de Eventos. Apesar da proibição da Fifa, sai ganhando quem consegue uma boa quantia na hora de vender o esgotado “ticket”.

Confira a galeria

Venda de ingressos
1/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
2/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
3/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
4/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
5/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
6/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
7/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
8/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
9/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
10/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)

Venda de ingressos
11/11

Venda de ingressos

Internautas vendem ingressos com valores bem mais altos, enquanto outros oferecem aparelhos eletrônicos (FOTO: Reprodução Facebook)